“É um sonho realizado”, comenta Heitor antes da estreia colorada na Libertadores

Vai começar a #LutaPelaAmérica! O Clube do Povo visita o Always Ready-BOL, a partir das 19h15 desta terça-feira (20/04), para a disputa de partida da primeira rodada do grupo B da Liberadores. Lateral-direito colorado, Heitor projetou a partida em conversa exclusiva com a Mídia do Inter, e você confere as principais aspas do papo a seguir:

“Um jogo que a gente não está muito acostumado com a altitude, mas nosso treinador nos passou todas as informações tanto de programação quanto da hora do jogo, do que vamos fazer. A gente está preparado para fazer um grande jogo e, se Deus quiser, sair com a vitória e iniciar com o pé direito na Libertadores.”

Heitor

Além do Always Ready-BOL, o grupo colorado também conta com Olimpia-PAR e Deportivo Táchira-VEN. Sobre o chaveamento, Heitor fez questão de destacar a importância de máxima concentração em cada partida, consciente das armadilhas que a Libertadores pode pregar.

“Um grupo muito
competitivo. Todo
mundo vai querer
bater de frente
com a gente, e
precisamos estar
preparados
.”

Cria do Celeiro, o jovem de 20 anos também destacou a expectativa por disputar mais uma Libertadores com a camisa colorada. Após estrear na competição na temporada passada, Heitor agora busca realizar novos sonhos na principal competição de clubes do continente.

“Eu sempre sonhei em estar aqui, espero que eu possa fazer um grande jogo e realizar o meu sonho e de toda a minha família, que é ser campeão da Libertadores.”

Heitor

Lomba analisa partida contra o Aimoré

Passado intervalo de 10 dias, o Colorado volta a campo nesta quarta-feira (14/04), a partir das 21h30, em São Leopoldo. Contra o Aimoré, o Clube do Povo joga para garantir classificação antecipada à fase eliminatória do Gauchão, objetivo destacado por Marcelo Lomba durante entrevista concedida para a Mídia do Inter nesta terça.

“A gente quer se classificar logo, respeitando o Aimoré, que vai tentar dificultar. A gente quer já colocar o Inter nas semifinais. O Miguel tem dado oportunidades para todo mundo, todo mundo está ganhando ritmo de jogo, consciente do que tem que fazer e como. É um grupo experiente, entrosado, que vai representar bem a camisa do Inter.”

Marcelo Lomba

Sem atuar desde o último dia 3 de abril, o Clube do Povo dispôs de período significativo de treinos ao longo da última semana e meia. A folga de partidas, de acordo com Lomba, foi importante para o grupo conhecer ainda mais do trabalho de Miguel. As lições, agora, devem ser colocas em prática.

“A gente fez uma bateria de treinamentos, sempre aprendendo. O Miguel sempre tem algo novo, e isso exige de nós concentração na hora de fazer. Quanto mais a gente faz, mais naturalidade tem nas jogadas, nos movimentos. Agora é hora de praticar da melhor forma.”

Marcelo Lomba

Sobre os treinos, inclusive, Lomba comemorou o maior protagonismo ocupado pelos goleiros no sistema de jogo colorado. Participativo também com os pés, o camisa 12 do Clube do Povo elogiou os trabalhos que vêm sendo realizados pela comissão técnica alvirrubra.

“Tem sido algo muito bom, tenho gostado bastante. Acho que todos os goleiros têm aprendido. É legal porque o nosso treinamento mudou, a gente participa muito mais com os jogadores. Estamos evoluindo a cada dia, o Pavan e o Durgue têm feito vários trabalhos pra que a gente tenha naturalidade pra fazer esse jogo de passe e, acima de tudo, segurança nessa saída de bola.”

Marcelo Lomba

Cuesta fala na véspera da última rodada

O zagueiro Victor Cuesta concedeu entrevista exclusiva para a Mídia do Inter no final da tarde desta quarta-feira (24/02), logo depois de participar de treino no CT Parque Gigante. De volta ao time de Abel após cumprir suspensão na rodada passada, o argentino comemorou a oportunidade de atuar na decisiva rodada última do Brasileirão.

Feliz por voltar. Me preparar hoje para amanhã tentar ajudar a equipe em um jogo importantíssimo. Então, fazer o último treino, se concentrar bem, que amanhã temos que conquistar essa vitória.

Victor Cuesta

Diante do Corinthians, o Inter disputa partida da 38ª rodada do Brasileirão. Envolvido na luta pelo título nacional, o Clube do Povo precisa superar os paulistas e torcer por tropeço do Flamengo, diante do São Paulo, para conquistar o sonhado Tetra. De acordo com Cuesta, o foco do elenco estará completamente voltado para o gramado do Beira-Rio.

A gente tem que fazer a nossa parte, tentar ganhar em casa e, depois, esperar e ver o que acontece no jogo de São Paulo e Flamengo. Primeiro a gente tem que conquistar esses três pontos aqui no Beira-Rio.

Victor Cuesta

O camisa 15 colorado também aproveitou o papo para destacar a força do grupo alvirrubro. Cuesta relembrou os muitos desafios encarados pelo Inter ao longo da temporada, e destacou a união dos atletas como um dos pilares na grande campanha construída no Brasileirão.

Foi um grande Campeonato Brasileiro que a gente fez, desde o início. Obviamente, oscilamos um pouquinho em algum momento, mas todo mundo teve seus momentos ruins. A fortaleza do nosso grupo, de nunca desistir, independente do que aconteceu com muitos dos nossos companheiros. A gente foi se reinventando, conquistando vitórias e, como eu disse, falta mais um jogo. Vamos lutar até o final.

Victor Cuesta

Lomba analisa decisão de domingo

O Inter segue em preparação para o duelo do próximo domingo (21/02), quando visita o Flamengo, no Maracanã, em partida da 37ª rodada do Brasileirão. Após o treino desta quarta-feira (17/02), o goleiro Marcelo Lomba conversou de maneira exclusiva com a mídia colorada e projetou o importante confronto em solo carioca, partida que pode valer ao Clube do Povo o título nacional.

“É um jogo muito importante, decisivo. Mas apenas um resultado é decisivo, a vitória do Inter. Claro que o Flamengo não vai querer deixar escapar, mas a gente vai medir forças. O Inter vem numa batida forte, estamos com uma expectativa boa, mas com os pés no chão, apoiados na força do grupo, no trabalho construído. Domingo, a gente vai estar com o nosso máximo de empenho, concentração, para buscar essa vitória.”

Marcelo Lomba

Titular da meta alvirrubra neste Campeonato Brasileiro, Lomba é um dos líderes do grupo colorado. Experiente, o atleta de 34 anos serve de referência para os companheiros mais jovens, em especial crias do Celeiro, que têm ocupado papel fundamental na caminhada do Inter no Nacional.

“É uma mistura legal. Nesse ano, os meninos deram uma resposta muito boa, alguns até mais rápido do que a gente esperava. São joias que estão sendo lapidadas, que têm um futuro incrível. Fico feliz pois têm a cabeça no lugar. É uma soma, de experiência e maturidade com vigor físico dos jovens, a alegria, uma ousadia legal.”

Marcelo Lomba

Expoente da segunda defesa menos vazada do Brasileirão, o camisa 12 colorado sabe que o equilíbrio é um dos grandes trunfos na campanha do Inter. Vazado apenas em 33 ocasiões, o Clube do Povo já marcou 60 gols no Campeonato, números que o garantem a vice-liderança no quesito.

“A gente tem um modelo de jogo que encaixou. Um time que sofre poucos gols, mas que também não deixa, em nenhum momento, de atacar. A gente mescla bem entre se defender seguro e um ataque rápido. Os resultados estão acontecendo, as vitórias estão chegando, e o grupo, como um todo, está sendo falado por todo o Brasil.”

Marcelo Lomba

Lomba também valorizou o trabalho que vem sendo realizado por Abel Braga. Comandante das maiores conquistas da história do Internacional, o técnico colorado sempre se destacou por mesclar enorme conhecimento tático com excelente gestão de grupo. A atual passagem, de acordo com o goleiro, não foge à regra do professor.

“A história fala por si só. O Abel é um grande treinador, conseguiu feitos em vários outros clubes, mas, no Inter, tem algo especial. Ele chegou em um momento importante, e em nenhum se omitiu do desafio, o tempo todo nos incentiva. Teve uma hora que ele encontrou a maneira do time jogar, muito baseado numa inteligência de estratégia dele, mas também de sempre acreditar no que a gente podia dar. Está aí o resultado: Inter brigando na liderança e a dois jogos de poder conquistar um título.”

Marcelo Lomba

Yuri comemora boa fase e projeta reta final do Brasileiro

Camisa 11 colorado, o atacante Yuri Alberto conversou de maneira exclusiva com a Mídia do Inter nesta terça-feira (02/02). Titular em cinco das seis partidas disputadas pelo Clube do Povo em 2021, o jovem de 20 anos comemorou a grande fase do time de Abel Braga e projetou a sequência de desafios presentes no calendário vermelho.

“É um momento muito especial que a gente vem vivendo aqui no Internacional, pra mim e pra todos os jogadores também. Estou feliz pelo momento que o Clube vem vivendo, uma sequência de nove vitórias é muito difícil, mas a gente vai tentar aumentar isso. Estamos muito próximos do nosso objetivo.

Yuri Alberto

Contratado em agosto do ano passado, Yuri já soma 11 gols com a camisa colorada. Do montante, cinco foram marcados em 2021, ano que já contou com hat-trick do atacante, peça fundamental na vitória de 5 a 1 sobre o São Paulo, no último dia 20 de janeiro. Positivos, os números também foram destacados pelo camisa 11, que segue obstinado a ajudar o Clube do Povo da maneira que for possível.

“Estou muito feliz pelo meu momento aqui, venho fazendo muitos gols. Nos últimos dois jogos acabei não marcando, mas continuo ajudando minha equipe da maneira que der. Vamos continuar trabalhando porque quinta-feira tem mais um grande jogo.”

Yuri Alberto

Dos gols marcados pelo atacante, 10 saíram no Campeonato Brasileiro. O outro, na Copa do Brasil. Destro, usou de sua perna preferencial para mandar quatro bolas às redes. De cabeça, fez dois, e com a canhota, que de ruim não tem nada, marcou outros cinco, incluindo bola espirrada diante do Fortaleza. Rico, o repertório de Yuri não é simples obra do acaso.

Desde os meus sete anos, com o meu pai, sempre treinei as finalizações de esquerda. Ele pega no meu pé. Meio que não tenho uma perna ruim, como quando fiz gol contra o Ceará e Palmeiras, que pude dar uma cavada. Tenho também feito gols de cabeça aqui no Internacional. Então, muito feliz e confiante, né, cara? Do jeito que ela vem, ela vai entrar, se Deus quiser!

Yuri Alberto

A relação com o pai também conta com desafio particular. Acostumado a ver seus irmãos tatuados, Yuri não esconde a vantagem de também fazer as suas tatuagens. Para realizar o sonho, contudo, o atacante precisa atingir 15 gols como profissional – marca cada vez mais próxima.

“Desde quando eu subi
pro profissional, meu pai falou:
‘você só vai poder fazer tatuagem depois
de 15 gols como profissional’.
Agora, falta só mais um.”

Yuri Alberto

Restando cinco jogos em disputa para o Clube do Povo no Brasileirão, Yuri sabe qual é o grande objetivo colorado no torneio. Consciente também do caminho a ser seguido em busca das metas, o atacante reforça a importância do foco em cada partida. A próxima, diante do Athletico, será, como sempre, a mais difícil.

“Vai ser mais um grande jogo,
um jogo difícil, mas estamos preparados,
trabalhando muito
para conseguir
esses três pontos na quinta-feira.

Yuri Alberto

Dourado projeta reta final de Brasileirão

Capitão colorado, o volante Rodrigo Dourado conversou, após as atividades desta sexta-feira (22/01), de maneira exclusiva com a Mídia do Inter. O volante comemorou a boa fase vivida pelo time de Abel Braga, destacou a força do grupo, formado por jovens e experientes, e projetou o Gre-Nal 429, marcado para as 16h do próximo domingo (24/01). Confira:

“Chegamos nessa situação de hoje graças ao trabalho, graças às vitórias consecutivas que tivemos no Campeonato. Pé no chão agora, porque o objetivo principal está próximo. Não ganhamos nada ainda, mas estamos no caminho certo.”

Rodrigo Dourado