Bastidores da segunda vitória consecutiva no Brasileirão

Duas vitórias consecutivas, sete pontos de invencibilidade e mais três pontos na conta. Emocionante, o 1 a 0 conquistado na manhã do último domingo (19/09) aproximou o Inter da parte de cima da tabela. Confira os bastidores da partida disputada no Beira-Rio!

Pós-jogo | “A vitória vale muito”, comemora Aguirre em entrevista coletiva

O início da tarde deste domingo (19/09) foi movimentado no Beira-Rio. Após contar com gol de Edenilson, marcado nos acréscimos da etapa final, para superar o Fortaleza por 1 a 0, o Clube do Povo chegou a sete jogos de invencibilidade e duas vitórias consecutivas no Brasileirão. Os feitos atingidos com o triunfo, bem como a maior proximidade da ponta de cima da tabela, foram repercutidos por Diego Aguirre em coletiva concedida depois do jogo. Confira as principais aspas:

“O resultado é o mais importante. Quem fala outra coisa, no futebol, para mim não é verdade. Mas, obviamente, temos que encontrar os caminhos para conseguir a vitória. Acho que hoje temos que valorizar muito os três pontos. Enfrentamos, na realidade, um dos melhores times do Campeonato Brasileiro, que está no G4, nas semifinais da Copa do Brasil. Então, a vitória vale muito. Tem muito valor.”

Diego Aguirre

“Mais um jogo em que não sofremos gols. Fomos competitivos, lutamos, brigamos e acreditamos. No final, procuramos a vitória e conseguimos. Estou feliz. Obviamente, sempre tem que trabalhar, sempre há coisas para melhorar, mas, quando você enfrenta um time que está em um bom momento, é normal que sofra, que tenha momentos de dificuldades. Nós superamos isso, e estou muito feliz. Essa é a verdade. Com certeza, vou comemorar muito. Nós sofremos muito quando estamos no futebol, porque dependemos do resultado e de momentos. Então, este é um momento de felicidade que sinto. Comemorei o gol, porque fazer nos acréscimos é sempre muito emocionante. De verdade, me sinto feliz, e temos que continuar com humildade, com trabalho, pois, pouco a pouco, vamos melhorar coisas. Continuar evoluindo.”

Diego Aguirre

Somos um time. Não há a parte esquerda, a parte direita, a parte do meio ou da frente. Não. Somos um time. Lembro que antes falavam dos problemas defensivos, e, hoje, acho que o Inter está defendendo muito. Quantos gols sofremos nos últimos jogos? Poucos. Isso precisa ser valorizado. A organização defensiva, a atuação do time todo. Estamos trabalhando muito para evoluir e, a cada jogo, tentar entregar mais.

Diego Aguirre

Herói do jogo, Edenilson conversou de maneira exclusiva com as redes sociais do Inter ainda no gramado do Beira-Rio. Artilheiro isolado do Campeonato Brasileiro com nove gols marcados, o camisa oito do Clube do Povo destacou a boa fase do Inter, comemorou os três pontos conquistados e reforçou a importância do foco no jogo a jogo, encarando cada jogo com uma final no calendário alvirrubro. Veja:

Quem também concedeu entrevista exclusiva para a Mídia do Inter foi o zagueiro Bruno Méndez. Dono de mais uma atuação extremamente segura na zaga colorada, o uruguaio festejou a alegria oferecida pelo elenco à Maior e Melhor Torcida do Rio Grande, valorizou o alto nível do adversário deste domingo e compartilhou a boa fase defensiva com todos os companheiros de time. Assista.

Edenilson marca nos acréscimos e Inter vence o Fortaleza no Beira-Rio

FOI COM EMOÇÃO! Na primeira partida que disputou no Beira-Rio neste mês de setembro, o Clube do Povo superou o Fortaleza, na manhã deste domingo (19/09), por 1 a 0. Marcado aos 47 do segundo tempo, o gol de Edenilson garantiu ao Inter sua segunda vitória consecutiva no Nacional, que leva o Colorado aos 29 pontos no Brasileirão de 2021.

Agora, a equipe volta suas atenções para a 22ª rodada do país, que será disputada no próximo domingo (26/09), às 16h, diante do Bahia. No Beira-Rio, o confronto envolverá equipes em realidades distintas na tabela. Afinal, enquanto o Inter luta pelo G6, o Tricolor de Aço, com 23 pontos conquistados até aqui, vive luta particular contra o rebaixamento.


Bola com o Inter, principais chances para os visitantes

Apesar do horário, é seguro afirmar que as duas equipes foram a campo bastante ligadas no Beira-Rio. Logo no primeiro minuto, Lucas Lima cruzou bola perigosa da esquerda, que Ângelo Henríquez finalizou com espaço na pequena área. Embora desperdiçada, a oportunidade empolgou os visitantes, que passaram a adiantar suas linhas e, com os alas colados em nossos laterais, e os atacantes atentos aos zagueiros vermelhos, incomodaram a saída de jogo do Clube do Povo. A resposta encontrada pelo Inter foi a aposta no corredor esquerdo de ataque.

Existente para levar o Inter ao campo ofensivo, o espaço no corredor esquerdo até ofereceu escapes agressivos para Moisés e Patrick, mas foi incapaz de colocar o Colorado dentro da área rival. Cerceada pela defesa cearense, a construção por passes foi substituída, no leque do ataque alvirrubro, pelos arremates de longa distância. O mais perigoso desses saiu dos pés de Mauricio, que quase abriu o placar, aos 40, em forte canhotaço. De sua parte, o Fortaleza assustou uma vez mais, ainda antes, no minuto 16, quando Éderson mandou por cima boa chance.


Não tá morto quem peleia

O Inter retornou dos vestiários com mudança, a partir da entrada de Boschilia no lugar de Mauricio. Quem dominou o reinício de confronto, porém, foi o time visitante, que criou duas boas tramas nos 10 minutos de abertura da etapa final. Aos poucos, o Clube do Povo passou a igualar as ações, e armou seus escapes aos 16 e 22, ambos arrematados por Yuri. Encerrando a primeira metade do segundo tempo, Saravia e David se envolveram em discussão ríspida e, por isso, foram punidos com o vermelho.

Menos atletas em campo, mais espaços para as equipes. Enquanto o Inter tratou de aproveitar os vazios, o Fortaleza forçou o antijogo, e teve sua postura complacente punida nos acréscimos. Jogador de Seleção Brasileira, Edenilson percebeu o entrosamento de Heitor e Yuri, que pegaram a zaga rival desatenta em cobrança de lateral rápida, e se projetou pela direita. Servido pelo atacante, o camisa oito finalizou sem ângulo, mas também sem chances. O nono gol do artilheiro do Nacional garantia ao Inter três pontos fundamentais.


Primeiro tempo

1min – Lucas Lima escapa pela esquerda e cruza na segunda trave, onde Ângelo Henríquez aparece com liberdade para finalizar. A bola sai ao lado, com perigo.

10min – UH! Moisés escapa pela esquerda e cruza na direção de Yuri. O atacante não chega na bola, mas Edenilson recupera a posse na segunda trave e deixa para Saravia, que levanta de canhota. Felipe Alves, de soco, corta o perigo.

12min – Assustou! Após escanteio cobrado pela esquerda por Moisés, Cuesta sobe mais do que a zaga rival e desvia ao lado do poste tricolor.

16min – QUASE, QUASE! Lucas Lima invade a área colorada pela direita e cruza rasteiro. Éderson, livre, leve e solto no retângulo pequeno, finaliza por cima.

19min – POR CIIIIIIIIIIIMA! Saravia faz fila pela direita e deixa com Mauricio, que é travado pela marcação. No rebote, Patrick solta o canhotaço, a bola desvia na marcação e quase mata Felipe Alves.

24min – Jussa avança pela esquerda e finaliza rasteiro. Daniel encaixa.

29min – Na esquerda da área colorada, Robson corta para a canhota e finaliza rasteiro. A bola cruza a extensão da meta e sai em tiro de meta para Daniel.

37min – UUUH! Yuri acha excelente ganchinho para Patrick, que finaliza forte, já dentro da área. A zaga trava, e o Inter tem escanteio.

39min – Encaixa, Felipe! Yuri recebe na intermediária ofensiva, corta para a perna direita e finaliza rasteiro. Goleiro do Fortaleza segura firme.

40min – PRA FOOOOOOOOOORA! Mauricio, também da intermediária de ataque, abre ângulo e manda o canhotaço. A bola resvala em Benevenuto e toma o caminho do ângulo, mas sai tirando tinta. Quase, quase!

45min – Mais dois. Vamos a 47!

46min – Blitz colorada! Inter roda a bola na intermediária de ataque por mais de um minuto. Pela direita, Lindoso é quem cruza, e Felipe Alves encaixa.

47min – Intervalo no Beira-Rio.


Segundo tempo

0min – Inter volta com Boschilia na vaga de Mauricio.

2min – Benevenuto recebe o amarelo por falta em Boschilia.

3min – Por cima! Boschilia, a alguns passos da meia-lua da grande área, cobra falta frontal. Forte, ela sai por cima.

4min – EM CIIIIIIIIIIIIIIMA DA LINHA! Robson recebe cruzamento da direita e finaliza de primeira. Daniel, providencial, espalma, mas o rebote é do atacante tricolor, que arremata sem chances para o goleiro do Inter. Moisés, debaixo das traves, aparece para salvar o Clube do Povo.

10min – Lucas Lima e Crispim tabelam pela esquerda, o primeiro cruza de canhota, e Daniel espalma. No rebote, Pikachu tem espaço, e finaliza, com desvio, para fora.

13min – Bruno Méndez amarelado por falta em Robson. Dourado contesta e também leva cartão.

16min – Yuri recebe em frente à meia-lua, ajeita ângulo para a canhota e manda por cima. Boa oportunidade.

19min – David vem no Fortaleza. Ângelo Henríquez é o sacado.

23min – SAAAAAAAAAAAAAAAALVA, FELIPE! Dourado oferece assistência açucarada para Edenilson, que emenda voleio cinematográfico para servir Yuri. Na pequena trave, o camisa 11 cabeceia rasteiro, mas não marca por milagre do goleiro, que defende com o pé.

23min – Guerrero e Paulo Victor entram no Inter. Lindoso e Moisés deixam o campo.

27min – Após grande confusão na lateral-direita colorada, Saravia e David são expulsos.

28min – UUUUUUUUUH! Boschilia recebe de muito longe e, com espaço pelo centro, solta a bomba. A bola toma curva e quase trai Felipe Alves, mas o goleiro consegue espalmar.

29min – Lucas Lima e Robson substituídos por Vojvoda. Depietri e Wellington Paulista entram.

34min – Heitor por Patrick. Nova troca no Clube do Povo.

36min – DANIEEEEEEEEEEEEEEEEEEL! Lucas cobra falta em dois toques, rolando para Éderson. O volante enche o pé, a bola desvia e quase encobre o goleiro colorado, que voa para espalmar em escanteio.

44min – Pikachu e Crispim dão lugar a Edinho e Ronald. Completas as trocas do Fortaleza.

45min – Jogo irá a 50. Mais cinco!

46min – UUUUUUUUUUUUUH! Guerrero arma contra-ataque para o Inter e deixa Yuri em boas condições pela esquerda. O camisa 11 corta para o fundo e finaliza forte, rasteiro. Felipe encaixa.

47min – GOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOL! É GOOOOOOOOOOOOOOOOOOL! É GOOOOOL! É GOOOOOOOOOOOOOOOOOOOL! É DO INTER! É DO CLUBE DO POVO! É DO COLORADO GAÚCHO! É DA ACADEMIA DO POVO! É GOL DE SELEÇÃO, É GOL DE CRAQUE, É GOL DE SUPEREEEEEEEED! INTER NA FREEEEENTE! Yuri Alberto, pela direita, recebe cobrança rápida de lateral de Heitor e serve Edenilson. O camisa oito invade a área em altíssima velocidade e, mesmo sem ângulo, finaliza rasteiro. Com a perna direita, a bola ainda desvia no poste esquerdo de Felipe Alves antes de morrer nas redes. COMO JOGA EDENILSON, POR FAVOOOOR!

O gol de Edenilson na voz da Rádio Colorada

48min – Na comemoração, Moisés recebeu o amarelo.

49min – Entra Johnny, sai Boschilia. Quinta troca no Clube do Povo!

50min – FIM DE JOGO! INTER VENCE NO BEIRA-RIO!


Ficha técnica:

Internacional (1): Daniel; Saravia, Bruno Méndez, Victor Cuesta e Moisés (Paulo Victor); Edenilson, Rodrigo Lindoso (Paolo Guerrero), Rodrigo Dourado e Patrick (Heitor); Mauricio (Boschilia)(Johnny) e Yuri Alberto. Técnico: Diego Aguirre.

Fortaleza (0): Felipe Alves; Daniel Guedes, Marcelo Benevenuto e Titi; Yago Pikachu (Ronald), Éderson, Matheus Jussa, Lucas Crispim (Edinho) e Lucas Lima (Depietri); Robson (Wellington Paulista) e Ângelo Henríquez (David). Técnico: Juan Pablo Vojvoda.

Gol: Edenilson, aos 47’/2ºT (I).

Cartões amarelos: Bruno Méndez, Moisés e Rodrigo Dourado (I). Marcelo Benevenuto (F).

Cartões vermelhos: Saravia (I). David (F).

Arbitragem: Edina Alves Batista, auxiliada por Neuza Ines Back e Leila Naiara da Cruz. Quarto árbitro: Jonathan Benkenstein Pinheiro. VAR: Rodrigo Guarizo Ferreira do Amaral.

Estádio: Beira-Rio.

Fotos: Internacional x Fortaleza – 21ª rodada/Brasileirão 2021

Clube do Povo recebe o Leão na 21ª rodada do Brasileirão. Confira as imagens do confronto!

Raio-X: na luta pelo G6, Inter recebe o Fortaleza

Domingo de Inter contra Fortaleza no Beira-Rio/Foto: Ricardo Duarte

De volta para casa! Pela primeira vez no mês de setembro, o Clube do Povo irá a campo no tapete verde do Beira-Rio, e o adversário da jornada, 21ª do Brasileirão, será o Fortaleza. Confira entrevista da Rádio Colorada com Alexandre Mota, jornalista do Diário do Nordeste e do Globo Esporte de Ceará, projetando a partida, marcada para as 11h deste domingo (19/09). A seguir, confira todas as informações sobre o duelo.

Sport Club Internacional · Raio-X #50 | Internacional x Fortaleza | 1/09/2021

Transmissão 📻

Especialmente preparada para a Maior e Melhor Torcida do Rio Grande, a cobertura da Rádio Colorada será aberta às 9h30 deste domingo. A data, inclusive, contará com jornada dupla da Mais Vermelha, que transmitirá, à tarde, a estreia das Gurias no Gauchão Feminino. Confira a programação:

Domingo (19/09)Plataforma
9h30Raio-XInternet e App do Inter
10hPortões Abertos
(Internacional x Fortaleza –
21ª rodada/Brasileirão 2021)
Internet e App do Inter
11hJornada Esportiva
(Internacional x Fortaleza –
21ª rodada/Brasileirão 2021)
Internet e App do Inter
13hVestiário Vermelho
(Internacional x Fortaleza –
21ª rodada/Brasileirão 2021)
Internet e App do Inter
13h45Especial Gauchão FemininoInternet e App do Inter
14h45Portões Abertos
(Juventude x Gurias Coloradas –
1ª rodada/Gauchão Feminino)
Internet e App do Inter
15hJornada Esportiva
(Juventude x Gurias Coloradas –
1ª rodada/Gauchão Feminino)
Internet e App do Inter
17hVestiário Vermelho
(Juventude x Gurias Coloradas –
1ª rodada/Gauchão Feminino)
Internet e App do Inter
17h30Programação musicalInternet e App do Inter
Manhã de Inter na Rádio Colorada!/Foto: João Callegari

Enriquecido por imagens dos principais lances da partida, o minuto a minuto das redes sociais do Inter (@scinternacional no TwitterInstagram Facebook) transmitirá o duelo. Com imagens, o Premiere anuncia transmissão.


Vamo, Inter! 💪

Clube do Povo trabalhou na manhã deste sábado/Foto: Ricardo Duarte

Sem ir a campo desde a segunda-feira passada (13/08), quando superou o Sport, por 1 a 0, na Ilha do Retiro, o Clube do Povo iniciou na última quarta-feira (15/08) seus preparativos para a 21ª rodada do Brasileirão. Realizados no CT Parque Gigante, os treinos voltados ao jogo contra o Fortaleza foram realizados, a partir de quinta-feira (16/08), sempre no turno da manhã, de maneira a facilitar a adaptação dos jogadores ao horário inusitado do embate deste domingo.

Concluída neste sábado (18/09), a preparação colorada contou com os retornos de Carlos Palacios e Rodrigo Dourado, dupla que esteve ausente da partida de Recife por suspensão. Quem também trabalhou normalmente foi Gabriel Mercado, recuperado de pancada sofrida no final do mês de agosto. Diante do Fortaleza, o Clube do Povo não terá nenhum desfalque por acúmulo de cartões, ao passo que Yuri Alberto e Paulo Victor são os únicos pendurados do time de Diego Aguirre.

Aguirre tem reforços para escalar o Inter/Foto: Ricardo Duarte

Titular na vitória da rodada passada, o meio-campista Mauricio concedeu entrevista exclusiva para o Canal do Inter ao longo da semana de trabalhos. O camisa 27 repercutiu o bom momento do Clube do Povo no Brasileirão, compartilhando as características que entende como fundamentais na atual sequência de seis jogos de invencibilidade do Colorado.

“Acho que é um trabalho de muita dedicação, muito empenho dos jogadores. A gente vem de semanas cheias para trabalhar, isso está nos favorecendo, e acho que essa sequência sem perder é muito importante. Agora, temos mais um grande confronto, aqui no Beira, e esperamos sair com os três pontos.”

Mauricio

Mauricio também projetou a partida contra o Fortaleza. Consciente da boa temporada construída pelo adversário, o meia revelou que espera um grande jogo no Beira-Rio, e também destacou a importância que uma vitória assumiria nas pretensões coloradas de luta pelo topo da tabela. Vale lembrar que o Inter abriu a rodada na nona colocação e, dono de 26 pontos, estava a três do Corinthians, primeira equipe do G6.

“Dá para projetar um excelente jogo. São duas grandes equipes, o Fortaleza vem num momento muito bom, agora se classificou para as semifinais da Copa do Brasil. Excelentes jogadores, tenho amigos lá, e espero que a gente saia com os três pontos. Estamos trabalhando forte para que isso aconteça, sabemos o que queremos, o nosso objetivo. Assim, conquistando nossos pontos, vamos subir cada vez mais na tabela e conseguir o nosso objetivo.”

Mauricio

Por fim, o jovem atleta colorado também elogiou a preparação realizada pelo Inter para a partida. Nas palavras de Mauricio, os treinos organizados no turno da manhã serão importantes para minimizar o desconforto com o início do jogo marcado para as 11h, horário que, inclusive, remete ao calendário das categorias de base do Brasil.

“O horário é um pouco diferente, mas é tudo questão de adaptação. A gente vem treinando de manhã, um fator que ajuda a estar mais adaptado. Interfere também na alimentação, tem que ser melhor, não apenas um café da manhã, pois o jogo vai exigir bastante. Mas, como vim da base há pouco, os jogos também costumavam ser nesse horário. Então, acho que vai ser um grande jogo.”

Mauricio

Arbitragem 👩‍⚖️

A paulista Edina Alves Batista apita, auxiliada pela conterrânea Neuza Ines Back e por Leila Naiara da Cruz, do Distrito Federal. Quarto árbitro: Jonathan Benkenstein Pinheiro, do Rio Grande do Sul. VAR: Rodrigo Guarizo Ferreira do Amaral, também de São Paulo.


Rival 🆚

Rival é um dos melhores times do Brasileirão/Foto: Leonardo Moreira/Fortaleza

Principal surpresa do Brasileirão 2021, o Fortaleza chega para a 21ª rodada do torneio, segunda do returno, na quarta colocação da tabela. Dono de 33 pontos, o Leão, que no último meio de semana garantiu classificação histórica para as semifinais da Copa do Brasil, vive temporada de protagonista nacional, posto atingido, entre outros, graças ao excelente trabalho do argentino Juan Pablo Vojvoda. Os méritos do treinador, que comanda a equipe desde o início de maio, foram elencados pelo jornalista Alexandre Mota.

“O Vojvoda chegou com uma proposta ofensiva, de muita proatividade, e conseguiu um bom desempenho contra times do Campeonato Cearense, onde foi campeão. Com o Brasileiro, veio a expectativa de mais dificuldades, mas o time conseguiu os resultados. Estamos falando da melhor campanha da história do futebol nordestino no primeiro turno do Brasileirão. Um time eficiente. Agora, existe uma expectativa para o returno, quando as equipes conhecem o adversário, o painel tático e como se comportam.”

Alexandre Mota
Trabalho de Vojvoda conquistou a torcida tricolor/Foto: Leonardo Moreira/Fortaleza

A reta final do primeiro turno comprova que, junto da fama pelo bom futebol apresentado, o Fortaleza também passou a ser melhor estudado por seus adversários. A própria vitória de 3 a 1 sobre o São Paulo, que garantiu ao Leão, agora semifinalista, sua melhor campanha na história da Copa do Brasil, foi conquistada após sequência de seis partidas sem triunfos do Tricolor. Até por isso, o duelo contra o Inter tem contornos decisivos para o adversário deste domingo.

“O Fortaleza vivia um momento de instabilidade, de muita oscilação dentro de campo. Agora, está em retomada, e isso deve ser considerado antes desse jogo contra o Internacional. É um jogo decisivo para se conectar com as vitórias e sequências positivas. A diretoria e o departamento de Futebol consideram esse um desafio muito importante para medir a força do Fortaleza. Há o objetivo de, depois do resultado contra o São Paulo, uma sequência pontuando”

Alexandre Mota
Leão quer consolidar bom momento/Foto: Leonardo Moreira/Fortaleza

A grande expectativa depositada pelo Leão em cima do duelo do Beira-Rio motiva a provável escalação de força máxima diante do Inter. A inexistência de preservações, porém, não significa que Vojvoda terá o time completo à disposição. Com dores no tornozelo, o volante Felipe sequer viajou a Porto Alegre, e deixa em aberto vaga disputada por Ronald, Blanco e Jussa. Desses, o primeiro parece levar vantagem com a comissão técnica.

“O Ronald deve ser o substituto do Felipe. Têm características similares, como a visão de jogo, percepção territorial de onde se está e qual passe pode buscar, algo que casa bastante com o Ederson, mais físico, de desarme forte. O Ronald é até mais ofensivo, um volante que já foi camisa 10 na base, e que vem ganhando a concorrência interna com o Gustavo Blanco e o Matheus Jussa. Ele virou a terceira opção, pode mexer a estrutura do time.

Alexandre Mota
Ronald deve enfrentar o Inter/Foto: Leonardo Moreira/Fortaleza

Considerando Ronald como titular, a provável escalação do Fortaleza para a partida deste domingo conta com Felipe Alves no gol; Tinga, Marcelo Benevenuto e Titi na zaga; Yago Pikachu, Ronald, Éderson, Lucas Crispim e Matheus Vargas no meio; David e Robson na frente. Após iniciar o jogo contra o São Paulo, Wellington Paulista também briga por vaga entre os 11, mas deve ser preservado. No meio de campo, Lucas Lima corre por fora na luta pela função mais adiantada do meio de campo.


Retrospecto do confronto 📊

Guerrero comemora gol marcado em 2019/Foto: Ricardo Duarte

Inter e Fortaleza já se enfrentaram 19 vezes, e o Colorado leva vantagem no histórico do confronto, com nove vitórias para chamar de suas. Vencedor em seis ocasiões, o Leão já vazou a meta alvirrubra em 19 oportunidades, ao passo que o Clube do Povo soma 24 tentos anotados na baliza tricolor. No primeiro turno, o adversário saiu de campo com triunfo de 5 a 1.


Último encontro no Beira-Rio 🔙

Colorado saiu de campo vitorioso no último encontro no Beira-Rio/Foto: Ricardo Duarte

Válido pela 30ª rodada do Brasileirão da temporada passada, o mais recente duelo entre Inter e Leão no Beira-Rio foi encerrado com triunfo do Clube do Povo. Disputado no último dia 17 de janeiro, o confronto reservou fortes emoções para a torcida vermelha, que viu o Colorado abrir dois gols de vantagem no placar, ceder o empate, mas garantir os três pontos já na reta final de partida. Yuri Alberto, Rodrigo Dourado, João Peglow e Carlinhos, contra, marcaram no 4 a 2 gaúcho.

Edenilson na comemoração do quarto gol colorado/Foto: Ricardo Duarte

Bastidores do 1 a 0 colorado na Ilha do Retiro

O Clube do Povo abriu o returno do Brasileirão com vitória fora de casa. Na Ilha do Retiro, Patrick marcou para garantir o 1 a 0 colorado, que levou o Inter aos 26 pontos e ampliou a sequência invicta do time de Aguirre para seis jogos. Confira os Bastidores do confronto:

Inter abre returno com vitória de 1 a 0 em cima do Sport

Com gol de Patrick logo aos três minutos, o Inter superou o Sport, na noite desta segunda-feira (13/09), pelo placar de 1 a 0. A vitória, conquistada na Ilha do Retiro, leva o Clube do Povo aos 26 pontos, e deixa o time de Aguirre na nona colocação. No próximo domingo (19/09), o Colorado recebe o Fortaleza, às 11h, pela 21ª rodada do Brasileirão.


Trio de ataque funciona

O Inter foi a campo com novidades. Sem Dourado, Aguirre devolveu Edenilson para a segunda função do meio de campo e colocou Caio Vidal na ponta-direita. Patrick seguiu na esquerda, e Yuri permaneceu no comando de ataque. Com esse desenho, o trio ofensivo funcionou logo aos três, quando Caio acionou Yuri. Na área rival, o camisa 11 serviu nosso Pantera, que abriu o placar para o Clube do Povo na Ilha do Retiro.

O Sport armou forte pressão nos minutos que sucederam o tento de Patrick. A falta de eficiência, porém, abreviou o sonho do empate, tornando o Leão, desiludido, menos agressivo em campo, ofensivamente restrito a explorar o pivô dos centroavantes Mikael e André. Também a dupla foi incapaz de igualar o marcador, que seguiu em 1 a 0 para o Inter até o início do intervalo.


Sport pressiona, Inter segura

A agressividade que faltou ao time da casa na etapa inicial se fez presente no segundo tempo. Dos vestiários, o Sport regressou com a entrada de Paulinho Moccelin no lugar de Sabino, desfazendo o esquema com três zagueiros e adicionando força ao ataque, que passou a incomodar o Internacional. Ainda mais ofensivo na reta final do confronto, quando Thiago Neves, Everaldo e Tréllez foram alçados a campo, o Leão, de fato, criou suas chances, mas esbarrou seguidas vezes em Daniel, além de parar na trave, e seguiu zerado no marcador.

Quem balançou as redes no segundo tempo foi Yuri Alberto, mas em lance anulado por impedimento do avante colorado. Com espaço para os contra-ataques, o Inter também assustou com Guerrero, interrompido por milagre de Mailson, e uma vez mais Yuri, que mandou pela linha de fundo chance importante. Felizmente, as oportunidades não fizeram falta, e o Clube do Povo chegou ao seu sexto jogo de invencibilidade no Nacional.


Primeiro tempo

3min – GOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOL! É GOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOL! É DO IIINTER! É DO PANTEEEEEEERA! É GOL, É GOL, É GOL, É GOOOOOOOOOOOOOL! QUE INÍCIO COLORADO! Caio recebe com espaço pela intermediária direita de ataque e estica jogo até Yuri. Dentro da área, o camisa 11 cruza rasteiro, na medida para Patrick. Debaixo das traves, o Pantera completa sem a menor dificuldade para abrir a conta.

O gol de Edenilson na narração da Rádio Colorada

6min – Hayner escapa pela direita e cruza aberto. Na pequena área, pela esquerda, Sander solta o canhotaço. Por cima, assustou!

8min – Mikael faz o pivô na área colorada e finaliza. Tiro de meta para Daniel.

15min – UH! Edenilson serve Mauricio, que recebe na entrelinha adversária, avança até a altura da meia-lua e finaliza rasteiro. Mailson encaixa.

20min – TAPA DE SELEÇÃO! Edenilson percebe Saravia com espaço para atacar a direita da área rubro-negra e serve o lateral, que finaliza mascado. Mailson encaixa.

27min – Moisés recebe na intermediária esquerda de ataque e finaliza cruzado. A bola cruza a extensão da área e sai em tiro de meta.

28min – Sander caça Caio Vidal e é advertido com amarelo.

32min – QUE TRAMA! Moisés vai ao fundo pela esquerda e cruza rasteiro. Patrick domina, faz a embaixadinha e aciona Yuri, que finaliza de primeira. Mailson encaixa.

41min – André escapa pela ponta direita e cruza fechado. A bola toma curva, explode no travessão e sai em tiro de meta para o Inter.

45min – Mais dois. Vamos a 47!

46min – DANIEEEEEL! Everton Felipe cobra escanteio pela direita, a bola espirra na primeira trave e toma o endereço da pequena área colorada. Antes de Thyere, goleiro do Inter corta de soco.

47min – Primeiro tempo encerrado. Inter defende vitória parcial!


Segundo tempo

0min – Time da casa volta com mudança. Sabino sai, Moccelin vem.

0min – Guerrero representa a novidade colorada. Caio deixa o campo.

8min – Everton Felipe percebe Mikael com liberdade e lança de três dedos. Camisa 99 rival finaliza, mas sem direção.

12min – Hayner amarelado por falta em Mauricio.

14min – Mais um na conta. André puxa Moisés e recebe o amarelo.

15min – André deixa o campo. Entra Thiago Neves.

16min – Yuri recebe o amarelo. Detalhe: ele sequer tocou no adversário. Saiu no grito.

16min – Neves deixa para Moccelin, que cruza rasteiro. Na pequena área, Cuesta corta o perigo.

17min – Sander escapa pela esquerda e cruza forte. A bola passa na frente de Daniel e chega com perigo na segunda trave, mas Mikael falha em desviar.

18min – Mauricio dá lugar a Johnny.

20min – POR CENTÍMETRO! Cuesta cobra falta em velocidade, como manda a jogada ensaiada do elenco colorado. Yuri recebe, invade a área rival em velocidade e manda para as redes, mas é flagrado em impedimento.

25min – Everaldo entra no Sport. Everton Felipe deixa o campo.

28min – MILAAAAAAAAAGRE! Yuri arma contra-ataque em altíssima velocidade. Na direita da intermediária ofensiva, o camisa 11 percebe Guerrero invadindo a área livre e serve o peruano, que finaliza colocado. Mailson salva.

29min – DANIEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEL! Mikael, na segunda trave, sobe mais do que a zaga colorada e desvia para baixo. Goleiro do Inter espalma, tirando a bola praticamente de dentro do gol, e salva o Clube do Povo.

31min – MAIIIIIILSON! Jogo fica lá e cá. Guerrero aciona Patrick nas costas da zaga, o Pantera avança pela esquerda e chuta cruzado. Goleiro defende, dá rebote, e retoma a posse.

33min – Zé Welison sai, Tréllez entra.

34min – Johnny entorta Hayner e serve Patrick. Na esquerda da grande área, ele domina e busca Guerrero, que finaliza de carrinho, mas travado pela zaga. Canto bola!

35min – UUUUUH! De pé em pé, o Inter chega. Lindoso serve Yuri, que abre ângulo no domínio e bate cruzado. A bola faz menos curva do que o esperado e sai em tiro de meta.

36min – Hayner cruza da direita da área colorada. Tréllez finaliza de primeira e a bola explode no poste.

37min – Heitor é chamado por Aguirre. Yuri sai.

38min – Marcão recebe o amarelo por impedir contra-ataque armado por Bruno Méndez.

45min – Vamos a 50.

47min – MILAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAGRE! DANIEL, DANIEL, DANIEEEEEL! Tréllez, na segunda trave, recebe cruzamento rasteiro e finaliza. Goleiro colorado sai muito bem do gol e defende.

50min – Fim de papo! Inter vence em Recife!


Ficha técnica:

Sport (0): Mailson; Hayner, Sabino (Moccelin), Rafael Thyere, Chico e Sander; Marcão, Zé Welison (Tréllez) e Everton Felipe (Everaldo); Mikael e André (Thiago Neves). Técnico: Gustavo Florentín.

Internacional (1): Daniel; Saravia, Bruno Méndez, Cuesta e Moisés; Caio Vidal (Guerrero), Edenilson, Rodrigo Lindoso e Patrick; Mauricio (Johnny) e Yuri Alberto (Heitor). Técnico: Diego Aguirre.

Gol: Patrick, aos 3’/1ºT (I).

Cartões amarelos: Sander, Marcão, Hayner e André (S). Yuri Alberto (I).

Arbitragem: André Luiz de Freitas Castro, auxiliado por Nailton de Sousa Oliveira e Rafael Trombeta. Quarto árbitro: Rodrigo Pereira de Lima. VAR: Marcio Henrique de Gois.

Estádio: Ilha do Retiro-PE.

Fotos: Sport x Inter – 20ª rodada/Brasileirão 2021

Colorado visita o Leão na Ilha do Retiro. Confira as imagens do confronto:

Raio-X: Colorado visita o Sport na abertura do segundo turno

Segunda-feira de duelo na Ilha para o Clube do Povo/Foto: Ricardo Duarte

De volta aos gramados! Sem atuar desde o mês passado, o Clube do Povo retoma a disputa do Brasileirão nesta segunda-feira (13/09), a partir das 20h, diante do Sport. Na Ilha do Retiro, o Inter disputa a 20ª rodada do Brasileirão, primeira do returno, que foi analisada pela Rádio Colorada em entrevista com Antônio Gabriel, setorista rubro-negro pelo Escrete de Ouro da Rádio Jornal, de Pernambuco. Confira o papo e, na sequência, fique por dentro de tudo sobre o duelo!

Sport Club Internacional · Raio-X #49 | Sport x Internacional | 13/09/2021

Transmissão 📻

Ao vivo a partir das 18h30 desta segunda-feira, a Rádio Colorada transmitirá o duelo entre Clube do Povo e Leão da Ilha com a jornada mais vermelha do mundo do futebol. Confira a programação da emissora oficial do Internacional:

Segunda-feira (13/09)Plataforma
0hProgramação musicalInternet e App do Inter
18h30Raio-XInternet e App do Inter
19hPortões AbertosInternet e App do Inter
20hJornada EsportivaInternet e App do Inter
22hVestiário VermelhoInternet e App do Inter
23hProgramação musicalInternet e App do Inter
Torça com a emissora que mais acompanha o Inter!/Foto: João Callegari

Enriquecido por imagens dos principais lances do jogo, o minuto a minuto das redes sociais do Inter (@scinternacional no TwitterInstagram Facebook) acompanhará as emoções do duelo. Com imagens, Premiere e SporTV anunciam transmissão.


Vamo, Inter! 💪

Aguirre teve período importante para trabalhar com a equipe/Foto: Ricardo Duarte

Sem ir a campo desde o último dia 29 de agosto, quando empatou sem gols com o Atlético-GO, o Clube do Povo contou com raro período de preparação para a partida desta segunda-feira. Fruto da convocação de Edenilson para a Seleção Brasileira, a parada no calendário colorado foi intensamente aproveitada pela comissão técnica de Diego Aguirre, como revelou Daniel em entrevista concedida para o Canal do Inter nesta semana de véspera do confronto.

“Uma semana boa, a gente precisava desses treinamentos, precisava dessa semana para descansar e trabalhar, melhorar a parte física e a técnica. Segunda-feira temos um jogo importante. O time do Sport precisa vencer para sair da zona, e a gente precisa vencer para chegar em G4.”

Daniel

Nem só de treinos viveu o Inter nas últimas duas semanas. Anunciados no dia seguinte ao duelo de Goiânia, o zagueiro Kaíque Rocha e o atacante Gustavo Maia reforçam o Colorado neste returno de Brasileirão. Oriunda do futebol europeu, a dupla já tem situação regularizada no BID, e participou normalmente das atividades preparativas à retomada do calendário.

Com o correr dos dias, outras novidades, mas internas, também encorparam a preparação colorada. Recuperado de lesão, Saravia foi o primeiro a retornar, acompanhado, já na quinta-feira passada (09/09), por Paolo Guerrero. Convocado para a rodada tripla das Eliminatórias da Copa do Mundo, o peruano, suspenso, não pôde enfrentar o Brasil na última das três partidas. Por isso, voltou ao Beira-Rio antes do previsto, e, uma vez em Porto Alegre, conversou de maneira exclusiva com as mídias do Inter.

“Estive com a minha Seleção, tivemos bons resultados. Infelizmente, esse último não, quando não tive a oportunidade de participar. Contra o Brasil, né. Era para ter jogado esse, seria muito importante, mas não pude por estar suspenso. Agora, de volta com o time, com o grupo, estamos nos preparando para o jogo de segunda-feira, que será muito importante. Precisamos, urgentemente, dos três pontos.”

Guerrero

O último acréscimo chegou na manhã deste domingo (12/09). Após viajar a São Paulo na tarde de sábado (11/09), o Clube do Povo encerrou a preparação para o duelo contra o Sport já na capital paulista, de onde embarcou para Recife. As atividades realizadas no CT do Palmeiras contaram com a presença de Edenilson, que estreou com as cores do Brasil na última quinta, quando atuou por 11 minutos na vitória de 2 a 0 da Canarinho sobre o Peru. Responsável por encerrar a semana de declarações do elenco ao Canal do Inter, o meio-campista repercutiu seu período com a equipe de Tite.

“Uma experiência única. Estou muito feliz de ter participado desses três jogos (que, na verdade, foram dois). Feliz de desfrutar, de conhecer novos companheiros, ídolos que só acompanhava de fora. Trabalhar com eles foi um privilégio enorme, e tenho certeza que vivi a experiência da melhor maneira possível. Aprendi e tentei me dedicar no dia a dia para aproveitar.”

Edenilson

Artilheiro do Brasileirão com oito gols marcados, SuperEd é uma das esperanças do Inter na luta pela vitória em Recife. O Clube do Povo chega à Ilha do Retiro na 12ª colocação. A seis pontos do Corinthians, primeira equipe do G6, o time de Aguirre está invicto há cinco partidas, e busca abrir o returno com triunfo que o aproxime da metade de cima da tabela. Afinal, é no topo que a camisa colorada merece estar, como destacou Edenilson.

“Será um jogo difícil. A gente sabe que jogar lá é sempre complicado, contra uma equipe que perdeu bastante jogos na Ilha, mas todos por pouco resultado. Se defendem bem, e sabemos que precisamos melhorar nossa posição na tabela. A gente sabe que não está no lugar que a camisa do Inter pede, precisamos estar lá em cima, disputando. Vamos focados, com todo respeito à equipe do Sport, para buscar os três pontos.”

Edenilson

Com Edenilson, Guerrero, Saravia e companhia, Aguirre azeitou os últimos detalhes do time que irá a campo na Ilha a partir de atividades de finalização, bola parada e táticas. Contra o Sport, o Inter estará desfalcado de Dourado e Palacios, suspensos, ao passo que Rodrigo Lindoso retorna após ficar ausente na rodada passada. Lesionados, Mercado e Taison completam as baixas do lado alvirrubro.

De São Paulo, grupo partiu para Recife/Foto: Ricardo Duarte

Arbitragem 👨‍⚖️

O goiano André Luiz de Freitas Castro apita, auxiliado pelo conterrâneo Nailton de Sousa Oliveira e por Rafael Trombeta, do Paraná. Quarto árbitro: Rodrigo Pereira de Lima, de Pernambuco. VAR: Marcio Henrique de Gois, de São Paulo.


Rival 🆚

Rival luta para fugir do Z4/Foto: DVG/Sport

O duelo com o Inter marcará a estreia de Gustavo Florentín na casamata da Ilha do Retiro. Contratado para o lugar de Umberto Louzer, o paraguaio é o terceiro técnico do Sport nesta temporada, e chega ao clube com a responsabilidade de revolucionar uma campanha que encerrou o primeiro turno na antepenúltima colocação, com a segunda defesa menos vazada, mas dona do pior ataque.

“O Sport tem o pior ataque, e só fez dois gols na Ilha do Retiro. Umberto Louzer não conseguiu resolver esse problema, mas deu a consistência defensiva. Assim, o Florentín chegou para resolver o ataque. No primeiro jogo com ele, deu para ver pouca coisa, não dá para bater o martelo, mas se percebeu um time muito mais vertical e objetivo. No geral, é um time difícil de tomar gols, mas, também, difícil de marcar.”

Antônio Gabriel
Atuação rubro-negra foi elogiada na rodada passada/Foto: DVG/Sport

Diferente do Inter, o Sport foi a campo no último final de semana. Primeiro jogo disputado sob o comando de Florentín, o empate sem gols com o Athletico-PR deixou boas impressões na torcida do Leão. Mais do que a atuação competitiva na Arena da Baixada, porém, as esperanças para a luta contra o rebaixamento também têm sido renovadas, de acordo com Antônio, pelo retorno de peças importantes ao elenco.

“O Florentín está tendo uma sequência de jogos espaçados, e conta com a totalidade do elenco. Isso é muito importante, faz com que se analise melhor as características do grupo. Um paraguaio que veio do The Strongest-BOL não conhecia a totalidade do futebol brasileiro. Então, ter as opções é algo que facilita. Esse começo de trabalho carrega uma sorte importante que o Sport não vivia nessa temporada.”

Antônio Gabriel
Florentín é o técnico do Leão/Foto: DVG/Sport

Diante do Clube do Povo, Florentín estará desfalcado pelo meio-campista Hernanes, expulso na rodada passada. Thiago Neves, por outro lado, retorna após cumprir suspensão, e deve herdar a vaga do igualmente experiente companheiro. Entre os dois, como elenca Antônio, existem diferenças, mas também a mesma capacidade de aumentar o poder de criação rubro-negro, problema crônico para um ataque que balançou as redes apenas oito vezes até aqui.

“O Hernanes, todo mundo conhece, é mais cadenciador. Não tem tanta explosão, velocidade, mas, quando a bola chega no pé dele, você percebe que é diferente. Desde que chegou aqui no Recife, demonstra muita vontade. O Thiago, eu acho que o Florentín entendeu, joga próximo ao ataque. Com Louzer e Jair, ele vinha buscar bola na defesa, mas, próximo à frente, ele tem muito mais vontade. Cria muito.”

Antônio Gabriel
Thiago Neves cumpriu suspensão na rodada passada/Foto: DVG/Sport

A defesa também reserva uma baixa para o Leão. Afinal, o zagueiro Pedro Henrique, atleta colorado, está cedido ao Sport, e não pode atuar por questões contratuais. Em seu lugar, Chico deve iniciar a partida. Assim, os prováveis titulares do Rubro-Negro são: Mailson; Hayner, Chico, Sabino e Sander; Marcão, Zé Welison (Betinho) e Thiago Neves; Gustavo, André (Mikael) e Paulinho Moccelin. Everaldo e Thyere, que retornam de lesão, devem iniciar o jogo no banco.


Palco 🏟️

Ilha do Retiro recebe o jogo desta segunda/Foto: Willians Aguiar/Sport

Nomeada Adelmar da Costa Carvalho, a Ilha do Retiro ficou famosa pelo bairro homônimo em que está situada. Inaugurado em 4 de julho de 1937, o palco do jogo desta segunda-feira conta com capacidade para 30 mil pessoas. Sede da Copa do Mundo de 1950, o endereço é praticamente um sinônimo de Sport, tamanha a identificação construída pelo time nas quatro linhas de sua casa.


Retrospecto do confronto 📊

Índio comemora gol colorado na Ilha em 2007/Foto: Alexandre Lops

A história registra 47 encontros entre Inter e Sport, e o Clube do Povo leva vantagem no retrospecto do confronto. Vitorioso em 19 ocasiões, o Colorado já marcou 67 gols na equipe pernambucana. De sua parte, o Leão da Ilha, dono de 46 tentos, soma 10 triunfos no embate. Ocorreram, ainda, 18 igualdades, a mais recente no primeiro turno do atual Brasileirão, quando o Beira-Rio sediou empate por 2 a 2.


Última visita à Ilha 🔙

O Clube do Povo foi até a Ilha do Retiro para enfrentar o Sport na 14ª rodada do Brasileirão passado. Disputada na quarta-feira dia 14 de outubro, a partida, que marcou o retorno de Rodrigo Dourado aos gramados após 15 meses lesionado, correu bastante movimentada durante os 90 minutos, sempre com controle do Inter, mas também marcada por chances do rival.

Vitória de 5 a 3 manteve o Inter na luta pelo topo da tabela/Foto: Ricardo Duarte

Retrato perfeito do roteiro do jogo, o placar de 5 a 3 para o Colorado foi construído através dos gols de Patrick, duas vezes, Rodrigo Moledo, Adryelson, contra, e Yuri Alberto. O tento de Yuri, último do Inter no jogo, foi o primeiro marcado pelo atacante com o manto vermelho, e assegurou a terceira vitória consecutiva do Clube do Povo no Brasileiro.

Servido por Ed, Yuri marcou diante do Sport seu primeiro gol pelo Inter/Foto: Ricardo Duarte

Fora de casa, Inter empata sem gols com o Atlético-GO

O Clube do Povo empatou sem gols com o Atlético-GO, na noite deste domingo (29/08), em partida da 18ª rodada do Brasileirão. Com o ponto conquistado no Antônio Accioly, o Colorado chega a 23 pontos na competição.

Os comandados de Diego Aguirre retornam aos gramados no dia 13 de setembro, após final de semana de folga em virtude da disputa da Data FIFA que conta com Edenilson, Palacios e Guerrero convocados. Diante do Sport, a partida abre o returno, e terá como palco a Ilha do Retiro.


Defesas levam a melhor

Nem Colorado, nem Dragão levaram verdadeiro perigo às defesas adversárias no primeiro tempo desta 18ª rodada do Brasileirão. Caracterizada por retaguardas bem postadas, a etapa inicial presenciou momento de maior verticalidade dos dois lados ainda na casa dos 10 minutos, quando Yuri, para o Inter, e André Luís, do lado do Atlético-GO, levaram perigo em lances de relativa confusão das zagas rivais.

Mais uma vez segura, a dupla de zaga formada por Bruno Méndez e Victor Cuesta anulou com exatidão as tramas de João Paulo e Zé Roberto, tabela que se mostrou perigosa ao longo deste primeiro turno de Brasilierão. Na frente, os melhores momentos colorados saíram da aproximação de Taison a Moisés e Patrick, trio que conseguiu boas tramas pela esquerda, mas nenhuma consagrada com gol.


Mandantes retornam melhor, Inter termina em cima

Quem retornou melhor dos vestiários foi o Atlético-GO, que acumulou boas chances nos 10 minutos de abertura da etapa final. Janderson, logo após a saída da bola, assustou pela esquerda, enquanto João Paulo teve arremate cortado em cima da linha, de maneira providencial, por Bruno Méndez. Aos 13, Zé Roberto também levou perigo, mas em lance paralisado por irregularidade na origem.

Após segundo terço de muitas paralisações, os 15 minutos finais de jogo presenciaram pressão colorada. A partir das entradas de Mauricio, Caio Vidal e Palacios, o Inter construiu enorme volume ofensivo, armado a partir da velocidade do trio e das paredes de Paolo Guerrero, que muito incomodava a zaga. Ninguém, contudo, foi capaz de balançar as redes, que seguiram intactas até o último apito.


Primeiro tempo

9min – UUUUUUUUUUUUH! Yuri recebe de Taison, invade a área rubro-negra e, rente à linha de fundo, tenta o passe rasteiro, para trás. A zaga não afasta, o ataque não completa, e a posse retorna ao 11 do Inter, que finaliza bloqueado por grande saída de Fernando Miguel.

10min – BEM, DANIEL! Igor Cariús arrisca despretensioso, mas com força, pela esquerda. A bola explode na zaga do Inter e toma a direção do lado direito da área vermelha. Antes de André Luis, goleiro colorado deixa o gol e afasta.

11min – COOOOORTA A ZAGA! Taison, que visão! Camisa 10 percebe Moisés nas costas da zaga e serve. Lateral vai até a linha de fundo e cruza rasteiro. Antes de Patrick, Arnaldo manda pela linha de fundo.

26min – Arnaldo sai cara a cara com Daniel e, dentro da área, finaliza para as redes. Gol é anulado por impedimento do lateral-direito rubro-negro.

28min – Lesionado, Arthur Henrique deixa o campo no Dragão. Entra Janderson.

32min – Daniel! João Paulo finaliza de muito longe, e goleiro colorado espalma com segurança.

35min – SALVA, FERNANDO MIGUEL! Edenilson lança Yuri nas costas da zaga atleticana. Camisa 11 dominaria com total liberdade, mas goleiro rubro-negro deixa a meta e afasta o perigo.

45min – Mais um. Vamos até 46!

46min – Encerrado o primeiro tempo.


Segundo tempo

1min – Janderson é lançado em velocidade pela esquerda, consegue o drible na segunda tentativa e chuta cruzado. Daniel espalma, Moisés corta, e arbitragem interrompe o lance por impedimento.

5min – SAAAAALVA, BRUNO MÉNDEZ! Em cima da linha, zagueiro corta finalização de João Paulo, que já superara o goleiro Daniel. Grande lance do uruguaio!

13min – Zé Roberto recebe com espaço na área colorada, mas lance é paralisado por irregularidade na origem da jogada. Atacante reclama e recebe o amarelo.

15min – Johnny por Guerrero. Muda o Inter.

15min – Dourado impede escapada de Janderson e recebe o amarelo.

25min – Vêm Palacios e Paulo Victor no Clube do Povo. Taison e Moisés deixam o campo.

26min – André Luiz escapa pelo corredor direito e finaliza fechado. Daniel encaixa.

28min – NA TRAAAAAAAAAAVE! Heitor costura da direita para o centro e finaliza com a canhota. A bola supera Fernando Miguel, mas explode no poste direito da meta atleticana. Teimosia para não entrar!

32min – Rickson e Montenegro entram no Atlético-GO. Saem André Luis e Zé Roberto.

33min – Por reclamação, Palacios recebe o amarelo.

35min – Caio e Mauricio por Patrick e Yuri. Aguirre completa as cinco mudanças.

37min – UH! Daniel lança linda bola para Edenilson, que escapa pela esquerda e aciona Caio. Camisa 47 corta para a perna direita e, dentro da área, finaliza rasteiro. Fernando Miguel encaixa.

39min – UUUUUUUUUH! Mauricio arma contra-ataque para o Inter e deixa com Caio, que tenta o passe rasteiro na segunda trave. Guerrero teria o gol aberto para marcar, mas a zaga cortou em escanteio!

42min – UUUUUUH! DE NOVO, MAURICIO SERVE! Agora, do 27 para Palacios, que invade a área pela direita, ajeita para soltar a bomba e manda por cima. Quase, quase!

45min – Com quatro de acréscimos, vamos a 49.

49min – Jogo encerrado em Goiânia.


Ficha técnica:

Atlético-GO (0): Fernando Miguel; Arnaldo, Wanderson, Éder e Igor Cariús; Baralhas, Willian Maranhão, André Luis (Rickson), João Paulo e Arthur Henrique (Janderson); Zé Roberto (Montenegro). Técnico: Eduardo Barroca.

Internacional (0): Daniel; Heitor, Bruno Méndez, Victor Cuesta e Moisés (Paulo Victor); Edenilson, Johnny (Guerrero), Rodrigo Dourado e Patrick (Caio Vidal); Taison (Palacios) e Yuri Alberto (Mauricio). Técnico: Diego Aguirre.

Cartões amarelos: Zé Roberto (A). Rodrigo Dourado e Palacios (I).

Arbitragem: Marielson Alves Silva, auxiliado por Alessandro Álvaro Rocha de Matos e Edevan de Oliveira Pereira. Quarto árbitro: Osimar Moreira da Silva Júnior. VAR: Pathrice Wallace Corrêa Maia.

Estádio: Antônio Accioly-GO.