Bastidores: vitória colorada em Bragança

Com dois gols nos acréscimos, marcados por Johnny e Carlos de Pena, o Clube do Povo venceu o Brangatino, na nona rodada do Brasileirão, e chegou aos 14 pontos na tabela nacional. Agora, o Canal do Inter te apresenta os Bastidores do triunfo por 2 a 0!

Fotos: Red Bull Bragantino 0 x 2 Internacional – 9ª rodada/Brasileirão 2022

O Colorado bateu o Bragantino, na noite deste domingo (05/06), em partida da nona rodada do Brasileirão 2022. Johnny e Pena, os dois nos acréscimos da etapa final, marcaram os gols da vitória de 2 a 0 do Inter em Bragança. Confira, agora, as imagens do confronto!

Inter marca duas vezes nos acréscimos e vence em Bragança

Pena fechou a conta em Bragança/Foto: Ricardo Duarte

A noite de domingo (05/06) foi de vitória colorada no Brasileirão! Em duelo da nona rodada do Nacional, o Clube do Povo superou o Bragantino, fora de casa, por 2 a 0, e chegou aos 14 pontos na tabela. Johnny, aos 46 da etapa final, e Carlos de Pena, no último lance de partida, marcaram os gols do triunfo do Inter, que volta a campo na próxima quarta-feira (08/06), quando visitará o Santos, a partir das 21h30, na Vila Belmiro.

+ Confira as imagens do confronto;

+ Assista aos Bastidores da partida;


Rival começa melhor, Inter assusta no fim

Daniel trabalhou muito no início de confronto/Foto: Ricardo Duarte

Começa o jogo e… bola na trave. Antes mesmo de o relógio completar sua primeira volta, o Bragantino, em chute mascado do volante Raul, acertou o poste vermelho. Na sequência do lance, que se desdobrou em escanteio para os donos da casa, Daniel foi impecável para salvar o Inter após cabeceio de Natan. Se é verdade que início de jogo até poderia ser pior, em caso de gol paulista, ele também passava longe de atender às expectativas coloradas.

Rival pressionou nos primeiros minutos/Foto: Ricardo Duarte

O Bragantino seguiu assustando ao longo da primeira meia-hora de partida. Artur, em finalização praticamente da pequena área, só não balançou as redes por culpa de Vitão, que fez bloqueio providencial. Já Helinho também carimbou o poste, endereço final de cabeceio que o camisa 11 desferira livre.

A primeira resposta verdadeiramente perigosa do Inter chegou aos 40. Pelo corredor central de ataque, Alan Patrick percebeu David com espaço para fazer a diagonal nas costas da marcação e lançou o atacante, que chutou forte, mas por cima. Nos acréscimos, o 10 decidiu resolver sozinho e, depois de boa arrancada, finalizou com perigo. Tiro de meta para Cleiton.

Alan armou as melhores chances coloradas antes do intervalo/Foto: Ricardo Duarte

Do controle à pressão, que resultou na vitória

A criatividade mandante do início do primeiro tempo não tornou a aparecer na etapa final. Pelo contrário, o Bragantino passou a errar muito mais após o intervalo, deixando o Inter bastante confortável para jogar. E o jogo colorado fluiu ainda melhor com as entradas de Pena e Alemão, alçados a campo no minuto 28.

Alemão entrou bem no comando de ataque/Foto: Ricardo Duarte

Enquanto o centroavante deu maior profundidade ao time de Mano Menezes, o uruguaio acelerou a circulação de bola no meio de campo alvirrubro. Aos 32, ele cobrou falta com muito veneno, e passou perto de atuar como garçom de Vitão, que quase completou para as redes. Dois minutos mais tarde, foi Alemão quem serviu um companheiro. Agraciado da vez, Wanderson parou em milagre de Cleiton.

O Inter criava para marcar um gol, embora o correr dos minutos tornasse improvável a conquista da terceira vitória no Brasileirão. Dentro de campo, entretanto, ninguém duvidou da possibilidade do triunfo, que se tornou mais tangível aos 46. Após cruzamento de Pena, Mauricio ajeitou de cabeça para Johnny, que encheu o pé para fazer a festa colorada em Bragança.

Artilheiro e garçom comemoram/Foto: Ricardo Duarte

Atordoado com a vantagem colorada, o Bragantino logo se deparou com Alemão saindo cara a cara com Cleiton. Atabalhoado com o atacante vermelho, Andrés Hurtado cometeu pênalti. Na bola, Carlos de Pena preferiu o jeito à força. Colocada, no canto, a cobrança confirmou os três pontos para o Clube do Povo.

Pena festeja a vitória colorada/Foto: Ricardo Duarte

Primeiro tempo

1min – Raul finaliza da entrada da área do Inter, a bola desvia em Vitão e acerta o poste direito do Inter.

2min – DANIEEEEEEEEEL! Após escanteio cobrado pela esquerda da área colorada, Luan Cândido desvia de casquinha na primeira trave. Na segunda, Natan cabeceia forte, e goleiro do Inter vai no limite dos dedos para salvar.

6min – Helinho recebe de Raul, domina na área do Inter e chuta rasteiro. Daniel encaixa.

17min – Artur recebe de Aderlan e finaliza. Vitão resvala, e ela sai por cima.

26min – Kevin acerta uma gravata em David. Inicialmente, zagueiro rival é punido com amarelo.

28min – UH! Alan Patrick cobra falta a partir do corredor central da intermediária de ataque do Inter. Livre, Mercado recebe e tenta o desvio para o lado aposto da área, mas a zaga corta.

32min – Helinho, de cabeça, acerta o poste colorado.

34min – Wanderson recebe o cartão após acertar Artur.

40min – POR CIIIMA! Alan Patrick estica boa bola para David, que enche o pé. Assustou!

45min – Mais quatro. Vamos a 49!

47min – QUAAAASE UM GOLAÇO! Alan escapa a dribles da primeira linha de pressão paulista, tabela com Edenilson, invade a área, abre ângulo para a perna direita e chuta rasteiro. Cruzada, ela sai ao lado do poste rival.

49min – Intervalo em Bragança.


Segundo tempo

2min – Mercado, de cabeça, coloca Cleiton para trabalhar. Goleiro defende sem rebote.

6min – Cleiton, como se fora um líbero, deixa sua área para afastar lançamento do ataque colorado com a cabeça. Equivocado, corte do goleiro encontra o pé de Alan Patrick, que finaliza de primeira, mas sem força, permitindo que o arqueiro se recupere.

16min – Contra-ataque veloz do Inter! Pela esquerda, David chama Wanderson para o jogo, e o camisa 11 cruza rasteiro. Fechada, ela morre nas mãos de Cleiton.

19min – De soco, Daniel corta cruzamento perigoso de Luan.

23min – Duas mudanças no Red Bull Bragantino. Hurtado e Bruno Tubarão substituem Ytalo e Artur.

27min – Pena e Alemão entram no Inter. Saem Dourado e David.

28min – Segue a leva de substituições. No time da casa, Sorriso e Andrés Hurtado vêm, Aderlan e Helinho vão.

32min – ELA NÃO EEEEEEENTRA! Pena cobra falta fechada a partir da intermediária esquerda de ataque. Na primeira trave, a bola resvala na zaga e sai do alcance de Vitão, que teria o gol aberto para completar.

34min – MILAAAAAAAAAAAAAAGRE DE CLEITON! Alan Patrick aciona Alemão, que deixa de letra para Wanderson. Dentro da área, o ponta abre ângulo para a perna direita e arremata rasteiro, no contrapé do goleiro, que faz um milagre.

35min – Meu deus. Kevin, que já fizera por merecer o vermelho no primeiro tempo, dá violento carrinho frontal em Edenilson. Era, no mínimo, para amarelo, que seria o segundo do atleta no jogo. Mas o árbitro ignora o lance.

36min – Amarelo para Praxedes. Abraçou a bola.

36min – Taison por Alan Patrick é a troca no Inter.

36min – Alerrandro entra na vaga de Praxedes. Mudam os mandantes.

43min – Johnny e Mauricio completam as trocas do Inter. Mano saca Edenilson e Wanderson.

44min – Sorriso, lançado por Luan Cândido, cruza perigosa bola rasteira pela esquerda da área colorada.

45min – Mais cinco! Vamos a 50.

46min – GOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOL! É GOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOL! É GOL DO INTERNACIONAAAAAAAAAAAAAAL! É GOL DO CLUBE DO POVO! É GOL DA ACADEMIA DO POVO! É GOL COLORADO! VAMOS, INTER! VAMOS, CELEIRO! VAMOS, COLORADO! VAMOS, JOHNNY! Da esquerda, Pena cruza linda bola para Mauricio, que aparece livre na segunda trave. Inteligente, o meio-campista deixa de cabeça para Johnny, que chega batendo de primeira e estufa as redes paulistas.

Ouça: o gol de Johnny na narração da Rádio Colorada

47min – Bruno Méndez recebe amarelo na comemoração do gol.

50min – Médico colorado, Guilherme Caputo é expulso.

50min – Os cinco viram sete. Dois minutos acrescidos aos acréscimos.

51min – Taison recebe o amarelo

52min – PÊNALTI! PÊNALTI PARA O INTER! Taison lança linda bola para Alemão, que sairia cara a cara com Cleiton, mas é derrubado por Andrés Hurtado. Equatoriano ainda recebe o amarelo.

54min – GOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOL! É GOOOOOOOOOOOOL! É GOL DO INTER! É GOL COLORADO! É GOOOOOOOOOOOOOOOOL! PENA, PENA, PEEEEEEEEEEEEEEEENA! COMO JOGA ESSE URUGUAIO! COMO JOGA O CHARRUA E COLORADO! Na batida, camisa 14 só desloca o goleiro Cleiton, que escolhe o canto direito, e vê a bola morrer no lado oposto. Festa colorada em Bragança!

Ouça: o gol de Pena na narração da Rádio Colorada

54min – JOGO ENCERRADO! VITÓRIA COLORADA!


Ficha técnica:

Red Bull Bragantino (0): Cleiton; Aderlan (Andrés Hurtado), Kevin, Natan e Luan Cândido; Raul, Lucas Evangelista e Praxedes (Alerrandro); Artur (Bruno Tubarão), Ytalo (Hurtado) e Helinho (Sorriso). Técnico: Maurício Barbieri.

Internacional (2): Daniel; Bustos, Vitão, Gabriel Mercado e Renê; Gabriel e Rodrigo Dourado (Carlos de Pena); Edenilson (Johnny), Alan Patrick (Taison) e Wanderson (Mauricio); David (Alemão). Técnico: Mano Menezes.

Gols: Johnny, aos 46’/2ºT, e Carlos de Pena, aos 54’/2ºT (I).

Cartões amarelos: Kevin, Andrés Hurtado e Praxedes (B). Wanderson, Taison e Bruno Méndez (I).

Arbitragem: Wagner do Nascimento Magalhães, auxiliado por Michael Correia e Daniel do Espírito Santo. Quarto árbitro: Thiago Duarte Peixoto. VAR: Adriano Milczvski.

Estádio: Nabi Abi Chedid-SP.

Fora de casa, Colorado empata em 1 a 1 com o Cuiabá

Pena marcou o gol colorado em Cuiabá/Foto: Ricardo Duarte

Com gol de Carlos de Pena, o primeiro do uruguaio com a camisa do Inter, o Colorado empatou em 1 a 1 com o Cuiabá, na noite deste sábado (21/05), em partida da sétima rodada do Brasileirão de 2022. O resultado, atingido na Arena Pantanal, deixa o Clube do Povo com 10 pontos na tabela do Nacional.

Pelo Brasileirão, o Inter voltará a campo na próxima segunda-feira (30/05), às 20h30, diante do Atlético-GO. O confronto, que terá como palco o Beira-Rio, ocorrerá depois da disputa da sexta rodada da CONMEBOL Sul-Americana. Também mandante, o time de Mano Menezes encara o 9 de Octubre-EQU, na terça-feira (24/05), às 21h30. Clique aqui para confirmar presença no duelo!

Inter estreou o novo uniforme II/Foto: Ricardo Duarte

Equilíbrio no primeiro tempo

Internacional e Cuiabá travaram primeiro tempo marcado pela equivalência de forças na Arena Pantanal. Praticamente espelhadas na disposição tática, as equipes exploraram consecutivos erros de passe do lado adversário, que limitaram o perigo oferecido por qualquer incursão ofensiva. Mesmo assim, o Clube do Povo teve suas chances, especialmente pelo corredor esquerdo, onde Wanderson assustou tanto em arremate defendido por Walter quanto em assistência para David, que quase marcou.

Wanderson incomodou no primeiro tempo/Foto: Ricardo Duarte

De sua parte, o Cuiabá apostava no pivô do centroavante Jenison, normalmente acionado após tramas pelo corredor direito, feitas por João Lucas e Alesson. As oportunidades mais latentes, contudo, surgiram com Valdívia, que primeiro desperdiçou boa chance de cabeça, tirando proveito de casquinha feita pelo centroavante, e depois parou em milagre de Daniel, que impediu uma pintura do meio-campista.


Um gol para cada lado

Torcida colorada marcou presença e jogou junto/Foto: Ricardo Duarte

O Cuiabá retornou dos vestiários com mudança, a partir da entrada de Rodriguinho na vaga de Felipe Marques. Alçado a campo para atuar nas costas do centroavante Jenison, o meio-campista sofreu, aos quatro minutos, falta exatamente na meia-lua da grande área. Na cobrança, Valdívia abriu o placar para os locais.

Pena entrou bem no jogo/Foto: Ricardo Duarte

Mano reagiu rápido ao gol rival, e colocou Alemão e Pena em campo. O uruguaio deu novo dinamismo ao Inter, ao passo que o centroavante aprofundou nossas linhas. Incisivo, o Colorado apostou muito na bola aérea, especialmente com a seguinte entrada de Wesley, e chegou ao empate após João Lucas cometer pênalti em Mercado. O lance, suscitado por cobrança de escanteio, foi percebido apenas pelo VAR, que impediu erro claro da arbitragem.

Pena, na cobrança, empatou. Infrator, João Lucas recebeu seu segundo amarelo no jogo. Com um a mais, o Inter se jogou para o ataque, e teve boas chances para virar. Aos 43, por exemplo, Moisés quase marcou um golaço, mas sua finalização foi defendida por Walter, que usou da ponta dos dedos. Já nos acréscimos, Pedro Henrique serviu Wesley, que mandou para fora a última oportunidade de vitória.

Uruguaio empatou o confronto/Foto: Ricardo Duarte

Primeiro tempo

1min – Daniel! De fora da área, Pepê arrisca para o Cuiabá. Goleiro colorado encaixa.

3min – David avança com velocidade pela entrada da área mandante e serve Wanderson, que tenta o cruzamento. A zaga corta, apesar do perigo.

9min – UUUUUUH! Wanderson recebe de Alan Patrick, ajeita para a perna direita e arrisca. Forte e rasteira, a finalização é defendida por Walter!

26min – Em velocidade, Inter escapa em direção ao ataque. Pela esquerda, Wanderson cruza bola aberta na direção de Bustos, que levanta na medida para David. Antes da assistência do argentino, contudo, o lance é invalidado por tiro de meta.

28min – MILAAAAAAAAGRE! O MEU 11 É LISO DEMAIS! Pela esquerda, Wanderson deixa o marcador para trás e cruza rasteiro. Alan Patrick faz o corta-luz e ela sobra com David, que finaliza de canhota. Walter salva!

29min – Da direita, Alesson cruza para Jenison, que faz a casquinha em direção à segunda trave. Valdívia, com espaço, consegue o desvio, mas para fora.

38min – Inter chega em velocidade ao ataque. Pela direita, Bustos cruza para Wanderson, que escora na direção de David. Atacante domina e finaliza para as redes, mas em condição irregular.

43min – UH! Liziero cobra escanteio pela esquerda, e David consegue o desvio na primeira trave. Por pouco, por cima!

44min – DANIEEEEEEEEEEEEEL! De mão trocada, goleiro colorado espalma chute endereçado ao ângulo pela linha de fundo!

45min – Mais três. Vamos a 48!

46min – João Lucas acerta uma solada em Daniel. Amarelado!

48min – Intervalo em Cuiabá!


Segundo tempo

0min – Cuiabá retorna com mudança. Vem Rodriguinho, sai Felipe Marques.

4min – Valdívia, de falta, abre o placar para o Cuiabá.

9min – Inter muda em dose dupla: Alemão e Pena por David e Liziero.

12min – Cuiabá também responde ao gol com troca: Marcão, volante, na vaga de Rivas, também volante.

13min – CANTO BOLA! Alan Patrick invade a área a dribles e deixa com Moisés, que serve Wanderson. De primeira, camisa 11 enche o pé, e Marllon desvia para escanteio.

14min – UH! Pena, de cabeça, manda por cima do travessão cuiabano.

16min – Mercado acerta Rodriguinho. Por isso, recebe o amarelo.

19min – UÉ?! Com o braço, zagueiro do Cuiabá trava cruzamento de Pena. Juiz manda seguir, VAR também.

21min – André e André Luís substituem Jenison e Alesson.

23min – Luiz Lubel retarda o reinício de partida e, por isso, é expulso. Moisés reclama e ganha o amarelo.

25min – Pedro Henrique é a novidade no Inter. Saiu Wanderson.

31min – Mauricio e Wesley chamados. Saem Edenilson e Alan.

32min – Valdivia sai de campo. Veio Marquinhos.

34min – PÊNALTI PARA O INTER! João Lucas acerta o rosto de Mercado com o bico da chuteira. Árbitro manda seguir, mas VAR pede consulta ao vídeo. Assinalada a infração, o lateral adversário é expulso, bem como Gava, no banco.

37min – GOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOL! É GOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOL! É GOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOL! PENA, PENA, PEEEEEENA! PROFISSÃO: JOGADOR DE FUTEBOL! O HOMEM DESENCANTA COM A CAMISA COLORADA! É GOL CHARRUA E COLORADO! Pena cobra no canto direito, Walter até acerta o lado, mas a cobrança sai indefensável. Tudo igual na Arena Pantanal!

Ouça: o gol de Pena na narração da Rádio Colorada

38min – Pedro Henrique recebe o amarelo.

40min – Amarelo para Pena.

43min – Wesley e Alan Empereur se estranham, e cada um recebe um cartão.

45min – Mais cinco. Vamos a 50.

46min – UUUUUUUUUUUH! SERIA UM GOLAÇO! Da intermediária esquerda de ataque, Moisés solta um canhotaço. Walter, com a ponta dos dedos, salva o Cuiabá.

49min – Era a virada! Bustos estica jogo para Pedro Henrique, que cruza rasteiro a partir da direita da área adversária. Wesley finaliza para fora. Grande chance!

50min – Fim de jogo!


Ficha técnica:

Cuiabá (1): Walter; João Lucas, Marllon, Alan Empereur e Uendel; Cristhian Rivas (Marcão) e Pepê; Alesson (André Luís), Valdívia (Marquinhos) e Felipe Marques (Rodriguinho); Jenison (André). Técnico: Luiz Lubel.

Internacional (1): Daniel; Bustos, Vitão, Mercado e Moisés; Gabriel e Liziero (Carlos de Pena); Edenilson (Mauricio), Alan Patrick (Wesley) e Wanderson (Pedro Henrique); David. Técnico: Mano Menezes.

Gols: Valdívia, aos 4’/2ºT (C). Carlos de Pena, aos 37’/2ºT (I).

Cartões amarelos: João Lucas e Alan Empereur (C). Mercado, Wesley, Pedro Henrique, Carlos de Pena, Moisés e Wanderson (I).

Cartões vermelhos: João Lucas e Rafael Gava (C).

Arbitragem: Ramon Abatti Abel, auxiliado por Éder Alexandre e Henrique Neu Ribeiro. Quarto árbitro: Rodrigo da Fonseca Silva. VAR: Heber Roberto Lopes.

Estádio: Arena Pantanal-MT

Raio-X: Inter recebe o Avaí pela quarta rodada do Brasileirão

Equipes volta a se encontrar depois de três anos/Foto: Ricardo Duarte

Para dar continuidade ao bom momento! Em duelo da quarta rodada do Brasileirão de 2022, o Clube do Povo enfrenta o Avaí, no Beira-Rio, a partir das 19h deste domingo (1º/05). Embalado após três vitórias seguidas na temporada, duas dessas válidas pelo Nacional, o Inter busca a manutenção no topo da tabela, e conta com o apoio da torcida colorada! Confira, a seguir, todas as informações sobre o confronto.

Transmissão;
Serviço de Jogo;
Preparação colorada;
Entrevista Carlos de Pena;
Relacionados;
Campanha colorada;
Arbitragem;
De olho no rival;
Retrospecto do confronto;


Transmissão 📻

Direto das cabines de imprensa do Beira-Rio, a Rádio Colorada estará ao vivo a partir das 18h deste domingo, dia de jornada dupla na emissora oficial do Clube do Povo, que também cobrirá, durante o final da manhã e o início da tarde, a decisão do Campeonato Brasileiro Feminino Sub-17! As redes sociais do Inter acompanharão a quarta rodada do Brasileirão Masculino com o tradicional relato minuto a minuto, sempre engrandecido por imagens dos principais lances da partida. Na TV, Premiere e Sportv anunciam transmissão.

ProgramaçãoPlataforma
18hPortões AbertosSite e APP do Inter
19hJornada EsportivaSite e APP do Inter
21hVestiário VermelhoSite e APP do Inter

#ColoradoJogaJunto

É noite para lotar o Beira-Rio! Distante de sua casa desde o domingo retrasado (17/04), quando bateu o Fortaleza, na despedida do ídolo D’Alessandro, em emocionante vitória por 2 a 1, o Colorado conta com o apoio da Maior e Melhor Torcida do Rio Grande para conquistar os três pontos contra o Avaí. Por isso, o Clube do Povo liberou as áreas livres do Gigante para sócios e sócias de todas as modalidades, que precisam apenas realizar a simbólica compra de ingresso gratuito para confirmar presença no duelo deste Dia do Trabalhador.

#ColoradoJogaJunto/Foto: Ricardo Duarte

A comercialização de entradas perdurará até as 20h deste domingo, horário de início da etapa final da partida. Já os portões serão abertos às 17h, duas horas antes do jogo. Vale lembrar que é possível adquirir ingressos tanto na Bilheteria do Gigantinho quanto pela internet, e que o acesso ao Estádio é liberado somente mediante apresentação de E-Ticket e de documento de identificação com foto. Vem pro Gigante!


Vamos, Colorado! 💪

Colorado está pronto para buscar mais três pontos/Foto: Ricardo Duarte

A desgastante semana colorada proporcionou período curto de preparação para o jogo deste domingo. Após superar o Independiente Medellín, fora de casa, na terça-feira passada (26/04), o elenco do Clube do Povo passou toda a quarta envolvido na viagem de volta para Porto Alegre. Já a quinta foi de descanso para a delegação, que vencera a terceira rodada da CONMEBOL Sul-Americana por 1 a 0, ao passo que os trabalhos foram retomados na última sexta.

No CT Parque Gigante, Mano Menezes e comissão promoveram dois dias de atividades prévias ao confronto com o Avaí. Na abertura dos trabalhos, o grupo realizou exercícios físicos e trabalho técnico de posse de bola e finalização. Já no sábado (30/04) de véspera da partida, o treinador do Clube do Povo organizou tanto treino coletivo, que ajustou os detalhes da escalação que será titular no Beira-Rio, quanto dinâmicas de bola parada ofensiva e defensiva.

Mano teve dois dias para preparar a equipe/Foto: Ricardo Duarte

Habla, Pena! 💬

Além do encerramento dos trabalhos de preparação para o embate do Beira-Rio, o sábado colorado também contou com entrevista de Carlos de Pena para o Canal do Inter. O atacante uruguaio, que completa um mês de Clube do Povo exatamente neste domingo, destacou a velocidade com que se adaptou à Porto Alegre e à rotina do Gigante, comemorando o clima de união existente no grupo alvirrubro e a acolhida que recebeu da capital gaúcha.

Foto: Carlos de Pena

“Estou muito contente, há um mês no Clube, e creio que aqui é uma família. Todos os dias, chego e tem muita alegria. Todo mundo trabalha para conseguir o melhor, e agora os resultados começaram a melhorar, estamos ganhando. O ambiente é muito bom, e temos que continuar. A cidade é muito linda, parecida com o Uruguai. Eu e minha família estamos gostando muito, é a situação ideal para continuar trabalhando e dar o melhor. Como disse, estou muito contente, e tomara que possa continuar muito tempo aqui no Clube.”

Carlos de Pena

De Pena foi a campo em todas as partidas disputadas pelo Inter desde sua chegada. Reserva na estreia, quando saiu do banco de reservas no empate de 2 a 2 do Clube do Povo com o 9 de Octubre, fora de casa, o atleta iniciou como titular os outros cinco jogos que fez com a camisa colorada. Polivalente, o uruguaio tem exibições como lateral, na ala-esquerda, pelo meio de campo e também na ponta, e soma uma assistência pelo Clube do Povo. O repertório para atuar em diferentes funções, sempre em alto nível, foi analisado pelo jogador.

“Sempre falo que gosto de ser um jogador para a equipe. Onde for preciso, trato de apoiar e jogar. Já joguei em muitas posições desde a minha chegada, de lateral, de ponta, de meia, e sempre ajudando e buscando o melhor para a equipe. Estou muito confortável com meus companheiros, me adaptei muito rápido à mudança de treinador, à troca do esquema de jogo. Estou muito bem e, como digo sempre, tratando de dar o melhor para a equipe, que é o mais importante.”

Carlos de Pena
Carlos de Pena está à vontade no Beira-Rio/Foto: Ricardo Duarte

De nada vale o bom momento do Inter, que venceu as duas partidas que disputou sob o comando de Mano Menezes, se a equipe não fizer por merecer a vitória contra o Avaí. Este é o pensamento de Carlos, que espera um jogo bastante complicado no Beira-Rio, contra um adversário que também chega embalado após triunfo na rodada passada. Em busca dos três pontos, o uruguaio aposta no trabalho do elenco e no apoio da torcida como diferenciais que o Colorado pode apresentar nesta quarta rodada nacional.

Foto: Ricardo Duarte

“Será uma partida muito difícil. O Avaí tem a mesma pontuação que a gente, sabemos dos seus pontos fortes e dos fracos. Viemos de três vitórias, mas não podemos nos apoiar nisso. Precisamos fazer uma grande partida para ganhar. Eles também estão motivados, porque ganharam do Goiás. Tomara que, junto do nosso torcedor, possamos conquistar os três pontos. A torcida é fundamental. Que venham, apoiem, e a equipe, dentro de campo, dará o melhor para comemorar com eles.”

Carlos de Pena

Relacionados 📜

Mano Menezes tem reforços importantes para escalar a equipe que irá a campo contra o Avaí. Em relação aos nomes que enfrentaram o Independiente Medellín, o treinador conta com os retornos do zagueiro Rodrigo Moledo, preservado do confronto passado para dar continuidade ao seu processo de recondicionamento físico, e do ídolo Taison, recuperado de edema na coxa. Além da dupla, o atacante Pedro Henrique também figura entre os relacionados, e pode fazer sua estreia pelo Inter. Confira a lista de jogadores concentrados, desfalcada de Boschilia, que faz trabalho de reforço na academia para reequilíbrio muscular:


Campanha colorada 📊

O Inter soma duas vitórias em três jogos no Brasileirão. Superado pelo Atlético-MG, fora de casa, na estreia, o Colorado bateu Fortaleza e Fluminense nas últimas partidas que disputou pelo Nacional. Com três gols marcados e três sofridos, o Clube do Povo tem como artilheiro o centroavante Alemão, que decidiu os triunfos até aqui conquistados, marcando o gol da virada de 2 a 1 sobre o Leão do Pici e anotando o tento do triunfo de 1 a 0 no Maracanã.

Alemão vive fase artilheira neste início de trajetória pelo Inter/Foto: Ricardo Duarte

Sétimo colocado neste início de domingo, o time de Mano Menzes soma dois pontos a menos do que Red Bull Bragantino e Atlético-MG, atuais líderes, mas que já foram a campo na rodada. Ainda na frente do Inter estão Santos e Cuiabá, com sete pontos, e Corinthians e América-MG, donos de seis, mesma pontuação do Clube e do Povo e do Avaí, atual oitavo.


Arbitragem 👨‍⚖️

Wilton Pereira Sampaio, da Federação Goiana de Futebol, apita, auxiliado por Bruno Raphael Pires, também da FGF, e Fábio Pereira, do estado do Tocantins. Quarto árbitro: Roger Goulart, da Federação Gaúcha de Futebol. VAR: Daiane Caroline dos Santos, de São Paulo.


Rival 🆚

Leão começou o Brasileiro com duas vitórias/Foto: Frederico Tadeu/Avaí

Eliminado nas quartas de final do Campeonato Catarinense e superado na segunda fase da Copa do Brasil, o Avaí teve quase um mês sem jogos para se preparar para a estreia no Brasileirão. O período foi importante para o técnico Eduardo Barroca, contratado para o lugar de Claudinei Oliveira ainda em fevereiro, implementar suas ideias de futebol junto da equipe, que abriu o Nacional com vitória de 1 a 0 em cima do América-MG, na Ressacada.

Barroca comanda a casamata da Ressacada/Foto: Frederico Tadeu/Avaí

Derrotado pelo Corinthians na segunda rodada, quando sucumbiu, na Neo Química Arena, pelo placar de 3 a 0, o Avaí soube reagir no último confronto que disputou. Dentro de casa, o Leão conquistou emocionante vitória de 3 a 2 sobre o Goiás, escore construído apesar da expulsão de Morato ainda na etapa inicial. O atacante marcara o primeiro gol da partida, que também contou com tentos de Bissoli e Muriqui para o time de Barroca.

Para 2022, o Leão formou elenco que mescla jogadores veteranos, como o goleiro Douglas Friedrich, o zagueiro Bressan, o lateral-esquerdo Bruno Cortez, o volante Bruno Silva e os atacantes Muriqui e Copete; com atletas prospectados em mercados de menor aparição nos holofotes nacionais. Além disso, as categorias de base também têm sua porcentagem de protagonismo na escalação catarinense, como comprova o zagueiro Arthur Chaves.

Leão venceu o Goiás na rodada passada/Foto: Frederico Tadeu/Avaí

Diante do Inter, o ataque de Barroca estará desfalcado não apenas pelo suspenso Morato, mas também por Muriqui. Por outro lado, o técnico do Leão poderá promover a estreia de William Pottker, contratado há pouco mais de duas semanas. O atleta, que passou seus primeiros dias em Santa Catarina aprimorando a parte física, ainda não deve ser titular. Os prováveis 11 nomes do Avaí para enfrentar o Inter são: Douglas; Kevin, Bressan, Arthur Chaves e Cortez; Bruno Silva, Raniele e Biassi; Marcinho, Bissoli e Copete.


Retrospecto do confronto 🔙

Kleber comemora gol marcado sobre o Avaí em 2011/Foto: Alexandre Lops

Internacional e Avaí já disputaram 16 partidas oficiais, e o Colorado leva ampla vantagem no histórico do confronto com o Leão. Dono de 13 vitórias, o Clube do Povo somente foi superado em duas ocasiões pelo adversário, além de somar um empate com a equipe catarinense. No Beira-Rio, já fomos vitoriosos seis vezes – e derrotas apenas uma.

Os mais recentes embates entre Leão e Saci integraram o Campeonato Brasileiro de 2019. No primeiro turno, o Colorado bateu os visitantes pelo placar de 2 a 0, gols de Paolo Guerrero e Edenilson. Nova vitória do Inter, pelo mesmo placar, ocorreu no Estádio da Ressacada, quando Patrick e Sarrafiore garantiram a festa vermelha.

Edenilson brilhou no último encontro disputado no Gigante/Foto: Ricardo Duarte

Carlos de Pena: “estou entusiasmado para sentir o que é o Inter”


Novo reforço para o ataque colorado, Carlos de Pena foi apresentado oficialmente como jogador do Internacional. Após o treinamento da manhã deste domingo (03/04), o uruguaio falou pela primeira vez como atleta do Clube do Povo e recebeu a camisa de número 14 pelas mãos do vice-presidente de futebol Emílio Papaléo Zin.

O jogador foi contratado junto ao Dínamo de Kiev, da Ucrânia, e assinou contrato até dezembro de 2022, com possibilidade de extensão do vínculo. Confira abaixo os principais trechos da entrevista coletiva.

Uruguaio vestirá a camisa 14 (Foto: Ricardo Duarte)

Posição
“Sou um extremo esquerdo, também posso jogar pela direita. Muitas vezes, também joguei de meia interno pela esquerda ou mesmo aberto. Por todo o flanco posso jogar na três posições. Mas minha posição natural é extremo esquerdo, é onde me sinto mais à vontade. Respeitando o que o treinador peça posso mudar de posição e jogar onde ele queira.”

Opção pelo Inter
“Quando recebi o chamado do Cacique, sabendo que o Inter é uma equipe gigante aqui, que ganhou tudo, com títulos de Libertadores e Mundial, a decisão foi muito fácil. Conheço o Cacique, conheço seu estilo de trabalho. Penso que foi uma decisão acertada vir para uma equipe gigante do Brasil. Estou muito feliz e pronto para dar o melhor de mim. Espero que a torcida goste do meu desempenho.”

Conflito na Ucrânia
“Foi um momento duro que passei junto com meus companheiros na Ucrânia, sobretudo com o povo ucraniano. Foram dias difíceis que hoje ficaram para trás. Agora é encarar como uma experiência positiva, aprender com isso. Espero que termine logo, por todas as pessoas que estão lá sofrendo com este problema.”

Experiência na Europa
“Minha experiência na Europa foi muito distinta nos países que estive, na Inglaterra, Ucrânia e Espanha. Considero que a etapa na Ucrânia foi a melhor, pois estava em um momento mais maduro, com boas condições físicas. O futebol brasileiro é diferente. Claro que preciso me adaptar, é um futebol dinâmico, que se joga a cada dois ou três dias. Estou muito entusiasmado, penso que posso me sair bem aqui, ajudar a equipe e quero sentir o que é jogar no Inter.”

Carlos de Pena falou pela primeira vez como jogador colorado (Foto: Ricardo Duarte)

Saiba mais sobre Carlos de Pena:

Formado pelo Nacional de Montevidéu, o uruguaio acumula cinco anos de experiência na Europa, tendo jogado pelo Middlesbrough (Inglaterra), Real Oviedo (Espanha) e desde 2019 no Dínamo de Kiev. Na Ucrânia, participou da conquista de campeonato, copa e supercopa nacional e disputou as competições europeias. Na América do Sul, teve duas passagens pelo Nacional, sendo comandado pelo técnico Alexander Medina em 2018.

Em sua trajetória, se destacou pela contribuição ofensiva com gols e assistências. Em 225 partidas, marcou 40 gols e contribuiu com 35 assistências. Em 2019, foi eleito o melhor jogador da temporada pelos torcedores do Dínamo.

Ficha técnica:
Nome: Carlos María de Pena Bonino
Data Nascimento: 11/03/1992
Local Nascimento: Montevidéu (Uruguai)
Altura: 1,77m

Carreira:
2013 | Nacional (Uruguai)
2015 | Middlesbrough (Inglaterra)
2017 | Real Oviedo (Espanha)
2018 | Nacional (Uruguai)
2019 | Dínamo Kiev (Ucrânia)
2022 | Internacional

Conquistas:
2014 | Torneio Apertura
2015 | Campeonato Uruguaio
2018 | Torneio Intermedio
2020 | Copa da Ucrânia
2020 | Supercopa da Ucrânia
2021 | Campeonato Ucraniano
2021 | Copa da Ucrânia
2021 | Supercopa da Ucrânia