Ex-meia Marquinhos relembra título da Copa do Brasil de 1992

O ex-meia-atacante Marquinhos, do Internacional no início dos anos 1990, relembrou, em entrevista concedida à rádio Colorada, a passagem por Porto Alegre e o histórico título da Copa do Brasil em 1992. Marquinhos foi um dos pilares daquele Inter, que foi campeão nacional e era treinado por Antônio Lopes.

A entrevista concedida ao programa Velhas Súmulas pode ser conferida no player:

Sport Club Internacional · Rádio Colorada | Entrevista: Marquinhos | 10/07/2021

A conversa com o ex-meia-atacante Marquinhos também pode ser acessada no Spotify do Inter.

O programa Velhas Súmulas vai ao ar aos sábados na rádio Colorada geralmente das 14h às 15h30 – neste sábado, a veiculação ocorreu a partir das 13h. Durante 90 minutos, entrevistas com personagens da história do Inter, detalhamento de fatos importantes da trajetória do Clube do Povo, além de leituras de trechos de livros, crônicas e textos sobre futebol preenchem as tardes de sábado da emissora oficial do Internacional.

Aos domingos também, quando o programa é reproduzido como reprise. Neste final de semana, a veiculação vai ao ar às 14h.

Clique nos links abaixo para conferir entrevistas das últimas edições do Velhas Súmulas:

Além do site do Inter, a emissora oficial do Clube do Povo pode ser escutada via aplicativo.

Confira as primeiras 50 entrevistas do Velhas Súmulas sobre a história do Inter

Rádio Colorada: mais informações sobre a emissora mais vermelha da Web

Siga a rádio Colorada no Twitter.

Raio-X: todas as informações da 29ª rodada do Brasileirão

Em busca da quinta vitória seguida! O Clube do Povo vai a campo neste domingo (10/01), às 18h15, pela 29ª rodada do Brasileirão. No Beira-Rio, os comandados de Abel Braga recebem o Goiás, e buscam dar continuidade à excelente fase no Nacional. Confira, abaixo, tudo sobre o confronto.


Vamo, Colorado!


Abel Braga contou com período curto de tempo para projetar o jogo deste domingo. Após vencer o Ceará, fora de casa, na última quinta-feira (07/01), o Clube do Povo retornou para Porto Alegre já no final da manhã de sexta. Logo depois do desembarque na capital gaúcha, os atletas seguiram para o CT Parque Gigante, iniciando os breves preparativos para o duelo contra o Goiás, os quais foram encerrados no final da tarde deste sábado (08/01).

Diante do Esmeraldino, Abel não contará com Yuri Alberto e Edenilson, suspensos pelo terceiro cartão amarelo. Já Thiago Galhardo volta a ficar disponível. Do lado do Inter, chegam pendurados para a partida oito nomes. São eles: Rodrigo Lindoso, Caio Vidal, Rodrigo Dourado, Marcos Guilherme, Boschilia, Matheus Jussa, Abel Hernández e Leandro Fernández.


Transmissão


Pré-jogo oficial da Rádio Colorada, o Portões Abertos vai ao ar a partir das 17h deste domingo. Às 18h começa a Jornada Esportiva, sucedida, ao soar do último apito, pelo Vestiário Vermelho. A atração repercute, através de entrevistas exclusivas e também coletivas, todos os detalhes do embate recém-encerrado. Acompanhe a emissora oficial do Clube do Povo via FM 95.5 ou Site e APP do Inter.

As redes sociais do Inter (@scinternacional no TwitterInstagram Facebook) contam com o mais completo minuto a minuto da internet, repleto de imagens compartilhadas de maneira instantânea. Na TV, o Premiere anuncia transmissão.


Rival


Esmeraldino vive momento de ascensão no Brasileiro/Foto: Rosiron Rodrigues, Goiás

Lanterna do Brasileirão ao encerramento do primeiro turno, o Goiás tem construído grande campanha de recuperação nas últimas rodadas do Nacional. Já comandado, na atual temporada, por Ney Franco, Thiago Larghi e Enderson Moreira, o Esmeraldino atualmente é treinado por uma dupla.

Oriundos da equipe Sub-20, Augusto César e Glauber Ramos dividem a chefia da casamata esmeraldina. Sob o comando dos parceiros, o Goiás passou a atuar com três zagueiros e dois centroavantes, esquema que ofereceu importante equilíbrio dentro de campo.

Glauber Ramos (E) e Augusto César (D)/Foto: Rosiron Rodrigues, Goiás

A dupla de técnicos assumiu a casamata após derrota de 1 a 0 do Esmeraldino para o Athletico Paranaense, em partida da 21ª rodada do Brasileirão. Na primeira jornada sob o comando de Augusto e Glauber, o Goiás conquistou importante vitória pelo placar mínimo sobre um desfalcado Palmeiras. Na sequência, empate de 1 a 1 com o Fortaleza, fora de casa, e revés de 2 a 1 para o Grêmio, na Arena, marcaram a despedida do esquema com duas linhas de quatro.

Derrota para o Athletico marcou a despedida de Enderson Moreira/Foto: Rosiron Rodrigues, Goiás

A estreia da nova formação passou longe de ser positiva, com derrota por 3 a 0, dentro de casa, para o São Paulo. Na ocasião, porém, o Goiás atuou com três atacantes, dois de velocidade. As inovações só foram encerradas, portanto, no sétimo dia de dezembro, quando Rafael Moura e Fernandão comandaram a linha de frente, e David Duarte, Fábio Sanches e Heron protegeram a zaga. Resultado? Vitória de 1 a 0 sobre o rival Atlético-GO.

Augusto (C) conversa com Fernandão (E) e Rafael Moura (D)/Foto: Rosiron Rodrigues, Goiás

Nas quatro rodadas seguintes, um empate, em 0 a 0 com o Grêmio, um revés, de 2 a 1 para o Corinthians, e duas vitórias, sobre Sport – 1 a 0 – e Coritiba – 2 a 1 -, deram maiores embalo e confiança para o Esmeraldino. Curiosamente, apesar de uma média de 11,5 chutes por jogo, o Goiás somou posse de bola inferior à do adversário em todas as seis vezes que atuou com a trinca de defensores.

Contra o Inter, a provável escalação esmeraldina conta com Tadeu; Shaylon, David Duarte, Fábio Sanches, Heron e Jefferson; Ariel Cabral, Breno e Douglas Baggio; Fernandão e Rafael Moura. Na casamata estará Glauber Ramos, uma vez que Augusto ainda não conta com a Licença A da CBF, exigida para técnicos da elite nacional.

Glauber Ramos (E) ocupará a casamata esmeraldina neste domingo/Foto: Rosiron Rodrigues, Goiás

Arbitragem


Edina Alves Batista apita, auxiliada por Danilo Ricardo Manis e Neuza Ines Back. VAR: José Cláudio Rocha Filho. Quarteto de São Paulo.


Estatísticas


Embora ocupem pontas diferentes na tabela, Inter e Goiás vivem fase recente parecida no Brasileirão. Há cinco partidas sem perder, o Clube do Povo venceu as últimas quatro que disputou. De sua parte, o Esmeraldino chega ao Beira-Rio credenciado por duas vitórias consecutivas.

Como mandante, o Inter possui, de acordo com dados do GE, a quarta melhor campanha do Brasileirão, registrando oito vitórias, quatro empates e um único revés. Pertencem ao Clube do Povo, ainda, os quintos melhores ataque, autor de 24 gols, e defesa, vazada 11 vezes, enquanto local.

Por outro lado, o Goiás é o terceiro pior visitante, dono de apenas dois triunfos (ambos conquistados sob o comando de Augusto e Glauber). Vazada em 22 ocasiões, a defesa esmeraldina é a 15ª dentre os times que atuam longe de seus domínios, enquanto o ataque, com 13 gols, é o 13º.

Nos últimos cinco jogos que disputou, o Goiás marcou cinco gols. Destes, dois foram de Fernandão e outros dois de Rafael Moura, comprovando a importância da dupla. Já o Inter vive fase mais artilheira: com 10 bolas na rede nas últimas cinco vezes que foi a campo, o Clube do Povo contou com quatro tentos de Yuri Alberto, além de um de Peglow, Patrick, Edenilson, Dourado, Galhardo e Caio Vidal.


Situação de tabela


O Inter amanheceu neste domingo ocupando a vice-liderança do Brasileirão. Dono de 50 pontos, o Clube do Povo pode, em caso de vitória sobre o Goiás, diminuir a diferença em relação ao São Paulo, líder, para três pontos. Para tanto, o Tricolor precisaria ser derrotado, no Morumbi, pelo Santos. O clássico San-São ocorre a partir das 16h.

Enquanto triunfo no Beira-Rio mantém o Inter na vice-liderança, um empate com o Goiás deixaria o Clube do Povo ao alcance de vitoriosos Atlético-MG e Flamengo. Empatados com 49 pontos, Galo e Rubro-Negro são, respectivamente, terceiro e quarto colocados.

O Urubu recebe o Ceará, às 16h, no Maracanã, enquanto o Alvinegro visita o Red Bull Bragantino, segunda, às 20h. Se perder, o Colorado é ultrapassado até mesmo em caso de empate do Atlético, enquanto o Flamengo, por somar os mesmos 14 triunfos que os comandados de Abel Braga, não conseguiria reverter a diferença no saldo de gols.

Atual 18º colocado, o Esmeraldino está a dois pontos do Bahia, 17º, e três do Vasco, 16º e primeiro fora da zona de rebaixamento. Assim, uma vitória sobre o Inter permitiria ao Goiás a fuga do Z4, desde que acompanhada de triunfo do Botafogo sobre o Cruz-Maltino, em confronto marcado para às 20h deste domingo, em São Januário, e derrota do Bahia para o Atlético-GO, duelo que ocorre em Goiânia no mesmo horário do embate do Beira-Rio.

Confira os oito primeiros classificados do Brasileirão:

PJVEDGPGCSG
1 – São Paulo56281684492623
2 – Internacional50281486432617
3 – Atlético-MG49271548463412
4 – Flamengo49271476473710
5 – Grêmio492812133372314
6 – Palmeiras47271386382513
7 – Fluminense4328127939327
8 – Santos3927109838353

Retrospecto


Inter e Goiás já disputaram 53 duelos até hoje. Na dianteira do retrospecto, o Clube do Povo soma 24 vitórias no confronto, seis a mais do que o rival – ocorreram, ainda, 11 empates. A vantagem colorada também ocorre no número de gols marcados: 74 gaúchos contra 59 goianos.

Forlán em ação contra o Goiás no ano de 2013

O show em 2009


Envolvido na luta pelas primeiras posições da tabela, o Inter recebeu o Goiás em partida da 22ª rodada do Brasileirão de 2009. Disputado no dia 30 de agosto, o confronto, acompanhado por mais de 30 mil colorados e coloradas, foi o primeiro do eterno Fernandão, após sua passagem pelo Beira-Rio, contra o Clube do Povo.

Guiñazú marcou lindo gol no duelo de 2009

Em campo, Marquinhos abriu o placar para o Inter logo aos cinco. Pouco depois, ainda antes dos 15, Fernandão foi expulso após dividida com Magrão. Ato contínuo, Guiñazú ampliou para o Clube do Povo. O gol foi o quarto e último de El Cholo com a camisa colorada. Giuliano e Kleber, este em uma pintura, garantiram, na etapa final, o 4 a 0 alvirrubro.