Guerreiro, Inter vence na Bombonera, mas é superado nos pênaltis

O Inter fez por merecer a vaga nas quartas da América. Na Bombonera, os comandados de Abel Braga dominaram partida disputada contra o Boca Juniors, encerrada com vitória de 1 a 0 nos 90 minutos, gol contra de Fabra. Nas penalidades, porém, os donos da casa converteram cinco, uma a mais do que o Inter, que deixa a competição de cabeça erguida.

O Clube do Povo volta a campo no próximo sábado (12/12). No Beira-Rio, o time colorado recebe o Botafogo, a partir das 19h, para a disputa de confronto da 25ª rodada do Brasileirão.


Inter domina

O Inter foi dono do jogo na etapa inicial. Extremamente ligado no jogo, o Clube do Povo encurralou o Boca Juniors na Bombonera, forçando erros seguidos nos raros instantes de posse rival. Raros pois quem teve a bola em quase 65% do tempo de partida foi o Colorado, senhor do meio de campo com o trio Patrick, Edenilson e Praxedes. A partir das combinações dos três, inclusive, os comandados de Abel Braga criaram excelentes oportunidades, quase sempre apoiadas por Moisés, que dava profundidade às tramas ofensivas gaúchas.

Na melhor chance alvirrubra, Moisés tabelou com o Pantera, este foi ao fundo e rolou para Galhardo, que carimbou o travessão. Thiago ainda exigiria bonita defesa de Andrada após cabeceio forte, resultado de bom cruzamento do lateral-esquerdo colorado. Patrick também tornaria a aprontar das suas, sobrecarregando Buffarini. Apesar das muitas oportunidades, todavia, o Clube do Povo não conseguiu abrir o marcador, que seguiu zerado para o intervalo.


Justiça no placar

Logo do reinício do confronto, o Clube do Povo chegou ao merecido gol de abertura do placar. Patrick costurou pelo centro e abriu o jogo com Moisés, que foi ao fundo pela esquerda e cruzou rasteiro. A bola superou Andrada e, antes de Marcos Guilherme, debaixo das traves na altura do segundo pau, Fabra atentou contra o próprio patrimônio.

A vantagem colorada exigiu postura mais franca dos locais, que tentaram armar uma blitz, mas esbarraram na excelente retaguarda do Clube do Povo. Muito bem postado, o Inter ainda contou com excelentes escapadas, contra-ataques que por detalhe não resultaram em gol que seria fundamental. Prova do desespero xeneize foi a expulsão de Obando, que agrediu Edenilson, já nos acréscimos, e por isso foi retirado de campo. Apesar da maiúscula exibição, os comandados de Abel Braga foram infelizmente eliminados nas penalidades.


Melhores momentos – primeiro tempo

1min – Cartão amarelo para Moisés. Falta fora do lance em Buffarini.

5min – Amarelo para D’Alessandro. No banco, argentino é advertido por reclamação.

9min – UH! Edenilson faz linda jogada individual pela esquerda, deixa dois para trás e serve Galhardo. Do camisa 17 ela chega em Marcos Guilherme, que finaliza travado. Escanteio para o Inter!

16min – NO TRAVESSÃÃÃÃÃÃO! Praxedes quebra as linhas argentinas com excelente passe para Patrick. O Pantera tabela com Moisés, invade a área xeneize e rola para Galhardo. Dentro da área, ele finaliza de primeira, com o pé direito, direto no poste superior dos donos da casa.

25min – SAAAALVA ANDRADA! Edenilson inverte com Patrick, que vai ao fundo pela esquerda, supera a marcação e cruza para Praxedes. Na entrada da área, o jovem colorado testa consciente, para baixo. Em dois tempos, goleiro rival salva os locais.

28min – DE NOVO ELE! Moisés vai ao fundo pela esquerda e cruza na medida para Galhardo, que cabeceia buscando o canto. Andrada, mais uma vez, salva o Boca.

31min – TERCEIRO MILAGRE! Lindoso dá rasteira para Marcos Guilherme, que dispara atrás de Izquierdoz, chega na frente e resvala com o bico da chuteira. Ela passa de Andrada mas, sem força, é defendida pelo goleiro.

32min – SAAAAALVA A ZAGA! Praxedes para Patrick. O Pantera vai ao fundo e cruza rasteiro para trás. Entre Praxedes e Galhardo, Izquierdoz aparece para cortar.

33min – Cera de Andrada. Pressão colorada é imensa na Bombonera!

44min – Assustou! Após cobrança de escanteio curto, Inter ronda a área adversária. Ela fica com Praxedes, da intermediária, que arrisca. Tiro de meta xeneize.

45min – Vamos a 48. Mais três.

47min – ANDRADA! Patrick entorta Buffarini de novo, vai ao fundo e cruza para a marca do pênalti. Goleiro xeneize deixa o gol para ficar com ela.

48min – Encerrada a etapa inicial.


Segundo tempo

2min – GOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOL DO INTERNACIONAL! É DO CLUBE DO POVO! É DO COLORADO ALEGRIA DOS NOSSOS CORAÇÕES! É DA ACADEMIA DO POVO! Patrick, de novo ele, faz grande jogada, quebra a marcação e aciona Moisés. O lateral cruza rasteiro, a bola passa de Andrada e, antes de Marcos Guilherme, Fabra, na segunda trave, manda contra o próprio patrimônio. INTER NA FRENTE NA BOMBONERA!

8min – UHHH! Praxedes entorta a marcação e serve Marcos Guilherme nas costas da marcação. Antes do camisa 23, Andrada deixa o gol e, no limite da grande área, encaixa. Mais um centímetro e o Inter convertia sua segunda oportunidade.

8min – MOLEDO! Tevez domina na entrada da grande área colorada, corta para a direita e finaliza rasteiro. Camisa quatro do Clube do Povo afasta o perigo.

12min – LOMBA! Tevez dispara pela direita, corta para dentro e, caído, finaliza. Lomba espalma em escanteio.

14min – Dupla troca no Boca. Obando e Jara nas vagas de Villa e Buffarini.

19min – Patrick, de novo, leva a melhor e invade a área xeneize. Da esquerda, ele cruza à meia-altura. Andrada encaixa.

23min – Yuri por Marcos Guilherme. Primeira substituição no Inter.

28min – PRA FOOOOORA! Inter puxa contra-ataque com Yuri, que costura da direita para dentro e solta uma bomba. Ela explode na marcação e, na entrada da grande área, pela esquerda, Galhardo desvia no reflexo. Por muito pouco a bola não tomou a direção do gol!

31min – SALVA A ZAGA! Galhardo e Yuri tabelam, o camisa 17 serve o companheiro que, invadindo a área pela direita, tem seu arremate travado.

35min – Dupla troca no Inter. Peglow e Dourado são as novidades. Saíram Galhardo e Praxedes.

36min – ELE ENTROU COM TUDO! Peglow recebe de Cuesta, dá um chapéu no marcador, invade a área pela direita e tenta cruzar rasteiro para o livre Yuri. Antes, a zaga corta.

37min – PRA FOOOOOOOORA! Edenilson cobra escanteio da direita, Andrada deixa ela escapar e Cuesta, de direita, emenda. Por cima da meta, por pouco!

40min – PNEU FUROU! Tevez tenta emendar bicicleta, mas não pegou em cheio.

42min – Abel é advertido com amarelo.

44min – Cardona finaliza com perigo de fora da área, mas a bola sai em tiro de meta para o Clube do Povo.

45min – Segundo tempo vai a 49. Mais quatro.

46min – Obando advertido com amarelo por pizão em Edenilson.

48min – Após consulta ao recurso de vídeo, Roberto Tobar expulsa Obando.

49min – Leandro Fernández por Patrick, nova mudança no Inter.

51min – Encerrada a partida. Vamos para as penalidades.


Pênaltis:

Tevez abre a contagem para o Boca Juniors. 1-0

Rodinei, com excelência, marca para o Inter. 1-1

LOMBA! LOMBA! LOMBA! Goleiro defende a cobrança de Cardona. 1-1

GOL! Edenilson converte! 1-2

Salvio marca para os donos da casa. 2-2

Lindoso cobra por cima. 2-2

Fabra faz o terceiro xeneize. 3-2

YURI IGUALA A CONTAGEM! 3-3

Izquierdoz anota o quarto. 4-3

Leandro! Gol! Vamos para as alternadas. 4-4

Jara faz o quinto do Boca Juniors. 5-4

Peglow desperdiça e a contagem é encerrada. 5-4.


Ficha técnica:

Boca Juniors (0(5)): Andrada; Buffarini (Jara), Lisandro López, Izquierdoz e Fabra; Campuzano, Capaldo, Salvio, Cardona e Villa (Obando); Tevez. Técnico: Miguel Ángel Russo.

Internacional (1(4)): Marcelo Lomba; Rodinei, Rodrigo Moledo, Victor Cuesta e Moisés; Rodrigo Lindoso, Edenilson, Patrick (Leandro Fernández) e Praxedes (Dourado); Marcos Guilherme (Yuri Alberto) e Thiago Galhardo (Peglow). Técnico: Abel Braga.

Gols: Fabra, contra, aos 2 minutos do segundo tempo (I).

Cartões amarelos: Moisés, Abel Braga e D’Alessandro (I).

Cartão vermelho: Obando (B).

Arbitragem: Roberto Tobar, auxiliado por Christian Schiemann e Claudio Rios. VAR: Julio Bascuñan.

Estádio: La Bombonera-ARG.

Fotos: Boca Juniors x Inter – Libertadores/Oitavas de final

Colorado larga em desvantagem

O Clube do Povo abriu nesta quarta-feira (02/12) a disputa das oitavas de final da Libertadores da América. No Beira-Rio, o Inter recebeu o Boca Juniors, a partir das 21h30, e largou em desvantagem. Com gol de Tevez, os visitantes venceram por 1 a 0, resultado que obriga o Colorado a buscar, na próxima quarta (09/12), triunfo na Bombonera. O duelo também será disputado às 21h30.


Lá e cá

Os primeiros movimentos do confronto transcorreram à altura da expectativa que antecedeu o apito inicial. Mandante, o Inter tomou as rédeas da partida ao longo dos 10 minutos de abertura e criou boas oportunidades pelos lados do campo, apostando nas duplas Heitor e Lindoso, que caíam pela direita, e Patrick e Uendel, dominantes no corredor esquerdo.

Deficiente na recomposição, o Boca exibia jogadores de sobra no campo ofensivo, responsáveis por perigosíssimos contra-ataques. De trocação pura, o cenário do duelo progrediu para contexto de maior disputa na região central do campo.

Salvio e Villa passaram a fechar os respectivos corredores direito e esquerdo da zaga xeneize, enquanto Patrick começou a oferecer maior apoio a D’Ale na armação. Os visitantes ainda chegariam com grande perigo antes do intervalo, mas a etapa inicial seria finalizada sem movimentações no placar.


Quem não faz…

A exemplo do que ocorrera na primeira etapa, o Inter retornou dos vestiários em alto nível. Com nova alteração tática, o Clube do Povo passou a atuar com uma linha de três meio-campistas atrás de Galhardo, centroavante. Yuri assumiu o corredor esquerdo, Patrick a armação e Mauricio o lado direito. As mudanças confundiram a marcação argentina e, por detalhe, não valeram gol ao Colorado.

Entregue aos contra-ataques, o Boca tirou proveito de desatenção da retaguarda vermelha para, aos 15, abrir o placar com Tevez. O tento animou os argentinos, que assumiram o controle da partida e criaram boas oportunidades, nenhuma convertida em novo tento. A partir das entradas de Leandro Fernández e Nonato, porém, o Clube do Povo voltou a assustar, chegou a acertar o poste, mas não buscou a igualdade. Na Bombonera, o Inter precisa vencer para chegar às quartas da América.


Melhores momentos – primeiro tempo

0min – D’Alessandro e Uendel tabelam pela esquerda. O camisa 10 colorado recebe na altura da grande área e cruza fechado. Andrada deixa o gol e encaixa.

0min – PRA FOOOOORA! D’Alessandro cobra escanteio da esquerda, a zaga corta parcialmente e a sobra, na meia-lua da grande área, fica com Patrick. O pantera emenda de canhota e a bola sai tirando tinta do poste direito de Andrada.

4min – Fabra tenta lançamento em profundidade para Cardona. Lomba deixa o gol e fica com ela.

7min – UHHH! Inter chega em altíssima velocidade. Pela esquerda, Patrick dispara e cruza. Galhardo faz o pivô servindo Lindoso, que domina engatilhando e solta a bomba de perna direita. Na rede, por fora!

9min – Salvio serve Tevez, que invade a área colorada pela esquerda e finaliza com desvio. Escanteio visitante.

15min – Dupla de ataque colorada volta a combinar! Galhardo vence no alto e serve Yuri, que domina de frente para a grande área e dá em profundidade, buscando o 17 alvirrubro. Antes dele, Andrada deixa a meta.

17min – PRA FOOOOOORA! Uendel cruza da esquerda na segunda trave. Galhardo sobe bem e, soberano, desvia. Ela tira ainda mais tinta do poste xeneize!

20min – Galhardo recebe o amarelo por falta em Andrada.

30min – Villa arranca em contra-ataque de altíssima velocidade, invade a área colorada, corta para a canhota e finaliza rasteiro. Ela leva perigo, mas sai em tiro de meta.

33min – Tevez recebe de Buffarini, vai ao fundo pela direita e cruza. Izquierdoz desvia, mas ela vai por cima.

37min – Izquierdoz, de novo ele, sobe na área colorada e desvia de cabeça. Tiro de meta para Lomba.

41min – Amarelado Fabra. Lateral xeneize acertou Moledo.

44min – LOOOOOMBA! Villa faz o facão e, da esquerda para dentro, solta uma bomba. Goleiro colorado espalma por cima!

45min – Vamos a 47. Mais dois!

47min – Encerrada a primeira etapa.


Segundo tempo

0min – Entra Mauricio, sai D’Alessandro. Tem mudança no Inter!

3min – ELA NÃO QUIS ENTRAR! Heitor faz grande jogada pela direita, enfileira marcadores driblados, invade a área e solta o petardo. Desviada, a bola encobre Andrada, mas supera o travessão. Canto bola!

5min – LOOOOMBA! Tevez, livre na direita da área colorada, fica com a sobra de bola espirrada pela marcação e, cara a cara com Lomba, finaliza rasteiro. Goleiro do Inter defende e, na sequência, arbitragem assinala impedimento na origem da jogada.

10min – UUUUUUUH! Maurício recebe pela direita, corta para dentro e, com a canhota, finaliza forte. Ela desvia em Izquierdoz, engana Andrada, mas sai em escanteio. Que perigo!

13min – MEU DEUS DO CÉU! Uendel cruza da esquerda, na medida para Galhardo. Praticamente na pequena área, camisa 17 desvia, a bola pica e se afasta da direção da meta. Que perigo!

16min – Patrick recebe o amarelo pela sequência de faltas.

17min – Tevez recebe de Salvio e finaliza para as redes. Na comemoração, o atleta tirou a camisa para homenagear Maradona e, por isso, recebeu o amarelo.

22min – Yuri Alberto deixa o campo para a entrada de Leandro Fernández.

29min – No Boca, entra Maroni. Quem deixa o campo é Salvio.

31min – Rodrigo Lindoso recebe o amarelo.

32min – Tevez recebe na frente da área colorada, dispara em velocidade e tenta de canhota. A bola vai por cima do travessão.

34min – NA TRAAAAAAAAAVE! Leandro Fernández cobra falta frontal. A bola, que buscava o canto direito, no contrapé de Andrada, explode no poste. Que oportunidade!

35min – No Inter, vem Nonato. Deixou o campo Lindoso.

39min – Campuzano recebe o amarelo.

39min – MEU DEUS DO CÉU! Leandro Fernández, da intermediária ofensiva, cobra a falta buscando o gol xeneize. Um petardo, o arremate sai tirando muito perigo!

40min – PRA FOOOOORA! Mauricio aciona Galhardo, que cruza para trás. Dentro da grande área, Patrick chega batendo de primeira, com a canhota, mas tira demais da meta. Quase o tento de empate colorado!

45min – Vamos a 50. Mais cinco!

46min – Cardona e Tevez saem. Leonardo Jara e Soldano são as novidades.

48min – PRA FOORA! Patrick costura pelo centro e abre o jogo com Mauricio. O meia não consegue o domínio, mas a sobra, pela direita, é de Heitor, que enche o pé. Tiro de meta!

49min – LOOOOMBA! Buffarini invade a área colorada pela direita e finaliza forte. Goleiro colorado defende.


Ficha técnica:

Internacional (0): Marcelo Lomba; Heitor, Rodrigo Moledo, Zé Gabriel e Uendel; Rodrigo Dourado, Rodrigo Lindoso (Nonato), Patrick e Andrés D’Alessandro (Mauricio); Yuri Alberto (Leandro Fernández) e Thiago Galhardo. Técnico: Leomir de Souza.

Boca Juniors (1): Esteban Andrada; Julio Buffarini, Lisandro López, Carlos Izquierdoz e Frank Fabra; Jorman Campuzano, Nicolás Capaldo, Eduardo Salvio (Gonzalo Maroni), Edwin Cardona (Leonardo Jara) e Sebastián Villa; Carlos Tevez (Franco Soldano). Técnico: Miguel Ángel Russo.

Gols: Carlos Tevez, aos 17 minutos do segundo tempo (B).

Cartões amarelos: Thiago Galhardo, Lindoso e Patrick (I). Frank Fabra, Jorman Campuzano e Carlos Tevez (B).

Arbitragem: Esteban Ostojich (URU), auxiliado por Richard Trinidad (URU) e Carlos Barreiro (URU); Quarto Árbitro: Christian Ferreyra (URU); Árbitro de Vídeo (VAR): Nicolás Gallo (COL); Auxiliar do VAR: Gery Vargas (BOL).

Estádio: Beira-Rio.

Fotos: Inter x Boca Juniors – Libertadores/Oitavas de final

Raio-X: tudo sobre o primeiro encontro com o Boca

Dia de Copa! O Clube do Povo enfrenta, a partir das 21h30 desta quarta-feira (02/12), o Boca Juniors, no Beira-Rio. Confronto de ida das oitavas de final da Libertadores da América, o clássico continental abre a disputa por vaga entre as oito melhores equipes do continente. Confira tudo sobre o duelo!


Transmissão

Clique para conferir a programação da Rádio Colorada

A Rádio Colorada abre às 20h30, com o pré-jogo Portões Abertos, a transmissão do duelo entre Inter e Boca Juniors. A partir das 21h15, a emissora que mais transmite o Clube do Povo no mundo inicia a Jornada Esportiva para o clássico continental. Ao soar do último apito, começa o Vestiário Vermelho, atração que repercute, através de entrevistas exclusivas e também coletivas, os detalhes do duelo recém-encerrado. Acompanhe a Mais Vermelha via FM 95.5 ou Site e APP do Inter!

Clique aqui para fazer o download do APP do Inter para Android

Clique aqui para fazer o download do APP do Inter para IOS

As redes sociais do Clube do Povo (@scinternacional no TwitterInstagram Facebook) oferecerão o mais completo minuto a minuto da internet, repleto de imagens compartilhadas de maneira instantânea. Na TV, a Conmebol TV transmite com exclusividade. Confira a numeração do canal em cada operadora disponível:

Conmebol TV:
Claro: 711, 712, 713 e 714.

Sky: 220 e 221 – HD: 620 e 621.

Novas datas

Maradona em duelo contra o Inter válido pelo Torneio Joan Gamper de 1982

Inter e Boca Juniors abririam o embate de oitavas da Libertadores na quarta-feira passada, dia 25 de novembro. Na data, porém, faleceu Diego Armando Maradona, maior ídolo do futebol argentino e um dos principais jogadores da história do futebol. Em sinal de luto à memória del pibe de oro, a Conmebol adiou os duelos de ida e volta em uma semana. Confira as novas datas:

Partida de ida:
Inter x Boca Juniors – Estádio Beira-Rio
02/12/2020 – 21h30 de Brasília

Partida de volta:
Boca Juniors x Inter – La Bombonera
09/12/2020 – 21h30 de Brasília.

Maradona é ídolo no Boca Juniors, time pelo qual torcia

Vamo, Colorado!

O Inter está pronto para encarar o Boca! A preparação colorada foi encerrada na tarde desta terça-feira (01/12), com trabalhos no CT Parque Gigante. Sob o comando dos auxiliares Osmar Loss e Leomir de Souza, uma vez que Abel Braga segue em isolamento após testar positivo para o novo coronavírus, o grupo vermelho realizou atividades que encaminharam a escalação que irá a campo no Beira-Rio.

Na luta para largar em vantagem na Libertadores, o Inter precisará superar uma série de desfalques. Lesionados, Johnny, Abel Hernández, Moisés, Guerrero, Saravia e Boschilia estão fora do confronto, bem como os suspensos Cuesta e Rodinei. O trio Edenilson, Caio Vidal e Matheus Jussa, com Covid-19, completa a lista de ausências.

Artilheiro colorado na temporada com 21 gols marcados, Thiago Galhardo concedeu entrevista coletiva na tarde desta terça-feira (01/12). Antes do treinamento, o camisa 17 do Clube do Povo projetou o duelo que se avizinha no horizonte vermelho e destacou a grandiosidade do confronto contra o Boca Juniors. Confira:

“Todo trabalho demanda tempo. Todos os treinadores dizem isso. Nós, os comandados, sabemos. Aos poucos a gente tem melhorado e tenho certeza que, logo menos, espero que amanhã, a gente já possa começar a dar essa resposta de, além de fazer um bom jogo, conquistar a vitória, que é o que mais importa pra nós.”

Thiago Galhardo


Inscritos

O Inter divulgou na terça-feira retrasada (24/11) a lista atualizada de atletas inscritos na Conmebol Libertadores. Entre as novidades da nominata, que conta com 47 jogadores, está Maurício. Dono da camisa sete, o meio-campista, contratado no início do mês de novembro, soma um gol em três partidas disputadas pelo Clube do Povo. Confira a relação completa:


Arbitragem – com VAR!

Roberto Tobar, auxiliado por Alejandro Molina e Raúl Orellana. VAR: Julio Bascúñan. Quarteto chileno. A partir das oitavas de final, a Libertadores conta com o recurso de vídeo.


O Rival

A imponência da mítica Bombonera/Foto: Twitter Boca Juniors, DVG

Vice-campeão da Libertadores em 2018 e eliminado nas semifinais de 2019 – em ambas ocasiões superado pelo rival River Plate -, o Boca Juniors tem na ‘Copa’ sua principal obsessão para a atual temporada. Vencedor da última edição do Campeonato Argentino, o Xeneize manteve a maior parte dos titulares da conquista nacional, e aposta no entrosamento de seus atletas para levantar o principal torneio da América pela sétima vez na história.

O recente título argentino passa muito por Miguel Ángel Russo. Treinador xeneize na última Libertadores conquistada pelo Boca, em 2007, ele retornou para a casamata da Bombonera no início de 2020. Escolhido pela diretoria que tomou posse em dezembro passado, assumiu no lugar de Gustavo Alfero. Sob o comando do profissional de 64 anos, o Azul y Oro construiu excelente arrancada na reta final do Nacional e, com seis vitórias e um empate nas últimas sete rodadas, levantou sua 34º taça do campeonato local.

Miguel Ángel Russo, técnico xeneize/Foto: Twitter Boca Juniors, DVG

A incrível arrancada do Boca de Russo contou, ainda, com 16 gols marcados e apenas um sofrido. Desde a taça nacional, o Xeneize disputou outras 12 partidas oficiais. Do total, venceu oito, empatou duas e perdeu outras duas. No último domingo (01/12), o rival colorado deste meio de semana derrotou o Newell’s Old Boys, na Bombonera, por 2 a 0. Repleto de homenagens a Maradona, o confronto contou com doblete de Cardona.

Goleador do dia, Cardona comemora inidcando imagem de Maradona/Foto: Twitter Boca Juniors, DVG

Na Libertadores, o Boca, que envolvido com as últimas partidas do Campeonato Nacional disputou a abertura de sua chave com reservas, somou 14 pontos no grupo H. A equipe marcou 10 gols e sofreu apenas um, exatamente na primeira rodada, em cobrança de falta. Salvio, autor de cinco tentos, foi o artilheiro xeneize na fase. Além dele, marcaram também Tevez, duas vezes, e Ábila, Reynoso e Lisandro López, um cada.

Em relação à equipe que conquistou a Argentina, Miguel Russo sofreu apenas uma baixa: o meio-campista Pol Fernández não acertou sua renovação de contrato e foi descartado dos planos xeneizes. Em seu lugar, o camisa 14 Nicolás Capaldo, cria da casa, tem atuado com relativa frequência. O atleta abre a região central ao lado de Campuzano, volante titular desde o título nacional. A dupla deve ser titular contra o Inter, bem como Cardona, na armação, Villa, na ponta-esquerda, e Tevez, na frente.

Campuzano veste a 21 azul y oro/Foto: Twitter Boca Juniors, DVG

Existem, igualmente, certezas quanto à defesa xeneize. Esteban Andrada será o goleiro, em retaguarda que também contará, da direita para a esquerda, com Buffarini, Izquierdoz e Frank Fabra. Restam, assim, duas dúvidas na nominata xeneize, uma de ordem física e outra por motivos técnicos.

No meio de campo, Toto Salvio costuma atuar pela faixa direita. Dono da camisa 11, o experiente meia de 30 anos sofreu lesão no último dia oito, em partida contra o Newell’s, e deve retornar aos campos exatamente contra o Inter. Sob o comando de Miguel Russo, Salvio, um dos protagonistas da atual geração xeneize, já anotou 10 gols. Caso não atue, Maroni, Wanchope Ábila e Soldano são alternativas.

Cardona, Tevez e Villa: trio deve começar o jogo nesta quarta/Foto: Twitter Boca Juniors, DVG

A segunda incerteza que rodeia a formação xeneize dá conta da dupla de zaga. Lisandro López, experiente defensor de 31 anos que pertence ao Benfica, é o mais cotado para iniciar o duelo no Beira-Rio. O peruano Carlos Zambrano, porém, também tem chances de ser escolhido para os 11 titulares e reeditar, com Izquierdoz, a dupla que enfrentou o Newell’s no domingo passado.

Os relacionados de Miguel Russo para o duelo no Beira-Rio/Divulgação: Twitter Boca Juniors

Chaveamento

O Inter encerrou a fase de grupos da Libertadores na vice-liderança da chave E, e teve seu adversário nas oitavas, primeiro colocado do grupo H, definido através de sorteio. Na ocasião, o Colorado também conheceu o caminho que precisará percorrer até a decisão do torneio.

Nas quartas de final, quem avançar do embate entre Clube do Povo e Boca Juniors enfrentará o Racing-ARG, que na última terça-feira eliminou o Flamengo, no Maracanã, nos pênaltis. Confira o chaveamento da maior competição de clubes das Américas:

Guaraní-PAR x GrêmioIndependiente del Valle-EQU x Nacional-URU
vsSEMIFINALISTASEMIFINALISTAvs
Santos River Plate
FINAL
Racing-ARG Libertad-PAR x Jorge Wilstermann-BOL
vs SEMIFINALISTA SEMIFINALISTAvs
Inter x Boca Juniors Delfín-EQU x Palmeiras

*Equipes em negrito decidem como mandantes


Retrospecto colorado

Duelo entre duas das mais tradicionais camisas do futebol sul-americano, o confronto entre Inter e Boca Juniors já viveu oito capítulos em sua história. Do total, quatro foram encerrados com triunfo colorado e três com vitória argentina, além de uma igualdade sem gols. Clube do Povo e Xeneize mandaram o mesmo número de bolas para as redes: 14.


Gigante, Alex!

O último encontro entre Inter e Boca Juniors no Beira-Rio ocorreu no ano de 2008. Partida de ida das quartas de final da Sul-Americana, foi prestigiada por mais de 36 mil colorados e coloradas, que cozinharam o Boca no caldeirão da Padre Cacique. Sob o comando de Tite, o Clube do Povo contou com dois golaços de Alex, que vivia temporada iluminada, para derrotar os argentinos por 2 a 0. O resultado, somado ao 2 a 1 gaúcho na Bombonera, classificou o Alvirrubro às semis continentais.

Adiado confronto com o Boca Juniors

Em sinal de luto à memória de Diego Armando Maradona, maior ídolo do futebol argentino e um dos principais jogadores da história do esporte, a Conmebol acaba de anunciar o adiamento dos duelos entre Inter e Boca Juniors, válidos pelas oitavas de final da Libertadores da América. O confronto de ida, que ocorreria nesta quarta-feira (25/11), às 21h30, no Beira-Rio, será disputado na próxima semana. Confira as novas datas:

Partida de ida:
Inter x Boca Juniors – Estádio Beira-Rio
02/12/2020 – 21h30 de Brasília

Partida de volta:
Boca Juniors x Inter – La Bombonera
09/12/2020 – 21h30 de Brasília.

Confira a lista de inscritos do Inter para as oitavas da Libertadores

A Libertadores está de volta! à véspera de disputar, no Beira-Rio, os primeiros 90 minutos das oitavas de final contra o Boca Juniors, o Clube do Povo divulgou, nesta terça-feira (24/11), sua lista atualizada de inscritos no principal torneio do continente. Confira a nominata:

Libertadores: Inter enfrenta o Boca Juniors nas oitavas

Em sorteio realizado na manhã desta sexta-feira (23/10) na sede da Conmebol, ficou definido que o Inter enfrentará o Boca Juniors nas oitavas de final da Libertadores. O primeiro jogo ocorre às 21h30 da quarta-feira 25 de novembro, e terá como sede o Beira-Rio. A volta, na Bombonera, será na semana seguinte, dia 02 de dezembro, também às 21h30.

Duelos das oitavas da Libertadores
Inter x Boca Juniors-ARG
Guaraní-PAR x Grêmio
Independiente del Valle -EQU x Nacional-URU
Delfín-EQU x Palmeiras
Racing-ARG x Flamengo
Libertad-PAR x Jorge Wilstermann-BOL
Athletico Paranaense x River Plate-ARG
Liga Deportiva Quito-EQU x Santos

O último duelo entre Inter e Boca ocorreu no ano de 2008. Integrante das quartas de final da Sul-Americana, o embate também teve seus primeiros 90 minutos disputados no Beira-Rio. Diante de mais de 36 mil pessoas, Alex anotou duas pinturas e garantiu o 2 a 0 para o Colorado. No jogo de volta, na Bombonera, Magrão abriu o placar para o Clube do Povo, Riquelme empatou para os Xeneizes, e Alex, vivendo ano mágico, deu números finais ao confronto.

Os proprietários de Beira-Rio e Bombonera também duelaram nas edições de 2004 e 2005 da Sul-Americana. Na primeira, os Xeneizes, que conquistariam o título, superaram o Inter, nas semifinais, por 4 a 2. O placar agregado foi repetido no ano seguinte, desta vez na fase de quartas. Disputados até o último instante, os confrontos marcaram o retorno do Clube do Povo ao papel de protagonista continental e ofereceram casca fundamental ao elenco colorado que se preparava para dominar América e planeta.