Apresentado, Renê revela carinho pelo Inter e fala sobre expectativa de fazer história com o Colorado

Anunciado na última segunda-feira (11/04), o mais novo lateral-esquerdo do Clube do Povo foi oficialmente apresentado na manhã desta terça. Aos 29 anos, Renê chega ao Inter após passagens de destaque por Flamengo, clube com o qual conquistou 10 títulos e atingiu premiações individuais de alcance estadual e nacional, e Sport, com quem ergueu as taças do Campeonato Pernambucano e da Copa do Nordeste. Multicampeão por onde passou, o piauiense destacou, em sua primeira coletiva como atleta colorado, a ambição que carrega para sua trajetória no Beira-Rio.

“Eu saí (do Flamengo) principalmente porque preciso de novos ares, de novos desafios. Sou um cara que gosta de fazer história por onde passa. Passei seis anos no Sport, cinco anos e meio no Flamengo, e espero passar muitos anos aqui. Chego para dar o meu melhor, contribuir no que for preciso, tanto dentro quanto fora de campo, e espero ser muito feliz. Venho nessa confiança, aceitei esse desafio porque acredito que o Inter vai brigar por títulos.”

Renê
Novo lateral colorado foi apresentado nesta terça-feira/Foto: Ricardo Duarte

Contratado até o final de 2024, Renê foi apresentado, na sala de imprensa do CT Parque Gigante, por Emílio Papaléo Zin, vice-presidente de Futebol do Clube do Povo. O dirigente colorado elencou os motivos que levaram o Inter a procurar o vitorioso lateral, e compartilhou suas expectativas de que o novo jogador, ao qual desejou boas-vindas, contribua intensamente na luta alvirrubra por grandes feitos na presente temporada.

“Tenho a satisfação de apresentar o Renê, jogador que tem contrato até dezembro de 2024. Com larga experiência e títulos conquistados por onde passou, é um atleta que, seguindo nossa filosofia de trabalho, vem reforçar o nosso plantel com o objetivo de contribuir positivamente para o alcance dos nossos objetivos nessa temporada. Então, Renê, seja muito bem-vindo. Faça do Beira-Rio a tua nova casa, e desejo, em nome do Sport Club Internacional, uma consolidação da tua carreira já vitoriosa, e que tu te sintas, aqui, absolutamente à vontade.”

Emílio Papaléo Zin
Renê recebeu as boas-vindas de Emílio Papaléo Zin/Foto: Ricardo Duarte

De sua parte, Renê justificou a valorização que recebeu do Inter como o principal porquê de vir a Porto Alegre. O lateral revelou que já fora procurado pelo Clube do Povo em outras ocasiões, tanto durante sua passagem pelo Sport quanto ao longo dos anos que passou no Rio de Janeiro, e sacramentou que, se nas outras vezes o negócio não pudera ser concretizado, agora não desperdiçaria a oportunidade de vestir a camisa colorada.

Foto: Ricardo Duarte

“Acredito que o Inter tem time para brigar lá em cima na tabela, e meu objetivo é vir para cá e fazer história. Em outras oportunidades, o Inter já foi atrás de mim, e eu tenho um carinho especial por ser um clube que sempre tentou me contratar. Quando eu estava no Sport, foi uma vez, e quando eu estava no Flamengo, acho que duas. Não foi possível, mas, dessa vez, eu falei para a minha esposa que queria vir, por ser um lugar onde me valorizavam.”

Renê

Renê também analisou as características do futebol que apresenta dentro de campo. Polivalente, capaz de atuar com obrigações mais ofensivas, a exemplo do que fizera no Flamengo ao longo da temporada de 2019, ou dando maior atenção à defesa, o lateral definiu estar disponível para jogar como o técnico Alexander Medina preferir. Além disso, valorizou a qualidade dos laterais que já integram o elenco colorado, sublinhando que a experiência de seus novos companheiros também deve ser respeitada.

Foto: Ricardo Duarte

“Comecei, no Sport, muito ofensivo. Com o tempo, passei a jogar mais defensivamente, mas vou muito pelo que o treinador pede. Procuro fazer sempre o que o treinador pede. Nos tempos do Jorge Jesus, o Flamengo jogava praticamente com uma linha de três, com a entrada do Arão, e eu ficava mais ofensivo. Depois, chegou o Domènec, e eu já era mais defensivo. Chego para somar, agregar. Não sou salvador, não vai ser por causa da minha chegada que o time não vai tomar mais gols, mas acredito que vou ajudar. Acho a equipe muito qualificada, com laterais de experiência, que podem ajudar também.”

Renê

O espírito solidário e voluntarioso apresentado pelo atleta dentro de campo também se faz presente fora das quatro linhas. Se diante dos microfones o próprio se reconheceu um pouco tímido, Renê confidenciou que, nos bastidores, costuma atuar como uma liderança positiva, sempre trabalhando para ver os companheiros motivados e de cabeça erguida, independente de fase ou minutos somados nas quatro linhas.

“Sou um cara, em público, um pouco tímido, mas, no vestiário, gosto de conversar com cada um. Analisar quando o cara está triste e dar uma animada. Podem esperar isso de mim, sou um líder interno. Gosto de pensar nos meus companheiros, sei como é difícil, e tento motivar, explicar que é no dia a dia que você se prepara para, quando tiver oportunidade, mostrar seu melhor. O Inter vai ganhar um cara que vai ajudar demais fora das câmeras e que, em campo, vai ser guerreiro, vai lutar por tudo, a todo minuto, para essa camisa sair vitoriosa.”

Renê
Renê já foi integrado aos trabalhos no CT Parque Gigante/Foto: Ricardo Duarte

Com nome já publicado no BID, Renê integra, desde o início desta semana, os trabalhos da comissão técnica de Alexander Medina, que tem preparado o Inter para a segunda rodada da fase de grupos da Sul-Americana. Na próxima quinta-feira (14/04), no Beira-Rio, o Clube do Povo enfrentará o Guaireña-PAR na estreia colorada como mandante na competição. Confirme aqui sua presença na partida!

Confira as imagens do primeiro dia de Gabriel Mercado no Clube do Povo

Mais novo reforço colorado, Gabriel Mercado chegou ao Inter nesta sexta-feira (09/07). Oficialmente anunciado na última segunda, o argentino, que chega com contrato até dezembro de 2022, poderá estrear a partir do próximo mês de agosto. Aos 32 anos, o experiente defensor defendia, desde 2019, o Al-Rayyan, do Catar.

Gabriel Mercado conheceu, nesta sexta, as dependências do CT colorado, bem como seus novos companheiros de equipe. Logo depois, o defensor argentino concedeu entrevista exclusiva para o Canal do Inter, na qual compartilhou seu sentimento por assinar com o Clube do Povo.

“Estou muito orgulhoso de pertencer a essa grande família, esse grande clube. Quando surgiu a possibilidade, logo aceitei. É um grande desafio para mim, e estou com muita vontade de poder jogar e ajudar meus companheiros. Estou às ordens para trabalhar!”

Gabriel Mercado

No Internacional, Mercado reencontra dois companheiros de Seleção Argentina. Titular dos hermanos na Copa do Mundo de 2018, Gabriel exibe vasto currículo com a camisa albiceleste, manto que já defendeu ao lado de Victor Cuesta e Renzo Saravia. Além da dupla, o reforço também elencou D’Alessandro como um dos nomes importantes para sua chegada ao Inter.

Foto: DVG, Sevilla

“Tive a sorte de atuar com Saravia e Cuesta. São dois excelentes jogadores, grandes pessoas que, certamente, ajudarão na minha rápida adaptação. Também o D’Alessandro, que é muito amigo meu, sempre me falou maravilhas do Clube. Estou muito motivado.”

Gabriel Mercado

Mercado ainda tem conhecidos na casamata colorada. Antes de chegar ao Inter, Diego Aguirre era comandante do próprio Al-Rayyan, onde passou duas temporadas com Gabriel. O argentino foi só elogios ao uruguaio, mas fez questão de destacar que trabalhará como se não conhecesse o treinador do Clube do Povo.

“É muito gratificante voltar a ter uma oportunidade com ele. Trabalhamos juntos no Catar, e muito bem. Ele estava feliz comigo e eu com ele e sua comissão técnica. Aguirre me conhece, isso me ajuda, mas vou trabalhar como se não me conhecesse, dar o melhor de mim. Assim sou eu, tentarei sempre entregar o máximo.”

Gabriel Mercado

Polivalente, Gabriel pode atuar tanto na zaga quanto de lateral, função que desempenhou com autoridade nos tempos de River Plate, por exemplo. Já nos últimos tempos, a começar pelo Sevilla-ESP, o atleta jogou com maior frequência como zagueiro. Dono de grande repertório, ele afirma não ter preferência de posição, disposto a ajudar da maneira que lhe for pedida.

Foto: DVG, Sevilla

“Nos últimos anos, na Espanha mesmo, joguei mais de zagueiro do que de lateral. Posso jogar na posição que o treinador desejar. Se for outra disposição tática, eu me adapto. Para mim, a equipe é prioridade. Estou à disposição, o treinador decidirá em qual posição posso jogar melhor.”

Gabriel Mercado

Por fim, Mercado também agradeceu a torcida colorada pelo carinho demonstrado nos últimos dias. Afastado dos estádios, o povo vermelho inundou as redes sociais do argentino com mensagens de boas-vindas, saudadas pelo mais novo camisa 25 do Internacional.

“Quero agradecer por

todas mensagens,

pela recepção da

torcida. Juntos,

lutaremos para

conquistar os

objetivos desse

grande Clube.

Gabriel Mercado

Camisa 18, Leandro Fernández é oficialmente apresentado

Mais novo atacante colorado, Leandro Fernández foi oficialmente apresentado no final da tarde desta sexta-feira (04/09). Anunciado como reforço nas primeiras horas da última quinta, o atleta, que vestirá a camisa 18 do Internacional, assinou contrato até o final de 2021, e não escondeu a expectativa por estrear pelo Clube do Povo:

“Creio que vou encaixar bem. Espero me adaptar com o decorrer dos dias e semanas e, com os treinamentos, ir conhecendo um pouco mais meus companheiros para poder ajudar com que o Inter vá em frente.”

Leandro Fernández

A coletiva de apresentação do reforço colorado foi iniciada por Alessandro Barcellos. Vice-presidente de Futebol do Internacional, o dirigente apresentou as principais qualidades do novo atacante alvirrubro. “É um jogador que tem como característica o chute com as duas pernas, a velocidade e a mobilidade. Tem também a bola parada como suas virtudes.”

Na sequência, quem falou foi Rodrigo Caetano. O diretor executivo colorado fez questão de destacar o interesse de Leandro em vestir a camisa do Clube do Povo, ressaltando que o atleta preferiu o Inter a propostas, inclusive, do exterior. “A participação do Leandro foi decisiva. Ele tinha situações encaminhadas inclusive para a Europa, então vale ressaltar aqui que ele e o seu agente entenderam o Internacional como o grande projeto que é.” Confira os principais trechos da coletiva:

Rodrigo Caetano (E), Leandro (C) e Alessandro Barcellos (D)/Foto: Ricardo Duarte, Internacional

Com satisfação, estamos aqui hoje para apresentar o atacante Leandro Fernández. Atleta que vem compor o nosso grupo, visando a manter a competitividade e buscar os objetivos que o Internacional tem ao longo desta temporada. Um jogador que monitorado pelas suas características, pela sua forma de jogo.

Alessandro Barcellos

“Leandro tem uma elevada média de gols por onde passou, e isso é importante para nós, que buscávamos mais atacantes. Já era monitorado pelo nosso Centro de Análise e Prospecção de Atletas (CAPA), e teve a chancela do Coudet quando nós disponibilizamos à comissão técnica os nomes possíveis neste momento. Ele já está treinando, agora é uma questão burocrática, que a gente espera finalizar na próxima semana.”

Rodrigo Caetano

“Creio que vou encaixar bem na forma de jogar que tem o treinador. Não gosto de perder nada. Sou muito competitivo e sempre trato de ir em frente, mas com respeito. Sou aguerrido, não dou nenhuma bola por perdida, assim vivo as partidas.

Leandro Fernández

“Tenho uma forma de jogar, gosto de ter um atacante como companheiro, de me movimentar muito. Jogo com as duas pernas e não dou por perdida nenhuma bola. Espero que Coudet possa implementar aqui o que lhe deu resultado como treinador no passado. Nos enfrentamos no clássico de Avellaneda. Hoje estamos aqui, na mesma equipe, e fico muito contente. É um grande treinador, espero aprender muito e dar muito a ele.”

Leandro Fernández

“É mais fácil quando há companheiros argentinos mas, desde que cheguei, ontem, me trataram muito bem. Me fizeram sentir bem desde o primeiro momento e estou muito contente com isso, por como me receberam no Clube. Assim fica mais amena a adaptação. Hoje já treinei, treinei bem com os companheiros. Me sinto bem, estou às ordens e quero, prontamente, estar com meus companheiros para ajudar a equipe.”

Leandro Fernández

Natural de Santa Fé, na Argentina, Leandro iniciou sua trajetória profissional no Defensa y Justicia. Na sequência da carreira, o atacante de 29 anos passou por Tijuana-MEX, Ferro Carril e Comunicaciones-GUA até chegar ao Godoy Cruz, onde teve destaque e foi vendido para o Independiente. Fernández defendeu os Rojos durante quatro temporadas, atuando em 53 jogos, nos quais marcou 17 gols e deu 10 assistências. Com a equipe, conquistou a Copa Sul-Americana, em 2017, e Copa Suruga de 2018.

Após, esteve no Vélez Sarsfield, e depois retornou ao Independiente, onde atuou em mais 10 partidas, marcando três gols e oferecendo duas assistências. No meio deste ano, o atacante encerrou seu contrato com o clube de Avellaneda. Confira a ficha técnica de Leandro Fernández:

Nome: Leandro Miguel Fernández
Nascimento: 12/03/1991
Natural: Santa Fé (Argentina)
Altura: 1,78m

Carreira:
2008 | Defensa y Justicia (Argentina)
2011 | Tijuana (México)
2012 | Ferro Carril (Argentina)
2013 | Defensa y Justicia (Argentina)
2013 | Comunicaciones (Guatemala)
2014 | Godoy Cruz (Argentina)
2016 | Independiente (Argentina)
2018 | Vélez Sarsfield (Argentina)
2019 | Independiente (Argentina)

Títulos:
2013 | Liga Nacional (Guatemala)
2017 | Copa Sul-Americana
2018 | Copa Suruga