Gurias goleiam Juventude por 8 a 0 na abertura do Gauchão Feminino

Mariana Pires teve atuação destacada em Flores da Cunha/Foto: Gabriel Tadiotto/Juventude

As Gurias Coloradas enfrentaram o Juventude, na tarde deste domingo (19/09), em Flores da Cunha. Válida pela primeira rodada do grupo B do Gauchão, a partida, disputada no Estádio Homero Soldatelli, foi encerrada com goleada de 8 a 0 do Clube do Povo, gols Rafa Travalão, Djeni e Wendy, todas essas com dois tentos cada, e Maranhão e Kamile.

Líderes da chave B e donas do melhor resultado desta primeira rodada estadual, as Gurias voltam a campo daqui a dois domingos. No dia três de outubro, o time de Maurício Salgado recebe o Elite, no Sesc Protásio Alves, para a disputa da segunda rodada do Gauchão. Vale lembrar que as chaves do Rio Grande do Sul serão realizadas em turno e returno, para só então serem conhecidas as equipes classificadas às semifinais.

Duda Flores foi uma das jovens atletas que ganhou minutos neste domingo/Foto: Gabriel Tadiotto/Juventude


Rafa brilha no primeiro tempo

As Gurias Coloradas foram a campo com novidade. Pela primeira vez em sua carreira profissional, Maranhão iniciou partida como titular, escalada na ponta-direita do ataque do Internacional. Além dela, Wendy e Rafa Travalão formaram a linha de frente do Clube do Povo, municiada por Djeni Becker e Mariana Pires. Com estes nomes, e envolvente desde o primeiro minuto, o time de Maurício Salgado abriu o placar aos 18, quando a camisa nove uruguaia serviu a 11, que apenas teve o trabalho de cutucar para as redes abertas e inaugurar o marcador.

Bruna Benites voltou a empunhar a braçadeira colorada/Foto: Gabriel Tadiotto/Juventude

Rafa voltou a balançar a rede aos 44. Diante da audaciosa postura do Juventude, que adiantava suas linhas para diminuir o campo disponível às avantes coloradas, a camisa 11 se posicionou no limite da linha de impedimento adversária, e foi percebida por Djeni Becker. Com açúcar, a meio-campista serviu Travalão, que invadiu a área pela esquerda e, cara a cara com Mari, finalizou no canto oposto ao escolhido pela goleira. A vitória parcial de 2 a 0 abria o intervalo em Flores da Cunha.


Gurias dão show na etapa final

Diferente do gol ou da assistência, o penúltimo passe não entra para as estatísticas. Ou melhor, não entrava. Afinal, Mariana Pires certamente convenceu os estudiosos a respeito da importância de um lance que ofereça às companheiras condições de finalizar uma trama ofensiva. Aos sete minutos, a camisa 10 deixou Rafa livre, leve e solta para invadir a área pela direita. Solidária, a atacante devolveu o favor que recebera de Djeni, ainda na etapa inicial, para servir a camisa oito, que marcou o terceiro.

Mari Pires joga 10!/Foto: Gabriel Taditto/Juventude

A vantagem de três gols deu segurança para Maurício Salgado promover mudanças no time. Anunciada pelo Inter na última quinta-feira (16/09), a lateral Ariely substituiu a quase xará Ariane para fazer sua estreia pelas Gurias. Quem também disputou sua primeira partida como profissional colorada foi Kamile, substituta de Travalão. Junto das debutantes, ainda entraram Duda Flores e Vick, crias da base, e a guerreira Thessa. Com fôlego renovado, o Clube do Povo não teve problemas para seguir na pressão.

Aos 13, Maranhão recebeu lindo lançamento de Vivi e, dentro da área, assistiu Kamile, que completou para as redes. Anulado por impedimento, o quarto gol saiu no minuto seguinte, quando as peças se inverteram e, após cobrança rápida de lateral feita por Vick, a jovem centrovante deixou a companheira com o gol aberto para transformar a vitória em goleada. O tento da camisa 29 ainda era comemorado quando Wendy progrediu pela direita, trombou com a zagueira, escorregou, se levantou, girou e, mesmo cercada por três, finalizou de canhota. Inter 5 a 0.

Polivalência de Isa Haas foi posta à prova mais uma vez/Foto: Gabriel Tadiotto/Juventude

Entre os gols quinto e sexto, o intervalo de tempo foi maior, suficiente para Mayara substituir Vivi, e também para a realização de parada técnica. Retomado o confronto, Ariely, na casa dos 27 minutos, lançou Wendy com bonito passe rasteiro. Inteligente, a camisa nove fintou a zaga com o corpo, mas não pôde finalizar por conta de falta da zagueira. Dentro da área, a irregularidade foi assinalada como pênalti, que Djeni converteu com perfeição para marcar mais um.

O placar voltou a ser movimentado aos 41, quando Wendy marcou aquele que pode ser definido como o gol mais bonito da tarde. Acionada por Thessa, Mariana Pires aplicou até janelinha na adversária antes de abrir jogo para Maranhão. Inteligente, o passe foi interceptado pela zagueira Hellen, que não conseguiu afastar o perigo em defintivo. Antes dela, Kamile recuperou a posse, invadiu a área e mandou chute forte, que a goleira Mari, de grande atuação, espalmou. Para azar da arqueira, o rebote foi da uruguaia colorada, que dominou levantando a bola e, sem titubear, emendou lindo voleio. Sim, suas contas estão certas: o gol foi o sétimo das Gurias.

Bruna jamais perdeu uma partida de Gauchão/Foto: Gabriel Tadiotto/Juventude

Simpático às estreantes, o domingo não seria encerrado sem o justo gol de Kamile. Em jogada mais uma vez tramada por Mariana Pires, Wendy entrou na área rival pela esquerda e, diante da saída de Mari, apenas rolou para o retângulo menor. Por ali, comprovando o faro de gol de quem encerrou o Brasileiro Sub-18 na artilharia das Gurias, a camisa 18 chegou batendo de canhota, sem caprichos, para encerrar o placar. Na primeira prova da luta pelo Tri consecutivo, o Inter era aprovado com láureas. Sigam as líderes!

Sport Club Internacional · Rádio Colorada | Gols: Juventude 0 x 8 Gurias Coloradas | 19/09/2021

Ficha técnica:

Internacional (8): Vivi (Mayara); Leidi (Vick), Bruna Benites (Duda Flores), Sorriso (Thessa) e Ari (Ariely); Isa Haas, Djeni e Mariana Pires; Wendy, Rafa Travalão (Kamile) e Maranhão. Técnico: Maurício Salgado.

Gols: Rafa Travalão, aos 19’/1ºT e 44’/1ºT, Djeni, aos 7’/2ºT e 29’/2ºT, Maranhão, aos 13’/2ºT, Wendy, aos 15’/2ºT e 41/2ºT, e Kamile, aos 44/2ºT (I).

Arbitragem: Gutiérrez dos Santos Vasques, auxiliado por Ronei Zwirtes e Marcelo Luis Krindges.

Estádio: Homero Soldatelli.

Semana de estreia no Gauchão Feminino

Último trimestre de 2021 será de luta pelo Tri estadual/Foto: Ricardo Duarte

O Gauchão Feminino está prestes a começar, e as Gurias Coloradas vão em busca do Tri consecutivo no torneio! Depois de construir a melhor campanha da história do Rio Grande do Sul no Brasileirão Feminino, o Clube do Povo inicia, no próximo domingo (19/09), a luta pela taça estadual. A estreia na competição, última da temporada alvirrubra, ocorre contra o Juventude, adversário que vive ano de retomada na modalidade.

Inaugurada na última quarta-feira (08/09), a preparação das Gurias para o Gauchão será continuada a partir desta segunda (13/09). No Sesc Protásio Alves, Maurício Salgado e comissão técnica ajustarão os detalhes prévios à disputa do Estadual. Integrante do grupo B, o Inter divide chave com o Elite, de Santo Ângelo, e o Flamengo, de Tenente Portela – além, é claro, do Juventude.

Os grupos correspondem à primeira fase do Gauchão, que será disputada em jogos de ida e volta. Superadas as seis rodadas, líder e vice de cada chave avançarão para as semifinais, também realizadas em 180 minutos. A final, por outro lado, ocorrerá em jogo único, bem como a luta pelo terceiro lugar. Pelotas, Grêmio, Guarany de Bagé e Brasil de Farroupilha também participarão do Estadual. Confira o calendário-base das Gurias no torneio:

DATAJOGOHORÁRIOLOCAL
19/09 (DOM)Juventude x Inter15hA definir
03/10 (DOM)Inter x Elite15hSesc Protásio Alves
10/10 (DOM)Flamengo x Inter15hCT Futebol com Vida
17/10 (DOM)Inter x Flamengo15hSesc Protásio Alves
24/10 (DOM)Elite x Inter15hA definir
31/10 (DOM)Inter x Juventude15hSesc Protásio Alves
Gurias estrearão como visitantes/Foto: Mariana Capra

Vencedor de três dos quatro Gauchões que disputou desde a retomada do departamento de Futebol Feminino, o Clube do Povo conquistou de maneira invicta as taças de 2019 e 2020. Das 15 partidas que integraram as duas campanhas mais recentes, o Inter venceu 14, com incríveis 135 gols marcados e míseros três sofridos. Vale lembrar que as Gurias, semifinalistas do Brasileirão A1 de 2021, já asseguraram a vaga gaúcha na Supercopa do Brasil de 2022.

Temporada já presenciou feito histórico das coloradas/Foto: Luiza Moraes/CBF

Raio-X: Celeiro estreia no Brasileirão Sub-20

Celeiro estreia no Brasileirão Sub-20/Foto: Jota Finkler

Tarde de estreia para o Sub-20! O Celeiro de Ases visita o Corinthians, a partir das 15h deste sábado (26/06), para a disputa da primeira rodada do Brasileirão de juniores. Confira, abaixo, todas as informações sobre preparação das equipes, momento do rival, palco da partida, arbitragem e transmissão!


Transmissão 📻

Emissora oficial do Clube do Povo, a Rádio Colorada transmitirá o duelo de abertura do Brasileirão Sub-20. A cobertura da Mais Vermelha, que estará ao vivo a partir das 14h30, pode ser acompanhada via Site e APP do Inter. Confira a programação:

AtraçõesPlataformas
0hProgramação musicalInternet e App do Inter
13hVelhas SúmulasInternet e App do Inter
14h30Portões Abertos
(Corinthians x Internacional –
1ª rodada/Brasileirão Sub-20)
Internet e App do Inter
15hJornada Esportiva
(Corinthians x Internacional –
1ª rodada/Brasileirão Sub-20)
Internet e App do Inter
17hVestiário Vermelho
(Corinthians x Internacional –
1ª rodada/Brasileirão Sub-20)
Internet e App do Inter
17h30Programação musical
(Corinthians x Internacional –
1ª rodada/Brasileirão Sub-20)
Internet e App do Inter
Torça com a Rádio Colorada neste sábado!

As redes sociais do Clube do Povo (@scinternacional no TwitterInstagram Facebook) acompanharão a partida e seus principais lances. Com imagens, o Eleven Sports anuncia transmissão.


Vamo, Inter! 💪

Colorado está pronto para a estreia/Foto: Luiz Caldas Milano Júnior

O primeiro semestre contou com ótima participação do Celeiro na Copa do Brasil Sub-20. Em relação ao time que disputou a competição, o meio-campista Tortello, contratado junto ao Botafogo-SP, está regularizado e já fica à disposição para reforçar a equipe Nacional.

Preparação foi intensa para a primeira rodada/Foto: Luiz Caldas Milano Júnior

Nas últimas semanas, a equipe júnior do Clube do Povo intensificou os treinos preparativos ao confronto diante do Corinthians. Em entrevista para a Rádio Colorada, Fábio Matias, técnico da categoria, analisou o adversário deste sábado.

“Vamos enfrentar uma equipe das mais fortes em termos de formação e desenvolvimento na base. O jogo, por ser fora de casa, se torna ainda mais difícil. É uma equipe que tem mudanças em relação ao ano passado, mas que sempre vem forte pela qualidade e as condições que o Corinthians oferece.”

Fábio Matias
Fábio Matias parte para mais um Brasileirão Sub-20 à frente do Inter/Foto: Ricardo Duarte

Seguindo a filosofia de trabalho e formação da base colorada, alguns atletas de participação destacada na Copa do Brasil estão trabalhando com o grupo principal, caso do atacante Vinícius Mello. Fábio Matias, inclusive, também comentou a expectativa para revelar novos talentos para o Clube.

“Queremos jogar de forma propositiva, que agrade a nós e ao torcedor que assiste aos nossos jogos. Esperamos que, assim, se consiga ter bons resultados e um bom futebol para aparecer outros jogadores e novos talentos que vêm tendo visibilidade na transição para o profissional do Inter.”

Fábio Matias
Vinicius Mello (29) tem atuado com o grupo principal/Foto: Ricardo Duarte

Arbitragem 👨‍⚖️

Pietro Dimitrof Stefanelli apita, auxiliado por Alberto Poletto Masseira e Bruno Silva de Jesus. Quarto árbitro: João Vitor Gobi. Quarteto paulista.


Rival 🆚

O Corinthians construiu campanha decepcionante na Copa do Brasil Sub-20, principal competição da categoria neste primeiro semestre de 2021. Eliminado ainda na primeira fase, disputada em jogo único, o time paulista sucumbiu diante do mato-grossense Clube de Esportes União ABC, vencedor do confronto pelo placar de 1 a 0.

Preparação alvinegra foi intensa/Foto: Rodrigo Gazzanel, Agência Corinthians

O encontro entre CEU e Timão teve como palco o Estádio Morenão, em Campo Grande. Comandada pelo interino Márcio Bittencourt, a equipe, vazada ainda no primeiro minuto, não teve boa atuação na partida, quando esteve representada por Felipe; Julio, Richard Caimmy, Alemão e Reginaldo; John Lessa, Luis Mandaca e Lucas; Richard, Felipe Augusto e Anderson.

Passada a eliminação, o adversário deste sábado teve tempo para se preparar antes do Campeonato Nacional. No último mês de maio, o Timão anunciou Tarcisio Pugliese para o comando da equipe Sub-20. O profissional concedeu entrevista para os veículos de imprensa do Corinthians na última sexta (25/06), e projetou a partida contra o Inter.

Tarcisio Pugliese comanda o adversário/Foto: Rodrigo Gazzanel, Agência Corinthians

“Fizemos cerca de um mês e meio de preparação, um período bom. Temos uma equipe com jogadores de qualidade. O Campeonato Brasileiro é muito forte, e o Internacional faz um bom trabalho de formação. Sabemos que teremos pela frente um grande jogo.”

Tarcisio Pugliese

Palco 🏟️

Panorama da Fazendinha/Foto: DVG, Corinthians

Adquirido pelo Corinthians em 1926, o Estádio da Fazendinha foi reaberto ao público dois anos depois, tempo necessário para a realização de reformas no campo. Localizado na sede de Parque São Jorge, hoje em dia o gramado do palco possui 116,5m de comprimento por 75m de largura.


Regulamento 📖

Brasileirão Sub-20 conta com quatro fases/Foto: Jota Finkler

O Brasileirão Sub-20 está dividido em quatro fases. A primeira consiste no enfrentamento, em turno único, de todas as 20 equipes participantes do certame. Ao fim da 19ª rodada, os oito times de melhor campanha avançam às quartas de final. Os duelos eliminatórias serão disputados em partidas de ida e volta, sem a presença de saldo qualificado por gols marcados fora de casa como critério de desempate.

Fotos: Inter x Sport – 1ª rodada/Brasileirão 2021

Inter recebe o Sport, no Beira-Rio, pela rodada de abertura do Brasileirão 2021. Confira as imagens da partida!

Inter mira estreia no Brasileirão 2021

Depois de garantir o primeiro lugar do grupo e a clasificação às oitavas da Libertadores, o Internacional agora mira a estreia no Brasileirão, no próximo domingo (30/5), às 20h30, contra o Sport-PE, no Beira-Rio. Será a primeira das 38 rodadas do campeonato disputado em turno e returno entre os 20 clubes da Série A, com final previsto para 5 de dezembro.

Por enquanto, apenas as dez primeiras rodadas foram desdobradas pela CBF (veja tabela abaixo). Na arrancada, o Colorado enfrenta três times nordestinos – Sport, Fortaleza e Bahia, sendo que estes dois últimos longe do Gigante. Além destes, nas próximas semanas, o Vitória também cruza o caminho do Inter em duelo válido pela terceira fase da Copa do Brasil, com o jogo de ida marcado para a próxima quinta (3/6), em Salvador, e a volta em 10 e junho, no Beira-Rio.

Pela Libertadores, o próximo compromisso será somente no mês de julho. O adversário na fase mata-mata da competição continental será definido em sorteio na sede da Conmebol na próxima terça-feira.

A quinta-feira (27) foi de repouso para o grupo de atletas após a sequência de partidas das últimas semanas. Antes da estreia diante do Sport, o técnico Miguel Ángel Ramírez comandará dois treinamentos.

Tabela das dez primeiras rodadas

Sub-17 estreia com derrota no Brasileirão

Categoria juvenil estreou no Nacional nesta sexta/Foto: Rodrigo Gazzanel, Agência Corinthians

A categoria Sub-17 do Clube do Povo foi a campo na noite desta sexta-feira (07/05), em São Paulo, para estrear no Brasileirão juvenil. Diante do Corinthians, o Inter teve boa atuação, construiu partida bastante disputada, mas acabou superado pelo placar de 2 a 1. Carlison marcou para o Colorado, que volta a campo no próximo sábado (15/05), às 15h, quando recebe o Fluminense.


Jogo truncado

Primeiro tempo foi de vitória parcial dos paulistas/Foto: Rodrigo Gazzanel, Agência Corinthians

Visitante nesta sexta-feira (07/05), o Inter apresentou boa compactação defensiva no primeiro tempo. Postado com duas linhas de quatro, o Colorado dificultou as tramas do Corinthians e, inclusive, criou as melhores oportunidades da meia-hora de abertura do confronto, quase convertidas em gol por José Adilson e Carlison. Pedrinho, porém, apresentou enorme efetividade para, aos 36, abrir o placar para os mandantes.


Segunda etapa corrida

Juvenis lutaram muito, mas não conseguiram o resultado/Foto: Rodrigo Gazzanel, Agência Corinthians

A desvantagem no placar obrigou o Inter a adotar postura ofensiva, que encontrou reflexo logo aos oito minutos, quando Carlison marcou o de empate do Inter. A igualdade no escore, então, encontrou reflexo nas ações do campo, com as duas equipes assustando. Wescley foi além dos sustos e, aos 32, marcou o último da noite.


Ficha técnica:

Corinthians (2): Kaue; Léo Mana, Miguel Henrique, Vinicius Cressi e Vitor Meer; Thomas Rafael (Moscardo), Breno Bidon (Adryan), Pedrinho (Nunes) e Kayque (Caio César); Alysson (Wesley) e Pedro (Wendel). Técnico: Gustavo Almeida.

Internacional (1): Guilherme Oliveira; Marcelo (Kenzo), José Adilson, Tiago Guth e Rangel; Ghiven (Vinicius Côrtes), Lukayan (Júnior), Leonardo (João Carlos) e Robert; Jonathan Kauan (Gregory) e Carlison (Keven). Técnico: Ariel Lanzini.

Gols: Pedrinho, aos 36’/1ºT, e Wescley, aos 32’/2ºT (C). Carlison, aos 8’/2ºT (I).

Cartões amarelos: Léo Mana e Breno Bidon (C).

Arbitragem: José Guilherme Souza, com Fabio Rogerio Baesteiro e Marcela de Almeida Silva. Quarto árbitro: Lucas Canetto Bellote.

Estádio: Parque São Jorge-SP.

“É um sonho realizado”, comenta Heitor antes da estreia colorada na Libertadores

Vai começar a #LutaPelaAmérica! O Clube do Povo visita o Always Ready-BOL, a partir das 19h15 desta terça-feira (20/04), para a disputa de partida da primeira rodada do grupo B da Liberadores. Lateral-direito colorado, Heitor projetou a partida em conversa exclusiva com a Mídia do Inter, e você confere as principais aspas do papo a seguir:

“Um jogo que a gente não está muito acostumado com a altitude, mas nosso treinador nos passou todas as informações tanto de programação quanto da hora do jogo, do que vamos fazer. A gente está preparado para fazer um grande jogo e, se Deus quiser, sair com a vitória e iniciar com o pé direito na Libertadores.”

Heitor

Além do Always Ready-BOL, o grupo colorado também conta com Olimpia-PAR e Deportivo Táchira-VEN. Sobre o chaveamento, Heitor fez questão de destacar a importância de máxima concentração em cada partida, consciente das armadilhas que a Libertadores pode pregar.

“Um grupo muito
competitivo. Todo
mundo vai querer
bater de frente
com a gente, e
precisamos estar
preparados
.”

Cria do Celeiro, o jovem de 20 anos também destacou a expectativa por disputar mais uma Libertadores com a camisa colorada. Após estrear na competição na temporada passada, Heitor agora busca realizar novos sonhos na principal competição de clubes do continente.

“Eu sempre sonhei em estar aqui, espero que eu possa fazer um grande jogo e realizar o meu sonho e de toda a minha família, que é ser campeão da Libertadores.”

Heitor

Gurizada vence na estreia do Gauchão

No ritmo da gurizada do Celeiro de Ases, o Clube do Povo estreou com vitória no Gauchão 2021! Guilherme Pato marcou o gol da vitória colorada por 1 a 0, no Beira-Rio, em partida da primeira rodada do Estadual. Iniciado às 20h desta segunda-feira (01/03), o confronto serviu de abertura para a nova temporada do Internacional.

O Clube do Povo volta a campo na próxima quinta-feira (04/03), às 20h. Na Boca do Lobo, o Inter enfrenta o Pelotas, que na rodada de estreia empatou em 1 a 1 com o Novo Hamburgo, no Estádio do Vale.


Maturidade da gurizada

O Inter dominou a partida nos primeiros movimentos. Com a posse de bola, o Clube do Povo não hesitava em explorar os lados, fosse pela esquerda, com a dupla Léo Borges e Nicolas, ou pela direita, formada por Mazetti e Pato. Aos 13, Guilherme foi lançado por Johnny, invadiu a área e, apesar da falta de ângulo, chutou forte, cruzado. Placar inaugurado!

À frente no marcador, o Clube do Povo permitiu maior posse de bola ao rival, mas soube encaixar as linhas para não sofrer com o ímpeto adversário. Em contra-ataques rápidos, o Colorado chegou, inclusive, a assustar, mas não o suficiente para marcar o segundo. Assim, o intervalo chegou com o 1 a 0 parcial mantido.


Solidez para vencer

A etapa final foi inaugurada com muita movimentação das duas partes. Aos 9, em excelente cobrança de falta, Lucas Ramos exigiu grande defesa de Carné. Passados cinco minutos, Daniel operou dois milagres fundamentais para impedir o gol de Matheuzinho.

O correr do tempo exigiu do condicionamento físico dos jovens atletas colorados, que superaram quaisquer dores e desconforto para controlar o ímpeto visitante. Contra a derrota, o Juventude acumulou atacantes, mas não conseguiu buscar a igualdade. Um jogo na temporada, três pontos na conta!


Melhores momentos – primeiro tempo

6min – Pressiona o Inter! Lucas Vital abre o jogo na esquerda para Léo Borges, que cruza aberto. Na segunda trave, Pato recupera e levanta na segunda trave. Nicolas não consegue finalizar com força, e a bola sai pela linha de fundo.

12min – CARNÉ! Lucas Ramos recebe na intermediária, progride em direção à área rival e tenta em profundidade para Vini Mello. Goleiro deixa a meta para fazer a defesa.

13min – GOOOOOOOOOOOOOOOL! GOOOOOOOOOOOOOOL! É DO CLUBE DO POVO! É DA ACADEMIA DO POVO! É DO CELEIRO DE ASES! Johnny costura pela direita da intermediária ofensiva e serve linda assistência para Guilherme Pato, que progride e, mesmo sem ângulo, manda uma bomba rasteira, forte. Cruzado, o arremate sai indefensável para Carné e morre nas redes alviverdes. Inter na frente!

O gol de Guilherme Pato na narração da Rádio Colorada

16min FALTA! Lucas Ramos escapa em velocidade, mas leva o puxão de João Paulo. Amarelo e irregularidade indicados.

17min – MILAAAAAAAAAAAGRE! Lucas ignora a distância e manda uma bomba. Por fora da barreira, ela faz a curva e, no canto, chega em velocidade. Carné voa para espalmar.

19min – Em condição irregular, Matheus Peixoto marca para o Juventude. Gol é corretamente anulado.

23min – PEDRO HENRIQUE! Igor recebe livre na direita da grande área colorada e cruza forte. Zagueiro colorado bloqueia.

34min – SAAAAALVA A DEFESA! Mazetti recebe de Pato, invade a área e, pela direita, cruza rasteiro. João Paulo, em desabalada carreira, consegue corte providencial.

36min – DANIEL! Cruzada da direita, Matheus Peixoto cabeceia com força. Goleiro colorado encaixa.

43min – POR CIMA! Lucas Ramos recebe de Nicolas e, colocado, finaliza buscando o ângulo. A bola toma muita força e sai em tiro de meta.

45min – Mais dois. Vamos a 47.

47min – Encerrado o primeiro tempo!


Segundo tempo

0min – Trocas nas duas equipes. No Inter, entra Amaya na vaga de Nicolas. De parte do Juventude, a novidade é Renan Bressan por Bochecha.

7min – Carné! Léo Borges cruza da esquerda, Johnny desvia na grande área e, aberto na direita, Amaya chega batendo de primeira. Goleiro adversário encaixa.

8min – Daniel! Responde o Juventude, com cabeceio de Renan Bressan. Fraca, ela morre nas mãos do goleiro colorado.

8min – Cartão amarelo para Emerson. Zagueiro alviverde acertou, sem bola, Vinicius Mello.

9min – SAAAAAAAAAAAAALVA, CARNÉ! Lucas Ramos cobra nova falta da intermediária. Forte, ela tinha endereço, mas goleiro adversário voa para espalmar. Que chance!

14min – DANIEL! DANIEL! DANIEL! DANIEL! Capixaba vai ao fundo pela esquerda e cruza. Matheuzinho, com espaço, sobe na entrada da pequena área e exige milagre do goleiro colorado. O rebote é do atacante rival, que acerta novo testaço, mais uma vez defendido com muito reflexo.

18min – Amaya recebe o amarelo por falta em Eltinho.

26min – Cadorini e Igor vêm a campo no Inter. Saem Vinicius Mello e Mazetti.

32min – Sai Capixaba, entra Roberto. Muda o Juventude.

35min – Após choque de cabeça, Pedro Henrique e Yago deixam o campo. No Inter, vem Tiago Barbosa. No Juventude, Marcos Vinicios.

38min – CARNÉ! Lucas Ramos cobra falta fechada, pela esquerda da grande área. Goleiro encaixa.

39min – Muda o Juventude. Grampola e Paulo Henrique são as novidades, sacando Matheus Peixoto e Igor.

41min – TRAVA A ZAGA! Léo Borges invade a área adversária, deixa o marcador para trás e cruza. Bola não chega até Cadorini graças a bloqueio rival.

45min – Lucas Vital deixa o campo para a entrada de João Pedro.

45min – Mais seis. Vamos a 51!

46min – Tiago Barbosa recebe o amarelo.

48min – Paulo Henrique acerta um pontapé em Johnny e é amarelado. Pato, por reclamação, também leva o cartão.

51min – Superada a casa dos 51 minutos, Matheuzinho acerta o poste direito colorado e, na sequência, a partida é encerrada.


Ficha técnica:

Internacional (1): Daniel; Lucas Mazetti (Igor), Pedro Henrique (Tiago Barbosa), João Felix e Leo Borges; Lucas Vital (João Pedro), Johnny e Lucas Ramos; Guilherme Pato, Vinicius Mello (Matheus Cadorini) e Nicolas (Amaya). Técnico: Fábio Matias.

Juventude (0): Marcelo Carné; Igor (Paulo Henrique), Cleberson, Emerson e Eltinho; João Paulo, Capixaba (Roberto), Bochecha (Renan Bressan), Yago (Marcos Vinicios) e Matheuzinho; Matheus Peixoto (Rafael Grampola). Técnico: Marquinhos Santos.

Gols: Guilherme Pato, aos 13 minutos do primeiro tempo (I).

Cartões amarelos: Amaya, Guilherme Pato e Tiago Barbosa (I). João Paulo, Paulo Henrique e Emerson (J).

Arbitragem: Douglas Schwengber da Silva, auxiliado por Jorge Eduardo Bernardi e Michael Stanislau. Quarto árbitro: Marcus Vinicius Gonçalves dos Santos.

Estádio: Beira-Rio, Porto Alegre (RS).

Raio-X: tudo sobre a estreia na temporada 2021

Mesmo ano, nova temporada! O Clube do Povo estreia no Gauchão 2021 nesta segunda-feira (28/02), quando recebe, a partir das 20h, o Juventude. Duelo da primeira rodada do Estadual, será disputado por elenco repleto de jovens crias do Celeiro de Ases. Confira entrevista com Bruno Mucke, setorista do Papo pela Rádio Caxias, projetando o confronto. Abaixo, você encontra tudo sobre o embate!

Sport Club Internacional · Raio-X #08 | Internacional x Juventude, entrevista com Bruno Mucke | 01/03/2021

Transmissão

A Rádio Colorada transmite o duelo desta segunda-feira com rica cobertura! A transmissão da Mais Vermelha começa às 18h, com a apresentação do Programa do Inter, e se estende até 23h, horário de encerramento do Vestiário Vermelho. Confira a programação da emissora oficial do Clube do Povo para a estreia do Inter no Gauchão:

Segunda-feira (01/03)Plataformas
18hPrograma do InterFM 95.5, Site e App
19hPortões AbertosSite e APP
20hJornada EsportivaFM 95.5, Site e App
22hVestiário VermelhoFM 95.5, Site e App

Faça aqui o download do APP do Inter para Android;

Clique para fazer o download do APP do Inter para IOS;

Participe da jornada através do InterZap: (51)99189-4124

As redes sociais do Inter (@scinternacional no TwitterInstagram Facebook) apresentarão o mais completo minuto a minuto da internet, recheado de imagens compartilhadas de maneira instantânea. Na TV, o Premiere anuncia transmissão.


Pra cima, Colorado!

Clube do Povo busca estreia com vitória

O Inter abrirá o Gauchão com equipe alternativa, uma vez que grande parte dos atletas do grupo principal receberam folga de 10 dias após o encerramento do Brasileirão, ocorrido na última quinta-feira (25/02). Do elenco profissional, seguiram no CT Parque Gigante os goleiros Daniel e Vitor Hugo, os defensores Lucas Mazetti, Pedro Henrique e Léo Borges, os meio-campistas Johnny e Lucas Ramos, e os atacantes Paolo Guerrero e Guilherme Pato.

Os nove atletas receberam a companhia de 15 jovens das categorias de base. Foram incorporados ao grupo: Amaya, Anthoni, Cleberson, Igor, João Pedro, João Felix, Jonathan, Lucas Vital, Matheus Cadorini, Murilo, Nicolas, Pedrinho, Tiago Barbosa, Vinicius Tobias e Vinicius Mello. Jovem, o elenco que iniciará a disputa do Estadual será comandado pela comissão técnica da categoria Sub-20, liderada pelo técnico Fábio Matias.

Fábio Matias (E) ocupará a casamata colorada nas próximas partidas

Campeão da Copa São Paulo de 2020, Fábio Matias conversou de maneira exclusiva com a Mídia do Inter na última sexta-feira (28/02), data do primeiro trabalho integrado entre base e principal. O comandante reforçou que a equipe Sub-20 já vinha trabalhando há alguns meses, e comemorou o equilíbrio conquistado pelo equipe a partir do reforço de jogadores mais experientes. Confira:

Zagueiro que já soma seis partidas com a camisa colorada, Pedro Henrique também concedeu entrevista exclusiva. Integrado ao grupo principal desde o início da temporada passada, o defensor comentou o reencontro com amigos da base e compartilhou a expectativa por um bom início de Campeonato Gaúcho. Assista:


Arbitragem

Douglas Schwengber da Silva apita, auxiliado por Jorge Eduardo Bernardi e Michael Stanislau. Quarto árbitro: Marcus Vinicius Gonçalves dos Santos.


Rival

Papo se reapresentou no último dia 10 de fevereiro/Foto: Gabriel Tadiotto, Juventude

De volta à elite do Brasil após 13 anos, o Juventude chega para a temporada 2021 embalado não por um, mas dois acessos consecutivos no futebol nacional. Após ascender da Terceira para a Segunda em 2019, o Papo encerrou a última edição da Série B na terceira colocação. Junto com a mudança de divisão, o Alviverde passou por troca na comissão técnica, com a saída de Pintado e conseguinte chegada de Marquinhos Santos. Setorista da Rádio Caxias, Bruno comentou as diferenças entre os profissionais.

“O Pintado é aquele técnico boleirão, que discursa bastante para os jogadores. Já o Marquinhos é uma outra metodologia, estudioso. Podemos dizer que o Pintado é um técnico para a frente, e o Marquinhos mais equilibrado. O Pintado fazia muitos gols, mas também sofria muitos. Já o Marquinhos tenta buscar um equilíbrio entre os setores.”

Bruno Mucke
Pintado comandou o Alviverde no acesso à Série A/Foto: Arthur Dallegrave, Juventude

Marquinhos, contudo, passa longe de ser um desconhecido no Alfredo Jaconi. Comandante alviverde durante o acesso para a Série B, o profissional apostou no Juventude quando o Clube encarava cenário bastante delicado. Hoje, sua confiança no Papo encontrou recompensa, com a oportunidade de comandar a equipe na elite do país.

“Em 2019 o Marquinhos chegou aqui, com um mercado vasto na Série B, dizendo que ele estava chegando num clube onde muitos viam crise, mas ele via oportunidade. Até mesmo na entrevista de apresentação dele nesse retorno, ele comentou que lá ele plantou a sementinha para estar colhendo agora.”

Bruno Mucke
Marquinhos Santos já treinou o Papo/Foto: Arthur Dallegrave, Juventude

Neste retorno ao Juventude, o técnico até encontrará velhos conhecidos, como o goleiro Marcelo Carné, mas não terá a companhia do grande protagonista dos últimos anos alviverdes. Meio-campista autor dos gols de acesso do Papo às Séries B e A, Renato Cajá deixou o Clube ao final da temporada passada. A saída do camisa 10, de acordo com Bruno, reflete o fim de um ciclo marcante para a torcida alviverde.

“O Juventude tentou ao máximo renovar, só que houve um desencontro de ideias. Em 2019 o Cajá foi emprestado para a Ponte Preta, e no início de 2020 queria continuar lá. Disse isso abertamente, o que causou rusgas. Mas ele foi bem profissional enquanto esteve aqui. Acho que, acima de tudo, acabou o ciclo dele no Juventude. O torcedor entende isso, a direção entende isso, o próprio Cajá comenta sobre isso também.”

Bruno Mucke
Cajá é ídolo da torcida jaconera/Foto: Arthur Dallegrave, Juventude

Em busca de reposição para a perda do meia, o Juventude promete apostar, como de costume no primeiro semestre de cada temporada, na força de sua categoria de base. Solo fértil para o Papo ao longo das últimas temporadas, as divisões inferiores já contam com nomes que despertam grande expectativa na torcida – e que devem ser testados ao longo do Estadual.

“Olha, tem dois jogadores que são revelados no Juventude e um que estava no time de Aspirantes, que é o Nicolas, atacante que já disputou o Gaúcho pelo Novo Hamburgo. Tem o Marcos Vinícios, de bastante destaque na base do Juventude. Ele era conhecido como Sorriso, fez uma Copa São Paulo interessante em 2020. E tem o Kelvi, de 18 anos, um jogador que se tem muita expectativa em cima.”

Bruno Mucke
Segundo volante, Kelvi é uma das esperanças alviverdes/Foto: Gabriel Tadiotto, Juventude

Diante do Clube do Povo, o Juventude, que também contou com período curto de preparação para a estreia no Estadual, deve apostar na base do time que ascendeu para a Série A. Assim, os prováveis escolhidos de Marquinhos Santos para o Beira-Rio são: Marcelo Carné; Igor, Cleberson, Emerson e Eltinho; João Paulo, Capixaba, Bochecha, Renan Bressan e Matheuzinho; Grampola.


Regulamento

Campeão de 45 Gauchões, Clube do Povo é o maior campeão do estado

A primeira divisão do Campeonato Gaúcho de 2021 será disputada por 12 equipes, que se enfrentarão em turno único ao longo de primeira fase formada por 11 rodadas. Os times envolvidos na disputa são: Inter, Aimoré, Brasil de Pelotas, Caxias, Esportivo, Grêmio, Juventude, Novo Hamburgo, Pelotas, São José, São Luiz e Ypiranga.

Os quatro melhores classificados ao final da primeira fase avançam para as semifinais, que serão disputadas entre líder e quarto, segundo e terceiro. Os confrontos eliminatórios, incluindo a final, ocorrerão em partidas de ida e volta.

Inter, do zagueiro Pedro Henrique, estreia contra o Juventude

Último confronto

Inter e Juventude também duelaram na rodada de estreia do Gauchão 2020. No Alfredo Jaconi, o Clube do Povo contou com gol de Thiago Galhardo, cobrando pênalti, para derrotar o Papo e garantir três pontos na abertura do Estadual. A partida foi a primeira de Thiagol com a camisa colorada.

Dos juvenis à titularidade profissional: conheça a trajetória de Bruno Praxedes

Há dois anos ele estreava com a camisa colorada. Há 365 dias, avançava para as quartas do mais tradicional torneio de base do Brasil. Hoje, é titular do Inter vice-líder do Brasileirão. Catapultado por precisa perna canhota, Praxedes ascendeu rapidamente com as cores do Clube do Povo. Conheça a trajetória do jovem até o primeiro gol como profissional.


Início nos juvenis

Praxedes em ação pela categoria Sub-17/Foto: Mariana Capra

Contratado no início de 2019 após passagem pelo Fluminense, Bruno Conceição Praxedes chegou ao Inter com 16 anos. Reforço para a categoria Sub-17, o carioca de Itaboraí encantou logo nos primeiros treinos, rapidamente justificando o porquê de sua chegada ao Clube do Povo e garantindo vaga entre os titulares que disputaram a Copa Santiago no mês de janeiro.

“Alguns jogadores,
um pouco diferenciados,
você tem que antecipar.”

Erasmo Damiani, em entrevista para a Rádio Colorada no mês de dezembro

Encerrada a participação no torneio, os juvenis receberam férias até o mês de março, quando as atividades foram retomadas. Mantido na titularidade, Praxedes marcou diante do Caxias, no segundo amistoso preparativo para o Brasileirão Sub-17, seu primeiro gol com a camisa colorada. Na sequência, o jovem voltou a balançar as redes na jornada 13 que disputou como atleta alvirrubro. Tento de número dois anotado por Bruno, um em jogos oficiais, saiu na quinta rodada do Nacional, contra o América-MG.

Coelho sofreu o primeiro gol oficial de Praxedes na base/Foto: Mariana Capra

Na estreia do Gauchão Sub-17, Praxedes voltou a marcar. O meia fez o primeiro na vitória colorada por 2 a 0 sobre o São José, no CT de Alvorada. Novos encontros com as redes ocorreram na jornada seguinte, diante do Oriente, e nas rodadas de número sete e oito. Por fim, Bruno ainda marcaria em cima do Sergipe, adversário alvirrubro na primeira fase da Copa do Brasil juvenil.

Bruno comemora gol dos juvenis/Foto: Mariana Capra

Brilho nos juniores

Não foram apenas os números de Praxedes que evoluíram com o correr dos meses. Dentro de campo, as grandes atuações, catapultadas por alta qualidade na perna canhota e rara visão de jogo, despertaram a curiosidade de Fábio Matias, técnico da categoria Sub-20. Chancelado pelos diretores da base alvirrubra, entre eles o gerente geral Erasmo Damiani, o comandante então convocou Bruno para o Sub-20.

“No meio do meu primeiro ano aqui, antecipamos os atletas em potencial para eles já começarem a vivenciar uma nova categoria e terem um desafio maior. Foi o que nós fizemos com o Praxedes, que, se fosse pela idade, estaria agora começando a jogar no Sub-20. Quanto potencial estaríamos jogando fora? Por isso, antecipamos. Mas ele não pulou. Primeiro, passou meio ano na 17, e aí foi para a 20.”

Erasmo Damiani para a Rádio Colorada
Praxedes, o terceiro da direita para a esquerda/Foto: Mariana Capra

Praxedes estreou no Sub-20 em partida diante do Fluminense, disputada no dia 8 de agosto de 2019. Vindo do banco, o meio-campista substituiu Lucas Ramos e teve boa atuação, recompensada com a titularidade na rodada seguinte, quando o Celeiro empatou em 2 a 2 com o Grêmio, no Passo D’Areia.

Jovem teve boa atuação no Gre-Nal Sub-20/Foto: Mariana Capra

Consolidado na categoria Sub-20, Bruno chegou a reforçar o time juvenil na partida de volta das quartas da Copa do Brasil. Diante do seu ex-clube, abriu o placar para o Inter com gol de cabeça, chegando a sete na trajetória construída com as cores do Clube do Povo. Apesar do tento, o Colorado acabou eliminado do torneio, desclassificação que encerrou, definitivamente, a trajetória de Praxedes no Sub-17.

Praxedes vazou as redes tricolores/Foto: Mariana Capra

Com as atenções completamente voltadas aos juniores, Praxedes logo desencantou na categoria. Em partida da 15ª rodada do Brasileirão, o jovem marcou, em Belo Horizonte, o primeiro gol colorado diante do Cruzeiro. Dono de oito tentos com a camisa vermelha, Bruno garantia grande prestígio junto à comissão, reconhecimento atestado na sua manutenção entre os 11 iniciais independente de esquema, fosse com três ou quatro meio-campistas.

Gol de Praxedes contra o Cruzeiro/Imagens: MyCujoo

Finalizado o Brasileiro, a equipe Sub-20 passou a focar nas Copas de encerramento da temporada da base. A Ipiranga, primeira, foi antecedida por amistoso preparatório disputado contra o Lajeadense no CT de Alvorada. Vitorioso por 13 a 0, o Clube do Povo contou com gol de Praxedes, que continuaria o bom momento durante o torneio, no qual atuou como titular em todas as partidas.

“Todo meio-campista de alto nível tem algumas coisas que fazem a diferença. Praxedes consegue antever o jogo, enxerga de uma forma diferente. Domina uma função onde a velocidade do jogo, principalmente agora, no profissional, é alta. Ele tem que evoluir coisas naturais de um jovem, mas é um jogador que apresenta coisas diferentes em relação aos da mesma posição.”

Fábio Matias para a Rádio Colorada

Inscrito na Copa São Paulo com a icônica camisa 8 do Clube do Povo, Praxedes marcou dois gols na competição, ambos belíssimos, anotados na partida de estreia e nas quartas de final. Apesar dos poucos 17 anos, o meia demonstrou, ao longo do torneio, mentalidade digna dos mais experientes praticantes do esporte bretão, sempre consciente quanto ao momento de acelerar ou esfriar o jogo.

Gol de Praxedes nas quartas da Copinha/Imagem: SporTV

Chegada aos profissionais

Figura unânime na lista de craques da Copinha, Bruno despertou elogios e expectativa não apenas na torcida colorada, mas também junto à comissão técnica principal, como comprova a data de estreia do jovem com o grupo adulto. Campeão na base no dia 25 de janeiro, em primeiro de fevereiro Praxedes já defendia o Clube do Povo para sua primeira partida como profissional. Diante do Ypiranga, em Erechim, saiu do banco aos 30 minutos da etapa final.

“Comecei 2020 muito bem. Espero dar alegrias à torcida, e agradeço a eles e também os companheiros pelo carinho. Estou muito feliz em poder fazer minha estreia pelo profissional.”

Bruno Praxedes
Bruno em sua estreia como profissional/Foto: Ricardo Duarte

Para além do refino técnico, Praxedes também se sobressaiu pela polivalência dentro de campo. Capaz de atuar nas três funções mais adiantadas da meia-cancha do Clube do Povo de Eduardo Coudet – treinador colorado de então, que escalava o Inter no 4-1-3-2 – o jovem participaria de outras seis partidas do Gauchão de 2020, incluindo duelo eliminatório disputado no Beira-Rio contra o Esportivo.

“Todo atleta sonha em jogar uma Libertadores, mas a gente tem que trabalhar e, pouco a pouco, ir ganhando espaço. Na hora certa, nós, garotos, vamos entrar e dar o nosso melhor.”

Bruno Praxedes
Praxedes ganhou ‘casca’ ao longo do Gauchão/Foto: Ricardo Duarte

Ao mesmo tempo em que era aprovado com êxito nos testes estaduais, Bruno foi inscrito para os grupos da Libertadores. No principal torneio de clubes do continente, estreou na primeira rodada da chave E. Substituto de Cuesta, entrou aos 33 do segundo tempo e, diante de grande público, ofereceu duas assistências açucaradas que Gustavo por pouco não transformou no quarto gol em cima da Universidad Católica-CHI. O alto nível valeria ao jovem atuações em mais duas partidas da fase, contra América de Cali, quando foi titular, e Católica.

Praxedes serviu, Gustavo finalizou/Imagem: SporTV

Por falar em titularidade, a estreia de Praxedes entre os 11 iniciais colorados ocorreu no dia 8 de agosto, data da abertura do Brasileirão. Diante do Coritiba, no Couto Pereira, a cria do Clube do Povo teve boa exibição até deixar o campo, aos 23 da etapa final.

Também como titular, registre-se, Bruno figurou nos três confrontos seguintes que disputou no Nacional. Depois, no encerramento do primeiro turno, Praxedes somou duas vindas do banco, contra São Paulo e Vasco, e outra partida atuando desde a abertura, esta contra o Athletico-PR, também marcada por grande atuação do jovem.

“Eu jogo aonde me botar.
Estou preparado para
dar meu melhor.”

Bruno Praxedes

A estreia do Inter na Copa do Brasil também contou com titularidade de Praxedes. Desta vez na esquerda da trinca central, o meio-campista permaneceu em campo até os 13 da etapa final de duelo contra o Atlético-GO. Enquanto atuou, o jovem protagonizou oportunidades importantes com Moisés, lateral autor de gol na partida. Na volta diante dos goianos, Bruno substituiu Galhardo aos 38 do segundo tempo.

Patrick e Praxedes têm atingido entrosamento cada vez maior/Foto: Ricardo Duarte

Titularidade com Abel

Passados mais de nove meses de sua promoção aos profissionais, Praxedes estava devidamente entrosado ao grupo principal quando Abel Braga chegou ao Inter. Com o novo treinador, reconhecido entusiasta do trabalho junto às categorias de base, Bruno percebeu a oportunidade perfeita para se firmar entre os titulares. Assim, em sua terceira partida sob o comando do campeão mundial, o jovem se mostrou pronto para ganhar mais minutos.

“A cada jogo que passa,
o Praxedes está se soltando.
Ele deu um equilíbrio legal para o meio.”

Abel Braga

Reserva no primeiro mês de Abel no comando alvirrubro, Bruno atuara alguns minutos diante de Santos e América-MG antes de ser chamado a campo no segundo tempo de confronto contra o Atlético, no Mineirão. Alçado aos 14 minutos, deu novo fôlego para o Clube do Povo, renovando a disposição tanto para pressionar a saída de bola rival quanto para criar oportunidades em ritmo mais rápido e irrastreável para os encaixes da defesa rival. Seguindo esta cartilha, inclusive, o empate foi conquistado pelo Colorado, gol de Peglow.

Os ‘guri’ do Celeiro: Praxedes e Peglow/Foto: Ricardo Duarte

A consequência do brilho em território mineiro foi a surpreendente titularidade no jogo de volta das oitavas da Libertadores, disputado no dia 9 de dezembro contra o Boca Juniors. Encarregado de conectar seus pares de meio de campo, o jovem encarou a temida Bombonera com naturalidade comum aos que atuam no quintal de casa. Leve, combinou com Edenilson e Patrick, formando trio protagonista da excelente atuação vermelha, que encerrou o primeiro tempo dona de 65% da posse de bola.

A soberania de Praxedes contra os xeneizes/Foto: Ricardo Duarte

“O Abel vem fazendo um excelente trabalho. No começo, não deu pra ele mostrar muito, mas agora temos essa sequência. Ele gosta de garoto da base, utiliza bastante, é o que ele tem feito comigo e o Caio Vidal, e isso é muito bom pro nosso crescimento.”

Bruno Praxedes

Convocado para a Seleção Sub-20, Praxedes não pôde disputar a jornada seguinte do time colorado. Enquanto os comandados de Abel derrotaram por 2 a 1 o Botafogo, no Beira-Rio, o jovem venceu, junto dos companheiros Pedro Henrique e Mauricio, o amistoso Torneio Internacional Sub-20, realizado na Granja Comary ao lado das seleções de Chile, Bolívia e Peru. Bruno se tornou titular do Brasil ao longo da competição, certame no qual marcou um gol.

Mauricio (E), observador técnico Ricardo Sobrinho, Praxedes e Pedro Henrique: Inter representado na Granja Comary

Presente nos 90 minutos do embate contra o Chile, último do certame Internacional, Praxedes retornou aos titulares colorados menos de 24 horas depois de deixar a Granja Comary. No dia 19 de dezembro, o jovem teve o privilégio de ocupar a função de armador diante do Palmeiras, na partida de despedida do ídolo D’Alessandro. Exaurido pela maratona particular que encarava, Bruno atuou apenas no primeiro tempo, mas ocupou papel importante no irretocável triunfo de 2 a 0.

À disposição para os treinos, Bruno passou a somar crescente entrosamento com seus companheiros de setor. Atualmente, o dono da camisa 45 atua caindo do centro para a faixa esquerda do meio de campo colorado, exercendo tanto a função de armador central quanto de interno nas ocasiões em que fica alinhado a Edenilson.

Dentro desta mecânica, o dia 27 de dezembro ofereceu nova boa atuação de Praxedes com as cores do Internacional. Diante do Bahia, ele ficou em campo até os 37 do segundo tempo, e contribuiu para novo triunfo maiúsculo dos comandados de Abel Braga.

O ano de 2021 foi inaugurado com a manutenção de Praxedes entre os titulares, fato comprovado na escalação colorada que derrotou o Ceará, no Castelão, na quinta-feira sete de janeiro. A constância nos minutos dentro de campo, porém, contrastou com a grande novidade na carreira do jovem, vivenciada, já no Beira-Rio, três dias depois.

“Estamos numa sequência muito boa,
mas temos que manter o pé no chão.
Ainda tem muito pela frente.”

Bruno Praxedes após o jogo contra o Goiás

Sem Edenilson, Abel escalou o meio de campo colorado com Nonato e Bruno, mudança que exigiu protagonismo ainda maior do 45 dentro de campo. A principal resposta do carioca, que esteve diretamente envolvido em todas as construções do ataque do Inter, veio a minutos do intervalo, após escanteio açucarado de Rodinei, pela direita.

“Um momento
que vai ficar marcado
pra sempre
na minha vida.”

Bruno Praxedes depois de marcar seu primeiro gol profissional

Na primeira trave, Praxedes subiu soberano e, do alto de seu 1,86m, cabeceou forte. Goleiro alviverde, Tadeu apenas tentou golpear com a vista, mas sequer acompanhou a velocidade que a bola tomou em direção às redes véu de noiva. Pela primeira vez como profissional, Bruno marcava um gol, e o fazia em palco que figura entre os maiores do futebol mundial.

O gol contra o Goiás pode ser definido como justo, por coroar toda a dedicação do atleta ao longo da temporada. Foi, também, merecido, à altura das qualidades que catapultaram o carioca até o estrelato colorado. Simbólica bola na rede, serviu de ponto alto à grande atuação de Bruno. Exatamente por isso, a comemoração foi efusiva, digna quem sabe o caminho a ser seguido para acumular sorrisos e alegrias em vermelho e branco. Pra cima, Praxedes!