Raio-X: Gurias disputam final do Gauchão em Cachoeirinha

Manhã decisiva! A partir das 10h deste domingo (05/12), as Gurias decidem o Gauchão Feminino em jogo único, na Arena Cruzeiro, contra o Grêmio. Atuais bicampeãs do estado, as coloradas buscam a nona taça da história do Inter na competição, quarta desde a retomada do Futebol Feminino do Clube do Povo. Confira entrevista da Rádio Colorada com Marina Staudt, jornalista do portal Grêmio Futebol Feminino, projetando o duelo e, a seguir, veja todas as informações sobre a partida!

Sport Club Internacional · Raio-X #62 | Gurias Coloradas x Grêmio | 05/12

Transmissão 📻

A Rádio Colorada anuncia cobertura especial para esta final de Gauchão, com horário de abertura previsto para as 9h. Confira a programação da emissora oficial do Clube do Povo, que acompanhará o duelo direto da Arena Cruzeiro:

Domingo (05/12)Plataforma
Raio-X9hInternet e App do Inter
Portões Abertos9h30Internet e App do Inter
Jornada Esportiva10hInternet e App do Inter
Vestiário Vermelho12hInternet e App do Inter
Torça pelas Gurias com a Colorada!/Foto: João Callegari

As redes sociais das Gurias Coloradas (@guriascoloradasoficial no Instagram, @GuriasColoradas no Facebook e @ColoradasGurias no Twitter) acompanharão a finalíssima com relato minuto a minuto. Com imagens, a RBS TV e a FGF TV anunciam transmissão.


Vamo, Inter! 💪

Últimas duas semanas foram de preparação intensa para as Gurias/Foto: João Callegari

Entre a classificação para a final, conquistada no sábado retrasado (20/11), e o duelo em Cachoeirinha, a comissão técnica contou com duas semanas para trabalhar com o elenco. O período, inicialmente, conviveu com foco na parte física das Gurias, que realizaram atividades em curto espaço, disputas de bola em duplas, embates de 3×3 e dinâmicas em campo reduzido, usando de pivôs ao lado das goleiras e nas laterais, exercício organizado para aguçar a tomada de decisão em tempo curto.

Na sequência, atividades táticas e técnicas, realizadas sob às ordens de Maurício Salgado, simularam situações esperadas para o jogo deste domingo. Na Arena Cruzeiro, as Gurias irão a campo com o objetivo de apresentar o que de melhor exibiram ao longo do ano, como revelou o técnico do Inter em entrevista concedida para a Rádio Colorada.

“A questão das últimas semanas foi o processo de evolução. O que a gente conversa com elas, pra essa final, é de juntar tudo o que trabalhou na temporada. Pegar todas as dificuldades que tivemos, contra as quais a gente se saiu muito bem, e aplicar o que fez de bom. É a ópera final de tudo que trabalhamos, e estamos prontos.”

Maurício Salgado
Maurício Salgado concedeu entrevista para a Rádio Colorada/Foto: João Callegari

Já na reta final da preparação para a partida, as Gurias realizaram, na última quinta-feira (02/12), tradicional trabalho de reconhecimento do gramado, dinâmica importante para gerar maior adaptação ao palco da finalíssima. Encerrado o treino na Arena Cruzeiro, Maurício Salgado também avaliou as condições oferecidas pelo principal estádio de Cachoeirinha.

“A gente encerrou o que tinha que ser dado de informação, e estamos prontos para a final. O treino de hoje foi bom para que a gente pudesse vivenciar os elementos que não estamos acostumados do campo, principalmente a questão do vento. É um local onde venta bastante.”

Maurício Salgado

Por fim, o comandante das Gurias Coloradas ainda comentou a expectativa que antecede a disputa de mais um clássico Gre-Nal. Dono de cinco vitórias nos seis clássicos que já disputou, Maurício destacou o nível crescente apresentado por Inter e Grêmio a cada embate, ressaltando a necessidade de evolução, por parte do Clube do Povo, em nome da manutenção da atual hegemonia na rivalidade.

“A gente fala isso direto: o Gre-Nal tem uma áurea diferente. Você só entende quando vivencia. E esse é um clássico mais importante ainda, porque é uma final. É gostoso estar aqui, é a pressão que quem quer estar no alto rendimento gosta de ter. O que diferencia é ter o coração de torcedor, do amor ao Inter, e uma cabeça de atleta, conseguindo ter leitura de jogo. Temos que ser melhores do que ano passado, porque o Grêmio evoluiu também. Nosso desafio é esse.”

Maurício Salgado
Domingo decisivo para o Inter/Foto: João Callegari

Em busca do Tri 🏆

Gurias levantaram a taça no ano passado/Foto: Mariana Capra

Maior vencedor do Gauchão Feminino, dono de oito taças, o Clube do Povo busca o tricampeonato consecutivo nesta temporada, título que seria o quarto conquistado após a retomada do Futebol Feminino colorado. Campeãs do Rio Grande do Sul em 2019 e 2020, as Gurias superaram o Grêmio nas finais mais recentes que disputaram. Em 2019, o Inter bateu o rival, em Ijuí, pelo placar de 4 a 2, ao passo que o troféu de 2020 foi erguido após triunfo de 2 a 1 na Arena Cruzeiro.

Em 2019, título também foi do Inter/Foto: Mariana Capra

Campanha colorada 📊

As Gurias exibem campanha impecável no Gauchão de 2021. Vitoriosas nas oito partidas que já disputaram no torneio, as coloradas contam com saldo positivo de 62 gols, estatística construída através de tentos anotados por 18 atletas diferentes na competição. Ao todo, o Inter já vazou seus adversários em 64 ocasiões, ao passo que teve suas redes balançadas em apenas duas partidas, contra Elite e Brasil de Farroupilha, ambas realizadas fora de casa.

Clube do Povo tem 100% de aproveitamento no Gauchão/Foto: João Callegari

Artilheira colorada com 10 gols marcados, a atacante Priscila simboliza uma das características mais latentes da campanha das Gurias no Gauchão de 2021: o protagonismo exercido pela ala jovem do elenco. Aos 17 anos, a atleta potiguar balançou as redes em todas as seis partidas que disputou no Estadual, conta inaugurada em confronto diante do Elite, que marcou sua estreia profissional. Além dela, Júllia, Tamara e Kamile também viveram um debute goleador como atletas do grupo principal.

Priscila já marcou 10 vezes no Gauchão/Foto: João Callegari

Priscila é sucedida, na artilharia das Gurias, por Fabi Simões e Wendy, dupla empatada com oito gols. Rafa, com sete, aparece na sequência, acompanhada de perto por Mileninha e Djeni, cada uma com cinco tentos. Maranhão, dona de quatro bolas enviadas às redes rivais, Leidi, três, e Bruna Benites, Shashá, Júllia e Belinha, todas com dois, completam a lista de artilheiras que já vazaram adversárias mais de uma vez neste Gauchão.

Responsável por sete assistências, Leidi é a grande garçonete da campanha colorada, posto que Rafa Travalão e Wendy, cada uma dona de seis passes para gol, ameaçam ocupar. Igualmente bons são os números de Shashá, Djeni e Fabi, que já serviram companheiras em quatro ocasiões – uma a mais do que Mai e duas de sobra em relação a Kamille. Bárbara, Maranhão, Arielly, Priscila, Belinha, Ari e Mariana Pires também já municiaram colegas de equipe, e completam a nominata. Relembre a campanha das Gurias:

Primeira fase:
19/09 (DOM) – Juventude 0 x 8 InternacionalGols: Rafa Travalão (2x), Djeni (2x), Wendy (2x), Maranhão e Kamille;
03/10 (DOM) – Internacional 10 x 0 EliteGols: Maranhão (2x), Priscila (2x), Sorriso, Wendy, Shashá, Fabi Simões, Mileninha e Leidi;
10/10 (DOM) – Flamengo de São Pedro 0 x 6 InternacionalGols: Fabi Simões (2x), Bruna Benites, Mileninha, Tamara e Priscila;
17/10 (DOM) – Internacional 8 x 0 Flamengo de São PedroGols: Fabi Simões (2x), Leidi, Maranhão, Djeni, Isa Haas, Ari e Priscila;
24/10 (DOM) – Elite 1 x 3 InternacionalGols: Priscila (2x) e Júllia.
30/10 (SÁB) – Internacional 13 x 0 JuventudeGols: Rafa Travalão (3x), Mileninha (3x), Priscila (2x), Fabi Simões, Wendy, Leidi, Djeni e Maiara;

Semifinal:
14/11 (DOM) – Brasil de Farroupilha 1 x 6 InternacionalGols: Priscila (2x), Fabi Simões, Djeni, Belinha e Bruna Benites;
20/11 (SÁB) – Internacional 10 x 0 Brasil de FarroupilhaGols: Wendy Carballo (4x), Rafa Travalão (2x), Fabi Simões, Júllia, Shashá e Belinha
Leidi mostrou que está com o pé na forma/Foto: João Callegari

Segunda decisão do final de semana 🏅

As Gurias Coloradas inauguraram o final de semana com taça em cima das rivais. Na manhã de sábado (04/11), a categoria Sub-17 superou o Grêmio por 1 a 0 na final da Copa Gaúcha, gol de Tamara, e levantou a taça no CT Hélio Dourado, casa tricolor que serviu de sede para a competição. Além da autora do tento do título, carinhosamente conhecida como Bolt, as atletas Priscila e Kewllen também representam a ala de jogadoras campeãs na base e integrantes da caminhada no Estadual adulto.

Gurias abriram o final de semana com taça/Foto: João Callegari

Arbitragem 👨‍⚖️

Andressa Hartmann apita, auxiliada por Luiza Reis e Maíra Mastella Moreira. Quarto árbitro: Matheus Souza Costa.


Rival 🆚

Rivais têm 100% de aproveitamento no Gauchão/Foto: Fernando Alves/Grêmio

Assim como o Inter, o Grêmio também chega invicto à final deste domingo. Com oito vitórias na competição, as Gurias Gremistas, que encerraram a primeira fase na liderança do grupo A, superaram o Flamengo de São Pedro nas semis. Fora de casa, as comandadas de Patrícia Gusmão levaram a melhor na ida pelo placar de 9 a 1, resultado sucedido por triunfo de 12 a 0 no final de semana retrasado.

“O Grêmio chega, hoje, na sua melhor fase desde a reabertura do Departamento de Futebol Feminino. Tem a melhor campanha do Gauchão, e chega embalado depois de fazer a sua melhor campanha na história do Brasileirão. Hoje, o Clube trabalha com o Sub-18 muito junto do profissional. Não é mais separado, caso das outras categorias, que trabalham na Escola. Então, a Patrícia consegue ter peças muito diferenciadas.”

Marina Staudt
Eudimilla já marcou 11 vezes no Estadual/Foto: Jessica Maldonado/Grêmio

O Grêmio já marcou 84 gols no Gauchão. Destes, Eudimilla e Lais Estevam são responsáveis, cada uma, por 11. Artilheiras azuis, as duas viveram temporadas bastante distintas antes da final deste domingo. Enquanto Lais, contratada no início do ano após passagem pelo Taubaté-SP, também foi a goleadora tricolor no Brasileirão A1, competição na qual somou sete tentos, Eudimilla passou a maior parte de 2021 entregue ao Departamento Médico, consequência de fratura na clavícula sofrida ainda na segunda rodada do Nacional.

“A Eudimilla é um dos grandes destaques do Grêmio, e um medo que a torcida tem, pelo risco de perder. Tem uma visão de jogo muito boa, está entre as artilheiras, e acho que vai ser um dos diferenciais para infiltrar na defesa colorada. Já a Lais foi desenvolvendo com o passar do tempo, se reposicionando e encontrando em campo. Hoje, vejo mais como uma centroavante, que não fica fixa lá na frente.”

Marina Staudt
Lais é uma das artilheiras do Gauchão/Foto: Fernando Alves/Grêmio

A partir da ausência de Eudimilla, a técnica Patrícia Gusmão promoveu intensa competição para escolher a substituta da atleta no início do ano. Eliminado nas quartas de final do Brasileirão A1, o Grêmio encontrou seu melhor momento na competição a partir da entrada de Rafa Levis na ponta-esquerda, jogadora que passou a formar, ao lado de Maii Maii e Jane Tavares, trio responsável por municiar a centroavante Lais. Aos 19 anos, a jovem é uma das grandes promessas do time do Humaitá.

“Gosto muito da Rafa pelas pontas, independente do lado. Consegue infiltrar na zaga adversária e fazer uma bagunça. E estamos muito bem servidos em função mais centralizada, com a Maiara e a Pri. A Rafa também é uma ótima atleta em cobranças de falta. Do meio para a frente, o Grêmio está muito tranquilo, com várias atletas que podem se destacar.”

Marina Staudt
Jovem Rafa Levis vive 2021 especial/Foto: Fernando Alves/Grêmio

Na defesa, o principal destaque tricolor é a goleira Lorena. Presente nas três listas divulgadas pela técnica Pia Sundhage após a disputa das Olimpíadas, a selecionável foi titular nos dois jogos que integraram as semifinais do Gauchão. Já com o Brasil, a paulista de 24 anos soma uma partida disputada. No caso, a penúltima realizada pela Canarinho, encerrada com vitória de 4 a 1 sobre a Venezuela.

“A Lorena já teve a renovação, está entre as três atletas que temos certeza que ficam. Não tenho dúvidas que vai ser a titular para a próxima temporada. Gosto muito do trabalho das duas, a Raíssa e a Lorena, mas, com certeza, a titular é a Lorena. Goleira de Seleção, que tem tudo para construir seu espaço.”

Marina Staudt
Lorena renovou contrato até 2022/Foto: Jessica Maldonado/Grêmio

Patrícia Gusmão ainda não repetiu escalação no Campeonato Gaúcho de 2021, característica que dificulta a projeção das titulares da finalíssima. Um provável time contaria com Lorena no gol; Lais, Andressa, Patricia e Gisseli na defesa; Maglia e Pri Back na volância, com Maiara mais à frente; Eudimila e Jane nas pontas; Lais no comando do ataque. Tchula e Mariza, na abertura do meio de campo, e Rafa, na ponta, são possibilidades mais remotas na nominata tricolor.


Palco 🏟️

Arena Cruzeiro sediará final pelo segundo ano consecutivo/Foto: João Callegari

Oficialmente nomeada, desde o último dia 27 de maio, Estádio Dirceu de Castro, a Arena Cruzeiro sediará a final do Gauchão Feminino pelo segundo ano consecutivo. Neste domingo, o endereço, que foi inaugurado em 2019, receberá público de até 700 convidados, 350 de cada time.


Retrospecto do confronto 🔙

Gurias venceram sete dos 11 Gre-Nais disputados desde 2017/Foto: Mariana Capra

Inter e Grêmio reativaram seus departamentos de futebol feminino no mesmo ano, em 2017. Desde então, 11 Gre-Nais femininos já foram disputados, e o Clube do Povo leva ampla vantagem no retrospecto. Com sete vitórias e 22 gols marcados, as Gurias Coloradas somam seis triunfos a mais do que as rivais, além de saldo positivo de 13.

Fabi abriu a conta no último Gre-Nal/Foto: Jota Finkler

Na última vez que as equipes se enfrentaram, o Inter saiu de campo vencedor pelo placar de 2 a 1. Válido pela 14ª rodada do Brasileirão A1, penúltima da primeira fase, o embate teve como sede o Beira-Rio, e foi disputado na noite do domingo 20 de junho deste ano. Fabi Simões, na etapa inicial, abriu o placar para as Gurias. No segundo tempo, Lais empatou para as visitantes aos 33, mas Mileninha, já depois dos 40, garantiu a vitória colorada.

2017:
03/12 (DOM) – Grêmio 2 x 0 Internacional;
09/12 (SAB) – Internacional 3 x 1 Grêmio – Gols: Gabi Luizelli, Mylena e Leticia;

2018:
23/05 (QUA) – Grêmio 1 x 5 Internacional – Gols: Daiane Rodrigues (3x), Daiane Moretti e Shashá;
01/12 (SAB) – Grêmio 0 x 0 Internacional;
09/12 (DOM) – Internacional 1 x 1 Grêmio – Gol: Júlia;

2019:
21/09 (SAB) – Internacional 4 x 0 Grêmio – Gols: Fabi Simões (3x) e Júlia;
02/11 (SAB) – Grêmio 0 x 0 Internacional;
01/12 (DOM) – Internacional 4 x 2 Grêmio – Gols: Fabi Simões (2x), Jheniffer e Naná;

2020:
24/09 (QUI) – Grêmio 0 x 1 Internacional – Gol: Rafa Travalão;
20/12 (DOM) – Internacional 2 x 1 Grêmio – Gols: Djeni Becker e Byanca Brasil;

2021:
20/06 (DOM) – Internacional 2 x 1 Grêmio – Gols: Fabi Simões e Mileninha;
Mileninha decretou a vitória colorada no Beira-Rio/Foto: Jota Finkler

Gurias Coloradas vencem Grêmio e conquistam a Copa Gaúcha Sub-17

Gurias conquistaram a Copa Gaúcha Sub-17/Foto: João Callegari

A MELHOR BASE DO BRASIL TAMBÉM MANDA NO RIO GRANDE! Na manhã deste sábado (04/12), as Gurias Coloradas bateram as maiores rivais e conquistaram a Copa Gaúcha Sub-17. Palco da competição, o CT Hélio Dourado recebeu clássico Gre-Nal encerrado com o placar de 1 a 0 para o Inter, gol de Tamara, marcado logo no início da etapa final.


Final estrelada

Sedentas pela taça, as duas equipes contaram com times recheados de estrelas neste sábado, que também serve de véspera à decisão do Gauchão Feminino da categoria adulta. De grande rodagem no grupo principal gremista, atletas como Laís Giacomel, Ana Guimarães, Mayara e Núbia foram escaladas pelo técnico Yura, ao passo que Fábio Sanhudo mandou o Inter a campo com as atacantes Priscila e Tamara, além da zagueira Kewllen. Pri é, inclusive, a artilheira das Gurias no campeonato profissional, onde já marcou 10 gols!

Parabéns, Gurias!/Foto: João Callegari

Priscila dá trabalho à zaga rival

As Gurias criaram as melhoras chances da partida desde cedo. Logo aos três, Priscila fez fila pela esquerda, recortou em direção à grande área e, da altura da meia-lua, deixou para Maju, que chegou batendo forte. Rasteira, ela saiu ao lado da meta gremista. Pouco depois, aos seis, Carol Gil entortou a zaga e, da esquerda, levantou em curva até Tamara, que cabeceou com perigo.

Priscila desconcertou a marcação gremista/Foto: João Callegari

As oportunidades coloradas foram respondidas, de parte das donas da casa, por chute forte de Ana, que Mari Zanella segurou sem maiores problemas. Incapazes de encaixar tramas de qualidade no ataque, as gremistas voltaram a sofrer com a velocidade de Priscila pelo corredor esquerdo. Antes dos 20, a colorada criaria duas chances.

A primeira, aos 11, foi finalizada de fora da área. Com estilo, a artilheira usou da parte externa do pé para chutar forte e com curva, mas sem tanta direção. Depois, aos 18, Priscila não se satisfez em tentar de longa distância e avançou a dribles até ficar cara a cara com a goleira Iasmin Paixão. Na rede, de fora, o arremate tirou suspiros da Maior e Melhor Torcida do Rio Grande.

Tamara ‘Bolt’ incomodou as adversárias/Foto: João Callegari

Gurias dominam para conquistar

O gol que teimou em não acontecer no primeiro tempo estava guardado para o início do segundo. Mais uma vez, em jogada de contra-ataque. De novo, pela ponta-esquerda. Agora, com Tamara, que justificou o porquê de ser conhecida como Bolt. Do campo de defesa, a camisa sete transformou bola quebrada pela zaga colorada em assistência, que conduziu até a pequena área antes de finalizar rasteiro, na saída de Paixão. Golaço!

A resposta do Grêmio chegou aos 10, quando a lateral-direita Lais Giacomel apareceu de surpresa no corredor esquerdo. Destra, a atleta conseguiu ângulo para o corte e finalizou com perigo, mas para fora. Muito mais perigosa foi a nova arrancada de Bolt, que quase ampliou em jogada idêntica à do primeiro tento. Travado pela marcação, o chute da camisa 7 virou escanteio que Yasmin, de cabeça, passou perto de enviar às redes.

Fundamental para retardar o primeiro gol colorado, Iasmin Paixão também foi importante para frear o ímpeto da Gurias na busca do segundo tento. Aos 14, Priscila cobrou falta pela esquerda da área gremista em direção à segunda trave, onde Carol Gil apareceu para cabecear em conformidade ao manual – para baixo. Providencial, a goleira espalmou em lance de puro reflexo.

Carol Gil foi importante na blitz colorada pelo corredor esquerdo/Foto: João Callegari

Aos 23, quem assustou por cima foi Maju, que recebeu cruzamento de Kewllen, feito das cercanias do meio de campo, e tentou escorar para a segunda trave, onde Carol Gil e Priscila apareciam com espaço. Mais alto do que a dupla foi o pulo de Paixão, que afastou de soco.

O último milagre da goleira aconteceu nos acréscimos, quando o Grêmio já posicionava, sem sucesso, todas as suas atletas de linha no campo de ataque. A consequência da postura ofensiva foi a oferta de espaços para as artilheiras do Inter, muito bem aproveitados por Priscila, que recebeu de Tamara, venceu a zaga na velocidade e chutou com estilo, mas ao alcance de Paixão.

O Celeiro delas!/Foto: João Callegari

Embora justo diante da produção ofensiva das Gurias, o 2 a 0 não foi estabelecido no placar. Mero detalhe, completamente ignorado pelo Inter no minuto 33, instante em que o árbitro apitou pela última vez. A partir de então, o Rio Grande do Sul, na categoria Sub-17, ficava, definitivamente, colorado! Parabéns, campeãs!

No Sub-17, o Rio Grande é colorado/Foto: João Callegari

Ficha técnica:

Grêmio (0): Paixão; Laís Giacomel (Amanda), Badin (Giovanna), Carol e Ana Guimarães; Duda, Julia (Cinthia), Mayara (Gaby), Raissa Bahia e Nubia (Paola); Nicoly (Pyetra). Técnico: Yura Tittow.

Internacional (1): Mari Zanella; Teté, Carla, Raiara e Carol Gil; Kewllen, Danny Teixeira, Yasmin (Ju Romanelli) e Maju (Kamila); Tamara e Priscila. Técnico: Fábio Sanhudo.

Gol: Tamara, aos 3’/1ºT (I).

Arbitragem: Allan Ricardo da Rosa Azevedo, auxiliado por Estefani Estrela da Rosa e Tais Regina Ruver. Quarto árbitro: Jeissyevan Gonçalves.

Estádio: CT Hélio Dourado.

Gurias são vice-campeãs do Brasileirão Sub-16

Gurias enfrentaram o Corinthians na manhã deste domingo/Foto: Adriano Fontes, CBF

As Gurias Coloradas decidiram, na manhã deste domingo (04/07), o Brasileirão Sub-16. Com gol de Tainá Maranhão, o Clube do Povo empatou em 1 a 1 com o Corinthians, no tempo normal, mas foi superado por 4 a 2 nos pênaltis. O resultado deixa o Inter com o vice-campeonato do torneio.


Gurias largam na frente

Primeiro tempo foi encerrado com vitória colorada/Foto: Adriano Fontes, CBF

Foi o Inter quem começou melhor a partida, apostando na velocidade do seu trio de ataque para sobrecarregar a defesa paulista. Aos poucos, o Corinthians, de muita força física, cresceu no jogo, e passou a incomodar com seguidas bolas alçadas na área vermelha. À evolução rival, David da Silva respondeu invertendo as pontas coloradas.

Dos 15 minutos em diante, Maranhão assumiu a direita e Gaby Tomé partiu para a esquerda. No novo corredor, Tainá atordoou a lateral Gabi Medeiros, que nada pôde fazer quando, aos 20, a camisa 11 colorada invadiu a área em velocidade e cruzou rasteiro para Bruna Wink. Letal, a meio-campista finalizou no ângulo, precisa, para abrir a conta.

Em vantagem, as Gurias passaram a controlar o ritmo do duelo. Cadenciada, a partida seguiu sem novas emoções até o intervalo, embora o Inter já apresentasse maior disposição aos contra-ataques, sempre com a inteligência de evitar a presença ofensiva das paulistas, sedentas pro centímetros no campo de ataque.

Maranhão e Guta comemoram o gol colorado/Foto: Adriano Fontes, CBF

Rival empata

As Gurias não ampliaram após o intervalo por pura teimosia da bola. Logo aos três, Locatelli recebeu de Berchon e arriscou bonito chute, que passou perto. Dois minutos depois, Maranhão invadiu a área paulista em altíssima velocidade e finalizou para milagre da goleira Nanda. O gol parecia iminente, mas, por caprichos do futebol, ele saiu na goleira colorada.

Rival empatou com gol de cabeça/Foto: Adriano Fontes, CBF

Aos seis, Vick levantou na área colorada, na medida para Duda Mineira empatar. A partir do gol, a tensão tomou conta do jogo, que seguiu bastante truncado até os últimos instantes. Desgastadas pela intensa maratona dos últimos dias, as duas equipes bem que tentaram, mas ninguém conseguiu voltar a modificar o escore. Assim, a decisão seguiu para as penalidades.


Pênaltis:

Gurias fizeram grande campanha/Foto: Adriano Fontes, CBF

1-0: GOLAÇO! Amanda Locatelli abre as cobranças com enorme qualidade.

1-1: Duda converte para o Corinthians.

1-1: Nanda defende a cobrança de Tayla.

1-2: Stefanie coloca o Corinthians na frente.

1-2: Berchon manda para fora.

1-3: Gabi Silva converte a terceira das paulistas.

2-3: GOL! Mai desloca Nanda e mantém o Inter vivo.

2-4: Isa Morais marca e garante o título para o Corinthians.

Brasileirão Feminino Sub-16 foi encerrado neste domingo/Foto: Adriano Fontes, CBF

Ficha técnica:

Internacional (1)(2): Brito; Borges, Maiara, Guta e Erica; Bruna Wink (Tayla), Locatelli e Berchon; Gaby Tomé, Clarinha e Maranhão. Técnico: David da Silva.

Corinthians (1)(4): Nanda; Áhlice, Sabrina, Duda e Gabi Medeiros (Dayse); Cabral (Stefanie), Julia Brito e Vick; Laysla, Gabi Silva e Manu Olivan. Técnica: Daniela Alves.

Gols: Bruna Wink, aos 20’/1ºT (I). Duda Mineira, aos 6’/2ºT (C).

Cartão amarelo: Duda Kroth e Amanda Locatelli (I).

Arbitragem: Adriano de Assis Miranda, auxiliado por Fabrini Bevilaqua Costa e Marcela de Almeida Silva. Quarto árbitro: Flávio Roberto Mineiro Ribeiro.

Estádio: Walter Ribeiro-SP

Fotos: Gre-Nal 431

Clube do Povo recebe o maior rival na partida de abertura da decisão do Rio Grande do Sul. Confira as imagens do confronto:

Gurias largam em desvantagem na final do Brasileirão Sub-18

Fotos: Mariana Capra

As Gurias Coloradas abriram com derrota a decisão do Campeonato Brasileiro Sub-18. No Estádio das Laranjeiras, o Internacional foi superado por 2 a 1 pelo Fluminense, na manhã deste sábado (13/03), em partida que contou com gols de Sabrina e Lara, para as mandantes, e Liriel, do lado vermelho. Com o resultado, o Clube do Povo precisa da vitória no jogo de volta, resultado que levaria a definição do título para os pênaltis.


Primeiro tempo quente

A primeira etapa correu dividida em três fases, delimitadas pelas duas paradas técnicas realizadas em decorrência do intenso calor nas Laranjeiras. Nos 15 minutos de abertura do confronto, o Fluminense tomou as rédeas da partida e pressionou as Gurias Coloradas. Sedento para assumir a dianteira do placar, o Tricolor encontrou seu gol – ilegal, pois na origem da jogada a bola cruzou a linha de fundo – aos 9. Inabaláveis, as atletas do Clube do Povo responderam ao tento com bola nas redes, enviada por Liriel em venenosa cobrança de falta.

Entre a parada primeira, iniciada aos 15, e a segunda, aberta aos 30, o duelo presenciou maior equilíbrio. Concentrada no meio de campo, a posse seguiu maior de parte do Fluminense, dono dos rebotes, mas inoperante nos dois lados. Fortes pelas pontas, as Gurias Coloradas esperavam por espaços que servissem à dupla Bia e Eduarda, vazios que surgiram nos 10 minutos finais, mas não em quantidade suficiente para nova modificação no placar.


Segundo tempo truncado

O Fluminense repetiu o roteiro do início da partida nos minutos que sucederam o intervalo. Ainda maior, contudo, o calor prejudicou o correr do confronto, que foi disputado de maneira cada vez mais truncada, marcado por erros consecutivos e paralisações acumuladas. Já nos acréscimos, a vontade carioca foi recompensada com gol de Lara, em açucarada cobrança de falta que valeu a vantagem para os locais.


Melhores momentos – primeiro tempo

6min – Gabi! Lara invade a área colorada pela esquerda e finaliza rasteiro. Goleira vermelha faz defesa segura.

8min – Inter pressiona a saída de bola tricolor! Primeiro, Mileninha antecipa a saída de bola adversária e deixa com Eduarda, que finaliza rasteiro para defesa de Ravena. Na sequência, Bia é a ladra, e invade a área rival em velocidade. Tarciane trava, providencial.

9min – Luany avança pela esquerda e cruza rasteiro. A bola sai pela linha de fundo, mas a arbitragem não assinala. Gabi Barbieri salva após arremate de Carolina, mas Kailane fica com a sobra, briga com a zaga e vê Sabrina finalizar forte. Time da casa na frente.

10min – GOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOL! É DAS COLORADAS, GURIAS COLORADAS! GOL! GOL! GOL! GOL! Liriel cobra falta pela direita da intermediária de ataque do Internacional. A bola desvia na zaga tricolor e morre no fundo das redes de Ravena. Tudo igual nas Laranjeiras!

15min – Parada técnica para hidratação.

18min – Reiniciada a partida.

21min – UH! Bia pega a sobra de corte parcial da defesa adversária e finaliza por cobertura. Bola sai tirando tinta do poste tricolor.

24min – Uh! Bia cruza da direita buscando Mileninha, que divide com Ravena, mas a goleira consegue o corte.

30min – Nova parada técnica. Calorão forte no Rio de Janeiro.

33min – Reiniciada a partida.

36min – Liriel recebe o amarelo por falta em Kailane.

38min – TRAVA A ZAGA! Mileninha é lançada por Eduarda, corta da esquerda para dentro e finaliza colocado. Núbia, providencial, bloqueia.

40min – Mais cinco minutos de acréscimos. Vamos até 45.

42min – BLITZ COLORADA! Eduarda tabela com Mileninha e vai ao fundo. A defesa trava o cruzamento, mas Bia consegue a recuperação e investe pela direita. Trava a zaga.

44min – GABI! Goleira colorada sai do gol de maneira providencial e interrompe contra-ataque carioca.

44min – UHHHH! O trio de ataque conversa! Bia cruza, Mileninha faz o giro e serve Eduarda, que finaliza de primeira. Ravena encaixa.

45min – Encerrada a primeira etapa.


Segundo tempo

0min – Gurias Coloradas retornam com mudança. Vem Maranhão, sai Eduarda.

1min – LIRIEL! Kailane tabela com Luany, que vai ao fundo e cruza rasteiro. Carolina recebe na pequena área e, de primeira, finaliza, mas o desvio na lateral-esquerda do Inter é fundamental para a saída da bola em escanteio.

9min – Luany recebe na área colorada, corta para a direita e finaliza com desvio. Novo corner para as cariocas.

10min – UH! Quase, quase! Bia escapa pela direita e cruza. Milena ajeita e Mai, pela esquerda, domina engatilhando o arrematem, mas é travado pela zaga. Foi por pouco!

15min – Trocas dos dois lados. No Inter, entra Yasmin na vaga de Berchon. Pelo Fluminense, a novidade é Duda Calazans, que substitui Sabrina.

15min – Parada técnica.

18min – Partida reiniciada.

18min – Bia recebe o amarelo.

24min – Amarelo para Tarciane, falta forte em Maranhão.

28min – CARTÃO! Kailane impede promissor contra-ataque puxado por Maranhão. Amarelada!

30min – Parada para reidratação!

34min – Reiniciado o confronto.

35min – Muda o Fluminense. Larissa por Kailane.

36min – Troca no Inter! Maiara dá lugar a Mafê.

39min – Larissa recebe na entrada da área colorado, domina no peito e finaliza. Forte demais, a bola sai por cima.

40min – Mais seis. Vamos a 51.

42min – Lara cobra falta da direita da intermediária de ataque do Fluminense, a bola corre viva até a área colorada e morre nas redes vermelhas.

45min – Três trocas no Clube do Povo. Bia, Mileninha e Duda Flores são as saídas, enquanto Mari Barbieri, Maju e Thalita entram.

47min – Encerrada a partida.


Ficha técnica:

Fluminense (2): Ravena; Andressa, Tarciane, Núbia e Leandra; Luany, Sabrina (Duda Calazans), Luiza Travassos, Lara e Kailane (Larissa); Carolina. Técnico: Filipe Torres.

Internacional (1): Gabi Barbieri; Susan, Guta, Duda Flores (Mari Barbieri) e Liriel; Kamila, Maiara (Mafê) e Berchon (Yasmin); Eduarda (Maranhão), Mileninha (Maju) e Bia (Thalita). Técnico: Fábio Sanhudo.

Gols: Sabrina, aos 9 minutos do primeiro tempo, e Lara, aos 42 minutos do segundo tempo (F). Liriel, aos 10 minutos do primeiro tempo (I).

Cartões amarelos: Tarciane e Kailane (F). Liriel e Bia (I).

Arbitragem: Rejane Caetano da Silva, auxiliada por Fabiana Nobrega Pitta e Beatriz Geraldini de Sousa.

Estádio: Laranjeiras-RJ.

Edenilson: “Estamos confiantes em um grande jogo”

Antes de embarcar para o jogo decisivo com o Flamengo, no Rio, Edenilson falou com o Canal do Inter. Assista!

Coletiva: Patrick fala sobre duelo de domingo no Maracanã

De volta ao time depois de cumprir suspensão, Patrick projetou o duelo decisivo contra o Flamengo, domingo (21/2), no Maracanã, pela penúltima rodada do Brasileirão. Assista no Canal do Inter!

CAMPEÃS! Gurias Coloradas vencem Gre-Nal por 2 a 1 e conquistam o Gauchão Feminino!

Capitã Bruna Benites ergue a taça!/Foto: Mariana Capra, Internacional

CAMPEÃS! BICAMPEÃS CONSECUTIVAS! ENEACAMPEÃS NA HISTÓRIA! As Gurias Coloradas derrotaram o Grêmio por 2 a 1, na manhã deste domingo (20/12), e conquistaram o Gauchão Feminino de 2020. Disputado a partir das 10h na Arena Cruzeiro, em Cachoeirinha, o clássico Gre-Nal contou com gols de Djeni e Byanca Brasil, para o Inter, e Pri Back, para o rival. VAMO, GURIAS!


Gurias protagonistas

Djeni Becker comemora o bonito primeiro gol colorado/Foto: Mariana Capra, Internacional

Os movimentos iniciais de partida foram disputados em ritmo extremamente elevado. Postadas no campo ofensivo e apertando a saída de bola rival, as Gurias Coloradas criaram sua primeira oportunidade logo aos dois minutos, quando Ju Ferreira exigiu milagre de Lorena. A arqueira adversária seguiu brilhando ao longo da dezena de abertura do confronto, ao mesmo tempo em que suas estonteadas companheiras apostavam no rodízio de faltas para conter a intensidade do Clube do Povo.

A narração da Rádio Colorada para o testaço de Djeni:

Sport Club Internacional · Rádio Colorada | Gol Byanca Brasil: Inter 2 x 1 Grêmio – Final Gauchão Feminino

Com o passar do tempo, o Grêmio entendeu que, às adiantadas linhas do Clube do Povo, a melhor resposta seria apostar na movimentação de Marta, que passou a pedir por passes em profundidade com o objetivo de sobrecarregar a segura dupla de zaga colorada. As oportunidades mais claras, então, saíram na casa dos 20 minutos. Primeiro, quem assustou foi o rival, mas Gisseli teve seu arremate travado, em cima da linha, por Naná. Depois, aos pontuais 28, quem chegou foi o Inter. Mari lançou Rafa, que disparou pela esquerda e cruzou na medida para a elemento surpresa Djeni abrir o placar.

Camisa 8 encerrou o Gauchão com cinco gols/Foto: Mariana Capra, Internacional

Atingida a casa de meia-hora de partida, o ritmo do confronto foi consideravelmente reduzido, fruto do crescente calor em Cachoeirinha. Ensolarada, a exuberante Arena Cruzeiro presenciou, inclusive, algumas interrupções para atendimento de atletas desgastadas com a temperatura. Enquanto os termômetros subiam, o placar se manteve estável, e um parcial 1 a 0 foi mantido até o intervalo.


CAMPEÃS!

Abraçada por Julia, Byanca comemora o segundo do Inter/Foto: Mariana Capra, Internacional

Após cinco minutos de aparente marasmo, o Clube do Povo logo tomou as rédeas da partida também no segundo tempo. A movimentação de Shashá, de novo, esgotou a marcação adversária, que aos oito minutos não conseguiu acompanhar a craque Byanca Brasil. Caindo pela esquerda, a camisa 9 tentou duas vezes para marcar um golaço e ampliar a vantagem no marcador.

Confira o gol de Byanca na narração da Rádio Colorada:

Sport Club Internacional · Rádio Colorada | Gol Byanca Brasil: Inter 2 x 1 Grêmio – Final Gauchão Feminino

O domínio colorado, embora atrapalhado pelo intenso calor, foi continuado após o tento da artilheira do torneio, que chegou aos seis no Estadual. Técnica gremista, Patrícia Gusmão até realizou mudanças que se desdobraram em time cada vez mais ofensivo, mas as novidades foram muito bem decifradas por Maurício Salgado.

Craque foi a artilheira do Gauchão: seis gols/Foto: Mariana Capra, Internacional

Com suas mudanças, a exemplo da entrada de Leidi, o comandante alvirrubro encaixotou o rival. Apenas em rara escapada fruto de erro na saída de bola colorada, Sinara sofreu pênalti que Pri Back converteu, descontando para as gremistas.

A proximidade no placar acendeu alerta definitivo no Clube do Povo, que passou os 10 últimos minutos de partida no campo de ataque, bombardeando a goleira Lorena, figura fundamental para impedir novos gols das Gurias Coloradas. Aos 51 minutos, Leandro Vuaden apitou pela última vez e confirmou: o Rio Grande é do time feminino do Clube do Povo!

Foto: Mariana Capra/Internacional

Melhores momentos – primeiro tempo

2min – SAAAAAALVA, LORENA! Após pressão na saída de bola adversária, Ju fica com a posse e, da entrada da grande área, solta a bomba. Goleira gremista opera o primeiro milagre do jogo.

4min – Pri Back recebe o amarelo por pontapé em Djeni.

6min – Lorena segura! Mari Pires domina na entrada da grande área, pela direita, e finaliza rasteiro. Nova intervenção da arqueira azul.

8min – Cartão amarelo para Bruna Benites. Falta em Marta.

8min – Tiro de meta! Eudimilla bate bem, a bola encobre a barreira, mas vai pela linha de fundo.

9min – MILAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAGRE! QUE JOGADA DE SHASHÁ! Camisa 7 desarma no campo de ataque, costura da direita para a esquerda e, nas cercanias da grande área, manda o canhotaço. A bola tinha endereço, o ângulo, mas Lorena dá linda ponte para salvar as azuis.

15min – Kemelli! Marta é lançada nas costas da marcação colorada e, percebendo as boas condições da atacante rival, goleira alvirrubra deixa a meta para cortar o perigo.

18min – CANTO BOLA! Byanca Brasil serve Mari Pires, que não consegue a finalização. Sinara afasta mal, ela volta com Mari, e a camisa 10 deixa com Djeni, que finaliza travada. Escanteio para o Inter.

20min – É LÁ E CÁ! Rebeca vai ao fundo pela esquerda e cruza rasteiro para Marta. Kemelli abafa a centroavante, mas a sobra, com o gol aberto, é de Gisseli, que finaliza. Salvadora, Naná trava e, após confusão, a sobra é de Fabi, que dispara em velocidade. Como fizera Pri Back mais cedo, Sinara dá um pontapé na colorada e recebe o amarelo.

28min – GOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOL! É DO CLUBE DO POVO, É DA ACADEMIA DO POVO, É DAS COLORADAS QUE TANTO ALEGRAM NOSSO CORAÇÃO! DJENI, DJENI, DJENI! Mari Pires serve excelente passe em profundidade para Rafa Travalão, que vai ao fundo pela esquerda e levanta com açúcar, carinho, esmero, na entrada da área pequena gremista. Elemento surpresa, Djeni Becker aparece livre, leve e solta e manda um testaço para as redes. AS GURIAS ESTÃO NA FRENTE!

42min – Djeni recebe o amarelo por conter contra-ataque gremista.

45min – Vamos até 48. Mais três.

47min – Devido a tempo de paralisação para atendimento de Naná, Vuaden acrescenta mais um minuto aos acréscimos. Vamos a 49.

49min – Intervalo de partida. Vitória parcial do Clube do Povo!

Mari Pires foi fundamental na jogada do primeiro gol/Foto: Mariana Capra, Internacional

Segundo tempo

0min – Gurias Coloradas retornam com novidade. Julia entra na vaga de Mari.

7min – NA TRAVE! Naná desarma Sinara, dispara pela esquerda, vai ao fundo e cruza rasteiro. O montinho artilheiro atrapalha, e Lorena quase manda contra o próprio patrimônio.

8min – SALVA, LORENA! Ana Alice é entortada por Shashá que, dentro da área, finaliza colocado, de canhota. Defende a goleira.

8min – GOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOL! GOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOL! É DO INTERNACIONAL! É DO CLUBE DO POVO! É DAS GURIAS COLORADAS! É DA MINHA 9, QUE É ARTILHEIRA E BRABA! Julia aciona Byanca Brasil. Inteligente, a centroavante, que caía pela esquerda, invade a grande área e chuta cruzado. O arremate é travado, mas a craque alvirrubra fica com a sobra, deixa a zagueira no chão e, de frente para a meta, manda no ângulo. Golaço!

12min – NO TRAVESSÃO! Shashá dispara pela direita, supera Rebeca e, rente à linha de fundo, cruza fechado. A bola explode no poste superior e sai em tiro de meta para as rivais.

16min – Muda o Grêmio. Entra Ju Oliveira, sai Rebeca.

17min – NANÁÁÁÁÁ! Cruzamento de Eudimila vem da direita. Na segunda trave, Ju Oliveira cabeceia e a bola toma o caminho das redes vermelhas. Em cima da linha, a camisa 20 colorada, de novo, afasta e impede o tento gremista.

20min – Maurício Salgado promove nova alteração. Entra Leidi, sai Rafa Travalão. Fabi Simões é adiantada para a linha de frente.

23min – Parada técnica. Que calor em Cachoeirinha!

25min – Retomada a partida.

28min – Muda o Grêmio. Vem Yasmim, sai Jane Tavares.

31min – Bruninha entra no Inter. Sai Naná.

34min – Ju cruza, pela direita, com muita direção. Na esquerda da grande área gremista, Bruninha aparece no vazio e finaliza de direita. Teimosa, a bola sai pela linha de fundo.

Ju Ferreira, protetora da zaga colorada/Foto: Mariana Capra, Internacional

37min – Dupla troca no Grêmio. Ana Alice por Mayara, Mariza por Tefa.

39min – Marta recebe pela direita, corta para a canhota e finaliza rasteiro. Kemelli defende!

39min – Pênalti para o Grêmio. Djeni em Sinara.

40min – Pri Back converte a cobrança.

41min – No Inter, sai Byanca. Quem vem é Jheniffer.

45min – Seis de acréscimos. Vamos até 51.

46min – LORENA! Djeni cobra falta pela esquerda. Na grande área, Sorriso desvia de puxeta e, por detalhe, não amplia.

48min – PRA FOOORA! Ju pega a sobra de corte parcial da zaga adversária e, com o pé direito, manda rasteira. A bola sai tirando tinta.

50min – MEU DEUS! SERIA UMA PINTURA! Da altura do meio de campo, Djeni manda uma bomba de direita. A bola encobre Lorena, mas sai raspando no poste superior.

51min – ACABOU! CAMPEÃS! CAMPEÃS! CAMPEÃS! É O CLUBE DO POVO! SÃO AS GURIAS COLORADAS! É PRECISO RESPEITAR ESSA CAMISA, ESSA TRADIÇÃO, ESSA HISTÓRIA! QUEM MANDA NO RIO GRANDE SÃO AS GURIAS DO POVO!


Ficha técnica:

Internacional (2): Kemelli; Fabi Simões, Bruna Benites, Sorriso e Naná (Bruninha); Ju Ferreira, Djeni e Mari Pires (Julia); Shashá, Byanca Brasil (Jheniffer) e Rafa Travalão (Leidi). Técnico: Maurício Salgado.

Grêmio (1): Lorena; Sinara, Ana Alice (Mayara), Andressa e Rebeca (Ju Oliveira); Mariza (Tefa), Pri Back, Eudimilla e Jane Tavares (Yasmim); Gisseli e Marta. Técnica: Patrícia Gusmão.

Gols: Djeni Becker, aos 28 minutos do primeiro tempo, e Byanca Brasil, aos 8 minutos do segundo (I). Pri Back, aos 40 minutos do segundo tempo (G).

Cartões amarelos: Bruna Benites e Djeni (I). Pri Back e Sinara (G).

Arbitragem: Leandro Pedro Vuaden, auxiliado por Luiza Naujorks Reis e Maíra Mastella Moreira.

Estádio: Arena Cruzeiro.

Gurias Coloradas treinam na Arena Cruzeiro, palco da decisão do Gauchão 2020

Fotos: Mariana Capra/Internacional

Nesta quinta-feira (17), pela manhã, as Gurias Coloradas treinaram diretamente na Arena Cruzeiro, em Cachoeirinha, palco da decisão do Gauchão 2020. A partida acontece no próximo domingo (20), às 10h, diante do Grêmio.

Sob o comando do técnico Maurício Salgado, o elenco colorado realizou o reconhecimento do gramado, seguido por atividades táticas e técnicas. O comandante já projeta o time que entrará em campo no fim de semana. Ainda restam dois treinamentos para fechar a preparação para a grande decisão.

O Clube do Povo é o atual detentor do título estadual e vai mais uma vez em busca da taça, em sua quarta final consecutiva.

Raio-X: Gurias Coloradas x Avaí/Kindermann

Dia de decisão no Gigante! Em casa, o Clube do Povo recebe o Avaí/Kindermann pelo jogo de volta das quartas de final do Brasileirão A1. O time catarinense tem a vantagem após vitória por 3 a 2, em Florianópolis, mas o Colorado busca reverter o resultado e garantir a classificação para a fase semifinal da competição. Para saber mais sobre a partida, confira, abaixo, o nosso Raio-X!

Pra cima delas, Gurias!
As Gurias Coloradas conheceram sua primeira derrota fora de casa na competição. No primeiro jogo das quartas de final do Campeonato Brasileiro A1, o Clube do Povo foi superado pela Leoas Caçadoras, no estádio da Ressacada, em Florianópolis, pelo placar de 3 a 2, gols anotados por Bruna, Lelê e Siméia, na equipe mandante, e Juliana e Byanca Brasil pelo lado colorado. Porém, a vantagem mínima da equipe adversária, deixa a decisão em aberto para o estádio Beira-Rio. 

O técnico Maurício Salgado teve três dias para se preparar junto ao plantel a fim de definir as onze que iniciam o confronto. Além do trabalho regenerativo com as atletas, Salgado comandou treinos intensos de tática e técnica no gramado para ajustar os últimos detalhes. O desfalques para partida são a lateral Belinha e a volante Thessa, que se recuperam no departamento médico. As penduradas são Isa Haas e Juliana, com dois cartões amarelos.

O Colorado terminou a primeira fase do campeonato na terceira colocação da tabela, com 33 pontos conquistados. Até o momento, são dez vitórias, três empates e apenas três derrotas na campanha, tendo anotado 41 gols e sendo vazado 17 vezes. A artilharia é comanda por Byanca Brasil com 10 tentos, números que a tornam, ainda, a maior goleadora de todas as edições do Brasileirão Feminino, dona de 48 gols.

As adversárias
O time de Caçador, com a vantagem obtida na primeira partida das quartas de final do Brasileirão A1, no estádio da Ressacada, vem a Porto Alegre em busca apenas de um empate para garantir a classificação para próxima fase. Jorge Barcellos contou com dois dias de preparação junto ao plantel antes de embarcar para capital gaúcha.

O Avaí/Kindermann encerrou a primeira fase na sexta posição da tabela, com 27 pontos. Até agora são nove vitórias, três empates e quatro derrotas para o time catarinense, que marcou 42 vezes e sofreu 14 gols nesta temporada. A artilharia é comandada por Catyellen e Letícia.

Transmissão
Mais vermelha da web, a transmissão da Rádio Colorada para Gurias Coloradas x Avaí/Kindermann será iniciada às 15h40 e contará com equipe in loco no Gigante para trazer todas as emoções deste confronto decisivo. Acompanhe a cobertura via Site e App do Inter!

As redes sociais das Gurias Coloradas (@guriascoloradasoficial no Instagram, @GuriasColoradas no Facebook e @ColoradasGurias no Twitter) contarão com um completo minuto a minuto. Na TV, a transmissão é por conta da CBF TV.

Arbitragem
Quem apita a partida é Douglas Schwengber da Silva, auxiliado por Fabricio Lima Baseggio e Max Augusto Guimarães Vioni. O trio é gaúcho.

Retrospecto
Ao todo, em partidas oficiais, as equipes já se enfrentaram três vezes, duas delas terminaram com um empate sem gols. O último confronto foi marcado pela primeira partida das quartas de final do Brasileirão A1, na última quarta-feira (28), em Florianópolis. A volante colorada, Juliana Ferreira, marcou o primeiro tento da história entre os times.