Fotos: Juventude x Internacional – 5ª rodada/Brasileirão 2022

Em partida da quinta rodada do Brasileirão 2022, o Colorado empatou em 1 a 1 com o Juventude, no Alfredo Jaconi, na noite deste domingo (08/05). Confira as fotos do duelo!

Colorado empata no Alfredo Jaconi

Vitão marcou o gol colorado no Jaconi/Foto: Ricardo Duarte

Em partida da quinta rodada do Brasileirão 2022, Inter e Juventude ficaram no 1 a 1, nesta noite de quinta-feira (08/05), no Alfredo Jaconi. O resultado deixa o Clube do Povo com oito pontos na tabela do Nacional. Agora, o Colorado terá semana livre de jogos para se preparar para o embate contra o Corinthians, previsto para as 19h do próximo sábado (14/05), no Beira-Rio.


Pressão do Juventude

Colorado chega aos oito pontos no Brasileirão/Foto: Ricardo Duarte

Eduardo Baptista escalou sua equipe de maneira espelhada ao Internacional, também com um tripé de meio-campistas, que contava com Jadson, Yuri e Darlan. A disposição tática, no 4-3-3, complicou a circulação de bola do Clube do Povo, que sofreu grandes sustos nos primeiros 25 minutos. Pitta, primeiro, e Jadson, mais tarde, desperdiçaram as melhores chances do Papo neste período, obrigando Mano Menezes a mudar o esquema alvirrubro, que foi atualizado para o 4-4-2.

Mano fez correções ao longo da primeira etapa/Foto: Ricardo Duarte

A maior companhia para Alemão, refletida em nova postura de David, aumentou a presença ofensiva do Inter, que passou a assustar pela direita. Por ali, a bola aérea quase valeu gol ao Clube do Povo no minuto 39, quando Edenilson teve espaço para acertar cabeceio forte, para o chão, que César salvou. Daí em diante, o jogo seguiu franco, mas sem novas oportunidades que pudessem tirar o zero do placar.


Um gol cedo, outro gol tarde

Vitão abriu o placar logo cedo/Foto: Ricardo Duarte

O Inter abriu o placar logo no primeiro minuto da etapa final. Pela intermediária esquerda de ataque, Pena cobrou falta em curva, que Vitão, na marca do pênalti, desviou em direção às redes caxienses. Em vantagem, o Colorado criaria mais duas excelentes oportunidades para ampliar. Aos três, David cabeceou no poste. Aos 14, Pedro Henrique recebeu grande passe de Bustos antes de encher o pé na rede, mas de fora.

Sentindo seu time nocauteado, Eduardo Baptista tratou de renovar o fôlego alviverde, e colocou Paulinho Moccelin no ataque, que desde o intervalo já contava com Óscar Ruiz. Ofensivo, o time da casa passou a controlar a posse de bola e circundar a área colorada, colocando Daniel para trabalhar. Na única bola que não defendeu, o goleiro foi vazado pelo próprio Ruiz, que empatou aos 47. No minuto seguinte, Alan Patrick quase marcou o gol da vitória vermelha, mas esbarrou em milagre do goleiro César.

Alan Patrick reestreou pelo Inter/Foto: Ricardo Duarte

Primeiro tempo

2min – Primeira escapada! Edenilson lança Wanderson pela direita. Camisa 11 avança em velocidade e cruza para David, mas a zaga corta o perigo.

3min – De fora da área, Chico Kim arrisca chute rasteiro. Daniel, sem rebote, encaixa.

5min – Seguro, Bustos! William Matheus recebe na esquerda e cruza rasteiro. Lateral argentino, de carrinho, trava por escanteio.

12min – Pitta recebe de Chico, sai cara a cara com Daniel e finaliza sem direção.

13min – Amarelo para Sidnei Lobo, auxiliar-técnico colorado.

21min – Agora, quem perde boa chance para os locais é Jadson, livre pela esquerda da área do Inter.

33min – Pitta, de longe, finaliza de perna direita. Sem curva, a bola sai em tiro de meta para o Clube do Povo.

39min – UUUUH! Alemão recebe de Wanderson, escapa pela direita e cruza bola aberta para Edenilson. Na segunda trave, o camisa oito aparece como centroavante e cabeceia de acordo com o figurino, para o chão. César salva os locais!

45min – Vamos a 46. Placa subiu indicando mais um.

46min – Intervalo em Caxias do Sul.


Segundo tempo

0min – Inter volta com mudança: Pedro Henrique no lugar de Alemão.

0min – Juventude também trocou. Darlan, amarelado, deixa o campo para a entrada de Óscar Ruiz.

1min – GOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOL! É GOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOL! É GOOOOOOOOOOOOOOOOOL! É GOL DO INTER! É GOL DO CLUBE DO POVO! É GOL DE VITÃO! É A FORÇA AÉREA QUE DECIDE! Pela intermediária esquerda de ataque, Pena cobra falta com açúcar. Em curva, a bola voa até a marca do pênalti, onde Vitão, livre, desvia sem chances de defesa para César. No cantinho, o Inter sai em vantagem na Serra!

O gol de Vitão na narração da Rádio Colorada

3min – NO POOOOOOOSTE! Pedro Henrique, pela direita, cruza entre os zagueiros caxienses. David sobe mais do que os rivais e desvia no contrapé de César, que já estava batido quando a bola explodiu em sua trave.

4min – Mauricio recebe o amarelo por reclamação.

6min – Óscar Ruiz comete falta em Pedro Henrique e, por isso, é punido com o amarelo.

14min – PRA FOOOOOOOOOOOOOORA! Dourado arma contra-ataque veloz para o Inter, que escapa da defesa com Bustos. Já na área adversária, o lateral serve Pedro Henrique, que enche o pé e acerta a rede – de fora.

17min – Duas mudanças no Juventude. Paulinho Moccelin e Busanello substituem Parede e William Matheus.

17min – DANIEEEEEEEEEEEEEL! Pitta comete falta em Bruno Méndez, fica com a posse dentro da área e sai de frente com Daniel, que se agiganta para abafar chute do centroavante rival. MILAGRE!

21min – Rodrigo recebe pela direita da área colorada e cruza bola rasteira. Na segunda trave, Óscar Ruiz desvia diante do gol aberto, mas para fora. Na sequência, lance é parado por impedimento.

22min – MILAAAAAAAAAAAAAAAAAGRE! Yuri, da entrada da área, solta um canhotaço. Daniel voa e espalma pela linha de fundo. Que defesa!

25min – Alan Patrick reestreia pelo Inter! Camisa 10 é escolhido no lugar de David.

27min – FORSTER SALVA! Renê avança pela esquerda e, já da altura da grande área, cruza bola aberta. Pedro Henrique, pela direita, apenas ajeita para Edenilson, que tenta o chute colocado. Zagueiro rival bloqueia e impede o que seria o segundo gol do Inter.

28min – UH! Pena cobra escanteio pela esquerda. Na segunda trave, Pedro Henrique sobe no terceiro andar e desvia, mas a bola sai pela linha de fundo.

33min – Caio Vidal entra no Inter. Atacante substitui Wanderson.

38min – Mudanças nos dois lados. Mano tira Edenilson e coloca Gabriel, enquanto o time da casa saca Rodrigo e promove a entrada de Paulo Henrique.

39min – Vitor Gabriel recebe cruzamento de Paulo Henrique e cabeceia em direção ao canto direito de Daniel, que defende!

40min – Alan Patrick recebe o amarelo.

45min – A placa sobe e indica mais cinco. Vamos a 50!

46min – Pedro Henrique amarelado.

47min – Óscar Ruiz empata para o Juventude.

49min – SAAAAAAAAAAALVA, CÉSAR! Alan Patrick cobra falta frontal com açúcar. No ângulo, sobre a barreira, era o segundo do Inter, mas goleiro local opera um milagre.

51min – Jogo encerrado.


Ficha técnica:

Juventude (1): César; Rodrigo Soares (Paulo Henrique), Vítor Mendes, Rafael Forster e William Matheus (Busanello); Jadson, Yuri e Darlan (Óscar Ruiz); Parede (Paulinho Moccelin), Pitta e Chico. Técnico: Eduardo Baptista.

Internacional (1): Daniel; Bustos, Vitão, Bruno Méndez e Renê; Rodrigo Dourado, Edenilson (Gabriel), Wanderson (Caio Vidal) e Carlos de Pena; David (Alan Patrick) e Alemão (Pedro Henrique). Técnico: Mano Menezes.

Gols: Vitão, a 1’/2ºT (I), e Óscar Ruiz, aos 47’/2ºT (J).

Cartões amarelos: Darlan, Óscar Ruiz e Jadson (J). Mauricio, Alan Patrick, Pedro Henrique e Wanderson (I).

Arbitragem: Bruno Arleu de Araújo, auxiliado por Rodrigo Figueiredo Correa e Luiz Claudio Regazone. Quarto árbitro: Jonathan Benkenstein Pinheiro. VAR: Carlos Eduardo Nunes Braga.

Estádio: Alfredo Jaconi-RS.

Juventude x Inter - Brasileirão - 08/05/2022

Raio-X: Inter visita o Juventude na quinta rodada do Brasileirão

Inter visita o Juventude neste domingo/Foto: Ricardo Duarte

Noite de clássico estadual para o Clube do Povo! A partir das 19h deste domingo (08/05), o Inter enfrenta o Juventude, no Alfredo Jaconi, em partida da quinta rodada do Brasileirão 2022. Confira entrevista da Rádio Colorada com Bruno Mucke, setorista do Papo pela Rádio Caxias, e saiba tudo sobre o rival alvirrubro. Na sequência, veja todas as informações sobre o duelo deste Dia das Mães.

Transmissão;
Preparação colorada;
Relacionados;
Números de Mano Menezes;
Entrevista Alan Patrick;
Arbitragem;
Rival;
Ingressos;
Último confronto;


Transmissão 📻

Ao vivo a partir das 18h, horário de veiculação do Raio-X, a Rádio Colorada apresentará, como de costume, a jornada esportiva mais vermelha da web. Já as redes sociais do Inter (TwitterInstagram e Facebook) acompanharão o duelo com o seu tradicional relato minuto a minuto enriquecido por imagens dos principais lances da partida. Na TV, Premiere e SporTV anunciam cobertura.

ProgramaçãoPlataforma
18hRaio-XSite e APP do Inter
18h15Portões AbertosSite e APP do Inter
19hJornada EsportivaSite e APP do Inter
21hVestiário VermelhoSite e APP do Inter

Preparação colorada 💪

Inter teve dois dias para trabalhar antes do jogo na Serra/Foto: Ricardo Duarte

Após empatar em 1 a 1 com o Guaireña-PAR, no Paraguai, na quinta-feira passada (05/05), o Inter teve apenas dois dias para se preparar para a quinta rodada do Brasileirão. Horas depois de desembarcar em Porto Alegre, o grupo colorado foi a campo no CT Parque Gigante para iniciar os treinos prévios à visita ao Juventude.

Na tarde de sexta (06/05), Mano Menezes e pares de comissão trabalharam com o grupo dividido. Enquanto os jogadores que disputaram a quarta rodada da CONMEBOL Sul-Americana realizaram atividades físicas e regenerativas na academia, além de corridas leves no gramado, o restante do elenco participou de treino coletivo com bola.

Na sexta, parte do grupo trabalhou na academia/Foto: Ricardo Duarte

Já as atividades do sábado de véspera de partida (07/05), que também ocorreram no turno da tarde, serviram para ajustar os detalhes finais da equipe que irá a campo no Jaconi. O grande destaque do trabalho tático comandado por Mano Menezes foi o novo – e belíssimo – uniforme de treino do Clube do Povo. Clique aqui e garanta o seu!


Relacionados 📜

A partida contra o Juventude poderá marcar a reestreia de Alan Patrick pelo Inter. Contratado no último dia 12 de abril, o novo camisa 10 colorado, que já vestiu vermelho entre os anos de 2013 e 2014, viajou para Caxias do Sul, e tem condições de enfrentar o Papo. Quem também reforçará o time de Mano Menezes no Jaconi é o atacante Pedro Henrique, que estreou pelo Clube do Povo no domingo passado (1º/05), diante do Avaí.

Alan Patrick está relacionado/Foto: Ricardo Duarte

Ausente da viagem ao Paraguai por conta de desconforto muscular, o ídolo Taison teve constatada lesão na coxa esquerda, e ficará entregue aos cuidados do Departamento Médico durante as próximas três semanas. Junto com ele, também se recuperam de injúrias os zagueiros Kaique Rocha e Rodrigo Moledo. Liziero, com entorse no tornozelo direito, completa a lista de desfalques. Conheça os relacionados para o duelo em Caxias do Sul:


Bons números com Mano Menezes 📊

Desde que chegou ao Inter, Mano Menezes já treinou o Colorado em quatro partidas, período no qual conquistou duas vitórias e dois empates por Brasileirão e CONMEBOL Sul-Americana. Sob o comando do profissional, o Clube do Povo superou Fluminense, no Maracanã, pela terceira rodada do Nacional, e Independiente Medellín, na Colômbia, na partida de encerramento do primeiro turno da fase de grupos continental. O placar de ambos confrontos foi o 1 a 0 alvirrubro, conquistado graças a gol de Alemão.

Professor tem bons números à frente do Inter/Foto: Ricardo Duarte

A estreia de Mano no Beira-Rio, acompanhada por mais de 23 mil colorados e coloradas, foi encerrada com o placar zerado. Contra o Avaí, o Inter pressionou muito, mas não conseguiu marcar gol que valeria a terceira vitória consecutiva no Brasileirão. Já o empate com o Guaireña-PAR foi a primeira e única partida em que o Clube do Povo foi vazado sob o comando de seu novo técnico.

Colorado sofreu apenas um gol sob o comando de Menezes/Foto: Ricardo Duarte

🗣️ Alan está de volta!

A possível reestreia com a camisa colorada foi comentada pelo próprio Alan Patrick durante entrevista exclusiva para o Canal do Inter. O novo 10 do Clube do Povo falou de sua satisfação em reencontrar amigos e poder voltar a jogar diante da Maior e Melhor Torcida do Rio Grande, bem como analisou o momento diferente que vive em sua carreira, quando comparado à primeira passagem pelo Beira-Rio, e destacou a vontade de retribuir com boas atuações todo o carinho recebido desde sua chegada a Porto Alegre.

“Muito feliz por estar de volta. Por poder vestir essa camisa novamente, reencontrar o torcedor, poder jogar no Beira-Rio, que é um estádio maravilhoso, e reencontrar, também, vários amigos que eu fiz aqui. A expectativa é boa, estou bem motivado, não vejo a hora de reestrear. É um momento diferente, tenho um pouco mais de experiência, e espero retribuir toda a recepção que tive. Retribuir, lógico, com o meu futebol, e ajudar o Inter a vencer e a buscar os objetivos.”

Alan Patrick
Alan Patrick é o novo 10 do Inter/Foto: Ricardo Duarte

Alan também analisou o contexto em que se prepara para voltar a vestir vermelho. Em bom nível físico, consequência da preparação específica que realizou desde sua chegada ao Clube, e adaptado ao elenco, que vive momento de afirmação na temporada, o meio-campista disse se sentir pronto para voltar aos gramados. Apenas em campo, afinal, acumulará o ritmo necessário para desempenhar o melhor futebol possível.

Foto: Ricardo Duarte

“O ambiente realmente está bom. A equipe vem jogando bem, fez boas apresentações nos últimos jogos, e isso dá confiança. Não só pra mim, mas para todo o elenco, pra que a gente possa estar sempre no nosso melhor nível dentro de campo. Claro que é sempre melhor estrear com a equipe estando bem. Sinto que, a cada treino, venho me condicionando melhor fisicamente depois de tanto tempo parado. Me sinto quase 100%, e acredito que os jogos vão me dar esse ritmo.”

Alan Patrick

A cidade de Caxias está epidermicamente ligada à trajetória que Alan Patrick já construiu pelo Inter. Foi no município, por exemplo, que o atleta brilhou na decisão do Campeonato Gaúcho de 2014, quando marcou um gol e deu duas assistências na goleada de 4 a 1 do Clube do Povo em cima do Grêmio. O retorno à Serra foi mais um tema abordado pelo meio-campista, que ainda projetou o jogo diante do Juventude.

“Um jogo difícil. Eu sei o quanto é difícil jogar contra o Juventude, já joguei aqui no Estadual. Na casa deles, vai ser um jogo duro, contra um adversário forte, mas acredito muito que a nossa equipe está preparada e bem confiante. Sem dúvidas, vamos para buscar os três pontos e seguir em busca do nosso objetivo. Lembro de alguns momentos bons em Caxias. É um reencontro com a cidade, não no estádio que estávamos acostumados a jogar, mas é sempre bom. A memória tem muita coisa positiva.”

Alan Patrick

Arbitragem 👨‍⚖️

Bruno Arleu de Araújo (FIFA) apita, auxiliado por Rodrigo Figueiredo Correa (FIFA) e Luiz Claudio Regazone, trio da Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro. Quarto árbitro: Jonathan Benkestein Pinheiro, da Federação Gaúcha de Futebol. VAR: Carlos Eduardo Nunes Braga, também carioca.


Rival 🆚

Papo ainda não venceu no Brasileirão/Foto: Fernando Alves/Juventude

Dono de dois empates e duas derrotas no Nacional, o Juventude abriu o final de semana na vice-lanterna do país. Sem vencer há cinco jogos, o Papo, que já lutou contra o rebaixamento nas últimas edições de Brasileiro e Gauchão, busca uma imediata recuperação na tabela, e aposta no trabalho de Eduardo Baptista para reencontrar o caminho das vitórias. Chefe da casamata do Jaconi desde o fim do Estadual, o recém-chegado profissional conta com o prestígio da diretoria alviverde, como revelou Bruno Mucke.

“É até estranho falar que o Juventude está jogando bem, embora não tenha resultado. Vem apresentando um bom futebol. O Jair Ventura fez um trabalho bem ruim nesse começo de temporada, teve o hiato antes da chegada do Eduardo Baptista, e agora o Juventude está apresentando desempenho, mas que não está conseguindo aliar à vitória. Existe muita confiança no trabalho do Eduardo Baptista.”

Bruno Mucke
Eduardo Baptista tem a confiança da direção/Foto: Fernando Alves/Juventude

As últimas três partidas disputadas pelo Juventude referendam a boa impressão que o ainda incipiente trabalho de Eduardo Baptista passa para a torcida. Na penúltima rodada de Brasileirão que disputou, o Papo dominou o Cuiabá e até desperdiçou pênalti no Jaconi, mas saiu de campo derrotado por 1 a 0.

No meio de semana anterior, a equipe esteve à frente do São Paulo em duas ocasiões, mas cedeu o empate de 2 a 2 na Copa do Brasil, também em Caxias. Já no final de semana passado, o Alviverde vencia o Botafogo, no Rio de Janeiro, até os 38 do segundo tempo, quando os cariocas igualaram a conta. Os deslizes acendem um outro alerta no Jaconi, agora referente à força psicológica da equipe.

A questão psicológica está pesando, sim. Existiu uma arrancada ruim no Campeonato Gaúcho, onde se conseguiu permanecer, mas foi bem abaixo do esperado. Já nesse Campeonato Brasileiro, a gente pode aliar um pouco de falta de qualidade com a questão psicológica. Espera-se (contra o Inter) uma boa atuação e um time mais maduro, que consiga manter o placar. Será um jogo com cara de Gauchão, pelas características que as equipes têm.”

Bruno Mucke
‘Viking’ Pitta é a esperança de gols alviverde/Foto: Fernando Alves/Juventude

Diante do Inter, Eduardo Baptista estará desfalcado de Capixaba, com lesão muscular, Marlon, que apresenta quadro de desconforto, e Ricardo Bueno ainda em transição física para retornar a campo. Vítor Mendes, por outro lado, retorna de suspensão e deve ser titular no Jaconi. O provável Papo para este domingo conta com César; Rodrigo, Vítor Mendes, Forster e William Matheus; Yuri, Jadson e Óscar Ruiz (Chico); Parede, Pitta e Moccelin.


Caxias é Inter! 🏟️

Torcida colorada sempre faz bonito no Jaconi/Foto: Ricardo Duarte

Como de costume, a Maior e Melhor Torcida do Rio Grande ficará alocada na Ferradura Norte do Alfredo Jaconi. Os ingressos para o setor custam R$ 70,00, e podem ser adquiridos aqui. Neste domingo, os portões da casa alviverde estarão abertos a partir 17h, e o acesso de colorados e colorados ocorrerá no Portão 5, através da Rua São João.


Último confronto 🔙

Também no Alfredo Jaconi foi disputada a última partida entre Inter e Juventude. No dia 26 de janeiro deste ano, o Colorado visitou o Papo na primeira rodada do Gauchão, e saiu de campo vencedor por 2 a 1. Mauricio e Yuri Alberto, que horas mais tarde se despediria do Clube do Povo, marcaram os gols do triunfo, que ainda contou com desconto de Ricardo Bueno para os donos da casa.

Colorado empata com o Guaireña-PAR no Defensores del Chaco

Colorado empatou em 1 a 1 com o Guaireña-PAR/Foto: Ricardo Duarte

Em duelo da quarta rodada da CONMEBOL Sul-Americana, o Inter empatou em 1 a 1 com o Guaireña-PAR, fora de casa, nesta noite de quinta-feira (05/05). Wanderson marcou o gol colorado na partida, disputada no Defensores del Chaco. Com o resultado, o Clube do Povo chega aos seis pontos na tabela do grupo E, segue empatada com os paraguaios, mas ocupando a segunda colocação pelos critérios.

O time de Mano Menezes volta suas atenções, agora, para o Campeonato Brasileiro. No próximo domingo (08/05), Dia das Mães, o Clube do Povo visitará o Juventude, no Jaconi, a partir das 19h. Pela CONMEBOL Sul-Americana, o retorno aos gramados ocorre em 17 de maio, no Beira-Rio, contra o Independiente Medellín.

Torcida colorada apoiou o Inter no Paraguai/Foto: Ricardo Duarte

Contragolpe abre o placar para os paraguaios

A expectativa de ataque contra defesa foi confirmada nos primeiros minutos do confronto. Logo aos dois, Edenilson assustou em cobrança de falta pela direita da área rival. Escobar, sem rebote, defendeu. Aos cinco, quem aproveitou bola parada cobrada pelo camisa oito foi Alemão, que quase marcou após escanteio batido na primeira trave.

Mauricio teve boa chance no início da partida/Foto: Ricardo Duarte

Já aos 10, Mauricio, então aberto na esquerda, foi servido por Wanderson, que iniciou o jogo na ponta-direita, e assustou em arremate rasteiro. A bola explodiu nos pés da marcação e saiu em escanteio. No minuto seguinte, Pena acertou a rede, mas de fora, tirando suspiros da Maior e Melhor Torcida do Rio Grande.

Superada casa dos 15 minutos, o domínio colorado, antes agressivo à intermediária defensiva do Guaireña, passou a sofrer com seguidos erros de passe, que limitaram o poder criativo da equipe alvirrubra. Seguro para travar o ataque do Inter, o Guaireña ansiava pelo contragolpe, e encontrou a oportunidade de seus sonhos aos 30.

Guaireña-PAR se fechou bem no primeiro tempo/Foto: Ricardo Duarte

Em velocidade, Villagra recebeu passe em profundidade e invadiu a área gaúcha. Bruno Méndez até conseguiu interceptar o iminente chute rival, mas com pênalti – na interpretação da arbitragem. Na batia, Otazú converteu, assinalando o único gol antes do intervalo.


Inter empata e pressiona

David retornou entre os titulares/Foto: Ricardo Duarte

O Colorado retornou dos vestiários com duas trocas. David e Dourado substituíram Mauricio e Gabriel, e cobraram apenas seis minutos para justificar o porquê de sua entrada. Após escape pela direita, o recém-entrado atacante cruzou bola parcialmente cortada pela zaga, mas recuperada pelo dono da camisa 13, que abriu jogo até Pena.

Dele a posse seguiu até Renê, dono de cruzamento rasteiro transformado em assistência por Wanderson. De primeira, nas redes, a finalização do 11 empatou a conta. Segundos mais tarde, David escaparia de frente com o goleiro Escobar, mas foi derrubado por Joel Giménez. Falta marcada, vermelho apresentado, e Inter com um a mais em campo!

Wanderson (11) marcou o gol colorado/Foto: Ricardo Duarte

Na cobrança da irregularidade que valeu cartão vermelho ao lateral adversário, Bustos quase virou, mas parou em milagre de Escobar. Aos 17, Alemão teve excelente oportunidade diante de cruzamento de Renê, mas cabeceou pela linha de fundo. O goleiro paraguaio voltou a ser vilão nos minutos 24, quando abafou chute de David, e 35, instante em que parou Dourado, e assim, apesar da pressão, o Inter não chegou à vitória.


Primeiro tempo

2min – UH! Edenilson cobra falta pela direita da entrada da área paraguaia. Escobar encaixa sem rebote.

5min – Edenilson cobra escanteio pela direita, a zaga não faz o corte na primeira trave, e Alemão consegue o desvio na pequena área. De primeira, ela sai por cima.

10min – Wanderson inverte boa bola para Mauricio, que domina na quina esquerda da grande área rival e arrisca rasteiro. Zaga corta em escanteio.

11min – UUUUUUUUH! Pena recebe de Renê, progride até a entrada da área adversária e, de canhota, chuta forte. Bola, que buscava o ângulo, explode na rede, mas de fora.

18min – É LISO DEMAIS! Wanderson enfileira marcadores a partir da direita e estica jogo com Alemão, que finaliza de perna direita. Paniagua trava, e a bola sai pela linha de fundo.

19min – Da direita, Edenilson cobra escanteio que Mercado desvia por cima.

22min – Otazú cobra escanteio da direita. Na primeira trave, Salinas desvia com enorme perigo.

24min – Alemão, depois de bonito drible em dois marcadores, arrisca de longe. Com desvio na zaga, ela chega tranquila para o goleiro Escobar.

28min – Alemão, de bicicleta, emenda cruzamento de Renê. Seria tiro de meta, mas arbitragem assinalou falta.

30min – Bruno Méndez comete penalidade em Villagra, e é punido com amarelo.

32min – Otazú abre o placar para o time da casa.

43min – Pena cobra falta fechada a partir da quina direita da área paraguaia. Em dois tempos, goleiro encaixa.

45min – Mais dois. Vamos a 47.

47min – Intervalo de jogo.


Segundo tempo

0min – Inter volta com duas mudanças: David e Dourado por Mauricio e Gabriel.

3min – QUASE O EMPATE! Edenilson encontra David na meia-lua. Em velocidade, o atacante faz o giro e chuta cruzado. Rasteira, ela é defendida por Escobar, que quase se complicou.

4min – Otazú cobra falta de longe, que sai por cima.

7min – GOOOOOOOOOOOOOOOOOOL! É GOOOOOOOOOOOOOOOOOL! É GOOOOOOL DO INTER! É GOL COLORADO! É GOL DE WANDERSON! EMPATE DO CLUBE DO POVO NO PARAGUAI! Na direita, Bustos lança David, que levanta na segunda trave. A zaga corta parcialmente, mas Dourado recupera e deixa com Pena. Do uruguaio para Renê, que cruza, de primeira, por baixo. Wanderson também dispensa o domínio e finaliza de direita, no contrapé, sem chance de defesa. Tudo igual no Defensores del Chaco!

Ouça o gol de Wanderson na narração da Rádio Colorada

8min – EXPULSO! Edenilson lança linda bola para David, que invadiria a área de frente para o goleiro. Atacante é derrubado por Giménez, que recebe o vermelho pela falta.

9min – MILAAAAAAAAGRE! Pena cobra falta rasteira, que explode na barreira, mas sobra para Bustos. Livre, o lateral direito finaliza no canto do goleiro, que consegue salvar o time da casa.

12min Edenilson recebe pelo corredor central da intermediária de ataque e arrisca. Forte demais, ela sai por cima.

17min – PRA FOOOORA! Renê cruza bola da esquerda, que Alemão desvia pela linha de fundo. Que chance!

18min – Muda o Inter. Wesley vem, Alemão vai.

20min – DANIEEEEEEEL! Salinas recebe na direita da área colorada, faz o corte e chuta para milagre do goleiro do Inter.

22min – Toledo é o primeiro atleta a sair do banco paraguaio. Ele substitui Santacruz.

24min – SAAAAAAAAAAALVA O GOLEIRO! Edenilson, da intermediária de ataque, lança Wesley, que faz a casquinha para David. Cara a cara com o goleiro, o atacante finaliza para grande defesa do rival.

27min – David recebe de Renê e cabeceia no contrapé de Escobar. Goleiro manda por escanteio.

30min – Caio Vidal! Camisa 19 entra no lugar de Wanderson.

31min – Carlos Duarte e Alex Cáceres são as novidades do Guaireña. Sacados: Villagra e Ayala.

33min – UH! Caio recebe de David, corta para a perna direita e chuta rasteiro. Escobar defende.

34min – Duarte acerta Dourado e, por isso, recebe o amarelo.

35min – MAIS UM MILAAAAAAAAAAAAGRE! Edenilson inverte linda bola para Dourado, que deixa dois no chão e finaliza de perna direita. Goleiro Escobar opera mais uma defesa providencial.

39min – Estêvão entra, Pena sai.

40mi – Muda também o time da casa: Victor Barrios na vaga de Nelson Ruiz.

45min – Mais seis. Vamos a 51!

51min – Fim de jogo!


Ficha técnica:

Guaireña (1): Rubén Escobar; Aquilino Giménez, Nelson Ruiz (Victor Barrios), Paniagua e Joel Giménez; Jordan Santacruz (Rosalino Toledo), Juan Aguilar e Pablo Ayala (Cáceres); Richard Salinas, César Villagra (Carlos Duarte) e Mario Otazú. Técnico: Troadio Duarte.

Internacional (1): Daniel; Bustos, Mercado, Bruno Méndez e Renê; Gabriel (Rodrigo Dourado), Edenilson e Carlos de Pena (Estêvão); Mauricio (David), Alemão (Wesley) e Wanderson (Caio Vidal). Técnico: Mano Menezes.

Gols: Otazú, aos 32’/1T (G). Wanderson, aos 7’/2T (I).

Cartões amarelos: Carlos Duarte (G). Bruno Méndez (I).

Cartão vermelho: Giménez (G).

Arbitragem: Cristian Garay, auxiliado por Alejandro Molina e Miguel Rocha. Quarto árbitro: Nicolas Gamboa.

Estádio: Defensores del Chaco-PAR.

Bastidores da goleada das Gurias

No último sábado, as Gurias Coloradas venceram o Red Bull Bragantino por 3 a 0 em partida da quinta rodada do Brasileirão A1. Os gols foram marcados por Fabi Simões, seu primeiro na temporada, Sorriso, o segundo dela na competição, e Isabela, que chegou a 12 com a camisa do Clube do Povo. Até aqui, já são 4 vitórias em 5 jogos no Nacional! Vem conferir os bastidores deste triunfo com o Canal do Inter!

Fotos: Gurias Coloradas 3 x 0 Red Bull Bragantino – 5ª rodada/Brasileirão A1

Em partida da quinta rodada do Brasileirão A1, as Gurias Coloradas golearam o Bragantino e chegaram aos 12 pontos na competição. Confira as imagens da vitória de 3 a 0, conquistada com gols de Fabi Simões, Sorriso e Isabela!

Gurias goleiam na quinta rodada do Brasileirão

Isabela (6) fechou a conta no Sesc/Foto: João Callegari

Em grande estilo, as Gurias Coloradas superaram o Red Bull Bragantino, na tarde deste sábado (02/04), por 3 a 0. Fabi Simões, no primeiro tempo, e Sorriso e Isabela, na etapa final, marcaram os gols da vitória no Sesc Protásio Alves, resultado que leva o Inter aos 12 pontos na tabela. Agora, as comandadas de Maurício Salgado passarão pouco mais de duas semanas afastadas dos gramados, fruto de parada pela Data FIFA. Pela sexta rodada, o Clube do Povo voltará a campo apenas no dia 18 de abril, quando visitará o Atlético-MG.


Jogo corrido, placar alterado

Fabi abriu o placar logo aos dois/Foto: João Callegari

As Gurias precisaram de poucos segundos para balançar as redes nesta tarde de sábado. Antes mesmo dos três minutos de jogo, Duda serviu linda assistência para Fabi Simões, que fez a diagonal a partir da ponta direita de ataque e, dentro da área, encobriu a goleira Karol Alves. O golaço ditou o andamento do primeiro tempo, que correu em alta velocidade até o intervalo, consequência das muitas perdas de posse tanto de um lado quanto do outro.

Apesar do espaço que tinham para acelerar o jogo, as equipes não criaram muitas chances nos primeiros 45 minutos. Para além do gol de Fabi, o Inter assustou principalmente com Lelê, que passou perto de ampliar, primeiro, em bonito chute de fora da área, e depois em cabeceio na segunda trave. Já o Red Bull teve sua melhor oportunidade nos pés de Raquel, que recebeu com espaço na frente de Mayara, mas foi bem travada por Eskerdinha e Isa Haas.

Fabi (E), Lelê e Millene comemoram o primeiro gol/Foto: João Callegari

Domínio completo

Embora positiva pelo resultado, a etapa inicial deixou o sentimento de que as Gurias poderiam fazer ainda mais no segundo tempo. E assim foi, desde o primeiro apito, sucedido por consecutivos escanteios cavados por Fabi Simões. De um desses, cobrado por Duda, saiu excelente chance de Lelê, que aproveitou cabeceio de Sorriso para, livre, conferir ao lado do poste. Teimosa, a bola não entrou.

Capitã marcou de cabeça/Foto: João Callegari

Lelê voltou a aprontar aos seis – desta vez, com elegância. Acionada por cruzamento de Fabi, a centroavante não se deu por batida quando a bola tomou a direção de suas costas, e emendou acrobática bicicleta para arrematar. Tirando tinta, a bola saiu pela linha de fundo, destino diferente do que tomou três minutos mais tarde, quando Sorriso subiu no terceiro andar para ampliar. Oitavo da zagueira com a camisa das Gurias, o gol foi o segundo da capitã desta tarde no Brasileirão, e saiu após nova assistência de Duda.

Sorriso ampliou no início do segundo tempo/Foto: João Callegari

O Bragantino só conseguiu assustar aos 18, quando Luana recebeu bom passe de Ariel e chutou, de fora da área, para fora. Mais 10 minutos passaram até Mayara mostrar atenção para intervir com segurança e impedir ousada tentativa de gol olímpico. Diferente do que ocorrera no primeiro tempo, portanto, as Gurias seguiram no controle da partida após o gol de Sorriso, também em consequência às trocas feitas por Maurício Salgado, que colocou as jovens Isabela, Maiara, Priscila e Tamara em campo.

À medida que as visitantes ofereciam claros sinais de desgaste, o Inter passou a encontrar liberdade ainda maior para contragolpear. Aos 31, Zóio desarmou a zaga rival na saída de jogo e acionou Duda, que encontrou muito espaço para jogar pela esquerda. Por lá, ela lançou Isabela, que esticou jogo até Millene. A atacante retornou jogo para a 10, que deu sua terceira assistência da tarde, sexta no Brasileirão. Cara a cara com a goleira, Belinha finalizou com segurança, de perna direita, para transformar a vitória em goleada.

Terceiro gol sacramentou goleada colorada/Foto: João Callegari

Donas do jogo, as Gurias seguiram criando chances nos 20 minutos finais de confronto, que ainda presenciaram a estreia da lateral Carol Gil no Brasileirão adulto. Tamara, Priscila e Millene Fernandes tiveram oportunidades claras de ampliar, mas esbarraram, no caso das duas primeiras, na teimosia da bola, enquanto a atacante dona da camisa 14 foi travada por milagre da goleira. Com o triunfo de 3 a 0, o Inter subiu da quarta para a terceira colocação, ultrapassando o Corinthians, que irá a campo nesta manhã de domingo (03/04), como mandante, contra o São Paulo.

Resultado deixou o Inter com 12 pontos na tabela/Foto: João Callegari

Ficha técnica:

Internacional (3): Mayara; Capelinha (Carol Gil), Isa Haas, Sorriso e Eskerdinha (Isabela); Zóio, Duda e Maiara (Mai); Fabi Simões (Tamara), Lelê (Priscila) e Millene. Técnico: Maurício Salgado.

Red Bull Bragantino (0): Karol Alves; Karol Dias, Ingryd Taba (Débora) e Flavia (Taiane); Mylena, Lelê (Brenda), Raquel e Joyce (Rhay Coutinho); Ariel e Luana. Técnica: Rosana Augusto.

Gols: Fabi Simões, aos 3’/1ºT, Sorriso, aos 9’/2ºT, e Isabela, aos 31’/2ºT (I).

Cartões amarelos: Lelê, Flavia e Brenda (RB).

Arbitragem: Francisco Soares Dias apita, auxiliado por Fagner Cortes e Gustavo Schier. Quarto árbitro: Jonathan Pinheiro.

Estádio: Sesc Protásio Alves.

Inter fica no 1 a 1 com o Novo Hamburgo

Taison marcou o gol colorado no Gigante/Foto: Ricardo Duarte

Em partida da quinta rodada do Gauchão 2022, o Clube do Povo empatou em 1 a 1 com o Novo Hamburgo, dentro de casa, na noite desta quarta-feira (09/02). Michel Renner marcou o gol visitante na partida, enquanto Taison, em bonito chute, empatou para o Inter, que chega aos oito pontos na tabela estadual. Agora, o Colorado volta suas atenções para o Caxias, adversário no próximo sábado (12/02), às 16h30, no Centenário.


Ataque contra defesa

Inter foi mandante pela segunda vez no ano/Foto: Ricardo Duarte

O Novo Hamburgo veio a campo com novidades. Interino anilado, Benhur Pereira escalou o volante Alex Nagib como titular, sacando Jeffinho, atacante que vinha atuando nas últimas partidas. A mudança resultou em postura bastante defensiva da equipe anilada, que tratou de cercear ao máximo os espaços do Clube do Povo no Beira-Rio. Desta forma, os primeiros 45 minutos foram disputados em uma dinâmica de ataque contra defesa, e com muito tempo de bola parada pelas faltas que picotaram o embate.

A melhor arma colorada para achar espaços na zaga rival foi o corredor esquerdo, ocupado, nas cercanias da área rival, por David. Logo aos dois, o atacante recebeu bom lançamento de Dourado e, dentro da área, emendou chute forte com a canhota. Maticoli defendeu, o que também aconteceria aos 29, quando o arqueiro operou milagre para impedir o primeiro gol do ponta-esquerda com o manto alvirrubro.

David teve boa movimentação no primeiro tempo/Foto: Ricardo Duarte

Wesley e Edenilson também tentaram incomodar a retaguarda rival, muitas vezes acionados por Liziero, volante que tentava verticalizar as ações coloradas. A melhor tabela da dupla chegou, é claro, até David, que tentou cruzar na direção do centroavante. Antes dele, Maticoli afastou. De sua parte, o Novo Hamburgo, encaixado na defesa, pouco criou na frente, onde chegou, com maior relevância, aos 39, em contra-ataque que visava Michel, mas cortado por Daniel.

Wesley lutou com a zaga rival/Foto: Ricardo Duarte

Um gol para cada lado

O reinício de confronto foi interessante para o Novo Hamburgo, que abriu o placar, com Michel Renner, aos nove. Já com Boschilia em campo desde o intervalo, atleta escolhido para substituir Liziero, o Inter apostou no lado esquerdo para empatar, corredor ocupado pelo próprio camisa 21 e por Moisés, além de muito frequentado por Taison. Exatamente de trama armada pelo trio saiu o gol do Clube do Povo, pintura anotada, da entrada da área rival, pelo dono da camisa sete colorada.

Taison empatou para o Inter/Foto: Ricardo Duarte

Igualado aos 20, o escore não voltou a ser alterado na partida – apesar da pressão do Clube do Povo, que atuou, a partir da entrada de Mauricio no lugar de Heitor, com esquema bastante ofensivo. Na retaguarda, Bruno, Cuesta e Moisés formaram trio de zagueiros, enquanto Taison e David ocuparam as respectivas alas esquerda e direita. Dourado, no meio de campo, era o único volante, acompanhado pelos substitutos na região central. Na frente, Wesley comandou o ataque que martelou muito, mas não foi capaz de balançar as redes aniladas.

Ídolo empatou a conta no Gigante/Foto: Ricardo Duarte

Primeiro tempo

2min – UH! David recebe bom lançamento de Dourado, consegue o domínio na área rival, faz o giro e chuta de canhota. Maticoli encaixa.

5min – Felipe Guedes invade a área do Inter e, pela esquerda, chuta rasteiro. Daniel encaixa.

9min – BOA TRAMA! Inter roda a bola durante mais de um minuto, até Moisés receber de Liziero e, pela esquerda da grande área, cruzar rasteiro. Antes de David ou Wesley, Maticoli deixa o gol e encaixa.

29min – MILAAAAGRE! David recebe de Liziero e escapa em altíssima velocidade. Na entrada da área, o atacante chama Micael para dançar, abre ângulo para a canhota e chuta rasteiro. Maticoli salva o Novo Hamburgo!

30min – Da esquerda, Moisés cruza. Na direita da grande área, Heitor cabeceia. Goleiro encaixa.

32min – UUUH! Bonita tabela do ataque colorado, com Edenilson e Wesley combinando pelo centro. A bola chega até David, na esquerda, que cruza na direção do centroavante. Maticoli antecipa e corta.

36min – Liziero recebe o amarelo. Acertou Bustamante.

38min – Moisés cruza da esquerda, e David sobe com autoridade na área adversária. Desvio do atacante sai por cima.

39min – DANIEL! Michel é lançado na área colorada, e receberia com liberdade, mas é antecipado por excelente saída de gol do arqueiro vermelho.

42min – UUUUUUUUH! Moisés finaliza rasteiro, Wesley transforma o chute em assistência e faz o giro. Heitor aparecia com espaço na direita da área rival, mas centroavante escolheu o chute, que explodiu na zaga.

45min – Vamos a 47. Mais dois de acréscimos.

47min – Intervalo no Gigante.


Segundo tempo

0min – Liziero deixa o campo para a entrada de Boschilia. Inter mais ofensivo no segundo tempo!

5min – Com falta, Kaio impede contra-ataque colorado, que seria armado por David. Amarelado.

9min – Michel Renner recebe de Alexandre Alemão e marca para o Novo Hamburgo.

13min – Taison amarelado por falta em Felipe Guedes.

18min – Welton Heleno no lugar de Alex Nagib. Muda o Novo Hamburgo.

20min – GOLAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAÇO! É GOOOOOOOOOOOOOOOOOOL! PINTURA! UMA BUCHA! UM FOGUETE! É GOL DE TAISON, GOL DO CAPITÃO! Na esquerda da grande área, Boschilia recebe de Wesley, investe em direção à linha de fundo e ajeita para trás. Taison, com espaço, abre ângulo para a perna direita e enche o pé. Pobre do goleiro, que não teve chance alguma de defesa. Tudo igual no Gigante!

24min – Edenilson recebe de Boschilia, abre ângulo para a perna canhota e, mesmo de fora da área, chuta. Em dois tempos, goleiro encaixa.

25min – Timbó vem a campo no Novo Hamburgo. Sai Michel Renner.

30min – Alemão consegue o drible em cima de Cuesta e chuta forte. Daniel encaixa.

32min – Três trocas no Novo Hamburgo. Jeffinho, Da Silva e Ednei entram nas vagas de Bustamante, Alemão e Kaio.

33min – No Inter, vem Mauricio. Heitor sacado.

34min – TIROU TIIIIIIIIIINTA! Edenilson cruza da direita, Taison domina na esquerda da grande área e chuta colocado. Ela sai raspando o poste esquerdo da meta anilada.

37min – Timbó arma contra-ataque anilado e decide resolver sozinho. De perna direita, chuta com perigo, mas por cima.

40min – D’Ale e Caio entram no Inter. Sacados Edenilson e David.

43min – UUUH! Boschilia levanta na área a partir da esquerda. Na primeira trave, Cuesta desvia com perigo, mas ela sai por cima.

44min – CHANCE BOA! Taison faz fila desde o campo de defesa e serve Caio, parado com falta. Islan é advertido com amarelo.

45min – UUUUUUUUUUUUUH! D’Alessandro cobra a falta no canto do goleiro, rasteira. Ao lado do poste, Maticoli espalma.

46min – D’Ale recebe o amarelo por impedir contra-ataque rival.

50min – Fim de jogo no Gigante.


Ficha técnica:

Internacional (1): Daniel; Heitor (Mauricio), Bruno Méndez, Victor Cuesta e Moisés; Rodrigo Dourado, Liziero (Boschilia), Edenilson (D’Alessandro), Taison e David (Caio Vidal); Wesley Moraes. Técnico: Alexander Medina.

Novo Hamburgo (1): Lucas Maticoli; Léo, Micael, Islan e Higor; Kaio (Ednei), Felipe Guedes, Alex Nagib (Welton Heleno), Michel Renner e Bustamante (Jeffinho); Alexandre Alemão (Da Silva). Técnico: Benhur Pereira.

Gols: Michel Renner, aos 9’/1ºT (N). Taison, aos 20’/2ºT (I).

Cartões amarelos: Liziero, D’Alessandro e Taison (I). Kaio e Islan (N).

Arbitragem: Erico Andrade de Carvalho, auxiliado por Mauricio Coelho Penna e Fagner Bueno Cortes. Quarto árbitro: Sergio Eduardo Moraes.

Estádio: Beira-Rio.

Público: 8.963. Pagantes: 7.271. Adversários: 14. Menores: 314. Não pagantes: 1.364.

Renda: R$ 284.432,75

Raio-X: de volta para casa, Inter enfrenta o Novo Hamburgo

Inter recebe o Novo Hamburgo nesta quarta/Foto: Ricardo Duarte

É noite de Inter no Beira-Rio! Depois de duas partidas fora de casa, o Inter retorna ao Gigante nesta quarta-feira (09/02), quando enfrenta o Novo Hamburgo, a partir das 21h30, em partida da quinta rodada do Gauchão de 2022. Confira entrevista da Rádio Colorada com Júlia Brasil, jornalista da RDC TV, projetando o duelo. Abaixo, você encontra todas as informações do embate!

Sport Club Internacional · Raio-X #69 | Internacional x Novo Hamburgo | 09/02

Transmissão 📻

A quarta-feira será de jornada dupla na Rádio Colorada, que também transmitirá a segunda partida do Celeiro de Ases na Libertadores Sub-20! Ao vivo a partir das 18h30 com a apresentação do Raio-X do Novo Hamburgo, a Mais Vermelha abrirá às 19h a cobertura do duelo entre Inter e Millonarios-COL, embate com início marcado para as 19h30. Encerrado o confronto dos juniores, chega a transmissão da quarta rodada do Gauchão. Torça com a gente!

ProgramaçãoPlataforma
18h30Raio-X
(Internacional x Novo Hamburgo –
4ª rodada/Gauchão 2022)
Site e APP do Inter
19hPortões Abertos
(Internacional x Millonarios-COL –
2ª rodada/Libertadores Sub-20)
Site e APP do Inter
19h30Jornada Esportiva
(Internacional x Millonarios-COL –
2ª rodada/Libertadores Sub-20)
Site e APP do Inter
21h30Jornada Esportiva
(Internacional x Novo Hamburgo –
4ª rodada/Gauchão 2022)
Site e APP do Inter
23h30Vestiário Vermelho
(Internacional x Novo Hamburgo –
4ª rodada/Gauchão 2022)
Site e APP do Inter
Noite de Gauchão na Colorada/Foto: Ricardo Duarte

Na TV, o Premiere anuncia transmissão. As redes sociais do Inter (siga no TwitterInstagram e Facebook) acompanharão o duelo com o tradicional minuto a minuto enriquecido por imagens dos principais lances do embate.


Gigante te espera 🏟️

Vem apoiar o Inter no Gigante/Foto: Ricardo Duarte

Vem pro Beira! Tanto Check-In quanto compra de ingressos poderão ser realizados até as 22h30 desta quarta-feira, horário de início da etapa final do confronto. O Colorado conta com teu apoio neste meio de semana de busca pela segunda vitória consecutiva dentro de casa, resultado fundamental para manter o Inter na luta pelo topo da tabela do Rio Grande do Sul. Clique aqui e confirme sua presença no duelo!


Pra cima deles! 💪

Inter está pronto para receber o Anilado/Foto: Ricardo Duarte

O Colorado contou com três dias de trabalhos para encaminhar o time que irá a campo diante do Novo Hamburgo. Iniciadas no domingo passado (06/02), as atividades prévias à partida do Beira-Rio englobaram dinâmicas físicas e regenerativas, exercícios técnicos, táticos e, claro, de simulação de bolas paradas ofensivas e defensivas.

Para esta quarta-feira, Alexander Medina contará com os retornos de Johnny e Taison para escalar o Colorado. Ausentes da viagem a Erechim, cidade que recebeu o Internacional na rodada passada, quando o Clube do Povo foi superado por 3 a 1 pelo Ypiranga, a dupla figura entre os relacionados para o quinto duelo do Gauchão. Confira a nominata concentrada!

A véspera de partida contra o Novo Hamburgo contou, de parte do Clube do Povo, com entrevista exclusiva do zagueiro Bruno Méndez para o Canal do Inter. O beque uruguaio projetou o duelo do Beira-Rio, comentando a preparação colorada para o embate desta quarta-feira.

Foto: Ricardo Duarte

“A gente sabe que é uma partida muito importante, porque viemos de derrota e temos que continuar na parte de cima da tabela. Nesta semana, trabalhamos para melhorar os erros. Principalmente na defesa, que tivemos. Então, agora é ir com tudo para fazer os três pontos.”

Bruno Méndez

Bruno também falou sobre a perspectiva de evolução do Inter para a sequência da temporada. Após triunfar nas duas primeiras rodadas do Gauchão, quando bateu Juventude, por 2 a 1, e União Frederiquense, por 2 a 0, o Colorado agora soma dois jogos sem vencer, uma vez que empatou sem gols com o São Luiz, também fora de casa, antes de enfrentar o Ypiranga. Méndez comentou que, com a continuidade do trabalho, o Clube do Povo tende a atingir o nível necessário para conquistar o Gauchão, primeiro objetivo do ano.

Foto: Ricardo Duarte

“A pré-temporada foi muito boa, continua sendo muito boa. Os trabalhos são muito intensos, principalmente fisicamente, para fazer o que o treinador pede. Então é isso, continuar na mesma pegada, porque pouco a pouco a gente vai melhorando nos jogos. O nosso primeiro objetivo é buscar o Gauchão, que o Clube está há tempo sem conseguir. Temos esta fome de sair campeões!”

Bruno Méndez

Arbitragem 👨‍⚖️

Erico Andrade de Carvalho apita, auxiliado por Mauricio Coelho Penna e Fagner Bueno Cortes. Quarto árbitro: Sergio Eduardo Moraes.


Rival 🆚

Rival está invicto no Gauchão/Foto: Gustavo Henemann/ECNH

Sexto colocado no Gauchão, o Novo Hamburgo somou seis pontos nas quatro rodadas que já disputou. Apesar dos bons números, contudo, o Nóia chega ao Beira-Rio em um cenário mais conturbado do que se podia esperar, já que o técnico Fabiano Daitx pediu, na última terça-feira (08/02), demissão da casamata do Vale. Já anunciado, seu substituto, Gelson Conte, não estará na orla do Beira-Rio nesta quarta, posto que será ocupado pelo coordenador técnico Benhur Pereira, como explica Júlia Brasil.

“A gente apurou, conversou com o Daitx, e ele confirmou que tinha um ambiente muito ruim, pesado. Ele pediu demissão de surpresa, e o Benhur estará em campo contra o Inter, mas quem vai comandar é o Gelson Conte, que já esteve presente, na tarde de terça, no treinamento do Novo Hamburgo. E existe uma expectativa muito boa, porque o Conte fez uma campanha excelente com a Lajeadense. Tanto que, quando acabar o Gauchão, voltará para lá.”

Júlia Brasil
Conte (D) já se apresentou no Estádio do Vale/Foto: Gustavo Henemann/ECNH

Invicto na competição, o Anilado também tem a zaga menos vazada do Estadual, com apenas dois gols sofridos. Os porquês da solidez defensiva, de acordo com Júlia, são tanto a manutenção de boa parte do elenco que encerrou a temporada passada no Vale, quanto a utilização de esquema mais defensivo neste início de Gauchão.

“A gente vê uma dificuldade maior dos adversários de entrar na área do Novo Hamburgo. E também, a gente pôde ver contra o Juventude, que o Micael e o Islan ganharam praticamente todas as bolas aéreas. Tanto que o gol sofrido foi de fora da área. Então, eu acredito que a boa fase é uma combinação de um jogador experiente, que é o Micael, e um novo, o Islan, com a parte do esquema.”

Júlia Brasil
Micael é o capitão anilado/Foto: Gustavo Henemann/ECNH

É exatamente pelo entrosamento do elenco (consequência natural da manutenção de peças) que o Novo Hamburgo sonha com uma boa campanha no Gauchão de 2022. Antepenúltimo colocado nas duas últimas edições do Estadual, o Anilado encerrou 2021 em alta, como finalista da Copa FGF, e agora sonha com uma vaga nas semis da elite do Rio Grande do Sul.

“Diferente dos outros anos, o Novo Hamburgo vem com uma expectativa melhor, porque foi vice-campeão da Copa FGF e grande parte da equipe continua. Já tem um trabalho em andamento, trabalho que quase foi premiado. A expectativa é de que, nesse ano, se consiga chegar às semifinais e, pelo menos, pegar uma vaga na Série D.”

Júlia Brasil
Bustamante (E) é um dos remanescentes do time finalista da Divisão de Acesso/Foto: Matheus Pé/FGF

Dentro de campo, o time da Região Metropolitana de Porto Alegre conta com importantes referências. Cria da casa, o experiente zagueiro Micael é o principal pilar da defesa do Novo Hamburgo, ao passo que o centroavante Alexandre Alemão, cedido pelo Avaí, se destaca como o grande nome da linha de frente. Dos três gols marcados pelo Nóia no Estadual, afinal, um foi anotado pelo próprio atleta, enquanto os outros dois contaram com assistência do camisa 9.

O Micael é um jogador muito importante. Cria da casa, capitão, ele sabe se impor, e ajuda muito os jogadores mais novos. Se não é o grande líder, é um dos. E o Alemão, com certeza, é uma das principais referências do Novo Hamburgo hoje. No jogo passado, ele se entregou muito, 100%, tanto que não aguentou até o final, já que foi muito disputado e corrido.”

Júlia Brasil
Alexandre Alemão tem bons números no Gauchão/Foto: Gustavo Henemann/ECNH

Até mesmo pelo pouco tempo de preparação para o duelo, o Nóia deve repetir, no Beira-Rio, a escalação que empatou sem gols com o São Luiz, dentro de casa, no último domingo. Assim, a provável nominata anilada conta com Lucas Maticoli; Léo, Micael, Islan e Higor; Kaio, Felipe Guedes, Michel Renner, Bustamante e Jeffinho; Alexandre Alemão.


Vitórias no Vale e no Beira-Rio 🔙

Heitor marcou no último duelo das equipes no Beira-Rio/Foto: Ricardo Duarte

O Clube do Povo levou a melhor sobre o Novo Hamburgo nos encontros mais recentes das duas equipes. Em 2021, no último confronto entre Inter e Anliado, a vitória vermelha foi conquistada pelo placar de 1 a 0, no Estádio do Vale, e contou com gol de Marcos Guilherme. O mesmo atleta balançou as redes do Nóia em 2020, quando o Beira-Rio sediou triunfo local por 2 a 0 – Heitor foi o outro goleador da ocasião.

Gurias vencem Elite e garantem liderança da chave com uma rodada de antecedência

Priscila (19) comemora o segundo do Inter com Ariely/Foto: Ricardo Marchetti

Líderes como nunca! As Gurias Coloradas visitaram o Elite, na tarde deste domingo (24/10), pela quinta rodada da fase de grupos do Gauchão. No Estádio da Zona Sul, em Santo Ângelo, o Inter contou com dois gols de Priscila, que chegou a seis no Estadual e assumiu a artilharia vermelha, e outro da estreante Júllia para vencer o rival do noroeste do Rio Grande do Sul por 3 a 1.

Com o resultado, as Gurias, que seguem 100% no torneio, chegam a 15 pontos na tabela e atingem pontuação fora do alcance dos demais companheiros de grupo. No próximo domingo (31/10), as coloradas enfrentarão o Juventude, lanterna da chave, na rodada de encerramento da primeira fase. Já o adversário do Inter nas semis será o Brasil de Farroupilha, embate também definido neste domingo.

Gurias venceram a quinta seguida no Gauchão/Foto: Ricardo Marchetti

Priscila é decisiva

As Gurias Coloradas entraram em campo já classificadas para a fase de semifinais do Gauchão. Por isso, Maurício Salgado escalou uma equipe repleta de jovens, que conquistaram importante experiência no gramado do Zona Sul. Outra atração entre as 11 iniciais foi a lateral-esquerda Belinha, que voltou a atuar após período considerável afastada por lesão. Para completar, o belíssimo uniforme rosa do Clube do Povo, vestido pelas atletas neste domingo, também fez por merecer destaque!

Maranhão foi mais uma vez titular no Estadual/Foto: Ricardo Marchetti

Embaladas pelo ritmo das caras novas presentes dentro de campo, as Gurias precisaram de míseros 10 minutos para abrir a conta em Santo Ângelo. Quem começou a jogada do gol foi Thessa, que recuperou a posse na intermediária de ataque e acionou Maranhão. A camisa 29 dominou com a perna direita antes de enquadrar o corpo e servir linda assistência para Priscila, que sequer dominou e, praticamente em cima da linha da grande área, emendou lindo voleio sem-pulo, endereçado ao ângulo da meta visitante.

As Gurias quase ampliaram nos minutos seguintes. Primeiro, Maranhão, após jogada de Maiara, até balançou as redes, mas teve seu tento anulado por impedimento. Pouco depois Priscila decidiu ser garçonete e, em lance que contou com giro de pivô, serviu Rafa, que saiu cara a cara com a goleira e finalizou buscando o canto. Teimoso, o poste adiou o segundo gol do Inter.

Priscila foi o nome do jogo/Foto: Ricardo Marchetti

Quem não fez, já diria o ditado, leva. Aos 35, Renata tirou proveito do pique da bola para antecipar a marcação colorada e, de muito longe, arriscar rasteiro. Forte, a bola morreu no contrapé de Vivi. Oito minutos mais tarde, entretanto, a igualdade foi desfeita por Priscila, que chegou ao seu sexto gol no Gauchão. Dentro da pequena área, a artilheira das Gurias recebeu grande passe de Ariely e apenas cutucou para as redes, já abertas após a saída da goleira.


Júllia brilha na estreia

Júllia (E) comemora com Maranhão (C)/Foto: Ricardo Marchetti

A trave voltou a incomodar o Inter no segundo tempo. Com apenas 12 segundos, Rafa investiu contra a marcação pela direita e, já próxima da linha de fundo, cruzou fechado, encobrindo a goleira, que foi salva pelo poste oposto. Depois, aos 11 minutos, Leidiane cobrou falta pela direita da área mandante, e Djeni, elemento-surpresa na primeira trave, cabeceou com estilo. Indefensável, a bola explodiu na barra superior.

Por sorte, as chances foram pouco lamentadas pelo Inter. Decidida a servir mais uma assistência no Gauchão de 2021, Leidiane pareceu se inspirar em Rafa quando, da direita, cobrou escanteio com altura, mas sem curva, e viu a bola tomar o endereço da segunda trave. Por ali, Júllia, que acabara de entrar para disputar sua primeira partida pelo Inter, mostrou perfume de gol para empurrar às redes e fazer o terceiro.

Lateral Ariely teve boa atuação em Santo Ângelo/Foto: Ricardo Marchetti

O gol de Júllia foi, também, o último da tarde, apesar da insistência da própria, que voltou a assustar em bonito cabeceio, e de suas companheiras, como Rafa e Priscila, que deram muito trabalho à zaga rival. Igualmente o Elite teve boa chance, em cobrança de pênalti endereçada ao travessão. Nos minutos finais, o estado do gramado, acidentado desde o primeiro apito, anulou qualquer esperança de voos maiores para qualquer uma das equipes.


Ficha técnica:

Internacional (3): Vivi (Mayara); Leidi (Vick), Isa Haas, Ari (Kewllen) e Belinha (Ariely); Thessa (Bárbara), Djeni, Maiara (Júllia) e Maranhão; Rafa Travalão e Priscila.

Gols: Priscila, aos 10’/1ºT e aos 43’/1ºT, e Júllia, aos 16/2ºT (I). Renata, aos 35’/1ºT (E).

Arbitragem: Gederson Vinicio Foletto, auxiliado por Jonas André Carls e Rafael Scolari Lavalhos.

Estádio: Zona Sul-RS.

Inter garantiu liderança do grupo com uma rodada de antecedência/Foto: Fernando Marchetti