Bruna Benites projeta início do Gauchão

O domingo (19/09) será de estreia para as Gurias Coloradas no Gauchão Feminino de 2021. Semifinalistas do Brasileiro, torneio no qual construíram a melhor campanha da história do futebol feminino do Rio Grande do Sul, as comandadas de Maurício Salgado contaram com intervalo de duas semanas entre a disputa do Nacional e a abertura do Estadual. Exatamente sobre a preparação para o embate diante do Juventude, a capitã Bruna Benites conversou, nesta sexta-feira (17/09), com o Canal do Inter.

“A gente está se preparando em um ritmo muito forte. Tivemos dois dias de folga, completos, para recuperar do Brasileirão, e agora a gente vem numa preparação física forte. Vamos usar o Campeonato Gaúcho para encerrar bem o nosso ano, que a gente sabe que é importante. O grupo vem amadurecendo, e acredito que vamos entrar muito fortes na competição, por tudo que passamos durante o ano. Seria perfeito coroar essa temporada com mais um título do Gauchão. É importante, embora saibamos que é muito difícil.”

Bruna Benites
Capitã Bruna Benites conversou com o Canal do Inter/Foto: João Callegari

A partida diante das Esmeraldas corresponde a um duelo inédito na história recente do futebol feminino gaúcho. Desde seu surgimento, em 2017, as Gurias Coloradas jamais enfrentaram o Papo, tradicional adversário dos gramados masculinos. O ingresso do Juventude na modalidade, inclusive, simboliza a crescente valorização que essa encontra na sociedade gaúcha, responsável por promover contínuo fortalecimento do torneio Estadual.

Foto: João Callegari

“Eu acho que a tendência é o Gauchão ficar cada vez mais difícil, como as outras competições do Brasil. As equipes vêm se reforçando, qualificando. Muitos adversários nós não conhecemos, mas respeitamos todos, e entramos com foco total. Como referência aqui no estado, a gente sempre tem que procurar fazer o nosso melhor. As outras equipes nos têm como espelho, e procuramos estar no nosso melhor. Domingo, esperamos fazer um grande jogo para já iniciar com um resultado positivo e entrar na competição o mais forte possível.”

Bruna Benites

Campeãs das duas últimas edições do Estadual, as Gurias chegam para o torneio de 2021 reforçadas. Anunciada na última quinta-feira (16/09), a lateral-direita Ariely encorpa o elenco que disputou o Campeonato Brasileiro nos últimos meses. Aos 19 anos, a atleta também reforça a ala jovem do grupo vermelho, parcela tradicionalmente protagonista na minutagem alvirrubra dentro do Gauchão. Do alto de sua experiência, credenciada por raro currículo vitorioso, Bruna Benites destacou a presença de jogadoras de baixa idade no plantel colorado.

“Aqui, no Inter, a gente tem a filosofia de que todas nós somos importantes. Não tem mais nem menos, a partir do momento pisa aqui dentro, todo mundo é tratado da mesma maneira. As meninas vêm para agregar, já sabem da responsabilidade que têm, nós vestimos a camisa do Inter, e a responsabilidade é dividida entre todas nós, independente da idade. Elas têm consciência disso e, eu tenho certeza, vão fazer uma grande competição também.”

Bruna Benites
Grupo trabalhou forte ao longo das últimas semanas/Foto: João Callegari

Marcado para as 15h deste domingo (19/09), o embate entre Inter e Juventude terá como palco o Estádio Homero Soldatelli, em Flores da Cunha. A estreia das Gurias como mandantes está prevista para o próximo dia três de outubro, também às 15h, diante do Elite. O Clube do Povo integra o Grupo B do Gauchão, que ainda conta com o Flamengo de São Pedro.

Bruna Benites é homenageada pelo Clube do Povo

O futebol feminino brasileiro é realidade, reafirmada diariamente através de muita luta. Parte viva dessa história desde 2017, as Gurias Coloradas se orgulham de contar com diversas atletas fundamentais para o processo de consolidação da modalidade no país. Dentre elas, Bruna Benites, zagueira homenageada pelo Clube do Povo nesta segunda-feira (09/08).

Vencedora de dois títulos paranaenses, um paulista e outro amazonense, dona de duas Libertadores, duas Copas do Brasil e um Mundial de Clubes, Bruna chegou ao Inter em junho de 2019. Bicampeã gaúcha com as Gurias Coloradas, a capitã ostenta relação de inexplicável gratidão com o Clube do Povo, como a própria atleta fez questão de destacar em entrevista concedida para o Facebook colorado em 2020.

“Minha relação com o Inter é surreal. O Clube apareceu na minha vida quando eu estava me recuperando de cirurgia, momento em que não é todo mundo que acredita. Costumo falar que minha relação vai além do profissional. Adquiri um carinho muito grande, tenho um respeito muito grande. O mínimo que eu posso fazer é dar o meu melhor – e, mesmo que eu faça isso, ainda não estou retribuindo tudo o que foi feito por mim.”

Bruna Benites

O melhor de Bruna é, também, o melhor que existe no futebol brasileiro, não à toa a zagueira é figura carimbada na Seleção desde 2012. A rotina de convocações foi mantida no Inter, e recompensada com presença no elenco relacionado para a disputa das Olimpíadas de Tóquio. Terceira edição a contar com a presença de Benites, os Jogos de 2020 foram realizados nas últimas semanas, e tiveram na defensora colorada uma titular do time de Pia Sundhage.

Bruna (13) defendeu o Brasil em Tóquio/Foto: Sam Robles/CBF

No oriente, Bruna escreveu mais um capítulo no rico currículo que constrói desde os 14 anos de idade. Já eternizada na história do futebol feminino brasileiro e colorado, ela não apenas defendeu o sonho de milhões de conterrâneos, como também propagou o nome do Inter em solo que traz boas lembranças para o povo vermelho. Qualquer agradecimento, portanto, fica pequeno diante de tamanha contribuição para Clube e país, mas não menos necessário.

Minutos antes do início de mais um treino das Gurias Coloradas, que se preparam para as quartas de final do Brasileirão A1, Bruna recebeu uma versão especial da camisa comemorativa aos 30 anos da primeira Copa do Mundo Feminina. Lançado por Inter e adidas no último dia 19 de julho, o manto, que homenageia as precursoras de nosso país, carregava um agradecimento à defensora, fidedigna herdeira desse legado desbravador.

Vamos, capitã!/Foto: Mariana Capra

Obrigado por mais uma vez honrar nossas cores, capitã! Você é gigante! Juntos, buscaremos mais feitos relevantes. Agora, nos gramados de Brasil e Rio Grande. Pra cima!