Galeria de Fotos: Independiente Medellín 0 x 1 Internacional – 3ª rodada/CONMEBOL Sul-Americana

Pela terceira rodada da fase de grupos da CONMEBOL Sul-Americana, o Clube do Povo superou o Independiente Medellín, fora de casa, por 1 a 0. Alemão marcou o gol colorado no confronto, cujas fotos você confere a seguir!

Inter vence o Independiente, na Colômbia, com mais um gol de Alemão

Com gol de Alemão, Inter bateu o Independiente Medellín/Foto: Ricardo Duarte

Três pontos na mala, três vitórias consecutivas na temporada e três gols de Alemão com a camisa colorada! Na noite desta terça-feira (26/04), o Clube do Povo superou o Independiente Medellín, na cidade de Pereira-COL, em partida da terceira rodada da fase de grupos da CONMEBOL Sul-Americana. O triunfo de 1 a 0 foi conquistado com gol de Alexandre Alemão, que decidiu para o Inter aos nove minutos do segundo tempo.

O gol de Alemão na voz da Rádio Colorada

> Veja as imagens da partida!

Dono de cinco pontos na competição continental, o Clube do Povo volta suas atenções para o Campeonato Brasileiro. No próximo domingo (1º/05), os comandados de Mano Menezes recebem o Avaí, no Beira-Rio, em duelo da quarta rodada nacional. O embate já conta com serviço de jogo aberto e Check-In liberado, enquanto a venda de ingressos para sócios e sócias será aberta às 10h desta quarta. Clique aqui para saber mais e confirmar presença na partida. Colorado, definitivamente, joga junto!

Inter venceu a primeira na CONMEBOL Sul-Americana/Foto: Ricardo Duarte

Inter melhor e mais agressivo

Com as estreias de Alemão como titular e de Vitão com a camisa colorada, o Inter foi a campo apresentando um distinto desenho tático nos momentos em que não tinha a bola. Alinhado ao centroavante Alexandre, Wanderson atuava como um segundo homem de frente, armando o Clube do Povo no 4-4-2, que ainda tinha os meias Edenilson na direita e Carlos de Pena pela esquerda. A postura tornou especialmente agressiva a pressão alvirrubra na saída de jogo do adversário, valendo ao time de Mano Menezes consecutivos desarmes já no campo ofensivo.

Zagueiro Vitão estreou pelo Inter/Foto: Ricardo Duarte

Referência na frente, Alemão era imediatamente acionado a cada posse recuperada pelo Inter. Combativo, o centroavante soube usar do corpo para superar a zaga desde o minuto cinco, instante no qual quase transformou cruzamento de Edenilson em assistência para gol de cabeça. Já quando construía suas incursões ao ataque, o Colorado espetava Bustos na ala-direita, segurava Renê para a saída de três, aproximava Pena e Wanderson, ativos na esquerda, e potencializava o dínamo Gabriel, inquieto no corredor central.

E foi na base da troca de passes que a Academia do Povo tramou as melhores chances do primeiro tempo. Aos 26, Bustos triangulou com Dourado e cruzou boa bola para Alemão, mas Marmolejo antecipou para ficar com ela em seus braços. No minuto seguinte, Edenilson e Gabriel tabelaram dentro da área, o 23 recebeu de frente para o goleiro e finalizou, mas foi parado por milagre. Nova defesa providencial para a manutenção do zero no placar ocorreu aos 39, diante de chute venenoso de SuperEd.

Alemão já levava perigo no primeiro tempo/Foto: Ricardo Duarte

Apesar da superioridade colorada, o DIM também criou suas chances antes do intervalo, mas sempre parou em Daniel. Cedo, aos seis, o goleiro alvirrubro defendeu em dois tempos chute forte de Vladimir Hernández. Tarde, aos 39, ele bloqueou Yulian Gómez, lateral adversário que surgia livre na área do Clube do Povo, em belíssima saída da meta. Não adiantava: o primeiro tempo era dos arqueiros, que seguraram o placar no zero.

Daniel brilhou na Colômbia/Foto: Ricardo Duarte

Alemão e Daniel brilham e garantem a vitória colorada

Os colombianos retornaram em melhor nível para a etapa final, com mudança na lateral-direita. Aos quatro, por exemplo, Méndez exigiu novo milagre de Daniel, que de mão trocada enviou pela linha de fundo arremate originalmente endereçado ao seu ângulo direito. Preocupado em atacar, o Medellín ofereceu espaços em sua defesa, que foram aproveitados pelo time de Mano Menezes aos nove. Pela esquerda, Wanderson prendeu a marcação e recebeu a companhia de Rodrigo Dourado, que invadiu a área antes de servir Alemão. Uh, Alemão!

Garçom, Dourado serviu/Foto: Ricardo Duarte

O centroavante, que vinha de dois gols marcados nos últimos dois jogos, dominou fazendo o giro de perna esquerda. De frente para a bola, esperou a zaga decidir se fecharia o passe para Edenilson, livre na direita, ou o arremate cruzado, no canto de Marmolejo. Preocupada com a assistência de Alemão, a defesa colombiana pagou para ver, e deixou o camisa 35 finalizar. Para onde? Para as redes! Golaço!

Originalmente escalado no 4-1-4-1, o DIM partiu para o 4-2-3-1 após o gol de Alemão. Como seguiu sem criar, logo abraçou o 4-2-4, e só assim passou a pressionar. Com força pelos lados, o time da casa insistiu em consecutivos cruzamentos em direção à área do Clube do Povo, mas todos esses esbarraram na data desta terça-feira. Dia do goleiro em homenagem ao aniversariante e ídolo Manga, o 26 de abril presenciou consecutivos milagres de Daniel, que foi definitivo, no mínimo em três ocasiões, para a consagração do 1 a 0 colorado.

A vitória em Pereira-COL, segunda conquistada por Mano Menezes nas duas partidas que treinou o Inter, deixa o Colorado com cinco pontos na tabela, mesmo número do Independiente Medellín. Momentaneamente, o Clube do Povo é líder do grupo E da CONMEBOL Sul-Americana, competição em que enfrentará, na quinta-feira da próxima semana (05/05), o Guaireña-PAR, no Defensores del Chaco.


Primeiro tempo

5min – DIM sai jogando errado, Pena fica com a sobra e arrisca. Sem direção, ela sai pela linha de fundo.

5min – UH! Alemão leva a melhor sobre dois zagueiros e desvia cruzamento de Edenilson, feito pela direita, por cima.

Centroavante brigou com a zaga adversária/Foto: Ricardo Duarte

6min – Daniel encaixa! De fora da área, Vladimir Hernández solta o pé, e goleiro colorado defende em dois tempos.

17min – Vitão recebe o amarelo por falta em Pons.

21min – Da esquerda, Pena cobra escanteio na segunda trave. Por ali, Alemão consegue desvio mascado em direção ao gol colombiano. Marmolejo encaixa.

26min – UUUH! Gabriel inverte linda bola para Bustos, que tabela com Dourado, escapa até a linha de fundo e cruza rasteiro. Alemão quase desvia, mas a bola sai forte e morre nas mãos de Marmolejo.

Bustos criou boa chance após tabela com Dourado/Foto: Ricardo Duarte

27min – SAAAAAAAAAAAALVA O GOLEIRO! Renê cobra lateral rápida pela esquerda. Na área, Alemão faz o pivô para Gabriel, que serve Edenilson, recebe linda devolução e, em cima da marca do pênalti, chuta colocado. Goleiro salva os locais.

36min – De pé em pé, Inter chega ao ataque pela esquerda. Acionado por Wanderson, Pena tenta o lançamento em profundidade para Alemão, mas Marmolejo deixa o gol e fica com ela.

39min – UUUUUUUUUH! Gabriel dá passe de gancho para Edenilson, que chuta forte da entrada da área. Marmolejo dá rebote, mas abafa Alemão e evita o gol colorado.

Gabriel foi um gigante em campo/Foto: Ricardo Duarte

39min – DANIEEEEEEEEEEEEEL! Bustos recua bola curta para o goleiro colorado, e Gómez tira proveito para sair cara a cara com o camisa 1 do Inter, que deixa a meta e bloqueia o arremate rival.

44min – TRAVADO! Pena recebe de Wanderson e chuta de primeira. Cadavid bloqueia o arremate, que sai em escanteio.

Canhota de Carlos de Pena segue afiada/Foto: Ricardo Duarte

45min – Mais um minuto de acréscimo. Vamos a 46!

46min – Intervalo na Colômbia!


Segundo tempo

0min – Time da casa retorna com novidade. Vem Arboleda, sai Mosquera.

4min – DANIEEEEEEEEL! De muito longe, Méndez arrisca. No ângulo, goleiro colorado espalma.

7min – Gómez invade a área colorada pela esquerda e tenta o cruzamento para Hernández. Forte demais, ela sai em tiro de meta para o Inter.

9min – GOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOL! É GOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOL! É GOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOL! É GOL DO CLUBE DO POVO! É GOL VERMELHO! É GOL DO INTER! É GOL DE ALEMÃO! O HOMEM É ARTILHEIRO, É CENTROAVANTE GOLEADOR, É COLORADO TORCEDOR! GOLAAAAAAAAAAAÇO! Pela esquerda, o Inter escapa em velocidade com Wanderson, que, aberto na ponta, envolve a marcação e lança Dourado. Elemento surpresa, o volante pisa na área e assiste Alemão, que faz lindo giro com a perna esquerda, engatilha o chute de perna direita e manda cruzado, no cantinho, sem chance de defesa. TRÊS GOLS EM TRÊS JOGOS, É O TANQUE COLORADO, É ALEMÃO!

O gol de Alemão na voz da Rádio Colorada

13min – Nova mudança no time da casa. Vem López, sai Loaiza.

20min – Mauricio e David vêm a campo no Clube do Povo. Saem Wanderson e Alemão.

25min – Cambindo no lugar de Arregui: terceira substituição colombiana.

26min – Amarelo para Méndez. Acertou Dourado com o cotovelo.

29min – Mais duas novidades no Inter. Johnny e Mercado nas vagas de Dourado e Vitão, que sai de maca.

Duas vitórias em dois jogos para o professor/Foto: Ricardo Duarte

30min – Mauricio e Edenilson combinam pela direita. Com espaço, o camisa oito cruza para David, que cabeceia atrapalhado pela zaga. Marmolejo defende.

32min – Encerradas as alterações do time da casa. Castrillón entra no lugar de Vladimir.

35min – MILAAAAAAAAAAAAGRE! DANIEL! DANIEL! DANIEEEEEEEL! Castrillón cobra falta pela direita, Mercado não consegue o corte na segunda trave e Pons, na pequena área, finaliza à queima-roupa. Paredão colorado salva com o braço esquerdo!

43min – Liziero por Gabriel é a quinta troca de Mano Menezes.

Liziero foi a quinta troca colorada/Foto: Ricardo Duarte

43min – QUAAAAAAASE O SEGUNDO! Mauricio recebe na quina direita da área colombiana e chuta colocado. A bola resvala na marcação e quase encobre o goleiro, mas Marmolejo se recupera em tempo de fazer a defesa.

45min – Mais seis. Vamos a 51!

48min – HERÓI COLORADO! DANIEEEEEEL! Castrillón enche o pé a partir da quina esquerda da área colorada, mas goleiro vermelho, no seu dia, no dia do aniversário de Manga, salva o Inter.

49min – Moreno recebe o amarelo. Atropelou Bustos.

51min – POR CIMA! Johnny recebe de Edenilson, invade a área em velocidade e finaliza. Tiro de meta para os locais.

Johnny quase ampliou a vantagem alvirrubra/Foto: Ricardo Duarte

51min – Mais um. Jogo vai a 52.

52min – FIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIM DE PAPO! VITÓRIA COLORADA! O INTER VENCE NA COLÔMBIA! TRÊS PONTOS PARA O CLUBE DO POVO!


Ficha técnica:

Independiente Medellín (0): Marmolejo; Mosquera (Arboleda), Víctor Moreno, Cadavid e Yulian Gómez; Arregui (Cambindo), Javier Méndez e Loaiza (López); Vladimir Hernández (Castrillón), Luciano Pons e Pineda. Técnico: Julio Comesaña.

Internacional (1): Daniel; Bustos, Bruno Méndez, Vitão (Mercado) e Renê; Gabriel (Liziero), Rodrigo Dourado (Johnny), Edenilson, Carlos de Pena e Wanderson (Mauricio); Alemão (David). Técnico: Mano Menezes.

Gols: Alemão, aos 9’/2ºT (I).

Cartões amarelos: Javier Méndez e Moreno (D). Vitão (I).

Arbitragem: Nicolas Lamolina, auxiliado por José Savorani e Mariana de Almeida. Quarto árbitro: Yael Falcón.

Estádio: Hernán Ramírez Villegas-COL.

Independiente Medellin x Inter - Sul-Americana - 26/04/2022

Alemão marca e Inter vence o Fluminense por 1 a 0 na estreia de Mano Menezes

Alemão marcou o gol da vitória do Inter no Maracanã/Foto: Ricardo Duarte

O MARACA É ALEMÃO! Com mais um gol do centroavante, o Inter superou o Fluminense por 1 a 0, no Rio de Janeiro, em duelo da terceira rodada do Brasileirão. Conquistada no jogo de estreia de Mano Menezes na casamata do Clube do Povo, a vitória, segunda seguida do no Nacional, deixa o Colorado com seis pontos na tabela do país.

Pelo Brasileirão, o Inter volta a campo no próximo domingo (1º/05), no Beira-Rio, contra o Avaí. Antes disso, os comandados de Mano Menzes partem para a Colômbia, onde enfrentarão o Independiente Medellín, às 21h30 de terça-feira (26/04), pela terceira rodada da CONMEBOL Sul-Americana.

Colorado chegou à segunda vitória consecutiva/Foto: Ricardo Duarte

Inter começa melhor, mas Fluminense cresce

O início de partida empolgou a torcida colorada presente no Maracanã. Nos primeiros 10 minutos de confronto, o Clube do Povo assustou em quatro ocasiões, a melhor delas desperdiçada por Moledo, que quase tirou o zero do placar após cobrança de escanteio da esquerda. Escalado pelo estreante Mano Menezes com Wanderson (também debutante) na ponta-esquerda e Mauricio na direita, além de Edenilson e Carlos de Pena como interiores, o Inter seguiu melhor até os 25, demonstrando intensidade para chegar ao ataque em bloco, com muitos jogadores pisando na área carioca.

Moledo quase marcou no primeiro tempo/Foto: Ricardo Duarte

Com o passar do tempo, o Fluminense encaixou melhor sua pressão na saída de jogo colorada, forçando erros consecutivos de nossa defesa. O cenário tornou a partida mais corrida e franca, favorecendo o estilo dos cariocas, que passaram a somar maior posse de bola e se aproximar da área do Inter. Referência ofensiva dos locais, Cano bem que tentou converter o bom momento tricolor em gol, mas sofreu para levar a melhor sobre Moledo. Seguro, Daniel também contribuiu para a manutenção do empate de 0 a 0 até o intervalo.

Mano Menezes estreou com vitória/Foto: Ricardo Duarte

Alemão decide

Dos vestiários, o Inter retornou com a primeira troca de Mano Menezes. Autor de gol decisivo no domingo passado (17/04), quando o Colorado venceu o Fortaleza, no Beira-Rio, por 2 a 1, Alemão entrou no lugar de Wesley, e precisou de apenas oito minutos para reencontrar as redes adversárias. Servido por Pena, extrema-esquerda acionado por Wanderson, o centroavante fez a diagonal a partir da direita da área carioca e antecipou a zaga para desviar, de primeira, no contrapé de Fábio. Festa colorada no Maraca!

UH! ALEMÃO!

Abel respondeu ao gol do Inter com mudança no esquema tático carioca. David Braz, zagueiro, foi sacado para a entrada de Luiz Henrique, enquanto Willian deu lugar a Jhon Arias. Mais ofensivo e leve, o time da casa partiu para o ataque, mas seguiu sem conseguir criar diante de uma zaga sólida e estrelada por nova exibição de gala de Rodrigo Moledo. Já na frente, o Clube do Povo tirava proveito dos espaços oferecidos pelo Fluminense, armando contragolpes que por detalhe não valeram mais um gol ao time de Mano Menezes.

Bustos e Carlos de Pena, antes mesmo dos 30, exigiram os primeiros milagres de Fábio. O lateral-direito, que invadiu a grande área após assistência de Edenilson, encheu o pé para defesa providencial do goleiro, ao passo que o uruguaio, na altura da meia-lua, teve seu arremate, colocado, espalmado em escanteio. Aos 42, Alemão, violentamente caçado pela marcação tricolor, superou as pancadas para, aos trancos e barrancos, arriscar de perna canhota. Com desvio de Luccas Claro, o lance quase resultou em gol, mas o placar já estava definido: 1 a 0 para o time de Mano Menezes!

Grande estreia, professor!/Foto: Ricardo Duarte

Primeiro tempo

2min – UUUUUUUH! Bustos recebe pela direita e estica jogo até Mauricio, que cruza rasteiro. Edenilson resvala na primeira trave, mas Wesley, na marca do pênalti, é antecipado pela zaga. Era gol!

3min – PRESSIONA O INTER! Wanderson recebe de Mauricio, que fazia fila na defesa carioca, e arrisca de fora da área. Por cima!

7min – QUASE O GOL COLORADO! Pena cobra escanteio da esquerdo em direção à segunda trave. Por ali, Mercado sobe mais do que a zaga e desvia para Moledo, que cabeceia por cima.

10min – FÁBIO! Pena, da entrada da área, arrisca de perna canhota. Goleiro carioca defende sem rebote.

15min – Lesionado, Manoel deixa o campo. Entra Luccas Claro.

21min – VALEU, ED! Camisa oito corta André, abre ângulo para a perna esquerda e, da entrada da área, solta a bomba. Tiro de meta para Fábio, que se esticou todo, mas não tocou nela.

31min – André, de cabeça, tenta servir Cano, que tinha espaço na área colorada. Daniel deixa o gol e encaixa sem rebote!

35min – Martinelli, de fora da área, arrisca. Daniel, no centro do gol, segura.

36min – Cano, de cabeça, tenta encobrir Danil, mas o goleiro faz mais uma defesa firme.

41min – David Braz recebe o primeiro amarelo do jogo.

44min – Willian arma contra-ataque veloz para o Fluminense. Pela direta, ele invade a área e cruza para Cano, que chega batendo. De primeira, para fora.

45min – Mais dois! Vamos a 47.

46min – MOLEDÃO! Cano recebia bom passe em profundidade na área colorada, mas zagueiro dono da camisa quatro antecipa e corta pela linha de fundo.

47min – Intervalo no Maracanã.


Segundo tempo

0min – Inter retorna com mudança. Vem Alemão, sai Wesley.

8min – É GOOOOOOOOOOL! É GOOOOOOOOOL! É GOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOL! É GOL COLORADO NO MARACANÃ! É GOL DE ALEMÃO! É DE CENTROAVANTE! UH, ALEMÃO! UH, ALEMÃO! PRA CIIIIMA! Inter roda a bola no corredor central da intermediária ofensiva. De Edenilson ela chega até Wanderson, que estica jogo na direção de Carlos de Pena. Aberto na esquerda, o uruguaio cruza rasteiro, e Alemão antecipa a zaga para desviar às redes cariocas. De pé em pé até o barbante: essa é a Academia do Povo!

O gol de Alemão na narração da Rádio Colorada

13min – Amarelo para Luccas Claro. Caçou Alemão!

14min – POR CIIIIIIIIIIIMA! Edenilson cobra falta pela direita. Na quina esquerda da grande área, Pena emenda de primeira e manda pela linha de fundo.

15min – Duas mudanças no Fluminense: Luiz Henrique e Arias nos lugares de David Braz e Willian.

16min – Também tem troca no Inter. David, de volta de lesão, entra na vaga de Wanderson.

19min – David recebe o amarelo.

26min – Boschilia entra na vaga de Mauricio. Terceira troca de Mano.

29min – QUE AULA DE CONTRA-ATAQUE! Edenilson escapa pela direita. Em altíssima velocidade, o meio-campista abre até Bustos, que invade a área e enche o pé. Fábio salva o Fluminense!

29min – FÁÁÁÁÁÁÁÁÁBIO! De Pena recebe com espaço e, a poucos passos da meia-lua, arrisca de perna canhota. Goleiro tricolor voa para espalmar em escanteio.

32min – Muda o Fluminense. Entra Fred na vaga de Martinelli, vem Matheus Martins no lugar de Ganso.

39min – Dourado por Edenilson, que sai com dores, é a última troca de Mano Menezes no jogo.

41min – Por reclamação, Fred é amarelado.

42min – QUASE! Alemão recebe de David, avança na marra e chuta de canhota. Mascada, a bola desvia em Luccas Claro e quase vai no contrapé de Fábio, que se estica todo para defender.

45min – Mais sete de acréscimos!

46min – Daniel amarelado por antijogo.

47min – Calegari acerta Alemão. Amarelo nele!

48min – Dourado também recebe o amarelo.

50min – Cartão para Arias. Caçou o Pena.

52min – FIM DE JOGO NO MARACANÃ!


Ficha técnica:

Fluminense (0): Fábio; Nino, Manoel (Luccas Claro) e David Braz (Luiz Henrique); Calegari, André, Martinelli (Fred) e Marlon; Ganso (Matheus Martins); Cano e Willian (Jhon Arias). Técnico: Abel Braga.

Internacional (1): Daniel; Bustos, Rodrigo Moledo, Gabriel Mercado e Renê; Gabriel, Edenilson (Dourado), Carlos de Pena; Mauricio (Boschilia), Wesley Moraes (Alemão) e Wanderson (David). Técnico: Mano Menezes.

Gols: Alemão, aos 8’/2ºT (I).

Cartões amarelos: David Braz, Fred, Calegari, Arias e Luccas Claro (F). David, Daniel e Dourado (I).

Arbitragem: Braulio da Silva Machado, auxiliado por Alex dos Santos e Thiaggo Labes. Quarto árbitro: Philip Bennett. VAR: Emerson de Almeida Ferreira.

Estádio: Maracanã-RJ.

“Chegar aqui é um sentimento muito grande!” Colorado desde a infância, Alemão promete empenho e trabalho com a camisa do Inter

Mais novo reforço do Clube do Povo, o atacante Alemão foi oficialmente apresentado no final da manhã desta terça-feira (29/03). Aos 23 anos, o atleta, anunciado há pouco mais de uma semana, chega ao Inter após se destacar com as cores do Novo Hamburgo, equipe pela qual marcou dois gols e deu três assistências em sete jogos do Gauchão de 2022. Natural de Santa Catarina, o jogador, que vestirá a camisa de número 35, revelou, em sua primeira coletiva como jogador colorado, a satisfação por defender o time do coração de sua família.

“Quando veio a notícia do Inter,

o time do meu coração, sempre fui colorado e minha família também,

a felicidade foi enorme!”

ALemão
Alemão (E) cumprimenta Emílio Papaléo Zin (D)/Foto: Ricardo Duarte

A coletiva de apresentação do novo atacante colorado foi aberta por Emílio Papaléo Zin, vice-presidente de Futebol do Internacional. Diante dos microfones, o dirigente alvirrubro desejou boas-vindas a Alemão, destacando a velocidade com que o catarinense tem se adaptado ao dia a dia do CT Parque Gigante, e também elucidou o modelo de negócio fechado pelo Inter com o atleta, que chega em definitivo, com a maior parte de seus direitos vinculados ao Clube do Povo, até dezembro de 2023.

“O Sport Club Internacional tem muita satisfação em apresentar sua nova contratação: o atacante Alemão, que foi destaque, como todos sabem, nesta temporada, pela Novo Hamburgo. Queremos te desejar uma excelente jornada, a casa é tua. Seja muito bem-vindo! Já está completamente adaptado ao nosso sistema, ao nosso grupo, foi muito bem recebido, e esperto todo o sucesso e que tu te realizes aqui como profissional.”

Emílio Papaléo Zin
Alemão vestirá a camisa 35/Foto: Ricardo Duarte

Sabatinado pelos repórteres presentes na sala de coletivas do CT Parque Gigante, Alexandre Zurawski não titubeou em definir o Inter como o maior desafio de sua carreira. Prospectado no futebol do Interior do Rio Grande do Sul, Alemão lembrou que a história colorada é fértil em exemplos de jogadores que chegaram de clubes de menor expressão e se tornaram referências no Beira-Rio. Para repetir o brilho desses, o atacante prometeu muito trabalho na rotina de treinamentos.

Foto: Ricardo Duarte

“Com certeza, é o maior desafio da minha carreira até agora. O time de maior expressão, a camisa de maior expressão. O futebol está cheio de exemplos. Estou construindo a minha carreira, o Inter é um clube de um nível acima, o maior que peguei até agora, e acho que a vida é feita de desafios. Vou ter um aqui, e espero me dar bem. O sucesso vem com a continuidade, com o treinamento no dia a dia. É um conjunto, e vamos buscar estar sempre trabalhando pela melhora, para o resultado aparecer dentro de campo.”

Alemão

Alemão também comentou a briga por posição no ataque colorado. Polivalente, ele surgiu para o futebol como jogador de beirada, mas há três anos já atua de maneira mais centralizada. Como referência, porém, passa longe de ser um atleta de pouca movimentação, tanto que acredita que sua mobilidade foi um dos trunfos para atrair a atenção do Inter. Agora, o camisa 35 espera seguir evoluindo tanto nas estatísticas quanto no comportamento dentro de campo.

Foto: Ricardo Duarte

“Todos os atletas que estão aqui brigam por espaço. Estou chegando agora, há pouco tempo, e já estou bem confortável aqui no Clube. Vou brigar por espaço, dar o meu melhor. Trabalhei forte em todos os clubes até agora. Há dois anos e meio, quase três, eu jogo como centroavante, e desde o começo do Gauchão eu fui muito bem. Não é só número, gols e assistências, e acho que isso se dá a minha evolução. A movimentação é muito importante para ajudar o time.”

Alemão
Alexandre Alemão durante os trabalhos com o grupo/Foto: Ricardo Duarte

Confira outras aspas:

A quase desistência do futebol

“Eu era jovem, com 16 anos, e não imaginava chegar em um nível assim. Então eu parei, fui buscar meu espaço na área do trabalho, e voltei muito por causa da minha empresária. Me viram jogando uma pelada de final de semana e me chamaram para começar com peneiras em clubes. A partir daí, foi um crescimento. Com certeza, chegar aqui é um sentimento muito grande.”

Alexandre Alemão

Como pode contribuir para o setor ofensivo

“Quando fui para o Avaí, já era centroavante, e lá tive uma ajuda do pessoal das estatísticas e da análise de desempenho. Me adaptei muito bem, tenho evoluído cada vez mais, e treinado para isso. No Novo Hamburgo, disse que buscaria muito o gol, e me destaquei marcando e dando assistências. Hoje, o treinador frisou que temos que atacar mais a área, chutar mais no gol. Isso está sendo trabalhado.”

Alexandre Alemão