Inter perde em Santiago-CHI, mas avança às oitavas da América

O Clube do Povo visitou, nesta quinta-feira (22/10), a Universidad Católica-CHI, em partida da sexta rodada da fase de grupos da Libertadores. Iniciado às 21h30, o confronto, sediado no Estádio San Carlos de Apoquindo, teve o 2 a 1 para os mandantes como placar final, gols de Zampedri, duas vezes, para os chilenos, e D’Alessandro do lado colorado. Com o resultado, o Inter avança para as oitavas da América na segunda colocação da chave E.

O adversário do Clube do Povo nas oitavas de final será revelado no final da manhã desta sexta-feira (23/10), após sorteio na sede da CONMEBOL. Antes disto, o Inter volta a campo, no próximo domingo (25/10), diante do Flamengo, no Beira-Rio. O duelo integra a 18ª rodada do Brasileirão.


Etapa inicial aberta

O jogo transcorreu de maneira extremamente franca em seus 45 minutos iniciais. A cada ataque de um lado, o outro respondia com perigosa oportunidade. Postado, sem a bola, com duas linhas de quatro, o Clube do Povo contava com interessante movimentação de D’Alessandro e Pottker para abrir espaços na linha de defesa rival: o camisa 7 partia da ponta direita para formar a dupla de ataque com Yuri, enquanto D’Ale, que formava a linha de frente na pressão à saída de jogo adversária, descia para o meio de campo, bagunçando a zaga chilena.

Exatamente a partir destas movimentações o Inter chegou ao primeiro gol da partida. Pottker escapou pela direita, progrediu até a área rival e, dentro do grande retângulo, cruzou rasteiro. A zaga afastou em escanteio, cobrado por D’Ale na primeira trave. O alvo era Musto, derrubado por Pinares. Pênalti, convertido pelo camisa 10 e ídolo colorado. No minuto seguinte, porém, os locais igualaram o resultado através de Pinares. O tento suscitou o melhor momento da Católica no jogo, o qual durou uma dezena de minutos e foi sucedido por encerramento de etapa bastante parelho e faltoso.


Segundo tempo truncado

O ritmo visto na etapa inicial foi completamente alterado no segundo tempo, que correu truncado em seus movimentos de abertura. Superada a casa de 20 minutos de partida, Yuri Alberto criou duas ótimas oportunidades, salvas não por Dituro, e sim pela zaga rival, uma em cima da linha. O passar do tempo tornou o Inter uma equipe cada vez mais ofensiva, mas que, ao mesmo tempo em que pressionava, cedia espaços na defesa. Uma lacuna foi aproveitada por Puch, que cruzou para Zampedri marcar, na segunda tentativa, o último gol da noite, anotado de bicicleta.


Melhores momentos – primeiro tempo

3min – Inter pressiona! Peglow cruza da esquerda, aberta, na medida para Pottker, que tenta de voleio. O camisa 7 não acerta em cheio, mas fica com a sobra de corte parcial da zaga, corta para o centro e arrisca. Bloqueada, a bola fica, em definitivo, com os locais.

4min – Parot recebe na intermediária ofensiva colorada e finaliza cruzado. Puch antecipa a marcação e, de carrinho, desvia. Sem direção, a bola sai em tiro de meta para o Inter.

12min – Inter roda a bola por mais de dois minutos no campo de ataque. De frente para a área, Musto percebe infiltração de Yuri e serve em profundidade. Camisa 40 domina e, rente à linha de fundo, cruza rasteiro, para trás. Nenhum colorado consegue completar, e a sobra é da zaga chilena, que afasta de qualquer maneira.

13min – Parot cruza da esquerda. Na segunda trave, Lezcano arremata, mas não pega em cheio. Pela linha de fundo? É tiro de meta!

17min – MILAAAAAGRE DE DITURO! Nonato pressiona a saída de bola adversária e intercepta lançamento. A sobra, pela esquerda da grande área chilena, fica com Yuri, que serve D’Alessandro. Em velocidade, o camisa 10 finaliza de primeira, de canhota, e exige grande defesa do goleiro rival.

19min – Pinares recebe pela direita, corta para o centro e chuta buscando o ângulo cruzado. A bola explode no travessão e, após corte da defesa colorada, o autor do arremate acerta carrinho violento em Peglow e recebe amarelo.

21min – Pottker escapa do campo de defesa, deixa a marcação de Parot para trás, invade a grande área e cruza rasteiro. Zaga corta em escanteio.

22min – PÊNALTI PARA O INTER! D’Alessandro cobra o escanteio da direita na primeira trave. Musto é empurrado por Pinares, que ainda bloqueia o cabeceio do camisa 5 colorado com a mão. Árbitro aponta, mas faltou o amarelo, que seria segundo para o atleta chileno.

24min – GOOOOOOOOOL DO INTERNACIONAL! GOOOOOOOOL DO CLUBE DO POVO! É DE D’ALESSANDRO, É DE D10S, É DO ARGENTINO COM MAIS PARTIDAS EM LIBERTADORES NA HISTÓRIA! Camisa 10 colorado cobra no centro do gol, seguro. Dituro cai no canto e sequer chega próximo à bola. Inter na frente!

25min – Zampedri toma a posse de bola, avança pelo centro do campo e arremata. Ela desvia em Cuesta, encobre Lomba e morre nas redes gaúchas.

26min – Cuesta recebe o amarelo por falta em Zampedri.

29min – Recebe o amarelo D’Alessandro.

31min – Puch emenda de bicicleta na área colorada. A bola buscava o ângulo direito de Lomba, que, seguro, manda por escanteio.

36min – UH! Inter tem falta frontal, que D’Alessandro cobra direto, tentando surpreender Dituro. A bola sai tirando tinta da trave direita de Dituro.

38min – Jogada ensaiada! Peglow cobra falta pela direita da intermediária. A bola ia na segunda trave, na direção de Pottker, mas Huerta consegue desviar pela linha de fundo. Corner.

43min – Amarelo para Peglow. Juiz adota critério bastante caseiro neste primeiro tempo.

45min – Mais dois. Vamos a 47!


Segundo tempo

7min – Rebolledo recebe na entrada da área e tenta o arremate. Cruzada, rasteira, bola sai pela linha de fundo.

10min – Muda o Inter: entram Edenilson e Marcos Guilherme, saem Pottker e Peglow.

13min – SAAAAALVA, DITURO! Marcos Guilherme recebe na entrada da grande área e espicha com Rodinei, que invade o retângulo e manda chute forte. Dituro espalma e encaixa no rebote. Boa chegada!

14min – Finalmente… Huerta caça D’Alessandro e, enfim, é punido com amarelo.

18min – Sem a bola, Zampedri acerta Moledo. Amarelado.

26min – Duas substituições no Inter: Bruno Praxedes e Galhardo entram, Nonato e D’Alessandro saem.

27min – EM CIMA DA LINHA! Yuri Alberto intercepta recuo da zaga para o goleiro Dituro, dribla o arqueiro e, mesmo sem ângulo, finaliza de canhota. Ela tinha o caminho do gol mas, literalmente sobre a linha fatal, Huerta dá um carrinho e tira a bola do destino artilheiro.

28min – LOMBA! Cruzamento da direita, de Rebolledo, chega em Pinares, que desvia para a pequena área. Por ali, Zampedri acerta de canela. Goleiro colorado salva.

31min – SAAAAAALVA A ZAGA! Edenilson puxa contra-ataque maravilhoso e, em frente à área rival, serve Yuri Alberto, que invade o retângulo e, no momento de completar para as redes, é travado por carrinho salvador de Puch. Canto bola!

33min – Coudet faz a quinta e última alteração. Vem Jussa, sai Uendel.

34min – Rodinei recebe o amarelo por falta em Puch.

41min – Amarelo para Parot.

43min – Puch desarma Cuesta, invade a área pela direita e cruza. Moledo, salvador, corta, mas o rebote é de Zampedri, que emenda, de bicicleta, para as redes.

44min – Jussa recebe o amarelo.

45min – Mais cinco. Vamos a 50.

47min – Fuenzalida acerta Musto e recebe o amarelo.

50min – Encerrada a partida.


Ficha técnica:

Universidad Católica (2): Matías Dituro; Raimundo Rebolledo, Germán Lanaro, Valber Huerta e Alfonso Parot; Ignácio Saavedra, José Pedro Fuenzalida e César Pinares; Germán Lezcano, Fernando Zampedri e Edson Puch. Técnico: Ariel Holan.

Internacional (1): Marcelo Lomba; Rodinei, Rodrigo Moledo, Victor Cuesta e Uendel (Matheus Jussa); Damián Musto; Nonato (Bruno Praxedes), Andrés D’Alessandro (Thiago Galhardo) e João Peglow (Marcos Guilherme); William Pottker (Edenilson) e Yuri Alberto. Técnico: Eduardo Coudet.

Gols: Andrés D’Alessandro, aos 24 minutos do primeiro tempo (I). Fernando Zampedri, aos 25 minutos do primeiro tempo, e aos 43 minutos do segundo tempo (U).

Cartões amarelos: César Pinares, Fernando Zampedri, Alfonso Parot, José Pedro Fuenzalida e Valber Huerta (U). Andrés D’Alessandro, João Peglow, Rodinei e Victor Cuesta (I).

Arbitragem: Mauro Vigliano (ARG), auxiliado por Cristian Navarro (ARG) e Julio Fernández (ARG); quarto árbitro: Darío Herrera (ARG).

Estádio: San Carlos de Apoquindo, Santiago (CHI).

Fotos: Universidad x Inter

Colorado decide, no Chile, classificação às oitavas da Libertadores

Bastidores: América de Cali 0x0 Inter

Colorado encarou jornada na Colômbia pela penúltima rodada do Grupo E da Libertadores e conquistou um ponto que o deixa a um empate da classificação às oitavas. Confira os bastidores da partida com exclusividade no Canal do Inter!

Raio-X: tudo sobre a quinta rodada do Grupo E da Libertadores

Líder do grupo E da Libertadores, o Colorado visita o América de Cali-COL, nesta terça-feira (29/09), para a disputa de partida da quinta rodada do chaveamento continental. O confronto ocorre a partir das 21h30 de Brasília, no Estádio Pascual Guerrero. Penúltimo duelo antes da fase eliminatória, segundo do Inter como visitante, o embate entre rubros assume contornos decisivos na luta pela classificação às oitavas. Para ficar por dentro de tudo sobre a jornada, confira o nosso Raio-X!


Pra cima deles, Colorado!

O Clube do Povo está pronto para o confronto diante do América! O técnico Eduardo Coudet comandou, na tarde desta segunda-feira (28/09), trabalhos táticos no CT do Deportivo Cali. Sem contar com Edenilson e Moisés, suspensos, além de Rodinei, Uendel e Pedro Henrique, afastados com Covid-19, o argentino pode ter à disposição atletas que estavam fora, casos de Patrick, Johnny, Peglow e William Pottker.

Zagueiro colorado, Victor Cuesta concedeu entrevista exclusiva para a mídia do Inter. O defensor projetou o duelo desta terça e analisou a preparação colorada para o confronto. Confira:

O Inter norteia a chave E da Conmebol Libertadores 2020. Dono de sete pontos, conquistados após quatro rodadas, o Clube do Povo soma dois gols de saldo a mais do que o Grêmio, critério que garante a liderança alvirrubra. Também empatados na pontuação, América de Cali-COL e Universidad Católica-CHI têm quatro. Os colombianos, porém, marcaram mais tentos – 6 a 4 -, motivo pelo qual ocupam a terceira posição.

Se derrotar os ‘Diablos Rojos’, o Inter pode garantir classificação antecipada às oitavas da Libertadores. Três pontos na Colômbia levariam o Clube do Povo aos 10, pontuação que apenas poderia ser igualada por Grêmio e Católica. As duas equipes, contudo, também duelam nesta terça. Na capital gaúcha, qualquer resultado distinto de um triunfo chileno, somado à hipotética vitória colorada sobre o América, asseguraria a vaga alvirrubra entre os 16 melhores times do continente.


América pressionado

Os três pontos são igualmente fundamentais para as pretensões do América na Libertadores. Última partida dos calenhos como mandantes, pode ser encerrada tanto com os Rojos na liderança do grupo quanto com a equipe do técnico Juan Cruz Real eliminada da competição. Atual campeã do Finalización, campeonato de segundo semestre da Colômbia, a equipe de Cali ainda não venceu em casa na atual edição do principal torneio de clubes do continente. Dos quatro pontos que soma, apenas um foi conquistado no Pascual Guerrero, consequência do empate em 1 a 1 com a Católica, registrado na última quarta-feira (23/09).

Juan Cruz Real, técnico do América de Cali/Foto: Twitter América de Cali

A Universidad Católica-CHI, inclusive, é a única equipe que cedeu pontos para o América. No Chile, os colombianos conquistaram, na segunda rodada do grupo, importante vitória por 2 a 1. Desde o triunfo, todavia, a equipe conviveu com grandes mudanças no comando técnico, com a saída de Alexandre Guimarães, e no elenco, que perdeu os protagonistas Michael Rangel e Matías Pisano, além dos defensores Juan Zuluaga, Hector Quiñones e Pedro Franco.

O duelo em Santiago-CHI foi o último disputado pelo América de Cali antes da paralisação do calendário futebolístico em virtude da pandemia do novo coronavírus. Ocorrido em 10 de março, a chilena jornada levou quase seis meses para encontrar sucessora no calendário rojo. Foi em oito de setembro que os Diablos voltaram a campo para, diante do Junior de Barranquilla, decidir a Superliga, encerrada, após partidas de ida e volta, com taça para os rivais. Logo depois, os calenhos perderam por 4 a 3 para o Clube do Povo, no Beira-Rio, em duelo da terceira rodada da Libertadores.

Os 13 dias compreendidos entre os embates de ida e volta de Inter e América de Cali estiveram marcados, do lado colombiano, pelo reinício do campeonato nacional, que fora paralisado com oito rodadas disputadas. Os Rojos reabriram o torneio derrotando, por 2 a 1, o Bucaramanga. Já no final de semana passado, última ocasião em que foi a campo, o time calenho sucumbiu, fora de casa, para o Tolima, embate encerrado com o placar mínimo. Na ocasião, Cruz Real preservou alguns titulares, como Vergara e Ramos, e escalou sua equipe com Graterol; Quiñones, Torres, Ortiz e Velasco; Arias, Jaramillo e Sierra; Batalla, Moreno e Sánchez.

América de Cali visitou o Tolima no último sábado (26/09)/Foto: Twitter América de Cali

Último encontro

A Libertadores 2020 foi retomada na segunda semana de setembro. Para o Inter, o campeonato foi reavivado diante do América de Cali, adversário que ofereceu, no Beira-Rio, confronto de altíssimo nível aos olhos da Maior e Melhor Torcida do Rio Grande. Marcada por duas etapas completamente distintas, a jornada, disputada no último dia 16, presenciou exibição arrasadora da equipe colorada na etapa inicial, encerrada com magro 3 a 1 para os comandados de Coudet.

O segundo tempo, entretanto, revolucionou o cenário do embate, que chegou a estar empatado em três tentos para cada lado até que Boschilia, aos 45 minutos, igualou Abel Hernández na lista de artilheiros da noite e, ao anotar seu segundo, garantiu o triunfo gaúcho. No placar, 4 a 3, e a liderança da chave seguia com o Clube do Povo!


Arbitragem

Guillero Guerrero, do Equador, apita, auxiliado pelo também equatoriano Bryon Romero e por Luis Murillo, da Venezuela. A fase de grupos da Libertadores, vale lembrar, ainda não conta com o recurso do árbitro de vídeo.


Transmissão

A partir de sábado, jornadas da emissora do Clube do Povo poderão ser acompanhadas via FM

Noite de gala na Rádio Colorada! A emissora oficial do Clube do Povo estará ao vivo a partir das 19h desta terça-feira, com a apresentação do Programa do Inter. Na sequência, às 20h, começa o ‘Portões Abertos‘, pré-jogo legitimamente alvirrubro, sucedido, às 21h, pela jornada esportiva mais vermelha da web. Encerrado o duelo, o ‘Vestiário Vermelho’ repercute, madruga adentro, os desdobramentos da partida, além de transmitir as coletivas alvirrubras e apresentar entrevistas exclusivas dos representantes vermelhos. Acompanhe a cobertura através de Site e App do Inter!

Clique aqui para fazer o download do APP do Inter para Android

Clique aqui para fazer o download do APP do Inter para IOS

Como de costume, as redes sociais do Inter (@scinternacional no TwitterInstagram Facebook) contarão com o mais completo minuto a minuto da internet, recheado de imagens compartilhadas de maneira instantânea. Na TV, a Fox Sports anuncia transmissão.


O positivo século XXI

Ao longo de seus 111 anos, o Clube do Povo já enfrentou adversários colombianos em 15 ocasiões. Destas, cinco foram encerradas com vitória do Colorado, duas a mais do que os reveses – outras sete igualdades completam o retrospecto. No atual século, porém, o histórico se apresenta ainda mais alvirrubro.

Quando iniciados os anos 2000, o Inter registrava duas derrotas e quatro empates nos seis encontros que travara contra adversários do país. Desde então, o gigante proprietário do Beira-Rio ostenta cinco triunfos em nove duelos.

Na terceira fase preliminar da Libertadores 2020, Guerrero fez o da vitória sobre o Tolima-COL

Raio-X: todos os detalhes sobre o Gre-Nal 427

Pela primeira vez em seus 51 anos de história, o Beira-Rio sedia um Gre-Nal de Libertadores da América. Clássico de número 427, o duelo ocorre nesta quarta-feira (23/09), a partir das 21h30, e integra a quarta rodada da fase de grupos do torneio continental. Confira, no nosso Raio-X, todos os detalhes sobre o confronto.


Pra cima deles, Colorado!

Líder do Grupo E da Libertadores, o Inter encerrou nesta terça-feira sua preparação para o Gre-Nal 427. No CT Parque Gigante, Eduardo Coudet comandou, de maneira fechada, atividades táticas que encaminharam a equipe que irá a campo diante do maior rival alvirrubro. Edenilson e Moisés, suspensos, são as ausências confirmadas pelo lado colorado.

Capitão do Clube do Povo diante do América de Cali, duelo disputado pelo Inter na quarta-feira da semana passada (16/09) e encerrado com vitória alvirrubra por 4 a 3, Rodrigo Lindoso concedeu entrevista exclusiva para a Mídia do Inter. O meio-campista destacou a boa campanha colorada na Libertadores e projetou o clássico continental. Assista:

Entrevista: Rodrigo Lindoso fala sobre a expectativa pelo clássico

🎙️💬 Fala, Lindoso! Meio-campista destaca campanha colorada na Libertadores e projeta Gre-Nal desta quarta. Assista!▶️ #VamoInter

Posted by Sport Club Internacional on Tuesday, September 22, 2020

Uma vitória diante do Grêmio pode valer ao Inter a classificação antecipada às oitavas da América. Para garantir vaga na fase eliminatória, o Clube do Povo dependeria, ainda, de um empate entre América de Cali e Universidad Católica, equipes que se enfrentam, também às 21h30 desta quarta, na Colômbia. Assim, o Colorado chegaria a 10 pontos, seis a mais do que os rivais da chave, assegurando, no mínimo, a segunda colocação do grupo.

Até o momento, o Inter, que chegou aos grupos da América depois de superar Universidad de Chile e Deportes Tolima-COL nas segunda e terceira fase preliminares da Libertadores, soma sete pontos na chave E da competição. Irretocável como mandante, o Clube do Povo já derrotou Católica, por 3 a 0, e América, por 4 a 3, no Beira-Rio. Fora de casa, empatou em zero a zero com o Grêmio.

Após o Gre-Nal desta quarta-feira, o Colorado ainda viajará à Colômbia, onde enfrenta os ‘Diablos Rojos’, na próxima terça (29/09), antes de encerrar sua participação nos grupos. A sexta rodada para o Inter ocorrerá em solo chileno, diante dos ‘Cruzados’, em 22 de outubro.


Transmissão

Dia de Inter é dia de Rádio Colorada! A emissora oficial do Clube do Povo estará ao vivo a partir das 19h com a apresentação do pré-jogo mais completo e alvirrubro da web, que se estenderá até as 21h, horário de abertura da jornada esportiva. Encerrado o clássico começa o Vestiário Vermelho, responsável por repercutir todos os detalhes do confronto, com direito a entrevistas exclusivas e também transmitindo todas as coletivas, por mais uma hora. Acompanhe a cobertura através de Site ou App do Inter.

Clique aqui para fazer o download do APP do Inter para Android

Clique aqui para fazer o download do APP do Inter para IOS

As redes sociais coloradas (@scinternacional no TwitterInstagram Facebook) contarão, como de costume, com transmissão minuto a minuto enriquecida por imagens compartilhadas de maneira instantânea. Na TV, a Conmebol TV apresenta para todo o Brasil, enquanto o SBT anuncia transmissão para a maior parte do território nacional, à exceção de São Paulo (estado) e Goiânia. Quem reside nestas regiões, ou conta com sinal proveniente dessas, pode assistir ao clássico direto no Site do SBT!


O Rival

Segundo colocado do grupo, o Grêmio somou quatro pontos no primeiro turno da Libertadores. Após estrear na competição com vitória sobre o América de Cali, na Colômbia, e empate sem gols com o Inter, na Arena, os azuis foram derrotados, na rodada passada, a primeira disputada após a paralisação do torneio em decorrência da pandemia do novo coronavírus, pela Universidad Católica. Em Santiago, os mandantes superaram, por 2 a 0, um Tricolor escalado com Vanderlei; Orejuela, Geromel (Rodrigues), David Braz e Bruno Cortez; Darlan (Guilherme Azevedo), Matheus Henrique, Alisson (Rildo), Isaque (Ferreira) e Luiz Fernando (Robinho); Diego Souza.

Depois de empatar com o Palmeiras, no domingo passado, por 1 a 1, Renato Portaluppi revelou, em entrevista coletiva, que o Departamento Médico gremista estaria proibido de divulgar informações a respeito da situação física dos atletas tricolores. A postura do técnico define o tom de mistério que ronda a preparação azul para o Gre-Nal 427. Além dos desfalques confirmados de David Braz e Paulo Miranda, suspensos, os lesionados Pepê, Maicon, Jean Pyerre, Everton, Pedro Geromel e Kannemann têm presença incerta no clássico desta quarta-feira.

Mais do que a respeito da nominata gremista, as dúvidas também interferem no sistema de jogo que será adotado pela equipe visitante. Caso Jean Pyerre não possa atuar, é possível que Portaluppi opte por escalar seu time com um tripé de meio-campistas, acompanhado, nos lados, por dois pontas responsáveis por municiar o centroavante Diego Souza.

Brigam por vaga no trio central os atletas Darlan, Lucas Silva, Maicon e Matheus Henrique. Os flancos, especula-se, podem ser ocupados por Pepê, Everton, Ferreira, Robinho, Isaque ou Alisson. Na defesa, a incógnita fica por parte da dupla de zaga: Rodrigues e Ruan são alternativas aos cogitados desfalques de Geromel e Kannemann.

Lucas Silva (C) briga por vaga no adversário

Arbitragem

Patrício Loustau apita, auxiliado por Ezequiel Brailovsky e Diego Bonfa, trio hermano. Vale lembrar que a fase de grupos da Libertadores não conta com o recurso do VAR.


Histórico colorado

O Clube do Povo comemora, neste mês de setembro, 75 anos de pura supremacia em Gre-Nais. Desde a era do Rolo Compressor, em 1945, o Colorado não vê o rival somar mais vitórias no principal clássico brasileiro. Atualmente, o Inter ostenta 156 triunfos no retrospecto do duelo, 26 a mais do que os tricolores. As igualdades ocorreram em 135 ocasiões – mesmo número de vitórias do adversário.

Na imagem, Tesourinha (D), lendário ponta do Rolo Compressor, marcando gol sobre o Grêmio

Semana de clássico pela Libertadores

A semana será de clássico histórico para o Inter. Líder da chave E da Conmebol Libertadores, o Clube do Povo recebe, a partir das 21h30 desta quarta-feira (23/09), o Grêmio, em duelo da quarta rodada dos grupos do torneio. No primeiro turno os rivais disputaram, no dia 12 de março, a segunda rodada da fase, confronto realizado na Arena e encerrado com empate sem gols.

A preparação colorada para o clássico terá início nesta segunda-feira (21/09). No CT Parque Gigante, Eduardo Coudet comanda, a partir das 10h, atividade com vistas ao clássico. Na tarde de terça, às 15h30, o argentino realiza o segundo e último treino antes do Gre-Nal 427, primeiro válido pela principal competição de clubes da América e disputado no Beira-Rio, que não receberá público, atendendo às orientações de combate à propagação do novo coronavírus.

Além da igualdade com o Grêmio, o Clube do Povo superou, no primeiro turno, Universidad Católica-CHI e América de Cali-COL, ambas equipes derrotadas no Beira-Rio. O Colorado estreou nos grupos diante dos chilenos, e conquistou maiúsculo triunfo por 3 a 0, gols de Guerrero, duas vezes, e Marcos Guilherme. Já a vitória sobre os colombianos, de 4 a 3, aconteceu na quarta passada (16/09), e contou com dois tentos de Abel Hernández e outra dupla de bolas na rede de Gabriel Boschilia.

Dono de sete pontos, portanto, o Inter tem três a mais do que o Grêmio, vice-líder. Em caso de vitória no clássico, o Colorado pode garantir vaga antecipada na fase de oitavas de final, enquanto, para o rival, uma derrota significaria sair da zona de classificação para as eliminatórias. Decisivo, o Gre-Nal corresponde, também, à última partida do Clube do Povo como mandante nos grupos da Libertadores. Após o clássico, os comandados de Coudet enfrentam América, na Colômbia, em 29 de setembro, e Católica, no Chile, no dia 22 de outubro.

Classificação do Grupo E/Divulgação: Libertadores

Fotos: Inter 4 x 3 América de Cali – Libertadores/3ª rodada

Clube do Povo conquista importante vitória no Beira-Rio

Inter vence o América de Cali-COL no Beira-Rio

VITÓRIA COLORADA! Em jogo de dois tempos distintos, o Clube do Povo marcou no último minuto regulamentar e superou o América de Cali-COL, por 4 a 3, no Beira-Rio. Válido pela terceira e última rodada do primeiro turno da fase de grupos, o confronto, iniciado às 19h15, teve Abel Hernández e Boschilia como artilheiros colorados, dois gols para cada. Com o resultado, o Inter chega a sete pontos e lidera a chave E.


Etapa inicial quase perfeita

Bem-vindo, artilheiro Abel Hernández! O uruguaio debutou profissionalmente na Libertadores da América nesta quarta-feira, e precisou de apenas 44 segundos para abrir o placar para o Clube do Povo, concluindo exuberante trama de Rodrigo Lindoso e Uendel. O tento, mais rápido da história do Inter na principal competição de clubes da América, representou com perfeição o início avassalador do time de Coudet, que ampliou, aos 18, com Boschilia, servido pelo charrua companheiro.

Como um Rolo Compressor, o Clube do Povo seguiu empilhando oportunidades após abrir vantagem de dois gols no escore. Apesar da pressão colorada, porém, foi dos visitantes o terceiro gol marcado nesta noite no Beira-Rio. Vergara descontou aos 27, mas pouco pôde comemorar, afinal de contas, Abel, de novo ele, voltou a balançar as redes colombianas. De cabeça, o uruguaio pegou rebote de testaço de Lindoso, que explodira no travessão, e completou para a meta aberta, dando números finais para o primeiro tempo: Inter 3 a 1.


Tensão na etapa final

O América de Cali descontou assim que reiniciado o confronto. Adrián Ramos, centroavante de passagens pelo futebol europeu, marcou para os visitantes logo aos três, definindo a característica mais marcante da etapa final: a tensão. Poucas foram as oportunidades criadas pelas duas equipes até a casa dos 20 minutos, quando o Inter chegou perto de ampliar em falta cobrada por Leandro Fernández. A resposta visitante chegou aos 32, instante em que Moreno empatou.

Restou ao Inter, por óbvio, adotar postura ainda mais ofensiva, evidenciada na entrada de D’Alessandro no lugar de Lindoso. Dos pés do camisa 10 alvirrubro surgiu, aos 46, jogada finalizada por Boschilia. Testando cardíacos, o camisa 21 arrematou de fora da área, a bola desviou na zaga rival e tomou como endereço o contrapé de Chaux que, plantado no chão, assistiu ao quarto e último gol colorado na noite.


Melhores momentos – primeiro tempo

1min – GOOOOOOOOOOL DO INTERNACIONAL! É DO CLUBE DO POVO! DA ACADEMIA DO POVO! DO COLORADO ALEGRIA DOS NOSSOS CORAÇÕES! BEM-VINDO, ABEL! BEM-VINDO, ARTILHEIRO! Rodrigo Lindoso inverte linda bola com Uendel, que recebe com liberdade pela esquerda e cruza açucarada, na cabeça de Abel, que toma à frente do marcador e cabeceia para o fundo da rede, sem chances de defesa para Chaux. É o primeiro do uruguaio com a camisa do Inter, é o primeiro do Inter na noite, no primeiro minuto de jogo. Que começo do Clube do Povo!

6min – É POR ALI! Uendel, livre, recebe e avança pela esquerda. Lateral cruza fechado, buscando Abel ou Galhardo. Entre eles, Chaux deixa o gol e afasta de qualquer maneira.

9min – AMARELOU! Saravia recupera a posse no campo ofensivo e é atropelado por Segovia. Falta indicada, cartão apresentado.

10min – UH! Boschilia cobra falta venenosa, a zaga corta, mas a sobra é de Patrick. Pantera deixa em profundidade para Nonato, que entorta o marcador, puxa para a direita e cruza. Zaga corta em escanteio.

11min – UUUUUUUUUUUUUUH! Córner cobrado por Boschilia na altura da marca do pênalti. Soberano, Lindoso sequer precisa pular e manda o testaço, que tira tinta do travessão de Chaux.

16min – CANTO BOLA! Galhardo aciona Abel Hernández, que domina, protege da marcação, avança em direção à área e corta para dentro. Uruguaio percebe a subida de Nonato e serve o meio-campista, que chega de trás soltando a bomba. Desviada, ela sai levando muito perigo. Quase, quase!

16min – UUUUUUUUUUUUUUH! Boschilia cobra fechada, tentando olímpico. Chaux corta.

18min – GOOOOOOOL DO INTERNACIONAL! É DO CLUBE DO POVO! DO ROLO COMPRESSOR, QUE COMEÇA O JOGO COM TUDO NO GIGANTE DA BEIRA-RIO! BOSCHILIA, BOSCHILIA, BOSCHILIA! Jogada espetacular do time de Eduardo Coudet. De três dedos, Uendel lança Galhardo nas costas da marcação. O camisa 17 domina, briga com a marcação e deixa com Abel, que também tromba com o zagueiro mas, de carrinho, consegue acionar Boschilia. Invadindo a área livre, o camisa 21 tenta duas vezes. Na primeira, de canhota, Chaux opera milagre, mas o rebote é de Gabriel, que manda, de direita, em direção às redes abertas. Não dá tempo para respirar!

23min – Lomba! Ramos cobra falta da intermediária. Venenosa, a bola pica na frente do goleiro, que encaixa sem problemas.

25min – Cartão amarelo para Patrick.

27min – Vergara é lançado nas costas da defesa colorada e finaliza cruzado para descontar no Beira-Rio. Agora, Inter 2 a 1.

31min – MILAAAAAAAAAAAGRE! Inter escapa em velocidade. Abel recebe de costas para a marcação e serve excelente pivô para Galhardo, que invade a área e solta uma bomba de perna direita. Chaux volta para espalmar em escanteio.

31min – GOOOOOOOOOL DO INTERNACIONAL! MAIS UM DELE, MAIS UM NOSSO! ABEL HERNÁNDEZ, O CENTROAVANTE NÃO PERDOA! Nonato cobra o escanteio pela direita com força, buscando a segunda trave. Precisa, a bola supera Chaux e encontra Rodrigo Lindoso, que cabeceia para o chão. A bola pica, toma altura e explode no poste superior. O rebote, porém, é de Abel Hernández, que não perdoa e, pisando na pequena área, manda em direção às redes abertas. Clube do Povo volta a ter folga no marcador!

39min – OPA! Paz derruba Galhardo, que escapava pela intermediária. Amarelo apresentado.

45min – Vamos a 47. Mais dois!

47min – Fim de papo! Intervalo de vitória parcial do Clube do Povo!


Segundo tempo

3min – Após cobrança de falta pela direita, Marlon Torres cabeceia no travessão de Lomba e o rebote fica com Adrián Ramos, que marca.

4min – RESPONDE O INTER! Boschilia é lançado nas costas da defesa, invade a área pela direita e chuta forte. Chaux defende em dois tempos, tirando o rebote que restava açucarado para Abel.

9min – UHHH! ELE SOFRE, ELE COBRA! Boschilia bate falta frontal, assinalada nas proximidades da área colombiana. A bola passa muito perto do travessão de Chaux.

14min – LOMBA! Pérez avança pela esquerda, corta para dentro e finaliza aberto. Goleiro colorado se estica todo para fazer grande defesa.

18min – CORTA A ZAGA! Galhardo arranca muito bem pela intermediária, corta para a direita e enfia bola em Patrick. Pantera vai ao fundo pela esquerda e tenta o cruzamento para trás. Paz consegue o corte, mandando em escanteio.

19min – Duas trocas no Clube do Povo! Entra Johnny, sai Nonato. Vem Leandro Fernández, sai Abel.

21min – Muda o América! Entra Moreno, sai Pérez.

23min – SÓ ASSIM PRA PARAR ELE! Galhardo mata dois jogadores em linda finta com o corpo e dispara em velocidade. Quando se aproximava da grande área, o camisa 17 sofre carrinho violento de Sierra, que leva o amarelo pela falta.

24min – MILAAAAAGRE DE CHAUX! Leandro cobrou a falta com muita força. Ela tinha o ângulo colombiano como endereço, mas arqueiro rival voa para espalmar em escanteio.

26min – Canto! Inter roda a bola com muita tranquilidade, de um lado ao outro da intermediária ofensiva. Pela direita, Saravia cruza buscando Galhardo, que é antecipado pela marcação. Bola sai em escanteio para o Inter.

27min – Sai Paz, entra Jaramillo. Segunda mudança no América de Cali.

32min – Vergara lança Moreno, que domina na área colorada e conclui, travado por Lomba, em direção às redes do Inter. Tudo igual no Beira-Rio.

35min – Muda o Inter. D’Alessandro na vaga de Lindoso. Camisa 10 será o responsável pela função de meio-campista central, atuando em frente a Johnny, agora primeiro volante, municiando Patrick e Boschilia.

37min – Moledo leva o amarelo por falta em Ramos.

38min – MILAAAAGRE DE CHAUX! Galhardo serve Leandro, que recebe nas costas da marcação e, de costas para o goleiro, tenta cruzado. Arqueiro salva os visitantes.

39min – UUUUUUUUUUH! D’Alessandro surpreende a todos e cobra direto falta marcada na esquerda da intermediária de ataque do Clube do Povo. A bola explode na rede, por fora.

40min – Agora, é a vez de Lomba! Carrascal recebe na área colorada e chuta rasteiro. Com o pé, arqueiro colorado faz grande defesa.

45min – GOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOL DO INTERNACIONAL! É DO CLUBE DO POVO, É DO LÍDER DO GRUPO E, É DOBLETE DE BOSCHILIA! TESTE PARA CARDÍACO NESTA QUARTA-FEIRA DE BEIRA-RIO! Camisa 21 recebe em frente à área colombiana, corta para a canhota e solta a bomba. Rasteira, ela desvia na marcação e morre nas redes do América, sem chance alguma de defesa para o arqueiro Chaux.

45min – Vamos a 50. Mais cinco minutos!

47min – Muda Coudet. Lucas Ribeiro estreia com a camisa colorada, entrando na vaga de Boschilia.

50min – Já superamos os acréscimos previstos, mas o árbitro deixa o jogo seguir.

51min – ACABOOOOOU! INTER VENCE NO BEIRA-RIO! CLUBE DO POVO 4, AMÉRICA DE CALI 3.


Ficha técnica:

Internacional (4): Marcelo Lomba; Renzo Saravia, Zé Gabriel, Rodrigo Moledo e Uendel; Rodrigo Lindoso; Gabriel Boschilia (Lucas Ribeiro), Nonato (Johnny) e Patrick (Andrés D’Alessandro); Thiago Galhardo e Abel Hernández (Leandro Fernández). Técnico: Eduardo Coudet.

América de Cali-COL (3): Eder Chaux; Rodrigo Ureña, Marlon Torres, Juan Pablo Segovia e Edwin Velasco; Rafael Carrascal, Luis Alejandro Paz (Felipe Jaramillo) e Carlos Sierra; Juan Pérez (Santiago Moreno), Adrián Ramos e Duván Vergara. Técnico: Juan Cruz Real.

Gols: Abel Hernández, a um minuto e aos 31 minutos do primeiro tempo e Gabriel Boschilia, aos 18 minutos do primeiro tempo e 45 minutos do segundo tempo (I). Duván Vergara, aos 27 minutos do primeiro tempo, Adrián Ramos, aos três minutos do segundo tempo, e Santiago Moreno, aos 32 minutos do segundo tempo (A).

Cartões amarelos: Patrick e Rodrigo Moledo (I). Juan Juan Pablo Segovia, Carlos Sierra e Luis Alejandro Paz (A).

Arbitragem: Facundo Tello apita, auxiliado por Gabriel Chade e Facundo Rodriguez, trio argentino.

Estádio: Beira-Rio.

Colorado se prepara para retorno da Copa Libertadores

Todas as atenções coloradas voltam agora para a Copa Libertadores da América. A competição retorna nesta quarta-feira (16/9) após mais de seis meses de pausa devido a pandemia do novo coronavírus. Líder do grupo E com quatro pontos somados em duas partidas, o próximo adversário do Clube do Povo será o América de Cali-COL.

A preparação para o confronto começou na manhã desta segunda-feira (14/09), no CT Parque Gigante. A delegação colorada chegou de Goiânia e foi direto ao CT para realizar o primeiro treinamento mirando a partida diante dos colombianos. O treinador Eduardo Coudet orientou uma atividade física para quem atuou contra o Goiás, já o restante do grupo fez exercícios técnicos no gramado.

O grupo de jogadores volta a treinar na tarde desta terça-feira (15/05). Para o jogo contra o América de Cali, o comandante argentino não poderá contar com Cuesta, Moisés, Praxedes, Musto, Edenilson e Marcos Guilherme, suspensos.

Inter domina o jogo, cria as melhores oportunidades, mas empata sem gols com Grêmio, na Arena

Líder do Grupo E da Libertadores, o Inter visitou o Grêmio na noite desta quinta-feira (12/03) para a disputa de confronto da segunda rodada do principal torneio de clubes da América. Iniciado às 21h, o clássico, de número 424 da história, primeiro válido pela competição continental, foi encerrado com o marcador inalterado. Dono das melhores oportunidades da partida, o Colorado chegou a marcar com Guerrero, tento este anulado pela arbitragem, e ainda carimbou a trave em duas ocasiões. Com o ponto conquistado, o Clube do Povo chega a quatro no certame, pontuação suficiente para manter a ponta do chaveamento.

Empurrado por sua torcida, o time da casa iniciou a partida tentando encurralar a equipe vermelha, abusando de bolas cruzadas na direção da área visitante. Na única oportunidade que encontrou neste leilão de cruzamentos, contudo, a equipe mandante esbarrou em grande defesa de Marcelo Lomba. A partir de então, o passar dos minutos permitiu ao Inter crescer em campo, criando boas oportundiades ainda antes de ser completado o primeiro terço do jogo. Mais equilibrado, aos poucos o confronto serviu de palco para grandes chegadas do Clube do Povo, em sua maioria protagonizadas pela intensa movimentação de Boschilia. Melhor em campo, o Colorado também levou vantagem nas arquibancadas, com o povo vermelho comandando o som ambiente de um primeiro tempo finalizado com o placar em branco.,

Se a etapa inicial foi de relativo domínio colorado, o segundo tempo esteve marcado por um legítimo massacre alvirrubro. Verdade seja dita, apenas o Clube do Povo, senhor do jogo, esteve interessado em manter a bola e com ela levar perigo ao adversário. As duas finalizações na trave, uma de Boschilia e outra de Edenilson, atestam. O gol milimetricamente anulado de Guerrero, então, serve de prova irrefutável. Intensas foram as trocas de passe do Colorado no campo de ataque, irritando a calada torcida da casa e tirando do sério o desorganizado time do Humaitá. Restritos a raros escapes de contra-ataque, os mandantes pouco criaram – pelo menos dentro das quatro linhas, uma vez que a cera nada esteve escassa do lado azul. Excessivo, o antijogo comprometeu os minutos de encerramento do duelo, finalizado com apenas oito atletas para cada lado e o marcador inalterado.

O Clube do Povo volta a campo neste domingo, às 19h, quando enfrenta o São José, fora de casa, em partida da terceira rodada do returno do Gauchão. Pela Libertadores, o confronto diante do América de Cali, inicialmente marcado para as 19h15 da próxima quarta-feira (18/03), válido pela terceira rodada da fase de grupos do torneio, foi temporariamente suspenso pela CONMEBOL em resposta à pandemia do coronavírus.

Confira os melhores momentos do confronto:

Primeiro tempo:

3min – FUCHS! Diego Souza recebe cruzamento da direita e tenta o domínio na área colorada. Zagueiro consegue o corte, providencial.

3min – LOOOMBA! Escanteio é cobrado da direita na cabeça de Diego Souza, que cabeceia forte, para baixo. Goleiro colorado voa no canto para espalmar.

8min – E O CARTÃO? Matheus Henrique é desarmado e, ao tentar recuperar a posse, comete falta em Fuchs. O juiz apita, mas o camisa 7 gremista ignora e segue brigando de maneira violenta no centro do campo. Árbitro ignora o claro desrespeito.

12min – UUUUUUUUUH! Thiago Galhardo invade a área pela direta e finaliza. Travada, ela vai em escanteio.

13min – SAAAAAAAAAAAALVA VANDERLEI! Edenilson pega a sobra de corte parcial da defesa e emenda um foguete de pé direito. Vanderlei voa no cantinho para salvar os mandantes, mandando em novo escanteio.

18min – Uh! Rodinei recebe de Marcos Guilherme e vai ao fundo pela direita. O lateral invade a área e, rente à linha de fundo, cruza fechado. Vanderlei deixa a meta para ficar com ela.

23min – Lucas Silva cobra falta frontal rasteira. Forte, o arremate vai direto pela linha de fundo.

24min – Marcos Guilherme leva o amarelo por falta sem bola em Diego Souza.

28min – POR CIIIIMA! Inter troca passes pela esquerda. Boschilia com Guerrero, e dele para Marcos Guilherme, que corta para dentro e finaliza forte. A bola assusta Vanderlei, levando muito perigo à meta mandante.

30min – OPA! Cartão amarelo para David Braz, que trava Guerrero em carrinho violento na região central do campo.

32min – ELA NÃO QUIS ENTRAAAAAAAR! Grande jogada de Guerrero, que sai da área e serve o pivô para Boschilia. O camisa 21 invade o retângulo pela esquerda e, cara a cara com Vanderlei, tenta o toque por cobertura. Ela tira tinta da trave direita! POR MUITO, MUITO, MUITO POUCO O INTER NÃO ABRE O PLACAR.

33min – Cartão amarelo para Uendel.

36min – Edenilson, seguro! Super Ed afasta bola perigosa que rondava a área colorada.

37min – Musto leva o amarelo por toque involuntário com a mão.

41min – POR DETALHE! Cuesta lança Guerrero nas costas da marcação. Providencial, Vanderlei deixa o gol para interceptar o passe.

42min – SALVA-SE O GRÊMIO! O Inter faz por merecer a vitória neste primeiro tempo! Marcos Guilherme parte em contra-ataque de muita velocidade pela esquerda e serve Boschilia. O camisa 21 domina cortando para a canhota mas, no momento do chute, Maicon, completamente estabalhoado, consegue tomar a posse. A equipe da casa vai abusando da sorte…

45min – Mais três minutos. Vamos a 48.

47min – SEGUEM BATENDO… Alisson derruba Thiago Galhardo no exato momento em que o camisa 17 armava contra-ataque para o Inter. Amarelado!

48min – Encerrada a primeira etapa.

Segundo tempo:

0min – Inter de volta com mudança. Moisés na vaga de Uendel.

2min – Grêmio tenta a chegada com Everton, pela esquerda, que invade a área e cruza rasteiro. Rodinei trava, preciso.

4min – UHHHHHHHHHHH! Edenilson avança pela direita, recebe de Marcos Guilherme, invade a área, divide com a defesa e, mesmo caído, finaliza. Desviada, a bola sai em escanteio para o Clube do Povo.

5min – Após cera que retarda a cobrança de escanteio, Maicon deixa o campo. Em seu lugar, entra Jean Pyerre.

15min – NÃO VALEU! Guerrero recebe grande bola de Edenilson, divide com Vanderlei, fica com a posse e finaliza para o gol aberto. Na sequência, arbitragem assinala impedimento do camisa 9 colorado.

16min – UHHHHH! Thiago Galhardo invade a área gremista pela direita e cruza rasteiro. A zaga trava parcialmente e a sobra é de Musto, que serve Edenilson. O camisa 8 solta o pé em chute forte, que vai por cima.

17min – No Grêmio, entra Pepê, sai Alisson.

18min – Jean Pyerre arremata de fora da área buscando o canto direito do gol colorado. Lomba vai bem, no chão, para ficar com ela.

22min – Moisés investe contra Victor Ferraz, passa o pé em cima da bola, invade a área e deixa para Guerrero. Dele com Boschilia, que domina ajeitando para o arremate mas é travado. Inter vai conseguindo trocar bons passes no campo de ataque!

23min – NA TRAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAVE! Edenilson domina pela direita, ajeita para dentro e, de fora da área, solta grande arremate. Ela explode no pé do poste esquerdo de Vanderlei.

24min – VANDERLEI! Marcos Guilherme conduz pela direita e cruza fechado. Goleiro azul fica com ela.

25min – LOOOOOOOOOOOOMBA! Pepê faz boa jogada individual carregando da esquerda para a direita e finaliza cruzado. Lomba encaixa.

27min – QUEM SEGURA? Moisés pedala para cima de Victor Ferraz e dispara para a área. Lateral gremista segura o 16 colorado. Falta boa para o Inter!

28min – Segunda substituição no Clube do Povo. Coudet manda D’Alessandro a campo na vaga de Thiago Galhardo.

30min – FALTA! Fuchs dispara em grande velocidade puxando contra-ataque para o Inter, mas é derrubado violentamente por Braz. Ele já tem amarelo, mas árbitro não quis apresentar o segundo…

33min – No Grêmio, entra Luciano no lugar de Diego Souza.

34min – NA TRAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAVE (DE NOOOOOVO)! Guerrero dá grande assistência para Boschilia, que invade a área pela esquerda e solta uma bomba rasteira. Ela explode na trave esquerda de Vanderlei. Que oportunidade. O Inter é dono do jogo. O Inter é local na Arena. Só o Inter joga!

38min – Luciano dispara em velocidade pelo centro do campo e tenta o arremate por cima. Ela sai por cima do travessão.

42min – Dentro de campo, tem início confusão grande entre os atletas.

50min – Expulsos, pelo Inter, Cuesta, Edenilson, Praxedes e Moisés. No Grêmio recebem o vermelho Caio Henrique, Luciano, Pepê e Paulo Miranda.

52min – Muda o Inter. Guerrero deixa o campo para a entrada de Lindoso.

56min – Lucas Silva segura Marcos Guilherme em escapada do camisa 23 colorado. Falta, advertida com amarelo.

57min – Mais quatro de jogo.

59min – Lucas Silva finaliza da entrada da área com o pé direito. Lomba trisca na bola, que explode no travessão e sai em escanteio.

60min – Encerrada a partida.

Ficha técnica:

Grêmio (0): Vanderlei; Victor Ferraz, Geromel, David Braz e Caio Henrique; Lucas Silva, Maicon (Jean Pyerre) e Matheus Henrique; Alisson (Pepê), Diego Souza (Luciano) e Everton. Técnico: Renato Portaluppi.

Internacional (0): Marcelo Lomba; Rodinei, Bruno Fuchs, Victor Cuesta e Uendel (Moisés); Musto; Marcos Guilherme, Edenilson e Boschilia; Thiago Galhardo (D’Alessandro) e Guerrero (Lindoso). Técnico: Eduardo Coudet.

Cartões amarelos: David Braz, Lucas Silva e Alisson (G). Marcos Guilherme, Musto e Uendel (I).

Cartões vermelhos: Caio Henrique, Pepê, Luciano e Paulo Miranda (G). Cuesta, Edenilson, Praxedes e Moisés (I).

Arbitragem: Fernando Rapallini, auxiliado por Juan Pablo Belatti e Gabriel Chade. Quarto árbitro: Dario Herrera. Quarteto argentino.

Local: Arena-POA.