Bastidores do 1 a 0 colorado na Ilha do Retiro

O Clube do Povo abriu o returno do Brasileirão com vitória fora de casa. Na Ilha do Retiro, Patrick marcou para garantir o 1 a 0 colorado, que levou o Inter aos 26 pontos e ampliou a sequência invicta do time de Aguirre para seis jogos. Confira os Bastidores do confronto:

Inter abre returno com vitória de 1 a 0 em cima do Sport

Com gol de Patrick logo aos três minutos, o Inter superou o Sport, na noite desta segunda-feira (13/09), pelo placar de 1 a 0. A vitória, conquistada na Ilha do Retiro, leva o Clube do Povo aos 26 pontos, e deixa o time de Aguirre na nona colocação. No próximo domingo (19/09), o Colorado recebe o Fortaleza, às 11h, pela 21ª rodada do Brasileirão.


Trio de ataque funciona

O Inter foi a campo com novidades. Sem Dourado, Aguirre devolveu Edenilson para a segunda função do meio de campo e colocou Caio Vidal na ponta-direita. Patrick seguiu na esquerda, e Yuri permaneceu no comando de ataque. Com esse desenho, o trio ofensivo funcionou logo aos três, quando Caio acionou Yuri. Na área rival, o camisa 11 serviu nosso Pantera, que abriu o placar para o Clube do Povo na Ilha do Retiro.

O Sport armou forte pressão nos minutos que sucederam o tento de Patrick. A falta de eficiência, porém, abreviou o sonho do empate, tornando o Leão, desiludido, menos agressivo em campo, ofensivamente restrito a explorar o pivô dos centroavantes Mikael e André. Também a dupla foi incapaz de igualar o marcador, que seguiu em 1 a 0 para o Inter até o início do intervalo.


Sport pressiona, Inter segura

A agressividade que faltou ao time da casa na etapa inicial se fez presente no segundo tempo. Dos vestiários, o Sport regressou com a entrada de Paulinho Moccelin no lugar de Sabino, desfazendo o esquema com três zagueiros e adicionando força ao ataque, que passou a incomodar o Internacional. Ainda mais ofensivo na reta final do confronto, quando Thiago Neves, Everaldo e Tréllez foram alçados a campo, o Leão, de fato, criou suas chances, mas esbarrou seguidas vezes em Daniel, além de parar na trave, e seguiu zerado no marcador.

Quem balançou as redes no segundo tempo foi Yuri Alberto, mas em lance anulado por impedimento do avante colorado. Com espaço para os contra-ataques, o Inter também assustou com Guerrero, interrompido por milagre de Mailson, e uma vez mais Yuri, que mandou pela linha de fundo chance importante. Felizmente, as oportunidades não fizeram falta, e o Clube do Povo chegou ao seu sexto jogo de invencibilidade no Nacional.


Primeiro tempo

3min – GOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOL! É GOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOL! É DO IIINTER! É DO PANTEEEEEEERA! É GOL, É GOL, É GOL, É GOOOOOOOOOOOOOL! QUE INÍCIO COLORADO! Caio recebe com espaço pela intermediária direita de ataque e estica jogo até Yuri. Dentro da área, o camisa 11 cruza rasteiro, na medida para Patrick. Debaixo das traves, o Pantera completa sem a menor dificuldade para abrir a conta.

O gol de Edenilson na narração da Rádio Colorada

6min – Hayner escapa pela direita e cruza aberto. Na pequena área, pela esquerda, Sander solta o canhotaço. Por cima, assustou!

8min – Mikael faz o pivô na área colorada e finaliza. Tiro de meta para Daniel.

15min – UH! Edenilson serve Mauricio, que recebe na entrelinha adversária, avança até a altura da meia-lua e finaliza rasteiro. Mailson encaixa.

20min – TAPA DE SELEÇÃO! Edenilson percebe Saravia com espaço para atacar a direita da área rubro-negra e serve o lateral, que finaliza mascado. Mailson encaixa.

27min – Moisés recebe na intermediária esquerda de ataque e finaliza cruzado. A bola cruza a extensão da área e sai em tiro de meta.

28min – Sander caça Caio Vidal e é advertido com amarelo.

32min – QUE TRAMA! Moisés vai ao fundo pela esquerda e cruza rasteiro. Patrick domina, faz a embaixadinha e aciona Yuri, que finaliza de primeira. Mailson encaixa.

41min – André escapa pela ponta direita e cruza fechado. A bola toma curva, explode no travessão e sai em tiro de meta para o Inter.

45min – Mais dois. Vamos a 47!

46min – DANIEEEEEL! Everton Felipe cobra escanteio pela direita, a bola espirra na primeira trave e toma o endereço da pequena área colorada. Antes de Thyere, goleiro do Inter corta de soco.

47min – Primeiro tempo encerrado. Inter defende vitória parcial!


Segundo tempo

0min – Time da casa volta com mudança. Sabino sai, Moccelin vem.

0min – Guerrero representa a novidade colorada. Caio deixa o campo.

8min – Everton Felipe percebe Mikael com liberdade e lança de três dedos. Camisa 99 rival finaliza, mas sem direção.

12min – Hayner amarelado por falta em Mauricio.

14min – Mais um na conta. André puxa Moisés e recebe o amarelo.

15min – André deixa o campo. Entra Thiago Neves.

16min – Yuri recebe o amarelo. Detalhe: ele sequer tocou no adversário. Saiu no grito.

16min – Neves deixa para Moccelin, que cruza rasteiro. Na pequena área, Cuesta corta o perigo.

17min – Sander escapa pela esquerda e cruza forte. A bola passa na frente de Daniel e chega com perigo na segunda trave, mas Mikael falha em desviar.

18min – Mauricio dá lugar a Johnny.

20min – POR CENTÍMETRO! Cuesta cobra falta em velocidade, como manda a jogada ensaiada do elenco colorado. Yuri recebe, invade a área rival em velocidade e manda para as redes, mas é flagrado em impedimento.

25min – Everaldo entra no Sport. Everton Felipe deixa o campo.

28min – MILAAAAAAAAAGRE! Yuri arma contra-ataque em altíssima velocidade. Na direita da intermediária ofensiva, o camisa 11 percebe Guerrero invadindo a área livre e serve o peruano, que finaliza colocado. Mailson salva.

29min – DANIEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEL! Mikael, na segunda trave, sobe mais do que a zaga colorada e desvia para baixo. Goleiro do Inter espalma, tirando a bola praticamente de dentro do gol, e salva o Clube do Povo.

31min – MAIIIIIILSON! Jogo fica lá e cá. Guerrero aciona Patrick nas costas da zaga, o Pantera avança pela esquerda e chuta cruzado. Goleiro defende, dá rebote, e retoma a posse.

33min – Zé Welison sai, Tréllez entra.

34min – Johnny entorta Hayner e serve Patrick. Na esquerda da grande área, ele domina e busca Guerrero, que finaliza de carrinho, mas travado pela zaga. Canto bola!

35min – UUUUUH! De pé em pé, o Inter chega. Lindoso serve Yuri, que abre ângulo no domínio e bate cruzado. A bola faz menos curva do que o esperado e sai em tiro de meta.

36min – Hayner cruza da direita da área colorada. Tréllez finaliza de primeira e a bola explode no poste.

37min – Heitor é chamado por Aguirre. Yuri sai.

38min – Marcão recebe o amarelo por impedir contra-ataque armado por Bruno Méndez.

45min – Vamos a 50.

47min – MILAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAGRE! DANIEL, DANIEL, DANIEEEEEL! Tréllez, na segunda trave, recebe cruzamento rasteiro e finaliza. Goleiro colorado sai muito bem do gol e defende.

50min – Fim de papo! Inter vence em Recife!


Ficha técnica:

Sport (0): Mailson; Hayner, Sabino (Moccelin), Rafael Thyere, Chico e Sander; Marcão, Zé Welison (Tréllez) e Everton Felipe (Everaldo); Mikael e André (Thiago Neves). Técnico: Gustavo Florentín.

Internacional (1): Daniel; Saravia, Bruno Méndez, Cuesta e Moisés; Caio Vidal (Guerrero), Edenilson, Rodrigo Lindoso e Patrick; Mauricio (Johnny) e Yuri Alberto (Heitor). Técnico: Diego Aguirre.

Gol: Patrick, aos 3’/1ºT (I).

Cartões amarelos: Sander, Marcão, Hayner e André (S). Yuri Alberto (I).

Arbitragem: André Luiz de Freitas Castro, auxiliado por Nailton de Sousa Oliveira e Rafael Trombeta. Quarto árbitro: Rodrigo Pereira de Lima. VAR: Marcio Henrique de Gois.

Estádio: Ilha do Retiro-PE.

Sub-18 vence na abertura da segunda fase do Brasileirão

Gurias seguem 100% no Brasileirão Feminino/Foto: Adriano Fontes/CBF

As Gurias Coloradas abriram em grande estilo a segunda fase do Brasileirão Sub-18. O confronto diante do Flamengo, disputado a partir das 15h30 desta segunda-feira (16/08), contou com gol de Carol Gil para o Clube do Povo, que, com a vitória de 1 a 0, segue 100% no Nacional da categoria. Na próxima quarta-feira (18/08), no mesmo horário, o Inter enfrenta o Santos, também no CT de Sorocaba.

Gurias criaram boas chances no primeiro tempo/Foto: Adriano Fontes/CBF

Bastante truncado e com poucas chances para os dois lados, o primeiro tempo viu o Inter levar maior perigo nas escapadas que construiu. Aos 20 minutos, Duda Flores ficou com a sobra de confusão na área carioca e, de primeira, chutou forte para defesa da goleira rubro-negra. Pouco depois, Loirão serviu Carol Gil, que finalizou abafada pela arqueira, e quase desempatou.

Reiniciado o duelo, o Flamengo armou seu momento de maior pressão no embate. Para azar das cariocas, as Gurias Coloradas contam com a segurança de uma goleira de Seleção, que provou seu valor com milagre cinematográfico após chute de Pimenta. Violento, o arremate foi espalmado por Gabi Barbieri para escanteio.

Gabi Barbieri festeja com companheiras de time/Foto: Adriano Fontes/CBF

Campeãs do Nacional em 2019 e vice na temporada passada, as Gurias Sub-18 são reconhecidas pela qualidade técnica que exibem em cada campeonato. Em partida marcada pelo duelo físico, porém, as atletas do Clube do Povo também souberam se impor contra as rivais. Aos 20 do segundo tempo, Carol Gil apertou a saída de bola rubro-negra e, diante da hesitação da goleira adversária, decidiu pressionar o chute. Resultado? Bola espirrada na avante colorada e endereçada às redes cariocas.

Vitória deixa Inter com grandes chances de avançar de fase/Foto: Adriano Fontes/CBF

O gol de Carol Gil garantiu três pontos importantíssimos para as Gurias Coloradas. Disputada em dois quadrangulares, a segunda fase do Brasileirão Feminino Sub-18 conta com apenas três partidas. Superadas estas, as duas equipes de melhor campanha em cada grupo avançarão para as semis. No momento, o Inter é vice em sua chave, empatado em pontos com o líder Corinthians.

Quarta-feira tem mais!/Foto: Adriano Fontes/CBF

Ficha técnica:

Internacional: Gabi Barbieri; Livia, Mari Barbieri, Duda Flores e Liriel; Kamila (Ju Romanelli), Ket, Teté (Berchon), Maju e Carol Gil (Milene); Loirão (Gabi Bortolon). Técnico: Fábio Sanhudo.

Gol: Carol Gil, aos 20’/2ºT (I).

Arbitragem: Matheus Delgado Candançan, auxiliado por Veridiana Contiliani Bisco e Leandro Matos Feitosa. Quarta árbitra: Bruna Serra Oliveira.

Estádio: CT do Sorocaba 1-SP.

Bastidores da vitória em cima do Juventude

O Clube do Povo superou o Juventude, no último domingo (18/07), pela 12ª rodada do Brasileirão. Thiago Galhardo, no início do segundo tempo, marcou o gol da vitória colorada no Beira-Rio. Confira os bastidores da partida:

Pós-jogo: repercussão da vitória colorada no Beira-Rio

O Inter venceu o Juventude, na noite deste domingo (18/07), pelo placar de 1 a 0. O resultado, conquistado no Beira-Rio, encerra jejum indigesto do Clube do Povo, que ainda não havia vencido como mandante neste Brasileirão. Após o jogo, Diego Aguirre, técnico colorado, concedeu entrevista coletiva. Confira as principais aspas:

“Hoje, era fundamental a vitória. Depois de vários jogos sem vencer em casa, tínhamos que recuperar. Era um jogo perigoso, porque a gente tinha jogado quinta-feira no Paraguai, pela Libertadores, o que, às vezes, tira o foco, pois são jogos muito difíceis. Mas gostei da resposta do time, foi boa. Sinto que se entregaram, lutaram. Perdemos situações, poderíamos ter matado o jogo. Estou feliz por voltar a vencer.”

Diego Aguirre

“Somos o Inter, um time grande, e temos que pensar em coisas importantes. A ideia é brigar a cada jogo e buscar vitórias para ficar nos primeiros lugares. Temos que seguir jogo a jogo, não podemos pensar muito à frente. Precisamos pensar já no jogo de quinta. Temos um bom plantel, muitos bons jogadores, e confio que vamos ter coisas boas daqui para a frente.”

Diego Aguirre

Quem também falou depois do jogo foi Heitor. Dono da assistência para o gol de Thiago Galhardo, o lateral-direito destacou a importância da vitória deste domingo, além de projetar a jornada da próxima quinta-feira (22/07), quando o Inter vai a campo pela Libertadores, e comentar a jogada do tento do Clube do Povo. Assista:

Inter vence o Juventude no Beira-Rio

Vence o Inter! O Clube do Povo superou o Juventude por 1 a 0 na noite deste domingo (18/07), pela 12ª rodada do Brasileirão, no Beira-Rio. Thiago Galhardo marcou o gol da vitória colorada, resultado que leva o time de Diego Aguirre aos 14 pontos na tabela nacional.

+ Confira as entrevistas pós-jogo

+ Assista aos bastidores da partida

Pelo Brasileirão, o Clube do Povo volta a campo no próximo domingo (25/07), às 18h15, quando visita o Athletico-PR pela 13ª rodada. Antes, o Colorado recebe o Olimpia, nesta quinta-feira (22/07), para a disputa do jogo de volta das oitavas de final da Libertadores.


Inter assusta primeiro, Juventude ataca depois

O Colorado controlou as ações nos primeiros 20 minutos de partida. Atuando com todos os nomes de linha no campo ofensivo, o time de Aguirre rodava a bola de um lado a outro e apostava na inteligência de Taison e Edenilson para acionar a profundidade dos velozes Paulo Victor e Caio Vidal, que causavam problemas na defesa alviverde.

O bom momento valeu ao Clube do Povo oportunidades perigosas, que esbarraram em atuação segura de Marcelo Carné. Atingida a segunda dezena de minutos do confronto, contudo, o Juventude cresceu no jogo, acumulou maior posse de bola e passou a assustar em contra-ataques armados, especialmente, por Paulinho.

A melhor chance alviverde até balançou as redes do Inter, mas de maneira irregular, pois Forster usou a mão para completar cobrança fechada de escanteio em direção às redes. Nas cercanias do intervalo, o Colorado armou novas tramas envolventes, igualmente incapazes de alterar o escore, que seguiu zerado até o fim dos acréscimos.


Gol cedo, jogo controlado

O Clube do Povo retornou dos vestiários com novidades. Palacios e Mauricio substituíram Caio e Patrick, renovando o fôlego do Colorado, que assim apertou a equipe visitante no reinício do confronto. O momento de maior volume ofensivo valeu ao Inter lindo gol de Galhardo, que recebeu cruzamento açucarado de Heitor, aos cinco, para abrir o placar.

O Inter seguiu no ataque após o gol de Galhardo, e quase ampliou com Taison, aos 10, servido por Thiagol. Consistente, o Colorado segurou a posse de bola e manteve o Juventude afastado do campo ofensivo. O controle alvirrubro irritou o Papo, que teve Guilherme Castilho expulso, mas não impediu que a vitória de 1 a 0 fosse confirmada. Pela primeira vez neste Brasileirão, o Clube do Povo venceu como mandante!


Primeiro tempo

3min – Vítor Mendes solta o braço em Caio Vidal e recebe o amarelo.

5min – UUUUUUUUUH! Galhardo faz excelente pivô para Taison, que invade a área pela esquerda e finaliza rasteiro. Inter chega com perigo no início de confronto!

10min – UH! Inter recupera a posse no campo de ataque. Ela chega até Edenilson, que chuta forte, da entrada da área, por cima.

11min – Inter segue em cima. À direita da área alviverde, Edenilson levanta na primeira trave. Galhardo consegue o desvio, mas manda ao lado da meta rival.

14min – CARNÉ! Patrick recebe de Caio e percebe Edenilson com espaço para invadir a área rival. Pantera, de três dedos, faz o passe, mas Carné deixa o gol para ficar com ela.

17min – PRA FOOOOOOOOOORA! Paulo Victor escapa pela esquerda, corta Castilho e deixa para Taison. Capitão colorado invade a área e finaliza de direita. Tiro de meta para Carné, que levou um susto.

19min – MILAAAAAAAAAAAAAAAAGRE! Galhardo briga com a zaga no corpo e, de cabeça, serve Taison. Camisa 10 invade a área e, cara a cara com Carné, arrisca de canhota. Goleiro salva o Juventude.

21min – Paulinho invade a área colorada pela esquerda e finaliza de parte externa do pé. Daniel encaixa.

25min – Paulo Victor amarelado. Cometeu falta em Michel.

30min – Arbitragem inventa toque de mão de Edenilson, inexistente. O camisa oito reclama e é advertido com amarelo. Pedro Henrique, pelo mesmo motivo, também recebe o cartão.

34min – Guilhermo Castilho marcaria gol olímpico, mas Rafael Forster, praticamente debaixo das traves, usa a mão para confirmar o endereço da bola. Inicialmente validado, o tento é anulado pelo VAR.

41min – CARNÉ! Pela esquerda da grande área, Edenilson cobra falta fechada. Goleiro alviverde espalma.

42min – Caio recebe o amarelo por falta em Wescley.

45min – Mais cinco. Vamos a 50.

45min – PRA FOOOOOOOOOOORA! Patrick levanta pela esquerda, na medida para Galhardo. Thiago ajeita para Edenilson, que finaliza de primeira. Desviada, ela sai tirando tinta.

49min – Inter roda de um lado para o outro. Cuesta, da intermediária de ataque, cruza aberto. Caio finaliza, mas não pega em cheio. Tiro de meta para o Juventude.

49min – Sorriso entra, Elton sai. Muda o Juventude.

51min – Encerrado o primeiro tempo.


Segundo tempo

0min – Inter retorna com duas mudanças. Mauricio e Palacios entram, Patrick e Caio saem.

5min – GOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOL! É GOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOL! GOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOLAAAAAAÇO! Heitor recebe de Carlos Palacios, vai ao fundo pela direita e cruza na primeira trave. Em meio aos dois zagueiros alviverdes, Galhardo acerta lindo testaço, indefensável para Carné. Inter na frente, e Thiagol é o pai da criança!

O gol do Inter na narração da Rádio Colorada

10min – MILAAAAAAAAAAAAAAGRE! Edenilson arma linda trama, com direto a lençol no marcador, e lança Galhardo. Thiagol, com a canhota, ajeita para Taison, que chega emendando bonito cabeceio. Carné, de mão trocada, salva o Juventude.

13min – Cuesta recebe o amarelo por reclamação.

16min – Novas duas mudanças no Inter. Yuri e Moisés entram, Taison e Paulo Victor saem.

20min – Fernando Pacheco e Jadson são as novidades no Juventude. Matheus Jesus e Paulinho deixam o campo.

23min – QUE JOGADA! Edenilson toca para Mauricio, recebe do camisa 27, aciona Galhardo e, após pivô do centroavante, solta a bomba de perna direita. Carné salva o Juventude mais uma vez.

24min – Sorriso, de canhota, finaliza de fora da área. A bola desvia em Lindoso, resvala na ponta dos dedos de Daniel, e sai em escanteio.

27min – COOOOOOOOORTA A ZAGA! Palacios, pela intermediária direita de ataque, levanta na segunda trave. Lindoso escora para a confusão, ela passa de Carné, mas Forster, em cima da linha, corta.

30min – Johnny por Edenilson. Troca o Inter.

33min – Castilho agride Palacios sem a bola, VAR alerta o árbitro e o atleta é punido com cartão vermelho. Marquinhos Santos e Carné reclamam e recebem o amarelo.

35min – Muda o Juventude: Chico e Capixaba por Wescley e Peixoto.

37min – UUUUUUH! Moisés, de muito longe, cobra falta venenosa. Folha-seca do lateral colorado tira tinta!

45min – Vamos a 52. Mais sete.

47min – Mauricio escapa em altíssima velocidade desde a altura do meio de campo, abre ângulo para a perna canhota e finaliza rasteiro. Carné encaixa.

52min – FIM DE JOGO! VITÓRIA COLORADA!


Ficha técnica:

Internacional (1): Daniel; Heitor, Bruno Méndez, Victor Cuesta e Paulo Victor (Moisés); Rodrigo Lindoso, Edenilson (Johnny) e Taison (Yuri Alberto); Caio Vidal (Carlos Palacios), Thiago Galhardo e Patrick (Mauricio). Técnico: Diego Aguirre.

Juventude (0): Marcelo Carné; Michel Macedo, Vítor Mendes, Rafael Forster e William Matheus; Elton (Sorriso), Matheus Jesus (Jadson), Guilherme Castilho e Wescley (Capixaba); Paulinho (Fernando Pacheco) e Matheus Peixoto (Chico Kim). Técnico: Marquinhos Santos.

Gol: Thiago Galhardo, aos 5’/1ºT (I).

Cartões amarelos: Paulo Victor, Edenilson, Caio Vidal e Pedro Henrique (I). Marcelo Carné, Paulinho, Wescley, Vítor Mendes e Marquinhos Santos (J).

Cartão vermelho: Guilherme Castilho e Marquinhos Santos (J).

Arbitragem: Rodolpho Toski Marques (PR), auxiliado por Ivan Carlos Bohn (PR) e Sidmar dos Santos Meurer (PR). Quarto árbitro: Rafael Rodrigo Klein (RS). Árbitro de Vídeo (VAR): Pablo Ramon Gonçalves Pinheiro (RN). Auxiliar do VAR: Flávio Gomes Barroca (RN).

Estádio: Beira-Rio.

Pós-jogo | “Isso é Inter: vamos demonstrar força e raça até o final”, destaca Johnny

O Clube do Povo visitou o Bahia, na noite deste domingo (13/06), e conquistou sua primeira vitória no Brasileirão 2021. Edenilson, de pênalti, marcou o único gol do triunfo, repercutido em entrevista coletiva de Osmar Loss. Confira as principais aspas do técnico interino colorado!

“O vestiário, hoje, é um vestiário de jogadores que se sacrificaram, que se doaram, que estão de parabéns pela sua disciplina tática, pela sua dedicação e pelo seu compromisso com a camisa do Internacional. Estão conscientes que a gente precisa dar passos importantes em rumo da evolução, mas satisfeitos com o rendimento e a entrega de todos.”

Osmar Loss

“A dedicação dos jogadores, o compromisso com a disciplina tática, as trocas que a gente conseguiu para energizar os setores do campo que estavam frágeis; foram decisivos. Mesmo com um a menos, as melhores oportunidades de gol foram nossas. Ou seja, é um time que, mesmo sabendo se defender bem, não deixou de contra-atacar com bastante eficiência.”

Osmar Loss

Os minutos seguintes ao apito final também contaram com aspas do elenco colorado. Primeiro atleta a falar, o meio-campista Johnny, titular pela terceira vez nas últimas quatro partidas, destacou a luta do Clube do Povo, que garantiu os três pontos mesmo após atuar quase todo o segundo tempo com um jogador a menos. Assista!

“Isso é Inter.

A gente vai demonstrar força e raça

até o final do Campeonato.”

Johnny

Coube a Victor Cuesta encerrar as aspas concedidas ainda na orla do campo de Pituaçu. O zagueiro argentino, que também reforçou o positivo impacto anímico da vitória conquistada em Salvador, destacou a sequência de jogos que aguarda o Inter pelo Brasileirão. Veja!

“Precisávamos reverter a fase,

e começamos por hoje, com uma

vitória importante”

Victor Cuesta

Com gol de Edenilson, Inter vence em Pituaçu

Vence o Clube do Povo! Pela terceira rodada do Brasileirão, o Colorado superou o Bahia, na noite deste domingo (13/06), por 1 a 0. Edenilson marcou o gol da partida, disputada a partir das 20h30 no Estádio de Pituaçu.

+ Confira as entrevistas pós-jogo;

Dono de quatro pontos no Brasileirão 2021, o Clube do Povo volta a campo na próxima quarta-feira (16/06). O adversário, pela quarta rodada nacional, será o Atlético-MG. A partida ocorre no Beira-Rio, a partir das 19h.


Atuação competitiva

O Inter controlou a posse de bola ao longo do primeiro tempo, que presenciou enorme disposição dos atletas colorados. Encaixado defensivamente e forte pelos lados do campo, o Clube do Povo ainda soube ser cirúrgico para converter a melhor oportunidade criada no confronto.

Lançado nas costas da marcação, Edenilson só não driblou Matheus Teixeira e entrou com bola e tudo pois foi derrubado pelo goleiro. Convertido com a tradicional categoria pelo camisa oito colorado, o pênalti, somado a milagre de Daniel, operado nos acréscimos, garantiu ao Inter importante vitória de 1 a 0 até a chegada do intervalo.


Vitória na raça

O Colorado retornou com força do intervalo, pressionando, especialmente, pelo corredor esquerdo, intensamente desbravado por Leo Borges. Logo aos sete, porém, Lucas Ribeiro foi expulso, e o Inter precisou encarar mais de 40 minutos em inferioridade numérica dentro de campo. Foi então que a vibração, já intensa na etapa inicial, virou protagonista até o último apito.

Com muita aplicação tática, os comandados de Osmar Loss encurralaram o Bahia, que pouco conseguiu criar afora cruzamentos despretensiosos e arremates de longa distância. Determinado, o Inter também armou bons escapes, especialmente em contra-ataques puxados por Taison, mas defendidos por Matheus Teixeira. Assim, o placar seguiu inalterado até o último apito, garantindo a primeira vitória colorada no Brasileirão!


Primeiro tempo

2min – Passa por todo mundo! Lucas Ribeiro inverte boa bola para Leo Borges, que domina na grande área baiana, pela esquerda, e cruza aberto. Forte demais, ela sai em tiro de meta para os donos da casa.

11min – COM AÇÚCAR! Cuesta, da altura do meio de campo, percebe Galhardo escapando nas costas da zaga tricolor e serve lindo passe em profundidade. Camisa 17 sairia cara a cara com Matheus Teixeira, mas é antecipado por Juninho, que consegue desarme providencial.

20min – HEITOR! Rossi escapa pela direita de ataque do Bahia e cruza rasteiro. Gilberto tenta o desvio de letra, mas apenas resvala, e a bola é cortada pelo lateral colorado. Na sequência, arbitragem paralisa o lance indicando tiro de meta para o Clube do Povo.

28min – É PÊÊÊÊÊÊÊÊÊNAAAAAAAAALTI! PÊÊÊÊÊÊÊNALTI PARA O CLUBE DO POVO! Taison oferece assistência maravilhosa para Edenilson, que sai cara a cara com Matheus Teixeira e tenta o drible, mas é atropelado pelo goleiro. Penalidade é percebida pelo árbitro, que ainda apresenta amarelo para o infrator. Grande chance para o Colorado!

30min – É EDENILSON NA BOLA? É GOOOOOL! É GOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOL! EDENILSOOOOOOON! GOL, GOL, GOL, GOOOOL! É GOL DO INTERNACIONAAL, É DO COLORADO, É DA ALEGRIA DOS NOSSOS CORAÇÕES! Matheus Teixeira até acertou o canto, caindo para a esquerda, mas não teve chance de defesa. No ângulo, precisa, a bola morre nas redes tricolores, inaugurando o escore de Pituaçu!

O gol de Edenilson na narração da Rádio Colorada

37min – Bem, Daniel! Rodriguinho cobra escanteio fechado pela esquerda, e goleiro colorado, de soco, afasta o perigo pela linha de fundo.

39min – Renan Guedes solta o braço em Patrick. Amarelado.

43min – Heitor, pela direita da intermediária de ataque, tenta cruzamento na segunda trave. Matheus Teixeira deixa o gol e impede a assistência do lateral colorado.

44min – Dado Cavalcanti recebe amarelo por reclamação.

45min – Mais quatro. Vamos a 49.

47min – SAAAAAAAAALVA, DANIEL! QUE DEFESA! Rodriguinho serve linda assistência para Gilberto, que aparece livre nas costas da zaga colorada. Cara a cara com o goleiro do Inter, o atacante finaliza forte, mas não supera o punho de Daniel, que opera um milagre. Na sequência do lance, cabeceio de Rossi também é parado com boa defesa do arqueiro vermelho!

49min – Intervalo em Pituaçu!


Segundo tempo

1min – Yuri Alberto amarelado por falta em Matheus Bahia.

2min – Agora, Matheus Bahia é quem recebe o amarelo. Solou Heitor com força.

3min – SAAAALVA, JUNINHO! Leo Borges, pela esquerda, corta para a perna direita e cruza com veneno. Galhardo e Edenilson apareciam livres na marca penal, mas são antecipados pelo zagueiro tricolor.

5min – TIIIIIIIRA, CONTI! Leo Borges recebe de Edenilson, invade a área baiana pela esquerda e cruza rasteiro. Antes de Galhardo, zagueiro manda pela linha de fundo.

6min – Lucas Ribeiro recebe o vermelho após troca de empurrões com Rossi na área do Bahia.

9min – Muda o Inter. Zé Gabriel é a novidade, alçado a campo no lugar de Galhardo.

11min – Galdezani, Juninho Capixaba e Thonny Anderson entram no Bahia. Patrick de Lucca, Matheus Bahia e Thaciano saem.

14min – MILAAAAAAAAAAAAAGRE! Yuri Alberto aciona Heitor pela direita, e o lateral colorado não titubeia diante de dois marcadores. Com força, a cria do Celeiro supera a dupla e, dentro da área, solta chute forte, rasteiro, que Matheus Teixeira desvia com o pé. Escanteio para o Inter!

15min – UH! Edenilson levanta na segunda trave, onde aparece Zé Gabriel. Camisa 35 desvia com muita força, mandando por cima.

18min – Conti salva mais uma! Leo Borges intercepta a saída de jogo baiana e percebe grande espaço pela frente. Lateral-esquerdo desbrava o vazio em velocidade, invade a área e cruza rasteiro. Zagueiro argentino afasta.

20min – Daniel! Rodriguinho, pela intermediária direita de ataque, arrisca chute rasteiro. Sem força, ela morre nos braços do goleiro vermelho.

21min – PRA FOOOOOOOOOORA! Edenilson desarma Galdezani e, na altura da meia-lua da grande área, ajeita para a direita e manda colocado. A bola sai com enorme perigo.

22min – SAAAAAAAAAALVA, TEIXEIRA! Taison, que pifada! Camisa 10 serve Yuri, que invade a área pela direita e, cara a cara com o goleiro, solta a bomba. Milagre do arqueiro manda a bola em escanteio.

23min – Taison recebe amarelo por falta no corredor esquerdo de defesa.

24min – MAIS UUUUUMA! Taison e Edenilson tabelam no campo de defesa e escapam da pressão do Bahia. O camisa 10 dispara em altíssima velocidade, recorta o campo até a intermediária ofensiva e serve Yuri, que não consegue o domínio. A bola corre demais e o arremate é abafado por Matheus Teixeira.

24min – Rodrigo Lindoso e Caio Vidal são novidades no Inter. Heitor e Yuri deixam o campo.

25min – Rodriguinho deixa o campo para a entrada de Óscar Ruiz. Bahia mudou.

34min – Leo Borges acerta Rossi e recebe o amarelo.

35min – JOHNNYYYYYY! Bahia tenta cobrança ensaiada, por baixo. Volante colorado rasga o perigo com preciso carrinho.

38min – Maycon Douglas por Rossi. Quinta troca do Bahia.

42min – Taison deixa o campo para a entrada de Mauricio.

45min – Mais seis. Vamos a 51.

46min – Thonny Anderson acerta Johnny sem bola, e é punido com amarelo.

51min – FIM DE JOGO! INTER VENCE EM SALVADOR!


Ficha técnica:

Bahia (0): Matheus Teixeira; Renan Guedes, Germán Conti, Juninho e Matheus Bahia (Juninho Capixaba); Patrick de Lucca (Matheus Galdezani), Daniel e Thaciano (Thonny Anderson); Rossi (Maycon Douglas), Gilberto e Rodriguinho (Óscar Ruiz). Técnico: Dado Cavalcanti.

Internacional (1): Daniel; Heitor (Rodrigo Lindoso), Lucas Ribeiro, Victor Cuesta e Leo Borges; Johnny, Edenilson, Taison (Mauricio) e Patrick; Thiago Galhardo (Zé Gabriel) e Yuri Alberto (Caio Vidal). Técnico: Osmar Loss.

Gol: Edenilson, aos 30’/1ºT (I).

Cartões amarelos: Matheus Teixeira, Dado Cavalcanti, Thonny Anderson, Matheus Bahia e Renan Guedes (B). Yuri Alberto, Taison e Leo Borges (I).

Cartão vermelho: Lucas Ribeiro (I).

Arbitragem: Wagner do Nascimento Magalhães (RJ), auxiliado por Michael Correia (RJ) e Daniel do Espírito Santo Parro (RJ). Quarto árbitro: Edvalter Marinho dos Santos (BA). Árbitro de Vídeo (VAR): Márcio Henrique de Gois (SP). Auxiliar do VAR: Cleriston Clay Barreto Rios (SE).

Estádio: Pituaçu, situado em Salvador (BA).

Os bastidores da vantagem conquistada no Barradão

O Inter largou em vantagem na terceira fase da Copa do Brasil! Com gol de Thiago Galhardo, o Clube do Povo superou o Vitória-BA, na última quinta-feira (03/06), pelo placar de 1 a 0, gol de Thiago Galhardo. Confira os bastidores do triunfo conquistado no Barradão:

Inter larga em vantagem na Copa do Brasil

O Clube do Povo estreou com vitória na Copa do Brasil! Pela terceira fase da competição, o Inter superou o Vitória, no Barradão, pelo placar de 1 a 0, gol de Thiago Galhardo. O resultado permite que o Colorado jogue pelo empate na próxima quinta-feira (10/06), quando recebe o Leão da Barra, a partir das 21h30, no Beira-Rio.

Antes do duelo diante do Vitória, o Inter volta a campo no próximo domingo (06/06), pelo Brasileirão. No Castelão, os comandados de Miguel Ángel Ramírez enfrentam o Fortaleza, a partir das 16h, em busca da primeira vitória no Nacional de pontos corridos.

+ Confira as entrevistas pós-jogo


Jogo corrido

Com o objetivo de tirar vantagem do fator local, o Vitória pressionou o Inter nos primeiros movimentos de partida. Os seguidos cruzamentos rubro-negros, porém, não superaram a defesa colorada, bem postada para evitar maiores problemas.

Com o correr do tempo, o Clube do Povo assumiu o controle da posse de bola. Usando da força das duplas Moisés e Patrick, pela esquerda, além de Caio e Saravia, pela direita, o Inter construiu incursões perigosas pelos corredores, sempre acionados por Taison, principal construtor da noite.

A melhor chance do Inter saiu dos pés de Edenilson. Servido por Patrick, o camisa oito teve espaço na altura da marca do pênalti para soltar o canhotaço. Forte, a finalização saiu por cima. De sua parte, o Vitória assustou com Guilherme, que aos 34 exigiu grande defesa do goleiro Daniel.


De tanto martelar, Inter marca

O Colorado seguiu martelando no segundo tempo, reiniciado com novidade na formação rubro-negra. Mais fechado, o Vitória voltou a campo com o volante João Pedro no lugar do meia Soares, tratando de encaixotar as movimentações do meio de campo alvirrubro. Persistente, o placar em branco motivou o técnico Miguel Ángel a realizar mudanças na casa do minuto 15.

Simultaneamente, Boschilia, depois de quase oito meses tratando lesão, Galhardo e Mauricio foram alçados a campo. Passados apenas 12 minutos, Thiagol sofreu pênalti de Wallace, irregularidade que o próprio camisa 17 converteu. Gol, único da noite, responsável pela vantagem colorada no duelo eliminatório!


Melhores momentos – primeiro tempo

2min – LUCAS! Vitória tenta armar pressão nos primeiros movimentos. Guilherme, pela direita da grande área, cruza fechado. Na pequena área, camisa 14 colorado afasta.

5min – Daniel! Samuel faz o pivô para Guilherme, que solta o canhotaço. Goleiro colorado espalma, mas o lance é paralisado por impedimento do nove rubro-negro.

12min – LINDA TABELA! Taison rouba a bola no campo de ataque, tabela com Patrick e serve Yuri. O camisa 11 faz o pivô com Edenilson, recebe dentro da área e tenta de direita. Ronaldo encaixa.

20min – COOOOOOOORTA A ZAGA! Inter pressiona, primeiro com cruzamento de Moisés pela esquerda. A bola é cortada pela defesa e volta até Taison, que estica com Edenilson. Ele cruza, e a zaga afasta novamente.

27min – UUUH! Caio recebe de Saravia, aposta na individualidade, supera Pedrinho e cruza rasteiro. O lateral-esquerdo rival até desvia na bola, que cai próxima ao travessão. Canto!

29min – Roberto entra no lugar de Pedrinho, lesionado. Troca no Vitória.

30min – Taison recebe o amarelo por reclamação.

32min – Guilherme Santos levanta Patrick e recebe o cartão.

34min – DA-NI-EL! Guilherme manda uma bomba pela direita de ataque. Goleiro colorado voa para espalmar.

38min – POR CIIIIIIIIIIIIIIIIIIIMA! Yuri Alberto bloqueia troca de passes da defesa rival. Taison fica com ela e estica com Patrick, que invade a área pela esquerda e cruza rasteiro. Edenilson, na altura do pênalti, recebe com espaço e manda de primeira. Forte demais, sai por cima.

42min – Amarelou! Taison dispara em velocidade, mas é puxado por Soares. Cartão apresentado.

45min – Mais três. Vamos a 48.

48min – Intervalo no Barradão.


Segundo tempo

0min – Vitória retorna com novidades. Catatau entra, Guilherme sai, e João Pedro vem, Soares vai.

5min – MILAAAAAAAAAAAAGRE! Yuri ganha briga pelo alto com a zaga e ajeita para Taison. Camisa 10 percebe movimentação de Caio e coloca em profundidade para o camisa 47, que chuta de canhota na saída de Ronaldo. Com o pé, goleiro opera um milagre.

12min – WAAAAALLACE! Taison serve Saravia, dentro da área. O lateral cruza com endereço, mas zagueiro consegue o bloqueio.

14min – Cedric vem, Neto vai. Mais uma alteração no Vitória.

15min – Três trocas no Inter. Yuri, Patrick e Edenilson saem para as entradas de Thiago Galhardo, Boschilia e Mauricio.

20min – TIRA, RAUL! Saravia cruza da direita com força. Na segunda trave, Moisés infiltrava em velocidade, mas Raul Prata consegue afastar.

25min – Vitória completa a última mudança. Samuel Granada no lugar de Samuel.

26min – PÊÊÊÊÊÊÊÊNALTI PARA O INTER! É PÊÊÊÊÊNALTI! Após lançamento espirrado, Thiago Galhardo luta com Wallace pela bola. Na área rubro-negra, ele é agarrado pelo zagueiro, e o árbitro percebe.

27min – GOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOL! É GOOOOOOOOOOOOOL! É GOOOOOOOOOOOL! GALHARDO, GALHARDO, GALHARGOOOOOOL! É O IIIIIIIIIINTER! VAMO, COLORADO! VAMO, CLUBE DO POVO! Galhardo cobra no meio, Ronaldo até desvia, mas não tira a bola do caminho das redes rubro-negras. Inter na frente!

O gol de Galhardo na narração da Rádio Colorada

28min – Muda o Inter! Caio sai, Lucas Ramos entra.

32min – Raul Prata cobra escanteio da direita, Bispo sobe e cabeceia. Ela sai em tiro de meta para Daniel.

34min – NO TRAVESSÃÃÃÃÃÃÃÃÃÃÃO! Taison recebe de Lucas Ramos, costura pelo centro e solta o tiro rasteiro. A bola desvia no pé de Wallace, toma altura, mata Ronaldo, mas explode no poste superior.

36min – Taison deixa o campo. Vem Mazetti.

41min – UUUUH! Boschilia tem espaço pela esquerda da intermediária de ataque e manda uma bomba. Ronaldo encaixa.

45min – Vamos a 49. Mais quatro.

48min – PRA FOOOOOOOOOOORA! Mazetti serve grande assistência para Galhardo, que corta o marcador e enfia até Boschilia. Na direita da grande área, ele domina para fora e solta o chute rasteiro. Na rede, de fora!

49min – PARTIDA ENCERRADA!


Ficha técnica:

Vitória (0): Ronaldo; Raul Prata, Marcelo Alves, Wallace e Pedrinho (Roberto); Gabriel Bispo, Fernando Neto (Cedric), David, Soares (João Pedro) e Guilherme (Ygor Catatau); Samuel (Samuel Granada). Técnico: Rodrigo Chagas.

Internacional (1): Daniel; Renzo Saravia, Lucas Ribeiro, Victor Cuesta e Moisés; Johnny e Edenilson (Mauricio); Caio Vidal (Lucas Ramos), Taison (Lucas Mazetti) e Patrick (Gabriel Boschilia); Yuri Alberto (Thiago Galhardo). Técnico: Miguel Ángel Ramírez.

Gol: Thiago Galhardo, aos 27’/2ºT (I).

Cartões amarelos: Guilherme e Soares (V). Taison (I).

Arbitragem: Marcelo de Lima Henrique (RJ), auxiliado por Eduardo Gonçalves da Cruz (MS) e Márcia Bezerra Lopes Caetano (RO). Quarto árbitro: Edvalter Marinho dos Santos (BA).

Estádio: Manoel Barradas (Barradão), situado em Salvador (BA).