Brasileiro Sub-20: Inter empata com o América-MG

Thauan Lara marcou o gol colorado no empate (Fotos: Jota Finkler)

Na abertura da 15ª rodada do Campeonato Brasileiro Sub-20, o Celeiro de Ases enfrentou o América-MG na tarde deste sábado (11/09), no Sesc Protásio Alves. Apesar do maior volume de jogo e da pressão até o final, o Colorado ficou no empate em 1 a 1 com os mineiros. Rodriguinho marcou para os visitantes no final do primeiro tempo, enquanto o lateral esquerdo Thauan Lara igualou o placar na segunda etapa.

Com o ponto somado, o Inter chega a 20 na competição, adiando as pretensões de ingressar no G-8. No momento, ainda sem as partidas de domingo desta rodada, a equipe colorada divide a 11ª colocação com o Fluminense. No próximo final de semana, o Celeiro de Ases vai a Goiânia para enfrentar o Atlético-GO. Depois disso, ainda terá os duelos contra Bahia, Sport e Cruzeiro para buscar uma vaga na próxima fase.

Com apenas três pontos separando as duas equipes, o duelo prometia ser parelho ainda antes de a bola rolar. Integrante do G-8, o time mineiro deu trabalho e cedeu poucos espaços para o Celeiro de Ases, que não teve a presença dos atacantes Matheus Cadorini e Juan Cuesta, chamados para integrar o grupo principal.

O primeiro tempo começou com certo equilíbrio, mas o Colorado pouco a pouco foi subindo suas linhas e tomando conta do jogo. Aos 26min, a pressão pela retomada deu certo e Cléberson experimentou chute forte da entrada da área. A bola tinha o endereço do gol, mas o goleiro adversário conseguiu espalmar. Pressionado pela zaga, Vinícius Mello ainda conferiu o rebote, sem sucesso.

Enquanto o Inter rodava o jogo em busca de alguma brecha, os mineiros dificultavam a vida colorada impondo forte marcação. Aos 35min, Lucas Vital abriu na direita, Vinicius Tobias fez a ultrapassagem em velocidade e cruzou para o centro da área. Vini Mello levou a melhor sobre o zagueiro e conseguiu o cabeceio, que passou por cima.

Quando parecia que o empate persistiria na etapa inicial, o América, em sua primeira chegada, abriu o placar. Aos 46min, Gustavinho avançou em jogada individual pela direita e cruzou para Carlos Alberto. O goleiro Anthoni ainda conseguiu uma grande defesa, mas Rodriguinho guardou no rebote. Um duro golpe para a equipe colorada antes do intervalo.

No prejuízo, o Colorado voltou para o segundo tempo na busca pelo empate. Logo aos 3min, Allison arriscou o chute e Cássio fez mais uma defesa. Aos 10min, Estêvão, que acabara de entrar, encontrou Thauan Lara pela esquerda da área, Arthur chegou atrasado e cometeu pênalti. O próprio lateral colorado converteu, deslocando o goleiro, e igualou o placar.

A virada quase veio aos 28min. Thauan balançou a marcação e encontrou Estêvão com liberdade pelo meio. O meia ajeitou com carinho e bateu com muito veneno. A bola ainda quicou no chão antes da boa defesa de Cássio, no cantinho. Pouco depois, o lateral levantou na área e Lucas Vital levou perigo no cabeceio.

Aos 35min, Thauan Lara, mais uma vez, descolou lançamento longo para Nicolas, na ponta direita. No domínio, o atacante tocou na frente e deixou a marcação para trás. O chute saiu cruzado, rente à trave. O Colorado pressionava pela virada. Aos 46min, Vinicius Tobias fez fila pela direita, deixou dois para trás e lançou no segundo poste. Vitinho subiu para o cabeceio e foi bloqueado pela marcação.

Na sede pela virada, o Inter acabou dando espaço atrás, e Anthoni teve que garantir o empate no final do jogo. Carlos Alberto recebeu com liberdade e o goleiro saiu com coragem, nos pés do centroavante, para evitar o gol mineiro.

FICHA TÉCNICA:

Internacional (1): Anthoni; Vinicius Tobias, João Pedro, João Felix e Thauan Lara; Lucas Vital, Igor (Matheus Dias), Allison (Vitinho), Cléberson (Nicolas) e Gustavo (Estêvão); Vinícius Mello. Técnicos: João Miguel/Leonardo Martins.

América-MG (1): Cássio; Arthur, Gustavo Marques, Zé Vitor (Júlio) e Carlos Junio; Kevyn (Kanté), Rodriguinho, Gustavo (Ighor Gabryel) e Kawê (Adyson); Mateus Henrique e Carlos Alberto. Técnico: William Batista.

Gols: Rodriguinho, aos 46’/1T (A); Thauan Lara, aos 10’/2T;

Local: Sesc Protásio Alves, em Porto Alegre.

Arbitragem: Jonathan Giovanella Vivian, auxiliado por Juarez de Mello Júnior e Fagner Bueno Cortes.

Brasileiro Sub-20: Inter goleia o Santos por 4 a 0

Gurizada do Inter teve grande desempenho (Fotos: Jota Finkler)

Com uma atuação de luxo, o Celeiro de Ases goleou o Santos pelo placar de 4 a 0 neste sábado (04/09), no Sesc Protásio Alves. Mais do que o placar obtido na partida, válida pela 14ª rodada do Campeonato Brasileiro Sub-20, a gurizada mostrou desempenho e repertório no quatro gols marcados por Vinícius Mello, Allison, Gustavo e Thauan Lara.

Na busca pela classificação à próxima fase, o Inter volta a campo no próximo sábado, quando joga novamente em Porto Alegre, diante do América-MG. Depois disso, ainda terá pela frente Atlético-GO, Bahia, Sport e Cruzeiro para buscar uma vaga entre os oito primeiros.

A equipe colorada entrou na rodada na 11ª posição e, agora com 19 pontos, aguarda os demais jogos para saber em qual colocação fica até o próximo final de semana.

“São três pontos importantes. Agora é seguir firme para ganhar força no campeonato”, definiu o lateral Thauan Lara, que fechou a conta da partida.

O domínio colorado foi total do começo ao fim da partida. Com dois gols no primeiro tempo e outros dois no segundo, o placar traduziu o desempenho em campo, com forte movimentação ofensiva e solidez na contenção por parte da gurizada do Inter.

Logo aos 8min, Allison acreditou na jogada, recolheu a bola no fundo pela esquerda e centrou na direção de Vinícius Mello. O centroavante subiu soberano, ganhando do marcador e cabeceando firme no cantinho para abrir o placar: 1 a 0! (clique para ver o gol)


Ainda no primeiro tempo, pouco antes do intervalo, o Colorado ampliou. Desta vez, Vini Mello fez o pivô no zona central de campo e segurou a marcação enquanto Juan Cuesta partia em velocidade atacando o espaço nas costas da zaga. O lançamento veio na medida, o colombiano avançou e rolou para Allison (foto) balançar a rede. (clique para ver o gol)


O amplo controle vermelho seguiu o mesmo na etapa complementar. Aos 28min, Vinícius Mello foi lançado na ponta esquerda e cruzou rasteiro no segundo poste, onde estava Gustavo. O meia bateu de primeira, deslocando o goleiro, para marcar o terceiro do Inter. (clique para ver o gol)


A cereja do bolo veio na reta final, aos 36min, quando Juan Cuesta recebeu pela esquerda, cortou pra dentro tirando da marcação e foi derrubado, quase na entrada da área. Thauan Lara cobrou mais uma falta com perfeição e deu números finais ao jogo: Inter 4×0 Santos. (clique para ver o gol)

FICHA TÉCNICA:

Internacional (4): Vitor Hugo; Bernardo, João Pedro (Samuel), Tiago Barbosa e Thauan Lara; Lucas Vital (Pedrinho), Igor, Gustavo (Kevin Quiñones) e Allison (Matheus Dias); Juan Cuesta (Vitinho) e Vinícius Mello (Lucca). Técnico: Leonardo Martins

Santos (0): Eduardo Araújo; Victor Braga, Yalle, Thiago Balieiro e Diogo Correia (Gabriel Santana); Matheus Nunes (Geliel), João Pistelli e Wesley Patati; Kaio Henrique, Rwan (Rafael Quintino) e Brayan. Técnico: Rodrigo Casarin

Gols: Vinícius Mello, aos 8’/1T; Allison, aos 47’/1T; Gustavo, aos 28’/2T; Thauan Lara, aos 36’/2T (I).

Local: Sesc Protásio Alves

Arbitragem: Francisco Soares Dias, auxiliado por Tiago Augusto Kappes Diel e Conrado Bittencourt Berger.

Brasileiro Sub-20: Colorado é superado fora de casa pelo Atlético-MG

Celeiro de Ases sofreu gol no início (Fotos: Jota Finkler)

Em partida válida pela 13ª rodada do Campeonato Brasileiro Sub-20, o Internacional foi a Belo Horizonte para encarar o Atlético-MG, neste sábado (28/08), no Sesc Alterosas. Apesar de lutar até o fim, a gurizada colorada foi batida pelo placar de 1 a 0, gol marcado por Luiz Filipe no começo do jogo.

Na rodada seguinte, o adversário será o Santos, em partida marcada para o próximo sábado, às 15h, no Sesc Protásio Alves, em Porto Alegre. Depois disso, na reta final da primeira fase, a equipe colorada ainda tem pela frente América-MG, Atlético-GO, Bahia, Sport e Cruzeiro para buscar uma vaga entre os oito primeiros. No momento, o Inter soma 16 pontos, na 11º posição da tabela – ainda sem o fechamento da rodada.

O time mineiro começou melhor, aos 9min Luiz Filipe recebeu na frente da área e bateu rasteiro, cruzado, abrindo o placar. A equipe colorada ainda ficou na bronca por falta sobre Allison no começo da jogada, mas a arbitragem, embora na dúvida, confirmou o gol.

O Inter aumentou o volume de jogo na busca pelo empate. O lateral Thauan Lara levou perigo em cobranças de falta, aos 26min e 34min, parando no goleiro Gabriel Delfim e raspando na trave, respectivamente.

Na volta do intervalo, o Colorado seguiu tentando ganhar terreno e subir a marcação, mas o Galo se fechava bem e ofertava poucos espaços. Aos 12min, Vinícius Mello arranjou espaço e bateu rasteiro, no cantinho, mas o goleiro espalmou para o lado.

A missão ficou mais difícil aos 28min, quando Matheus Cadorini recebeu o segundo cartão amarelo. Aos 46min, Pedrinho centrou a bola na área e Vinícius Mello cabeceou à queima roupa, mas Gabriel Delfim encaixou, em grande defesa, garantindo o resultado para os donos da casa.

FICHA TÉCNICA:

Atlético-MG (1): Gabriel Delfim; Carlos Daniel, Daniel Borges, Léo Simoni e Tomaz; Vitor Lima, Rubens, Júlio César, Gabriel Santos e Luiz Filipe (Gabriel Oliveira); Felipe Felício. Técnico: Marcos Valadares.

Internacional (0): Vitor Hugo; Bernardo, João Pedro, Felipe e Thauan Lara; Igor (Kevin Quiñones), Gustavo (João Felix), Allison (Pedrinho) e Juan Cuesta (Nicolas); Vinícius Mello e Matheus Cadorini. Técnicos: João Miguel e Leonardo Martins.

Gols: Luiz Filipe (A), aos 9’/1T

Local: Sesc Alterosas, em Belo Horizonte-MG

Arbitragem: Andreza Helena Siqueira, auxiliada por Suellen das Graças Silva e Riane Clementino Neto (trio de MG).

Brasileiro Sub-20: Celeiro é superado pela Chapecoense

Colorado foi batido por 3 a 2 no Sesc (Fotos: Jota Finkler)

Em jogo bastante movimentado e decidido nos momentos finais, o Inter recebeu a Chapecoense pela 12ª rodada do Campeonato Brasileiro Sub-20. Apesar das muitas chances criadas, sobretudo no primeiro tempo, o Celeiro de Ases acabou superado pelos catarinenses por 3 a 2 neste sábado (21/08), no Sesc Protásio Alves, em Porto Alegre.

A equipe colorada volta a campo no próximo sábado, dia 28 de agosto, às 16h30, para enfrentar o Atlético-MG no Sesc Alterosas, em Belo Horizonte.

O primeiro tempo foi extremamente movimentado e mexeu quatro vezes no placar – duas para cada lado. Os visitantes saíram na frente no começo do jogo, mas o Inter conseguiu a virada e criou diversas chances para até ampliar. As oportunidades desperdiçadas não foram perdoadas pela Chape, que igualou o marcador no fim da etapa.

Erro de cá, erro de lá

A equipe catarinense saiu na frente com Rodriguinho, aproveitando erro na saída de bola do Inter logo aos 5min de partida. O Colorado não demorou a responder: Vinícius Mello carregou pelo meio e acionou Allison nas costas da defesa. O cruzamento ia na direção de Cadorini, mas o zagueiro Kauan Gomes fez o serviço primeiro – gol contra e empate no Sesc!

Celeiro vira, mas cede empate

A virada colorada veio em grande estilo. Aos 19min, Vinícius Mello fez a parede, se livrando de dois marcadores, invadiu a grande área e bateu com categoria, de canhota, no canto oposto. Um golaço! O Celeiro de Ases quase ampliou três minutos depois. Bernardo caprichou no cruzamento pela direita, Cadorini subiu soberano no meio da área e finalizou de cabeça. Ela passou muito perto!

A trave e o goleiro salvaram os visitantes do terceiro colorado. Primeiro com Cadorini, em chute que beijou o poste. Allison ainda tentou no rebote, mas Silvano evitou o gol. O Colorado seguia criando, mas batia na trave. Allison completou de cabeça o cruzamento de Pedrinho e parou no poste. A chance mais clara veio com Vinícius Mello, que recebeu com liberdade e bateu por cima. A Chape não perdoou o desperdício e igualou o placar com Riquelme, em novo erro da defesa colorada.

Jogo truncado

Se o primeiro tempo foi de jogo fluído e de muitas chances, a etapa complementar seguiu pelo caminho oposto, com diversas faltas e poucas oportunidades. Anthoni fez duas boas defesas nos primeiros minutos e, aos 17min, Cadorini cobrou falta que Sivaldo espalmou no ângulo.

Anthoni voltou a brilhar aos 25min, em chute venenoso de Lorhan. O meia da Chape bateu com muito efeito buscando o ângulo, mas o goleiro colorado fez uma defesa espetacular e espalmou de mão trocada. A comissão técnica colorada mexeu na equipe, dando maior poderio ofensivo e promovendo a entrada de Nicolas e Kevin Quiñones, que fez sua estreia pelo Sub-20 do Inter, assim como Davi, pouco depois.

Inter cresce, mas Chape decide

O Celeiro de Ases tentou subir o tom para sair com a vitória. Vini Mello voltou a levar perigo aos 28min, em chute forte de fora da área que passou raspando a trave. Aos 37min, João Pedro subiu na área adversária e desviou de cabeça o cruzamento de Thauan Lara, fazendo a bola tirar tinta do travessão.

Na reta final, porém, a Chape conseguiu arrancar os três pontos. Aos 47min, após falta que gerou a expulsão de Tiago Barbosa, Marco pegou rebote na frente da área e acertou uma bomba no cantinho, decretando a vitória dos visitantes.

FICHA TÉCNICA:

Internacional (2): Anthoni; Bernardo (Vinicius Tobias), João Pedro (Tiago Barbosa), Felipe e Jonathan (Thauan Lara); Lucas Vital, Igor (Kevin Quiñones), Pedrinho (Nicolas) e Allison (Davi); Vinícius Mello e Matheus Cadorini. Técnicos: João Miguel e Leonardo Martins.

Chapecoense (3): Sivaldo Junior; Ryan (Thiago Henrique), Coser, Kauan Gomes e Vasconcelos; Bruno (Cesco), Paulinho (Victor Hugo) e Lorhan (Allan); Marco, Riquelme (Buzatto) e Rodriguinho. Técnico: Filipe Mattos

Gols: Rodriguinho (C), aos 5’/1T; Kauan Gomes contra (I), aos 11’/1T; Vinícius Mello (I), aos 19’/1T; Riquelme (C), aos 37’/1T; Marco (C), aos 47’/2T.

Local: Sesc Protásio Alves

Arbitragem: Marcello Ignacio Domingues Neto, auxiliado por Fagner Bueno Cortes e Juarez de Mello Júnior

Brasileiro Sub-20: Inter mostra garra e bate o Flamengo no fim

Colorado foi sólido na defesa e certeiro no ataque (Fotos: Jota Finkler)

O Celeiro de Ases conseguiu uma importante vitória pelo Campeonato Brasileiro Sub-20 neste domingo (08/08). Em atuação de muita garra da gurizada colorada, o Inter bateu o Flamengo por 1 a 0 no estádio Francisco Novelletto, em partida válida pela 10ª rodada. O gol da vitória foi marcado por Matheus Cadorini já na reta final do jogo.

Com a vitória sobre os cariocas, o time colorado chegou aos 16 pontos em 10 jogos, ocupando a décima posição na tabela, mas com a mesma pontuação de Vasco e Fluminense, oitavo e nono, respectivamente. Na próxima rodada, o nossa base visita o Botafogo no Rio de Janeiro.

Certeiro no ataque, o Celeiro contou com uma atuação extremamente segura defensivamente, cedendo pouco, ou nenhum, espaço para os cariocas. O primeiro tempo foi de bastante igualdade, com poucas oportunidades de ambos os lados.

A melhor chance colorada ocorreu aos 10min, quando Juan Cuesta foi lançado pela ponta esquerda, cortou pra dentro se livrando da marcação e arrematou, mas parou nas mãos de João Fernando. Na reta final, após forte dividida, o colombiano teve que ser substituído por Nicolas.

A partida seguiu na mesma toada na etapa final, com as duas equipes buscando espaço para furar os bloqueios defensivos. Até que, faltando oito minutos para o fim do tempo regulamentar, o Inter matou o jogo.

O lateral Jonathan recebeu pela esquerda e cruzou para a área, a zaga não conseguiu afastar e a bola chegou no segundo poste, onde estava Matheus Cadorini. O camisa 9 finalizou com frieza, deslocando o goleiro, e correu para o abraço.

FICHA TÉCNICA:

Internacional (1): Anthoni; Bernardo (Matteo), João Pedro, Felipe e Jonathan; Lucas Vital, Matheus Dias, Pedrinho (Vinícius Tobias), Juan Cuesta (Nicolas) e Vinícius Mello (Estêvão); Matheus Cadorini. Técnicos: João Miguel e Leonardo Martins.

Flamengo (0): João Fernando; Wesley (Werton), Noga, Otávio e Ítalo; Daniel, Max, Thiaguinho (João Pedro), Pedrinho (Luan Sales) e Pedro Arthur (Yuri); André (Weverton). Técnico: Fábio Matias

Gols: Matheus Cadorini (I), aos 37min/2T.

Local: Estádio Francisco Novelletto

Arbitragem: Roger Goulart, auxiliado por Juarez de Mello Júnior e Estefani Adriati Estrela da Rosa.

Gre-Nal empatado pelo Brasileiro Sub-20

Clássico em Eldorado do Sul ficou no 2 a 2 (Fotos: Jota Finkler)

Em partida disputada abaixo de muita chuva, gols e lances polêmicos, Inter e Grêmio proporcionaram um típico clássico Gre-Nal no Campeonato Brasileiro Sub-20. Na tarde desta segunda-feira (26/07), no CT Hélio Dourado, o Celeiro de Ases visitou o rival pela 7ª rodada da competição nacional. Com gols de Juan Cuesta e Matheus Cadorini, o Colorado empatou em 2 a 2 com o Grêmio, que marcou com Rubens e Léo Fenga.

Com o resultado, o Inter vai a 11 pontos e permanece na nona posição da tabela de classificação. Na próxima rodada, o Celeiro de Ases enfrenta o Athletico-PR no bairro Passo D’Areia. A partida está marcada para quinta-feira, às 15h.

Celeiro de Ases encarou o rival na 7ª rodada do Brasileirão Sub-20

Inter pressiona, goleiro salva

Apesar da forte chuva em Eldorado do Sul, a gurizada do Celeiro começou a partida em ritmo alucinante, exercendo forte pressão e acumulando oportunidades de abrir o placar. Com poucos segundos de jogo, Juan Cuesta recebeu pela esquerda e tratou de testar o goleiro Hugo, que encaixou.

Ainda antes de um par de minutos, o colombiano avançou pelo flanco novamente e rolou para Lucas Ramos chegar batendo, mas o meia parou no goleiro, que estava inspirado. Na sequência, após escanteio pela direita, o camisa 1 adversário operou um milagre. O zagueiro João Pedro subiu na área rival e cabeceou firme no canto, mas Hugo voou para espalmar.

Chuva aperta e rival marca

A pressão seguia e Juan Cuesta insistia pela ponta esquerda. Aos 4min, o colombiano cruzou fechado e a bola pegou veneno na direção do gol, obrigando o goleiro a trabalhar novamente. Nos minutos seguintes, a chuva apertou e deixou o jogo mais truncado. Foi então que o rival soube aproveitar a sua primeira oportunidade, aos 14min. Após bola espirrada, Cuiabano ficou com ela e cruzou rasteiro, Léo Fenga fez o corta-luz e Rubens mandou pro gol.

Resposta colorada

Inter igualou com o colombiano Juan Cuesta (E)

O Celeiro de Ases mostrou personalidade e, na base da insistência, deu a resposta. Aos 25min, Lucas Ramos cobrou falta com efeito pela direita, Hugo tirou parcialmente, João Pedro finalizou e Marins cortou em cima da linha. No rebote, não teve jeito – gol colorado: Cuesta encheu o pé e igualou o clássico.

Aos 29min, porém, um golpe duro para o time colorado, que perdeu seu camisa 10. Lucas Ramos sentiu lesão e foi obrigado a deixar o clássico mais cedo, sendo substituído por Murilo. O Colorado voltou a levar perigo aos 40min, em falta cobrada por Thauan Lara que Hugo conseguiu espalmar.

Virada vermelha

O Clube do Povo voltou para o segundo tempo determinado a buscar a vitória em solo rival, e não demorou a passar na frente. Aos 7min, Juan Cuesta engatilhava o chute quando foi derrubado por Rubens dentro da área: pênalti. Matheus Cadorini foi responsável pela cobrança e não desperdiçou: 2 a 1 para o Inter!

Cadorini (E) marcou seu terceiro gol no campeonato

Aos 19min, foi a vez do goleiro colorado brilhar. Velasco foi ao fundo e cruzou no segundo poste para a finalização de cabeça de Léo Fenga. Vitor Hugo cresceu na frente do atacante e tirou com os pés. O Grêmio tentava em jogadas aéreas e, aos 24min, Thauan Lara tirou o perigo embaixo do gol.

Empate rival

Mesmo jogando em casa, o adversário tinha dificuldades de entrar na área colorada. Só conseguiu aos 31min, quando a arbitragem viu pênalti de Thauan Lara em Léo Fenga. O próprio atacante foi para a cobrança, Vitor Hugo ainda tocou na bola, mas ela entrou: 2 a 2.

FICHA TÉCNICA:

Grêmio (2): Hugo; Lucas Kawan, Gustavo Martins, Gustavo Marins e Cuiabano; Velasco, Ronald, Rubens (Mateo Barrios), Gabriel Silva (Lucas Alves) e Léo Fenga (Everton); Kevin. Técnico: Guilherme Bossle.

Internacional (2): Vitor Hugo; Bernardo, João Pedro, João Felix e Thauan Lara; Lucas Vital, Matheus Dias (Igor), Alisson, Lucas Ramos (Murilo) (Cleberson) e Juan Cuesta (Jonathan); Matheus Cadorini. Técnicos: João Miguel e Leonardo Martins.

Gols: Léo Fenga (G), aos 14min/1T; Juan Cuesta (I), aos 25min/1T; Matheus Cadorini (I), aos 9min/2T; Léo Fenga (G), aos 32min/2T.

Local: CT Hélio Dourado

Arbitragem: Anderson da Silveira Farias, auxiliado por Gustavo Marin Schier e Mateus Olivério Rocha.

Celeiro de Ases bate o Ceará no Brasileiro Sub-20

Colorado venceu por 2 a 1 no Passo D’Areia (Fotos: Jota Finkler)

A equipe júnior do Clube do Povo obteve sua primeira vitória pelo Campeonato Brasileiro Sub-20. Pela segunda rodada da competição, o Celeiro de Ases recebeu o Ceará na tarde quarta-feira (30/06), no estádio Francisco Novelletto, e saiu com a vitória pelo placar de 2 a 1 – gols de Alisson e Carlos Edurado para o Inter.

Com o resultado, o Colorado subiu momentaneamente para a quinta posição na tabela, com quatro pontos. Na próxima rodada, o adversário será o Vasco da Gama, em partida marcada para sábado, às 10h, no Nivaldão.


Começo fulminante

Sem muita conversa, o Colorado foi abrindo o placar logo aos três minutos de jogo. Vinicius Tobias interceptou o ataque cearense e puxou o contragolpe. Cadorini abriu na ponta direita para Cleberson, que cruzou na medida para Alisson, no centro da área, finalizar: 1 a 0 Inter.

Com marcação alta no campo ofensivo e transições rápidas para atacar, o time de Fábio Matias criava as melhores chances – e não demorou para ampliar a vantagem. Aos 29min, Cleberson bateu escanteio pela esquerda e a bola ficou com Carlos Eduardo, na risca da pequena área. O zagueiro não teve dúvida: encheu o pé e correu pro abraço.

Com a vantagem de dois gols, o Celeiro de Ases diminuiu um pouco o ritmo no segundo tempo, valorizando a posse de bola. Enquanto isso, o Ceará buscava de todas as maneiras furar a defesa colorada.

Aos 11min, Denilson conseguiu. O camisa 7 recebeu em profundidade e bateu na saída de Lucas Flores, diminuindo o placar. Apesar de boas chances para o Colorado matar no contragolpe, a partida encerrou com vitória por 2 a 1.

Ficha técnica:

Internacional: Lucas Flores; Vinicius Tobias, Tiago Barbosa, Carlos Eduardo e João Felix; Lucas Vital, Matheus Dias (Igor) e Alisson (Estêvão); Cleberson (Lucca), Julio Kauê (Vitinho) e Matheus Cadorini. Técnico: Fábio Matias

Gols: Alisson (I), aos 3min/1t; Carlos Eduardo (I), aos 29min/1t; Denilson (C), aos 11min/2t

Local: Francisco Novelletto

Arbitragem: Rafael Rodrigo Klein, auxiliado por Conrado Bittencourt Berger e Ariela Duarte (RS)