Bastidores do 1 a 0 colorado na Ilha do Retiro

O Clube do Povo abriu o returno do Brasileirão com vitória fora de casa. Na Ilha do Retiro, Patrick marcou para garantir o 1 a 0 colorado, que levou o Inter aos 26 pontos e ampliou a sequência invicta do time de Aguirre para seis jogos. Confira os Bastidores do confronto:

Pós-jogo: colorados repercutem vitória na Ilha do Retiro

Por 1 a 0, o Clube do Povo superou o Sport, fora de casa, nesta segunda-feira (13/09). Após o jogo, o técnico Diego Aguirre concedeu entrevista coletiva para a imprensa, onde analisou a vitória colorada, que consagra sequência de seis jogos de invencibilidade do time, além de alçar o Inter à nona colocação nacional. Confira as principais aspas:

“Acho que não fizemos um bom jogo, mas nosso objetivo hoje era ganhar. Ganhar ou ganhar, e priorizamos a vitória. Obviamente, gostaria que o time tivesse jogado melhor, mas o Inter foi competitivo, brigou, lutou. Para mim, sempre tem coisas a melhorar, mas também outras boas, para seguir afirmando.”

Aguirre

“São seis jogos sem perder, outra vitória fora de casa, contra um adversário que ninguém ganhou fácil aqui. É uma das melhores defesas do Campeonato. Então, me sinto bem com a vitória, mas com coisas a melhorar, e vamos trabalhar bastante para mudar o que não foi bom.”

Aguirre

Ainda no gramado da Ilha do Retiro, os atletas Saravia e Rodrigo Lindoso falaram de maneira exclusiva com as redes sociais do Inter. Primeira a falar, o lateral-direito comemorou seu retorno após período afastado por lesão, além de destacar a importância da vitória em um jogo tão disputado. Na sequência, o meio-campista compartilhou suas impressões a respeito do confronto, além de descrever o lance do gol de Patrick, originado de um desarme seu. Assista:

“Um jogo muito difícil, muito quente, intenso.

Levamos os três pontos que viemos buscar.

Muito feliz, emocionado de

voltar a vestir essa camiseta.”

Saravia

“Foi um gol bem coletivo.

De oportunismo tanto da minha parte

quanto do Patrick.

A equipe se empenhou,

tudo em prol do Inter,

para sair vitorioso.”

Lindoso

Inter abre returno com vitória de 1 a 0 em cima do Sport

Com gol de Patrick logo aos três minutos, o Inter superou o Sport, na noite desta segunda-feira (13/09), pelo placar de 1 a 0. A vitória, conquistada na Ilha do Retiro, leva o Clube do Povo aos 26 pontos, e deixa o time de Aguirre na nona colocação. No próximo domingo (19/09), o Colorado recebe o Fortaleza, às 11h, pela 21ª rodada do Brasileirão.


Trio de ataque funciona

O Inter foi a campo com novidades. Sem Dourado, Aguirre devolveu Edenilson para a segunda função do meio de campo e colocou Caio Vidal na ponta-direita. Patrick seguiu na esquerda, e Yuri permaneceu no comando de ataque. Com esse desenho, o trio ofensivo funcionou logo aos três, quando Caio acionou Yuri. Na área rival, o camisa 11 serviu nosso Pantera, que abriu o placar para o Clube do Povo na Ilha do Retiro.

O Sport armou forte pressão nos minutos que sucederam o tento de Patrick. A falta de eficiência, porém, abreviou o sonho do empate, tornando o Leão, desiludido, menos agressivo em campo, ofensivamente restrito a explorar o pivô dos centroavantes Mikael e André. Também a dupla foi incapaz de igualar o marcador, que seguiu em 1 a 0 para o Inter até o início do intervalo.


Sport pressiona, Inter segura

A agressividade que faltou ao time da casa na etapa inicial se fez presente no segundo tempo. Dos vestiários, o Sport regressou com a entrada de Paulinho Moccelin no lugar de Sabino, desfazendo o esquema com três zagueiros e adicionando força ao ataque, que passou a incomodar o Internacional. Ainda mais ofensivo na reta final do confronto, quando Thiago Neves, Everaldo e Tréllez foram alçados a campo, o Leão, de fato, criou suas chances, mas esbarrou seguidas vezes em Daniel, além de parar na trave, e seguiu zerado no marcador.

Quem balançou as redes no segundo tempo foi Yuri Alberto, mas em lance anulado por impedimento do avante colorado. Com espaço para os contra-ataques, o Inter também assustou com Guerrero, interrompido por milagre de Mailson, e uma vez mais Yuri, que mandou pela linha de fundo chance importante. Felizmente, as oportunidades não fizeram falta, e o Clube do Povo chegou ao seu sexto jogo de invencibilidade no Nacional.


Primeiro tempo

3min – GOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOL! É GOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOL! É DO IIINTER! É DO PANTEEEEEEERA! É GOL, É GOL, É GOL, É GOOOOOOOOOOOOOL! QUE INÍCIO COLORADO! Caio recebe com espaço pela intermediária direita de ataque e estica jogo até Yuri. Dentro da área, o camisa 11 cruza rasteiro, na medida para Patrick. Debaixo das traves, o Pantera completa sem a menor dificuldade para abrir a conta.

O gol de Edenilson na narração da Rádio Colorada

6min – Hayner escapa pela direita e cruza aberto. Na pequena área, pela esquerda, Sander solta o canhotaço. Por cima, assustou!

8min – Mikael faz o pivô na área colorada e finaliza. Tiro de meta para Daniel.

15min – UH! Edenilson serve Mauricio, que recebe na entrelinha adversária, avança até a altura da meia-lua e finaliza rasteiro. Mailson encaixa.

20min – TAPA DE SELEÇÃO! Edenilson percebe Saravia com espaço para atacar a direita da área rubro-negra e serve o lateral, que finaliza mascado. Mailson encaixa.

27min – Moisés recebe na intermediária esquerda de ataque e finaliza cruzado. A bola cruza a extensão da área e sai em tiro de meta.

28min – Sander caça Caio Vidal e é advertido com amarelo.

32min – QUE TRAMA! Moisés vai ao fundo pela esquerda e cruza rasteiro. Patrick domina, faz a embaixadinha e aciona Yuri, que finaliza de primeira. Mailson encaixa.

41min – André escapa pela ponta direita e cruza fechado. A bola toma curva, explode no travessão e sai em tiro de meta para o Inter.

45min – Mais dois. Vamos a 47!

46min – DANIEEEEEL! Everton Felipe cobra escanteio pela direita, a bola espirra na primeira trave e toma o endereço da pequena área colorada. Antes de Thyere, goleiro do Inter corta de soco.

47min – Primeiro tempo encerrado. Inter defende vitória parcial!


Segundo tempo

0min – Time da casa volta com mudança. Sabino sai, Moccelin vem.

0min – Guerrero representa a novidade colorada. Caio deixa o campo.

8min – Everton Felipe percebe Mikael com liberdade e lança de três dedos. Camisa 99 rival finaliza, mas sem direção.

12min – Hayner amarelado por falta em Mauricio.

14min – Mais um na conta. André puxa Moisés e recebe o amarelo.

15min – André deixa o campo. Entra Thiago Neves.

16min – Yuri recebe o amarelo. Detalhe: ele sequer tocou no adversário. Saiu no grito.

16min – Neves deixa para Moccelin, que cruza rasteiro. Na pequena área, Cuesta corta o perigo.

17min – Sander escapa pela esquerda e cruza forte. A bola passa na frente de Daniel e chega com perigo na segunda trave, mas Mikael falha em desviar.

18min – Mauricio dá lugar a Johnny.

20min – POR CENTÍMETRO! Cuesta cobra falta em velocidade, como manda a jogada ensaiada do elenco colorado. Yuri recebe, invade a área rival em velocidade e manda para as redes, mas é flagrado em impedimento.

25min – Everaldo entra no Sport. Everton Felipe deixa o campo.

28min – MILAAAAAAAAAGRE! Yuri arma contra-ataque em altíssima velocidade. Na direita da intermediária ofensiva, o camisa 11 percebe Guerrero invadindo a área livre e serve o peruano, que finaliza colocado. Mailson salva.

29min – DANIEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEL! Mikael, na segunda trave, sobe mais do que a zaga colorada e desvia para baixo. Goleiro do Inter espalma, tirando a bola praticamente de dentro do gol, e salva o Clube do Povo.

31min – MAIIIIIILSON! Jogo fica lá e cá. Guerrero aciona Patrick nas costas da zaga, o Pantera avança pela esquerda e chuta cruzado. Goleiro defende, dá rebote, e retoma a posse.

33min – Zé Welison sai, Tréllez entra.

34min – Johnny entorta Hayner e serve Patrick. Na esquerda da grande área, ele domina e busca Guerrero, que finaliza de carrinho, mas travado pela zaga. Canto bola!

35min – UUUUUH! De pé em pé, o Inter chega. Lindoso serve Yuri, que abre ângulo no domínio e bate cruzado. A bola faz menos curva do que o esperado e sai em tiro de meta.

36min – Hayner cruza da direita da área colorada. Tréllez finaliza de primeira e a bola explode no poste.

37min – Heitor é chamado por Aguirre. Yuri sai.

38min – Marcão recebe o amarelo por impedir contra-ataque armado por Bruno Méndez.

45min – Vamos a 50.

47min – MILAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAGRE! DANIEL, DANIEL, DANIEEEEEL! Tréllez, na segunda trave, recebe cruzamento rasteiro e finaliza. Goleiro colorado sai muito bem do gol e defende.

50min – Fim de papo! Inter vence em Recife!


Ficha técnica:

Sport (0): Mailson; Hayner, Sabino (Moccelin), Rafael Thyere, Chico e Sander; Marcão, Zé Welison (Tréllez) e Everton Felipe (Everaldo); Mikael e André (Thiago Neves). Técnico: Gustavo Florentín.

Internacional (1): Daniel; Saravia, Bruno Méndez, Cuesta e Moisés; Caio Vidal (Guerrero), Edenilson, Rodrigo Lindoso e Patrick; Mauricio (Johnny) e Yuri Alberto (Heitor). Técnico: Diego Aguirre.

Gol: Patrick, aos 3’/1ºT (I).

Cartões amarelos: Sander, Marcão, Hayner e André (S). Yuri Alberto (I).

Arbitragem: André Luiz de Freitas Castro, auxiliado por Nailton de Sousa Oliveira e Rafael Trombeta. Quarto árbitro: Rodrigo Pereira de Lima. VAR: Marcio Henrique de Gois.

Estádio: Ilha do Retiro-PE.

Fotos: Sport x Inter – 20ª rodada/Brasileirão 2021

Colorado visita o Leão na Ilha do Retiro. Confira as imagens do confronto:

Raio-X: Colorado visita o Sport na abertura do segundo turno

Segunda-feira de duelo na Ilha para o Clube do Povo/Foto: Ricardo Duarte

De volta aos gramados! Sem atuar desde o mês passado, o Clube do Povo retoma a disputa do Brasileirão nesta segunda-feira (13/09), a partir das 20h, diante do Sport. Na Ilha do Retiro, o Inter disputa a 20ª rodada do Brasileirão, primeira do returno, que foi analisada pela Rádio Colorada em entrevista com Antônio Gabriel, setorista rubro-negro pelo Escrete de Ouro da Rádio Jornal, de Pernambuco. Confira o papo e, na sequência, fique por dentro de tudo sobre o duelo!

Sport Club Internacional · Raio-X #49 | Sport x Internacional | 13/09/2021

Transmissão 📻

Ao vivo a partir das 18h30 desta segunda-feira, a Rádio Colorada transmitirá o duelo entre Clube do Povo e Leão da Ilha com a jornada mais vermelha do mundo do futebol. Confira a programação da emissora oficial do Internacional:

Segunda-feira (13/09)Plataforma
0hProgramação musicalInternet e App do Inter
18h30Raio-XInternet e App do Inter
19hPortões AbertosInternet e App do Inter
20hJornada EsportivaInternet e App do Inter
22hVestiário VermelhoInternet e App do Inter
23hProgramação musicalInternet e App do Inter
Torça com a emissora que mais acompanha o Inter!/Foto: João Callegari

Enriquecido por imagens dos principais lances do jogo, o minuto a minuto das redes sociais do Inter (@scinternacional no TwitterInstagram Facebook) acompanhará as emoções do duelo. Com imagens, Premiere e SporTV anunciam transmissão.


Vamo, Inter! 💪

Aguirre teve período importante para trabalhar com a equipe/Foto: Ricardo Duarte

Sem ir a campo desde o último dia 29 de agosto, quando empatou sem gols com o Atlético-GO, o Clube do Povo contou com raro período de preparação para a partida desta segunda-feira. Fruto da convocação de Edenilson para a Seleção Brasileira, a parada no calendário colorado foi intensamente aproveitada pela comissão técnica de Diego Aguirre, como revelou Daniel em entrevista concedida para o Canal do Inter nesta semana de véspera do confronto.

“Uma semana boa, a gente precisava desses treinamentos, precisava dessa semana para descansar e trabalhar, melhorar a parte física e a técnica. Segunda-feira temos um jogo importante. O time do Sport precisa vencer para sair da zona, e a gente precisa vencer para chegar em G4.”

Daniel

Nem só de treinos viveu o Inter nas últimas duas semanas. Anunciados no dia seguinte ao duelo de Goiânia, o zagueiro Kaíque Rocha e o atacante Gustavo Maia reforçam o Colorado neste returno de Brasileirão. Oriunda do futebol europeu, a dupla já tem situação regularizada no BID, e participou normalmente das atividades preparativas à retomada do calendário.

Com o correr dos dias, outras novidades, mas internas, também encorparam a preparação colorada. Recuperado de lesão, Saravia foi o primeiro a retornar, acompanhado, já na quinta-feira passada (09/09), por Paolo Guerrero. Convocado para a rodada tripla das Eliminatórias da Copa do Mundo, o peruano, suspenso, não pôde enfrentar o Brasil na última das três partidas. Por isso, voltou ao Beira-Rio antes do previsto, e, uma vez em Porto Alegre, conversou de maneira exclusiva com as mídias do Inter.

“Estive com a minha Seleção, tivemos bons resultados. Infelizmente, esse último não, quando não tive a oportunidade de participar. Contra o Brasil, né. Era para ter jogado esse, seria muito importante, mas não pude por estar suspenso. Agora, de volta com o time, com o grupo, estamos nos preparando para o jogo de segunda-feira, que será muito importante. Precisamos, urgentemente, dos três pontos.”

Guerrero

O último acréscimo chegou na manhã deste domingo (12/09). Após viajar a São Paulo na tarde de sábado (11/09), o Clube do Povo encerrou a preparação para o duelo contra o Sport já na capital paulista, de onde embarcou para Recife. As atividades realizadas no CT do Palmeiras contaram com a presença de Edenilson, que estreou com as cores do Brasil na última quinta, quando atuou por 11 minutos na vitória de 2 a 0 da Canarinho sobre o Peru. Responsável por encerrar a semana de declarações do elenco ao Canal do Inter, o meio-campista repercutiu seu período com a equipe de Tite.

“Uma experiência única. Estou muito feliz de ter participado desses três jogos (que, na verdade, foram dois). Feliz de desfrutar, de conhecer novos companheiros, ídolos que só acompanhava de fora. Trabalhar com eles foi um privilégio enorme, e tenho certeza que vivi a experiência da melhor maneira possível. Aprendi e tentei me dedicar no dia a dia para aproveitar.”

Edenilson

Artilheiro do Brasileirão com oito gols marcados, SuperEd é uma das esperanças do Inter na luta pela vitória em Recife. O Clube do Povo chega à Ilha do Retiro na 12ª colocação. A seis pontos do Corinthians, primeira equipe do G6, o time de Aguirre está invicto há cinco partidas, e busca abrir o returno com triunfo que o aproxime da metade de cima da tabela. Afinal, é no topo que a camisa colorada merece estar, como destacou Edenilson.

“Será um jogo difícil. A gente sabe que jogar lá é sempre complicado, contra uma equipe que perdeu bastante jogos na Ilha, mas todos por pouco resultado. Se defendem bem, e sabemos que precisamos melhorar nossa posição na tabela. A gente sabe que não está no lugar que a camisa do Inter pede, precisamos estar lá em cima, disputando. Vamos focados, com todo respeito à equipe do Sport, para buscar os três pontos.”

Edenilson

Com Edenilson, Guerrero, Saravia e companhia, Aguirre azeitou os últimos detalhes do time que irá a campo na Ilha a partir de atividades de finalização, bola parada e táticas. Contra o Sport, o Inter estará desfalcado de Dourado e Palacios, suspensos, ao passo que Rodrigo Lindoso retorna após ficar ausente na rodada passada. Lesionados, Mercado e Taison completam as baixas do lado alvirrubro.

De São Paulo, grupo partiu para Recife/Foto: Ricardo Duarte

Arbitragem 👨‍⚖️

O goiano André Luiz de Freitas Castro apita, auxiliado pelo conterrâneo Nailton de Sousa Oliveira e por Rafael Trombeta, do Paraná. Quarto árbitro: Rodrigo Pereira de Lima, de Pernambuco. VAR: Marcio Henrique de Gois, de São Paulo.


Rival 🆚

Rival luta para fugir do Z4/Foto: DVG/Sport

O duelo com o Inter marcará a estreia de Gustavo Florentín na casamata da Ilha do Retiro. Contratado para o lugar de Umberto Louzer, o paraguaio é o terceiro técnico do Sport nesta temporada, e chega ao clube com a responsabilidade de revolucionar uma campanha que encerrou o primeiro turno na antepenúltima colocação, com a segunda defesa menos vazada, mas dona do pior ataque.

“O Sport tem o pior ataque, e só fez dois gols na Ilha do Retiro. Umberto Louzer não conseguiu resolver esse problema, mas deu a consistência defensiva. Assim, o Florentín chegou para resolver o ataque. No primeiro jogo com ele, deu para ver pouca coisa, não dá para bater o martelo, mas se percebeu um time muito mais vertical e objetivo. No geral, é um time difícil de tomar gols, mas, também, difícil de marcar.”

Antônio Gabriel
Atuação rubro-negra foi elogiada na rodada passada/Foto: DVG/Sport

Diferente do Inter, o Sport foi a campo no último final de semana. Primeiro jogo disputado sob o comando de Florentín, o empate sem gols com o Athletico-PR deixou boas impressões na torcida do Leão. Mais do que a atuação competitiva na Arena da Baixada, porém, as esperanças para a luta contra o rebaixamento também têm sido renovadas, de acordo com Antônio, pelo retorno de peças importantes ao elenco.

“O Florentín está tendo uma sequência de jogos espaçados, e conta com a totalidade do elenco. Isso é muito importante, faz com que se analise melhor as características do grupo. Um paraguaio que veio do The Strongest-BOL não conhecia a totalidade do futebol brasileiro. Então, ter as opções é algo que facilita. Esse começo de trabalho carrega uma sorte importante que o Sport não vivia nessa temporada.”

Antônio Gabriel
Florentín é o técnico do Leão/Foto: DVG/Sport

Diante do Clube do Povo, Florentín estará desfalcado pelo meio-campista Hernanes, expulso na rodada passada. Thiago Neves, por outro lado, retorna após cumprir suspensão, e deve herdar a vaga do igualmente experiente companheiro. Entre os dois, como elenca Antônio, existem diferenças, mas também a mesma capacidade de aumentar o poder de criação rubro-negro, problema crônico para um ataque que balançou as redes apenas oito vezes até aqui.

“O Hernanes, todo mundo conhece, é mais cadenciador. Não tem tanta explosão, velocidade, mas, quando a bola chega no pé dele, você percebe que é diferente. Desde que chegou aqui no Recife, demonstra muita vontade. O Thiago, eu acho que o Florentín entendeu, joga próximo ao ataque. Com Louzer e Jair, ele vinha buscar bola na defesa, mas, próximo à frente, ele tem muito mais vontade. Cria muito.”

Antônio Gabriel
Thiago Neves cumpriu suspensão na rodada passada/Foto: DVG/Sport

A defesa também reserva uma baixa para o Leão. Afinal, o zagueiro Pedro Henrique, atleta colorado, está cedido ao Sport, e não pode atuar por questões contratuais. Em seu lugar, Chico deve iniciar a partida. Assim, os prováveis titulares do Rubro-Negro são: Mailson; Hayner, Chico, Sabino e Sander; Marcão, Zé Welison (Betinho) e Thiago Neves; Gustavo, André (Mikael) e Paulinho Moccelin. Everaldo e Thyere, que retornam de lesão, devem iniciar o jogo no banco.


Palco 🏟️

Ilha do Retiro recebe o jogo desta segunda/Foto: Willians Aguiar/Sport

Nomeada Adelmar da Costa Carvalho, a Ilha do Retiro ficou famosa pelo bairro homônimo em que está situada. Inaugurado em 4 de julho de 1937, o palco do jogo desta segunda-feira conta com capacidade para 30 mil pessoas. Sede da Copa do Mundo de 1950, o endereço é praticamente um sinônimo de Sport, tamanha a identificação construída pelo time nas quatro linhas de sua casa.


Retrospecto do confronto 📊

Índio comemora gol colorado na Ilha em 2007/Foto: Alexandre Lops

A história registra 47 encontros entre Inter e Sport, e o Clube do Povo leva vantagem no retrospecto do confronto. Vitorioso em 19 ocasiões, o Colorado já marcou 67 gols na equipe pernambucana. De sua parte, o Leão da Ilha, dono de 46 tentos, soma 10 triunfos no embate. Ocorreram, ainda, 18 igualdades, a mais recente no primeiro turno do atual Brasileirão, quando o Beira-Rio sediou empate por 2 a 2.


Última visita à Ilha 🔙

O Clube do Povo foi até a Ilha do Retiro para enfrentar o Sport na 14ª rodada do Brasileirão passado. Disputada na quarta-feira dia 14 de outubro, a partida, que marcou o retorno de Rodrigo Dourado aos gramados após 15 meses lesionado, correu bastante movimentada durante os 90 minutos, sempre com controle do Inter, mas também marcada por chances do rival.

Vitória de 5 a 3 manteve o Inter na luta pelo topo da tabela/Foto: Ricardo Duarte

Retrato perfeito do roteiro do jogo, o placar de 5 a 3 para o Colorado foi construído através dos gols de Patrick, duas vezes, Rodrigo Moledo, Adryelson, contra, e Yuri Alberto. O tento de Yuri, último do Inter no jogo, foi o primeiro marcado pelo atacante com o manto vermelho, e assegurou a terceira vitória consecutiva do Clube do Povo no Brasileiro.

Servido por Ed, Yuri marcou diante do Sport seu primeiro gol pelo Inter/Foto: Ricardo Duarte

Inter encara o Sport no início do returno

Fotos: Ricardo Duarte

Depois de duas semanas de trabalhos intensos visando ao returno do Campeonato Brasileiro, o Colorado encerrou a preparação para o primeiro desafio. Nesta segunda-feira (13/09), às 20h, o Inter tem pela frente o Sport, na Ilha do Retiro, pela 20ª rodada da competição nacional.

Antes de ir ao Recife para a partida, a delegação colorada fez uma parada em São Paulo e realizou, na manhã deste domingo (12/09), a última atividade na capital paulista. No CT da base do Palmeiras, o treinador Diego Aguirre comandou um exercício técnico de finalização, seguido por um trabalho de bola parada, além de um treinamento tático em campo reduzido.

O comandante uruguaio contou com uma novidade no treinamento em São Paulo. O meio-campista Edenilson, que estava servindo à Seleção Brasileira, treinou normalmente com o grupo e está à disposição da comissão técnica. Além dele, Guerrero, Rodrigo Lindoso e Renzo Saravia também retornam ao grupo e podem atuar no Nordeste. Já Rodrigo Dourado e Palacios, suspensos, ficam de fora, assim como o capitão Taison e Gabriel Mercado, lesionados.

Na tarde deste domingo a delegação viaja para Recife, chegando no início da noite a Pernambuco. O Clube do Povo soma 23 pontos na tabela e busca mais uma vitória no Brasileirão para se aproximar da zona da Libertadores da América.

Inter empata com o Coritiba

O Internacional empatou em 2 a 2 com o Coritiba na tarde deste domingo, no Beira-Rio, pela abertura do returno do Brasileirão. O time colorado esteve duas vezes à frente no placar, com gols de Yuri Alberto e Nonato, mas acabou cedendo o empate. O Inter passou a ocupar a liderança de forma isolada, com 36 pontos.

Agora as atenções se voltam para a disputa do jogo de ida das quartas de final da Copa do Brasil, contra o América-MG, na quarta-feira (11/11), às 21h30, no Gigante. Pelo campeonato nacional, o próximo compromisso é diante do Santos, sábado (14/11), na Vila Belmiro.


Bola aérea decide no primeiro tempo

Com posse de bola de 65% no primeiro tempo, o Inter ditou o ritmo da partida, mas encontrou certa dificuldade para vencer o ferrolho armado pelos visitantes, que em muitos momentos se postavam com praticamente todo o time atrás da linha da bola. O Coritiba chegou uma vez com força, em rápido contra-ataque que terminou com Ricardo Oliveira acertando a trave.

Edenilson comemora com Yuri Alberto o gol marcado no primeiro tempo

O Colorado apostava nas jogadas pelas laterais do campo, com Heitor e Moisés abusando dos cruzamentos para a área. E foi justamente na bola aérea que chegou ao gol: aos 32min, Yuri Alberto – substituto do artilheiro Thiago Galhardo, suspenso – foi preciso no cabeceio após boa assistência de Heitor e fez 1 a 0.


Adversidades na etapa final

Nonato entrou no segundo tempo e deixou a sua marca

O segundo tempo começou com um duro golpe. Logo aos 2min, Giovanni Augusto igualou o marcador para o Coxa. Para complicar, minutos depois, Heitor recebeu, de forma injusta, o cartão vermelho. Mesmo assim, o Inter encontrou forças e chegou ao segundo gol aos 12min. Nonato, que recém havia entrado no jogo, aproveitou a sobra após arremate de Patrick e fez 2 a 1. Porém, aos 28min, Sabino empatou novamente para o Coritiba. Mesmo com um jogador a menos, o Colorado buscou até o final o gol da vitória, mas o duelo acabou mesmo em 2 a 2.


Melhores momentos – primeiro tempo

5min – Inter valoriza a posse de bola e troca passes no campo de ataque. Coritiba se retrai por completo para dificultar a conclusão colorada.

🟨 12min – Rodolfo Filemon recebe amarelo por entrada dura em Abel Hernández.

14min – Primeira chegada do Inter: Heitor cruza da direita e Rodrigo Lindoso desvia de cabeça, ao lado direito da meta adversária.

15min – QUE PERIGO! Em contra-ataque fulminante do Coritiba, Ricardo Oliveira recebe no interior da área e dispara o chute que acerta a trave direita.

Heitor viveu o céu e o inferno na partida: fez assistência para o gol de Yuri Alberto e acabou sendo expulso na etapa final

17min – Moisés cruza da esquerda e a bola passa em frente ao gol do Coritiba sem que ninguém consiga o desvio.

20min – QUASE! Heitor alça na área e Rodrigo Lindoso aparece mais um vez entre os zagueiros para desviar de cabeça: a bola passa rente à trave direita.

29min – Marcos Guilherme tabela com Edenilson chuta para a defesa de Wilson, sem maior perigo.

⚽️  32min – GOOOOOOOOOOOOOOOL! Yuri Alberto cabeceia para ao fundo da rede após bom cruzamento de Heitor! Aberto o placar no Gigante! Foi o segundo gol do atacante com a camisa colorada em oito partidas disputadas.

40min – LOMBA! Goleiro colorado dá um tapinha providencial na bola após cobrança de falta de Neilton.

47min – Fim do primeiro tempo!


Segundo tempo

2min – Gol do Coritiba. Giovanni Augusto empata no recomeço da partida.

🟨  2min – Heitor recebe cartão amarelo.

🟥 7min – Heitor pisa involuntariamente em Robson, mas lance é revisado pelo VAR e lateral recebe o cartão vermelho.

🔻🔺 9min – Duas mudanças no Inter: Rodinei e Nonato entram nos lugares de Yuri Alberto e Marcos Guilherme, respectivamente.

Nonato parte para a comemoração depois de colocar Inter novamente em vantagem

⚽️ 12min – VAMO COLORADO! GOOOOOOOOOOOOL DO INTER!! Em rápido contra-ataque, Patrick chuta em cima da zaga e a bola sobra livre para Nonato, da meia-lua, disparar o chute para o fundo do gol. 2 a 1! Foi o sexto gol de Nonato pelo Inter e o terceiro na temporada 2020.

22min – NA TRAVE! Patrick chuta e a bola acerta a trave esquerda. Quase o terceiro!

24min – Abel Hernández luta contra a marcação no lado esquerdo da área e chuta. A bola acerta a rede pelo lado de fora.

🔻🔺 27min – Três mudanças no Coxa: Henrique Vermudt, Nathan e
Yan Sasse nos lugares de Rodolfo Filemon, Neilton e Mattheus.

⚽️ 28min – Coritiba empata com Sabino. Zagueiro consegue o desvio após cobrança de escanteio. 2 a 2.

🔻🔺 35min – Rodrigo Muniz no lugar de Ricardo Oliveira.

🟨  36min – Yan Sasse.

🟨  37min – Rodrigo Muniz.

🔻🔺 39min – Musto no lugar de Rodrigo Lindoso.

41min – Patrick tenta a finalização, mas é bloqueado pela zaga.

🔻🔺 42min – Ramón Martínez no lugar de Giovanni Augusto.

45min – PERIGO! Matheus Sales chuta da entrada da área e a bola passa por cima do gol colorado.

🟨 50min – Musto.

52min – Final de jogo. 2 a 2


Ficha técnica:

Internacional (2): Marcelo Lomba; Heitor, Zé Gabriel, Victor Cuesta e Moisés; Rodrigo Lindoso (Musto), Marcos Guilherme (Nonato), Edenilson e Patrick; Yuri Alberto (Rodinei) e Abel Hernández. Técnico: Eduardo Coudet.

Coritiba (2): Wilson; Jonathan, Rodolfo Filemon (Henrique Vermudt), Sabino e Mattheus Oliveira (Yan Sasse); Matheus Sales, Hugo Moura, Giovanni Augusto (Ramón Martínez), Robson e Neilton (Nathan); Ricardo Oliveira (Rodrigo Muniz). Técnico: Rodrigo Santana.

Gols: Yuri Alberto (I), aos 32min do primeiro tempo, Giovanni Augusto (C), aos 2min do segundo tempo, Nonato (I), aos 12min do segundo tempo, Sabino (C), aos 28min do segundo tempo.

Cartões amarelos:
Rodolfo Filemon, Yan Sasse, Rodrigo Muniz (C); Heitor, Musto (I).

Expulsão: Heitor (I).

Arbitragem:
Dyorgines Padovani de Andrade, auxiliado por Fabiano da Silva Ramires e Vanderson Antonio Zanotti. VAR: Pablo Ramon Gonçalves Pinheiro, do Rio Grande do Norte.

Estádio: Beira-Rio.

Fotos: Inter 2×2 Coritiba – Brasileirão/20ª rodada

Colorado estreou no returno do Brasileirão

Raio-X: detalhes da abertura do returno nacional

Que venha o segundo turno! Líder do Brasileirão, o Clube do Povo abre o returno do torneio a partir das 16h deste domingo (08/11). Diante do Coritiba, no Beira-Rio, o Internacional busca repetir o resultado do último encontro entre as equipes, finalizado com triunfo colorado, para encerrar uma sequência de dois jogos sem vitórias. Fique por dentro de tudo sobre a jornada!


Pra cima deles, Colorado!

A preparação colorada para o duelo diante do Coritiba foi encerrada na tarde deste sábado (07/11). No CT Parque Gigante, Eduardo Coudet ajustou, através de trabalhos táticos, os últimos detalhes do time que entrará em campo contra os paranaenses. Para o confronto, o comandante tem os desfalques de Thiago Galhardo, suspenso, e Johnny, a serviço da Seleção dos Estados Unidos da América.

“Fizemos um grande primeiro turno, temos tudo para conquistar a vitória e manter a liderança do Brasileiro. A gente tem motivação e confiança do treinador para trabalhar ainda mais.”

Heitor

O lateral-direito Heitor conversou de maneira exclusiva com a mídia do Inter. Em entrevista concedida após o treinamento, a cria do Celeiro comemorou a força do grupo colorado, além de projetar o returno do Brasileirão. Confira:


Transmissão

A transmissão da Rádio Colorada para o duelo entre Inter e Coritiba ocorre a partir das 15h deste domingo. Após a apresentação do Portões Abertos, pré-jogo legitimamente alvirrubro, a jornada esportiva da Mais Vermelha chega às 15h45, e se estende até o apito final, quando vem o Vestiário Vermelho, responsável por apresentar, com entrevistas exclusivas e também coletivas, toda a repercussão do confronto de gaúchos contra paranaenses. Acompanhe a cobertura da emissora oficial do Clube do Povo via FM 95,5 ou através de Site e App do Inter!

As redes sociais do Inter (@scinternacional no TwitterInstagram Facebook) contarão com o mais completo minuto a minuto da internet, recheado de imagens compartilhadas de maneira instantânea. Na TV, Globo e TNT transmitem para todo o país, com exceção do Rio Grande do Sul. Para o Brasil inteiro, quem anuncia cobertura é o Premiere.

Clique aqui para fazer o download do APP do Inter para Android

Clique aqui para fazer o download do APP do Inter para IOS


Situação de tabela

O Clube do Povo lidera o Brasileirão com 35 pontos conquistados. A pontuação é a mesma do Flamengo, mas o Colorado leva a vantagem no saldo de gols, superior ao dos cariocas em seis tentos. Dois pontos atrás dos rubros alvi e negro está o São Paulo, que já foi a campo na rodada. Na sequência, com 32, aparecem, respectivamente, Atlético-MG e Fluminense.

Dentre os membros do pelotão de frente, o Inter será o primeiro a ir a campo neste domingo (07/11). Uma vitória sobre o Coritiba mantém o Colorado inalcançável pelos quarto e quinto colocados. Apenas o Flamengo poderia ultrapassar um triunfante Clube do Povo. Para tanto, porém, precisaria golear o Atlético-MG em Minas Gerais.

As equipes perseguidoras do Internacional duelam, a partir das 18h15 de domingo, no Mineirão. Caso conquiste a vitória, o Galo chegará a 35 pontos e 11 vitórias, um triunfo a mais do que o Urubu. Assim, a vice-liderança passaria a ser ocupada pelo alvinegro.

Um empate no Beira-Rio permite que o Flamengo assuma a ponta em caso de vitória por qualquer escore em Belo Horizonte. Se for derrotado, o Inter, que já conquistou 10 vitórias no Brasileirão, também ficaria ao alcance de Atlético-MG e Fluminense. Os cariocas, todavia, precisariam, a exemplo de seu rival, tirar uma diferença de seis gols de saldo.

O Fluminense enfrenta, a partir das 20h30, o Grêmio. No Maracanã, o Tricolor carioca busca três pontos que lhe garantiriam, no mínimo, a terceira colocação. Afinal de contas, caso Atlético-MG e Flamengo empatem, o time das Laranjeiras ultrapassaria, além do São Paulo, o Galo. Se o confronto do Mineirão tiver algum vencedor, o derrotado também ficaria ao alcance dos comandados de Odair Hellmann.


Arbitragem

Dyorgines Padovani de Andrade apita, auxiliado por Fabiano da Silva Ramires e Vanderson Antonio Zanotti, trio capixaba. VAR: Pablo Ramon Gonçalves Pinheiro, do Rio Grande do Norte.


O Rival

Rodrigo Santana, comandante alviverde/Foto: Coritiba, DVG

Diante do Inter, o Coxa, 17º no Brasileirão, contará com novidade na casamata. Contratado para o lugar de Jorginho, Rodrigo Santana fará sua estreia à frente do alviverde paranaense. Com o técnico, os visitantes deste domingo buscam sua segunda vitória consecutiva no Nacional, uma vez que na última rodada superaram, sob o comando do auxiliar Pachequinho, o Atlético-GO, no Couto Pereira, placar de 1 a 0.

Santana é o terceiro nome a assumir o comando do Coritiba nesta temporada. Antes dele, Eduardo Barroca abrira o ano na casamata alviverde. Foi ele, inclusive, o treinador superado pelo Inter na abertura do Brasileirão. Seu sucessor, Jorginho, durou apenas 13 partidas, nas quais somou três vitórias, quatro empates e seis derrotas.

Jorginho treinou o Coxa na maior parte do primeiro turno/Foto: Coritiba, DVG

Vice-campeão do Paranaense, o Coritiba tem como principal meta para o encerramento de temporada a permanência na Série A. Somando 19 pontos, o Alviverde conquistou cinco vitórias, quatro empates e 10 derrotas no primeiro turno do Brasileirão. Vazado em 24 ocasiões, a equipe do Couto Pereira já anotou 16 tentos no torneio.

Ricardo Oliveira: esperança de gols para a torcida alviverde/Foto: Coritiba, DVG

Para além da pressão que decorre da fase conturbada que vive, levemente atenuada após o triunfo da rodada passada, o Coritiba também precisará superar alguns desfalques diante do Clube do Povo. Cinco atletas contraíram Covid-19 e não vieram para Porto Alegre, assim como Sarrafiore, fora da partida por questões burocráticas, e Matheus Galdezani e Nathan Silva, dupla que não teve sua ausência justificada – há possibilidade, inclusive, de que integrem o quinteto de baixas em decorrência do novo coronavírus.

Por outro lado, Rodrigo Santana contará com o retorno de Robson, suspenso na rodada passada. Assim, os prováveis 11 inicias do Coxa contam com Wilson; Matheus Sales, Rodolfo Filemon, Sabino e William Matheus; Hugo Moura, Henrique Vermudt, Robson, Giovanni Augusto e Neilton; Ricardo Oliveira.

Zagueiro Sabino é um dos destaques do primeiro turno do Coxa/Foto: Coritiba, DVG

Histórico colorado

Inter e Coritiba já se enfrentaram 47 vezes na história. À frente no retrospecto do confronto, o Clube do Povo soma 21 vitórias, 10 a mais do que os rivais. Ocorreram, ainda, 15 igualdades. A vantagem vermelha existe também no saldo de gols, positivo em 21 tentos. Ao todo, o Colorado, vazado em 36 ocasiões, mandou 57 bolas para as redes alviverdes.


Último encontro

Disputado em 8 de agosto, o confronto de estreia do Inter no Brasileirão 2020 teve o Couto Pereira como sede. Escalado com equipe bastante modificada, consequência do agitado calendário que impunha duelo nacional apenas três dias após o encerramento do segundo turno estadual, o Clube do Povo criou as melhores oportunidades na etapa inicial, encerrada sem gols. No segundo tempo, minutos após entrar, Galhardo fez grande jogada pela esquerda e serviu Guerrero, que não perdoou. Colorado 1 a 0, e os três primeiros pontos estavam conquistados.