Gurias empatam com o Cruzeiro

Duda marcou para as Gurias no empate de 1 a 1/Foto: João Callegari

Pela 9ª rodada do Brasileirão A1, as Gurias Coloradas empataram em 1 a 1 com o Cruzeiro, no início da noite desta segunda-feira (16/05), no Sesc Protásio Alves. Duda marcou o gol vermelho no confronto, que deixa o Inter com 20 pontos e na terceira colocação da tabela. Agora, o Clube do Povo inicia preparação para embate contra o Real Brasília, previsto para o próximo dia 28, também em Porto Alegre.

+ Confira as imagens a partida!

Ouça: gol de Duda na narração da Rádio Colorada

Melhora ao longo do primeiro tempo

Gurias criaram as melhores chances do primeiro tempo/Foto: João Callegari

Desde cedo, o Cruzeiro deixou claro que não daria vida fácil ao Inter nesta segunda-feira. As mineiras praticamente monopolizaram a posse de bola ao longo dos cinco minutos de abertura da partida, acumulando consecutivas faltas já no campo de ataque, cavadas após erros forçados na saída de jogo das Gurias. Na primeira incursão ofensiva que realizou, o Clube do Povo quase abriu o placar com Isabela, mas o desvio da lateral-esquerda, após cruzamento de Duda, foi antecipado por saída arrojada da goleira Rubi.

Jogo começou truncado/Foto: João Callegari

Aos poucos, a posse de bola, inicialmente desbalanceada em favor das visitantes, ficou mais equilibrada. A partir de então, Inter e Cruzeiro abusaram de erros de passe e faltas táticas, tornando bastante truncado o desenrolar do confronto. Atingidos os 30 minutos, porém, o jogo colorado passou a fluir com maior naturalidade, e as grandes chances começaram a surgir.

Aos 30, Millene assustou pela primeira vez. Servida por pivô de Lelê, a atacante arriscou chute rasteiro, que Rubi encaixou. Quatro minutos mais tarde, a goleira rival voltou a ser algoz da camisa 14 do Clube do Povo, que fez fila antes de esbarrar em nova defesa sem rebote. Se o gol não saía pela esquerda, as Gurias decidiram atacar pela direita, e quase abriram o placar após trama de Duda e Fabi.

Millene criou boas oportunidades/Foto: João Callegari

Mais cedo no confronto, Duda já tirara tinta do poste em chute cruzado de perna direita. Inspirada na movimentação da companheira, Maii Maii também exerceu momento de protagonismo, primeiro servindo Millene, que fintou a marcadora e chutou por cima, e depois emendando finalização acrobática dentro da área. Rubi, no centro do gol, voltou a defender, mantendo o placar zerado até o intervalo.


Empate amargo

A crescente pressão colorada que antecedeu a descida para os vestiários foi continuada com o reinício de partida. Substituta de Rubi, que apesar de sofrer uma pancada logo aos seis do primeiro tempo conseguira permanecer em campo até o intervalo, Taty Amaro pouco passou frio na capital gaúcha, já que começou a trabalhar aos três, quando defendeu chute de Duda. Logo depois, quem parou na nova vilã mineira foi Eskerdinha.

Mai entrou bem na etapa final/Foto: João Callegari

A melhor chance do Inter no jogo saiu aos 12. Escalada na volância, Capelinha exibiu rara visão de jogo para lançar Fabi, perfeitamente posicionada nas costas da zaga. Apesar do campo aberto para arriscar, a camisa sete preferiu servir Millene, que dominou na entrada da pequena área e mandou de direita. Com desvio, a bola saiu em escanteio.

Quem não faz, diz o ditado, leva, e o Inter quase foi vazado por Vanessinha, aos 22, e Mariana Santos, aos 25. Enquanto Sorriso travou o arremate da primeira, o travessão colorado impediu que a segunda marcasse. O aviso, todavia, estava dado: era preciso ser efetiva. Efetiva como Duda foi no minuto 31, quando recebeu cruzamento de Mai, aproveitou corta-luz de Millene e mandou para as redes.

Duda marcou pela segunda vez no Brasileirão/Foto: Ricardo Duarte

Segundos depois do gol, a euforia colorada foi ampliada com a entrada de Juliana, que disputou sua primeira partida em quase 11 meses. Nervoso, o Cruzeiro parecia nocauteado no jogo. Rejuvenescido, o ataque das Gurias ansiava pelo segundo gol. A vitória, enfim, parecia encaminhada. Parecia. Aos 36, Karen empatou e deu números finais ao embate.


Primeiro tempo

6min – Duda cobra falta fechada pela direita. Na primeira trave, Bela tenta o desvio, mas acerta Rubi, que fazia o corte. Goleira fica no chão.

13min – UH! Millene estica jogo com Maii Maii, que invade a área pela direita e tenta o cruzamento para Lelê. Antes dela, zaga corta pela linha de fundo.

15min – Janety recebe na entrada da área colorada e arrisca de canhota. Gabi encaixa!

16min – Duda recebe o amarelo. Carrinho frontal da 10 acertou Janaína.

19min – PRA FOOOOOOORA! Isabela percebe Duda livre na área mineira e serve a 10, que domina e, mesmo sem ângulo, solta a bomba de perna direita. Chute buscava o canto oposto de Rubi, mas bola sai tirando tinta do poste.

26min – Com liberdade, Maiara consegue o cabeceio na esquerda da área rival. Rubi encaixa.

30min – BONITA JOGADA! Lelê, na primeira trave, faz o pivô para Millene, que arrisca rasteiro. No canto, Rubi defende.

34min – ENFILEIROU! Millene costura a dribles a partir da ponta-esquerda, chega na entrada da área e arrisca para nova defesa de Rubi.

37min – Rafa Andrade cobra falta frontal, a bola resvala na barreira e ameaça tomar o contrapé de Gabi, mas goleira colorada segura firme.

43min – COOOOOOOOOOOOORTA A ZAGA! Fabi e Duda tabelam com estilo pela direita, camisa 10 aprofunda jogo com a sete, que deixa a marcação para trás e tenta a assistência por baixo. Defesa mineira afasta pela linha de fundo.

44min – PERIGO DE GOL? Maiara recebe cobrança curta de escanteio feita por Fabi, dribla a primeira rival e cruza fechado. Debaixo das traves, zaga afasta no pé de Millene. Arbitragem, porém, apita falta no lance.

45min – Mais seis: vamos a 51.

46min – POR CIIIIIIIIMA! Maiara dá lindo passe para Millene, que domina na grande área, finta a primeira marcadora e enche o pé. Forte demais, ela supera o travessão. Que chance!

50min – RUBI! Maii Maii aproveita corte incompleto da zaga, que impedira drible de Millene, e finaliza de giro. Goleira volta a salvar as visitantes.

51min – Intervalo no Sesc.


Segundo tempo

0min – Cruzeiro retorna com duas trocas. Rubi, lesionada, dá lugar a Taty, enquanto Janety é sacada para a entrada de Rebeca.

3min – Duda desarma a saída de jogo adversária e lança Millene, que avança, pela esquerda, até as proximidades da área do Cruzeiro. Atenta, a 14 devolve para a 10, que engatilha e chuta de direita. Taty defende.

6min – Valeu, Eskerda! Lateral antecipa jogadora adversária, fica com a posse pela esquerda do campo de ataque e chuta forte. Goleira defende.

12min – QUE PECAAAAAAAAAAAAAAAAAAAADO! Capelinha lança bola teleguiada para Fabi, que escapa nas costas da marcação e invade a área. Pela direita, a sete cruza para Millene, que chuta com desvio. Escanteio (por detalhe)!

17min – Mudanças no Inter. Priscila e Mai substituem Lelê e Maii Maii.

22min – Vanessinha, com espaço, chuta cruzado pela direita da área do Inter. Sorriso resvala, Gabi acompanha, e a bola sai em escanteio.

24min – Priscila, pela direita, parte desde a defesa até a área antes de cruzar fechado. Amaro encaixa.

25min – Mariana Santos faz a finta e chuta no travessão colorado.

26min – Karen por Janaína. Troca o Cruzeiro.

29min – PRA FORA! Isabela para Duda, que domina na direita da área e chuta fechado. Por detalhe!

31min – GOOOOOOOOL! É GOOOOOOOOOOOOL! É GOOOOOOOOOOOOOOL! É GOL DAS GURIAS, É GOL DA 10 DO INTER, É GOL DE DUDA! GOLAÇO COLORADO! Mai tabela com Millene, invade a área pela direita e cruza rasteiro. A atacante faz o corta-luz e a bola sobra limpa para Duda, que finaliza, de primeira, no canto de Taty. Sem chance de defesa, o chute morre nas redes rivais. Inter na frente!

33min – Ela voltou! Juliana, depois de quase 11 meses, retorna aos gramados. Volante vem no lugar de Isabela.

34min – Biazinha também entra no Inter. Millene deixa o campo.

36min – Karen fica com o rebote de milagre de Gabi Barbieri e empata.

41min – Capelinha amarelada. Acertou Vanessinha.

43min – Capela dá lugar a Haas. Quinta troca no Inter.

45min – Vamos a 51 também na etapa final. Placa indicou mais seis.

50min – ERA O GOL DA VITÓRIA! Pri lança Fabi, que avança livre e chuta de primeira. Bola sai por cima. Quase!

50min – Maranhão vem a campo nas mineiras. Nine deixa o campo.

51min – Fim de jogo!


Ficha técnica:

Internacional (1): Gabi Barbieri; Isabela (Juliana), Bruna Benites, Sorriso e Eskerdinha; Capelinha (Haas), Duda, Fabi Simões e Maiara (Mai); Millene (Biazinha) e Lelê (Priscila). Técnico: Maurício Salgado.

Cruzeiro (1): Rubi (Taty Amaro); Janaina (Karen), Gabi Arcanjo, Korina e Nine (Maranhão); Rafa Andrade, Robinha e Mariana Pires; Janety (Rebeca), Mari Santos e Vanessinha. Técnico: Felipe Freitas.

Gols: Duda, aos 31’/2ºT (I). Karen, aos 36’/2ºT (C).

Cartões amarelos:
Bruna Benites, Duda e Capelinha (I). Robinha e Janaína (C).

Arbitragem: Anderson Farias, auxiliado por Estrela da Rosa e Luiza Reis. Quarto árbitro: Francisco Soares Dias.

Estádio: Sesc Protásio Alves.

Raio-X: Gurias recebem o Cruzeiro no Sesc

Gurias recebem o Cruzeiro nesta segunda-feira/Foto: Mariana Capra

Passadas duas semanas da última partida que disputaram, as Gurias Coloradas vão a campo nesta segunda-feira (16/05), a partir das 17h30, pela nona rodada do Brasileirão Feminino A1. O adversário do Inter será o Cruzeiro, rival destrinchado pela Rádio Colorada durante entrevista com Natália Andrade. Confira o papo e, na sequência, saiba tudo sobre o confronto, que terá como palco o Sesc Protásio Alves.

Transmissão;
Preparação colorada;
Relacionadas;
Campanha das Gurias;
Situação de tabela;
Arbitragem;
Rival;
Palco da partida;
Retrospecto do confronto;


Transmissão 📻

Sempre ao lado do Futebol Feminino alvirrubro, a Rádio Colorada iniciará às 16h30 sua cobertura da nona rodada do Brasileirão A1. Além da emissora oficial do Clube do Povo, as redes sociais das Gurias (InstagramFacebook e Twitter) acompanharão o duelo através de relato minuto a minuto. Já na TV, o SporTV anuncia transmissão.

ProgramaçãoPlataforma
16h30Raio-XSite e APP do Inter
17hPortões AbertosSite e APP do Inter
17h30Jornada EsportivaSite e APP do Inter
19h30Vestiário VermelhoSite e APP do Inter

Preparação colorada 💪

Gurias tiveram duas semanas para trabalhar/Foto: João Callegari

O duelo contra o Cruzeiro será somente o segundo disputado pelas Gurias em maio. No primeiro dia deste mês, o Inter superou o Palmeiras por 1 a 0, no Canindé, em partida da oitava rodada do Brasileirão. Desde então, Maurício Salgado e comissão técnica tiveram duas semanas livres de jogos para trabalhar com o elenco colorado.

No Sesc Protásio Alves, treinos físicos, técnicos e táticos fizeram parte da rotina das atletas, que puderam recuperar o fôlego após jogarem três partidas, duas dessas como visitantes, nos 14 dias que antecederam a breve pausa no Campeonato. Depois do Cruzeiro, o Inter voltará a campo apenas no último final de semana de maio, quando receberá o Real Brasília.


Relacionadas 📜

A Ju voltou! Meio-campista das Gurias desde 2019, a camisa cinco do Inter está plenamente recuperada de lesão que a afastou dos gramados durante mais de nove meses, e figura entre as concentradas para a partida contra o Cruzeiro. Até aqui, a polivalente atleta já disputou 31 jogos pelo Clube do Povo, com 10 gols marcados.

Juliana Ferreira está de volta/Foto: João Callegari

Além de Juliana, a lateral-esquerda Isabela, que cumpriu suspensão no jogo passado, é outro nome que reforça as Gurias na nona rodada do Nacional. Pela direita, a defesa também tem cara nova, já que Joana, titular na campanha recentemente campeã do Brasileirão Sub-17, está relacionada para a sua primeira partida como profissional.

Suspensa, a volante Zóio é a principal novidade na lista de desfalques de Maurício Salgado, que ainda conta com Djeni Becker e Mayara. Já Tamara é a única atleta colorada pendurada, com dois cartões amarelos acumulados na competição. Confira a nominata relacionada para a rodada de número nove do Brasileirão A1:


Os números do Inter 📈

Donas de 19 pontos, as Gurias abriram o final de semana com pontuação de líderes, e podem retomar essa condição em caso de triunfo sobre o Cruzeiro. Até aqui, o Inter tem a melhor defesa da competição, vazada quatro vezes, e a jogadora com mais assistências oferecidas no Nacional, caso de Duda, que já serviu suas companheiras para sete gols. O Clube do Povo ainda divide, com o Porco, o posto de segundo time que menos perdeu. Ambos somam um único revés, ao passo que o Corinthians segue invicto no certame.

Inter faz grande campanha no Brasileirão/Foto: João Callegari

Dentro do elenco, a atacante Millene se destaca como a goleadora do Inter. Autora do gol da vitória de 1 a 0 sobre o Palmeiras, a camisa 14 já balançou as redes rivais em três ocasiões, uma a mais do que Lelê e Sorriso, vice-artilheiras coloradas. Duda, Mai, Biazinha, Mileninha, Bruna Benites, Fabi Simões e Isabela são as outras responsáveis pelos 14 tentos até aqui anotados pelas Gurias.


Para seguir no topo 🔝

Duda (E) e Millene (D): garçonete e artilheira/Foto: João Callegari

Todas as equipes que rodeiam o Inter na tabela de classificação já foram a campo na rodada. Atual líder da competição com 22 pontos, o Palmeiras venceu o Red Bull Bragantino por 2 a 1, fora de casa, no último domingo (15/05), data que também presenciou goleada de 3 a 0 do Corinthians sobre o Cresspom. Com o resultado, o Timão segue a um ponto das palestrinas.

Com dois pontos a menos do que as Gurias, o São Paulo foi quem abriu a nona rodada, e o fez com derrota. Na Vila Belmiro, o Tricolor perdeu para o Santos e estacionou nos 17 pontos, dois a mais do que as Sereias, que agora ocupam o quinto lugar. Terceiro colocado, o Inter retomará a vice-liderança se vencer o Cruzeiro. Caso o triunfo seja por diferença superior a três gols, as coloradas ultrapassarão tambem o Palmeiras, e assumirão o topo do país.

Coloradas podem encerrar a rodada na liderança/Foto: Rebeca Reis/Staff Images Woman/CBF

Arbitragem 👨‍⚖️

Anderson Farias apita, auxiliado por Estefani Adriati Estrela da Rosa e Luiza Naujorks Reis. Quarto árbitro: Francisco Soares Dias. Quarteto da Federação Gaúcha de Futebol.


Rival 🆚

Cabulosas venceram duas das últimas três partidas/Foto: Manu Aguilar/BH Fotos

Superado dentro de casa pelo São José-SP, por 1 a 0, na última vez que foi a campo, o Cruzeiro não deixa de viver um momento de afirmação no Brasileiro A1. Antes do revés, que ocorreu em um cenário de muitos desfalques, a exemplo de Korina, Mariana Santos, Rafa Andrade e Marília, as Cabulosas haviam conquistado suas duas primeiras vitórias no Nacional, batendo, fora de casa, os fortes Flamengo e Ferroviária.

“O Cruzeiro vem numa crescente. Teve um início de Campeonato muito ruim, o que se deve a vários fatores. Problemas tanto recorrentes quanto novos. Ocorreu a troca de técnico há uma semana do início do Brasileiro. Agora, o time vem numa afirmação, mas teve essa derrota para o São José-SP, até certo ponto esperada por conta dos muitos desfalques.”

Natália Andrade
Felipe assumiu as Cabulosas no início de março/Foto: Gustavo Martins/Cruzeiro

Técnico da Raposa desde o início de março, Felipe Freitas foi contratado para o lugar de Rodrigo Campos. O atual comandante chegou com o aval da nova gestão do Cruzeiro, que hoje se estrutura como uma Sociedade Anônima do Futebol (SAF) liderada por Ronaldo Nazário e seu grupo empresarial. A troca de treinador é a principal mudança até aqui empreendida pela SAF nas Cabulosas.

“Estruturalmente, a gente não vê as mudanças, até porque a SAF foi implementada agora. Mas a primeira mudança que teve a mão da SAF foi de treinador, com a saída do Rodrigo e a chegada do Felipe. O Ronaldo disse que quer uma profissionalização real no feminino, o que é muito importante. Agora, (as Cabulosas) estão treinando na Toca I, usando a mesma estrutura da base masculina.”

Natália Andrade
Vanessinha é a capitã da Raposa/Foto: Gustavo Martins/Cruzeiro

No papel, o grupo Cabulosas foi bastante reformulado desde o encerramento da temporada passada. Vice-campeão mineiro, o Cruzeiro lutou até o fim do Brasileirão de 2021 contra o rebaixamento, drama que não deseja repetir em 2022. Por isso, o elenco, que segue contando com o protagonismo de Mariana Santos e Vanessinha, recebeu o acréscimo de atletas que já têm se destacado com as cores da Raposa.

“A Robinha está se destacando muito pela entrega, teve um crescimento grande nesses dois jogos que o time ganhou. A Rafa Andrade já tem o status de titular absoluta. A Korina, zagueira que chegou, é o nome da zaga atual, e a defesa vinha sendo um problema recorrente no Cruzeiro, desde 2019. E a Gabizinha, que é volante, está jogando bem de zagueira.”

Natália Andrade

Nesta segunda-feira, o Cruzeiro não poderá contar com a lateral Isa Fernandes, suspensa. Contratada no início de 2022, a defensora vinha atuando como titular pela direita, e deve ser substituída por Nine, até então dona do corredor esquerdo, setor que Rebeca Prado e Janaína brigam para assumir. As Cabulosas chegam ao Sesc na 13ª colocação do país, com oito pontos conquistados em oito rodadas.


Dia do Sesc jogar junto! 🏟️

A torcida colorada pode confirmar presença na partida até as 11h desta segunda-feira! Gratuito, o ingresso para o duelo contra o Cruzeiro precisa ser reservado na área de vendas do Site do Inter. Clique aqui para confirmar sua presença sem custo! O acesso ao palco do jogo, que estará com portões abertos a partir das 16h30, será liberado mediante doação de 1kg de alimento não perecível. Vem pra Protásio!

Dia de lotar o Sesc e apoiar as Gurias/Foto: Ricardo Duarte

Retrospecto do confronto 🔙

As Gurias Coloradas já enfrentaram duas vezes as Cabulosas, e saíram de campo vencedoras em ambos confrontos. O primeiro deles, disputado em 2020, foi encerrado com goleada do Inter. Fabi Simões, duas vezes, Byanca Brasil e Isabela marcaram no 4 a 1 do Clube do Povo, que curiosamente contou com gol de Capelinha, hoje atleta vermelha, para as visitantes.

Com dois gols, Fabi é a artilheira do confronto/Foto: Mariana Capra

Também realizado no Sesc Protásio Alves, o duelo mais recente entre Inter e Cruzeiro ofereceu roteiro pautado pelo equilíbrio. Pela 11ª rodada do Brasileirão A1 passado, Leidiane marcou, no minuto nove do segundo tempo, o único gol da partida. Servida por Mariana Pires, hoje atleta das Cabulosas, a lateral-direita garantiu a vitória por 1 a 0, conquistada no dia 29 de maio de 2021.

Leidi (C) garantiu o 1 a 0 no ano passado/Foto: Mariana Capra