Inter abre returno com vitória de 1 a 0 em cima do Sport

Com gol de Patrick logo aos três minutos, o Inter superou o Sport, na noite desta segunda-feira (13/09), pelo placar de 1 a 0. A vitória, conquistada na Ilha do Retiro, leva o Clube do Povo aos 26 pontos, e deixa o time de Aguirre na nona colocação. No próximo domingo (19/09), o Colorado recebe o Fortaleza, às 11h, pela 21ª rodada do Brasileirão.


Trio de ataque funciona

O Inter foi a campo com novidades. Sem Dourado, Aguirre devolveu Edenilson para a segunda função do meio de campo e colocou Caio Vidal na ponta-direita. Patrick seguiu na esquerda, e Yuri permaneceu no comando de ataque. Com esse desenho, o trio ofensivo funcionou logo aos três, quando Caio acionou Yuri. Na área rival, o camisa 11 serviu nosso Pantera, que abriu o placar para o Clube do Povo na Ilha do Retiro.

O Sport armou forte pressão nos minutos que sucederam o tento de Patrick. A falta de eficiência, porém, abreviou o sonho do empate, tornando o Leão, desiludido, menos agressivo em campo, ofensivamente restrito a explorar o pivô dos centroavantes Mikael e André. Também a dupla foi incapaz de igualar o marcador, que seguiu em 1 a 0 para o Inter até o início do intervalo.


Sport pressiona, Inter segura

A agressividade que faltou ao time da casa na etapa inicial se fez presente no segundo tempo. Dos vestiários, o Sport regressou com a entrada de Paulinho Moccelin no lugar de Sabino, desfazendo o esquema com três zagueiros e adicionando força ao ataque, que passou a incomodar o Internacional. Ainda mais ofensivo na reta final do confronto, quando Thiago Neves, Everaldo e Tréllez foram alçados a campo, o Leão, de fato, criou suas chances, mas esbarrou seguidas vezes em Daniel, além de parar na trave, e seguiu zerado no marcador.

Quem balançou as redes no segundo tempo foi Yuri Alberto, mas em lance anulado por impedimento do avante colorado. Com espaço para os contra-ataques, o Inter também assustou com Guerrero, interrompido por milagre de Mailson, e uma vez mais Yuri, que mandou pela linha de fundo chance importante. Felizmente, as oportunidades não fizeram falta, e o Clube do Povo chegou ao seu sexto jogo de invencibilidade no Nacional.


Primeiro tempo

3min – GOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOL! É GOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOL! É DO IIINTER! É DO PANTEEEEEEERA! É GOL, É GOL, É GOL, É GOOOOOOOOOOOOOL! QUE INÍCIO COLORADO! Caio recebe com espaço pela intermediária direita de ataque e estica jogo até Yuri. Dentro da área, o camisa 11 cruza rasteiro, na medida para Patrick. Debaixo das traves, o Pantera completa sem a menor dificuldade para abrir a conta.

O gol de Edenilson na narração da Rádio Colorada

6min – Hayner escapa pela direita e cruza aberto. Na pequena área, pela esquerda, Sander solta o canhotaço. Por cima, assustou!

8min – Mikael faz o pivô na área colorada e finaliza. Tiro de meta para Daniel.

15min – UH! Edenilson serve Mauricio, que recebe na entrelinha adversária, avança até a altura da meia-lua e finaliza rasteiro. Mailson encaixa.

20min – TAPA DE SELEÇÃO! Edenilson percebe Saravia com espaço para atacar a direita da área rubro-negra e serve o lateral, que finaliza mascado. Mailson encaixa.

27min – Moisés recebe na intermediária esquerda de ataque e finaliza cruzado. A bola cruza a extensão da área e sai em tiro de meta.

28min – Sander caça Caio Vidal e é advertido com amarelo.

32min – QUE TRAMA! Moisés vai ao fundo pela esquerda e cruza rasteiro. Patrick domina, faz a embaixadinha e aciona Yuri, que finaliza de primeira. Mailson encaixa.

41min – André escapa pela ponta direita e cruza fechado. A bola toma curva, explode no travessão e sai em tiro de meta para o Inter.

45min – Mais dois. Vamos a 47!

46min – DANIEEEEEL! Everton Felipe cobra escanteio pela direita, a bola espirra na primeira trave e toma o endereço da pequena área colorada. Antes de Thyere, goleiro do Inter corta de soco.

47min – Primeiro tempo encerrado. Inter defende vitória parcial!


Segundo tempo

0min – Time da casa volta com mudança. Sabino sai, Moccelin vem.

0min – Guerrero representa a novidade colorada. Caio deixa o campo.

8min – Everton Felipe percebe Mikael com liberdade e lança de três dedos. Camisa 99 rival finaliza, mas sem direção.

12min – Hayner amarelado por falta em Mauricio.

14min – Mais um na conta. André puxa Moisés e recebe o amarelo.

15min – André deixa o campo. Entra Thiago Neves.

16min – Yuri recebe o amarelo. Detalhe: ele sequer tocou no adversário. Saiu no grito.

16min – Neves deixa para Moccelin, que cruza rasteiro. Na pequena área, Cuesta corta o perigo.

17min – Sander escapa pela esquerda e cruza forte. A bola passa na frente de Daniel e chega com perigo na segunda trave, mas Mikael falha em desviar.

18min – Mauricio dá lugar a Johnny.

20min – POR CENTÍMETRO! Cuesta cobra falta em velocidade, como manda a jogada ensaiada do elenco colorado. Yuri recebe, invade a área rival em velocidade e manda para as redes, mas é flagrado em impedimento.

25min – Everaldo entra no Sport. Everton Felipe deixa o campo.

28min – MILAAAAAAAAAGRE! Yuri arma contra-ataque em altíssima velocidade. Na direita da intermediária ofensiva, o camisa 11 percebe Guerrero invadindo a área livre e serve o peruano, que finaliza colocado. Mailson salva.

29min – DANIEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEL! Mikael, na segunda trave, sobe mais do que a zaga colorada e desvia para baixo. Goleiro do Inter espalma, tirando a bola praticamente de dentro do gol, e salva o Clube do Povo.

31min – MAIIIIIILSON! Jogo fica lá e cá. Guerrero aciona Patrick nas costas da zaga, o Pantera avança pela esquerda e chuta cruzado. Goleiro defende, dá rebote, e retoma a posse.

33min – Zé Welison sai, Tréllez entra.

34min – Johnny entorta Hayner e serve Patrick. Na esquerda da grande área, ele domina e busca Guerrero, que finaliza de carrinho, mas travado pela zaga. Canto bola!

35min – UUUUUH! De pé em pé, o Inter chega. Lindoso serve Yuri, que abre ângulo no domínio e bate cruzado. A bola faz menos curva do que o esperado e sai em tiro de meta.

36min – Hayner cruza da direita da área colorada. Tréllez finaliza de primeira e a bola explode no poste.

37min – Heitor é chamado por Aguirre. Yuri sai.

38min – Marcão recebe o amarelo por impedir contra-ataque armado por Bruno Méndez.

45min – Vamos a 50.

47min – MILAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAGRE! DANIEL, DANIEL, DANIEEEEEL! Tréllez, na segunda trave, recebe cruzamento rasteiro e finaliza. Goleiro colorado sai muito bem do gol e defende.

50min – Fim de papo! Inter vence em Recife!


Ficha técnica:

Sport (0): Mailson; Hayner, Sabino (Moccelin), Rafael Thyere, Chico e Sander; Marcão, Zé Welison (Tréllez) e Everton Felipe (Everaldo); Mikael e André (Thiago Neves). Técnico: Gustavo Florentín.

Internacional (1): Daniel; Saravia, Bruno Méndez, Cuesta e Moisés; Caio Vidal (Guerrero), Edenilson, Rodrigo Lindoso e Patrick; Mauricio (Johnny) e Yuri Alberto (Heitor). Técnico: Diego Aguirre.

Gol: Patrick, aos 3’/1ºT (I).

Cartões amarelos: Sander, Marcão, Hayner e André (S). Yuri Alberto (I).

Arbitragem: André Luiz de Freitas Castro, auxiliado por Nailton de Sousa Oliveira e Rafael Trombeta. Quarto árbitro: Rodrigo Pereira de Lima. VAR: Marcio Henrique de Gois.

Estádio: Ilha do Retiro-PE.

Fora de casa, Inter empata sem gols com o Atlético-GO

O Clube do Povo empatou sem gols com o Atlético-GO, na noite deste domingo (29/08), em partida da 18ª rodada do Brasileirão. Com o ponto conquistado no Antônio Accioly, o Colorado chega a 23 pontos na competição.

Os comandados de Diego Aguirre retornam aos gramados no dia 13 de setembro, após final de semana de folga em virtude da disputa da Data FIFA que conta com Edenilson, Palacios e Guerrero convocados. Diante do Sport, a partida abre o returno, e terá como palco a Ilha do Retiro.


Defesas levam a melhor

Nem Colorado, nem Dragão levaram verdadeiro perigo às defesas adversárias no primeiro tempo desta 18ª rodada do Brasileirão. Caracterizada por retaguardas bem postadas, a etapa inicial presenciou momento de maior verticalidade dos dois lados ainda na casa dos 10 minutos, quando Yuri, para o Inter, e André Luís, do lado do Atlético-GO, levaram perigo em lances de relativa confusão das zagas rivais.

Mais uma vez segura, a dupla de zaga formada por Bruno Méndez e Victor Cuesta anulou com exatidão as tramas de João Paulo e Zé Roberto, tabela que se mostrou perigosa ao longo deste primeiro turno de Brasilierão. Na frente, os melhores momentos colorados saíram da aproximação de Taison a Moisés e Patrick, trio que conseguiu boas tramas pela esquerda, mas nenhuma consagrada com gol.


Mandantes retornam melhor, Inter termina em cima

Quem retornou melhor dos vestiários foi o Atlético-GO, que acumulou boas chances nos 10 minutos de abertura da etapa final. Janderson, logo após a saída da bola, assustou pela esquerda, enquanto João Paulo teve arremate cortado em cima da linha, de maneira providencial, por Bruno Méndez. Aos 13, Zé Roberto também levou perigo, mas em lance paralisado por irregularidade na origem.

Após segundo terço de muitas paralisações, os 15 minutos finais de jogo presenciaram pressão colorada. A partir das entradas de Mauricio, Caio Vidal e Palacios, o Inter construiu enorme volume ofensivo, armado a partir da velocidade do trio e das paredes de Paolo Guerrero, que muito incomodava a zaga. Ninguém, contudo, foi capaz de balançar as redes, que seguiram intactas até o último apito.


Primeiro tempo

9min – UUUUUUUUUUUUH! Yuri recebe de Taison, invade a área rubro-negra e, rente à linha de fundo, tenta o passe rasteiro, para trás. A zaga não afasta, o ataque não completa, e a posse retorna ao 11 do Inter, que finaliza bloqueado por grande saída de Fernando Miguel.

10min – BEM, DANIEL! Igor Cariús arrisca despretensioso, mas com força, pela esquerda. A bola explode na zaga do Inter e toma a direção do lado direito da área vermelha. Antes de André Luis, goleiro colorado deixa o gol e afasta.

11min – COOOOORTA A ZAGA! Taison, que visão! Camisa 10 percebe Moisés nas costas da zaga e serve. Lateral vai até a linha de fundo e cruza rasteiro. Antes de Patrick, Arnaldo manda pela linha de fundo.

26min – Arnaldo sai cara a cara com Daniel e, dentro da área, finaliza para as redes. Gol é anulado por impedimento do lateral-direito rubro-negro.

28min – Lesionado, Arthur Henrique deixa o campo no Dragão. Entra Janderson.

32min – Daniel! João Paulo finaliza de muito longe, e goleiro colorado espalma com segurança.

35min – SALVA, FERNANDO MIGUEL! Edenilson lança Yuri nas costas da zaga atleticana. Camisa 11 dominaria com total liberdade, mas goleiro rubro-negro deixa a meta e afasta o perigo.

45min – Mais um. Vamos até 46!

46min – Encerrado o primeiro tempo.


Segundo tempo

1min – Janderson é lançado em velocidade pela esquerda, consegue o drible na segunda tentativa e chuta cruzado. Daniel espalma, Moisés corta, e arbitragem interrompe o lance por impedimento.

5min – SAAAAALVA, BRUNO MÉNDEZ! Em cima da linha, zagueiro corta finalização de João Paulo, que já superara o goleiro Daniel. Grande lance do uruguaio!

13min – Zé Roberto recebe com espaço na área colorada, mas lance é paralisado por irregularidade na origem da jogada. Atacante reclama e recebe o amarelo.

15min – Johnny por Guerrero. Muda o Inter.

15min – Dourado impede escapada de Janderson e recebe o amarelo.

25min – Vêm Palacios e Paulo Victor no Clube do Povo. Taison e Moisés deixam o campo.

26min – André Luiz escapa pelo corredor direito e finaliza fechado. Daniel encaixa.

28min – NA TRAAAAAAAAAAVE! Heitor costura da direita para o centro e finaliza com a canhota. A bola supera Fernando Miguel, mas explode no poste direito da meta atleticana. Teimosia para não entrar!

32min – Rickson e Montenegro entram no Atlético-GO. Saem André Luis e Zé Roberto.

33min – Por reclamação, Palacios recebe o amarelo.

35min – Caio e Mauricio por Patrick e Yuri. Aguirre completa as cinco mudanças.

37min – UH! Daniel lança linda bola para Edenilson, que escapa pela esquerda e aciona Caio. Camisa 47 corta para a perna direita e, dentro da área, finaliza rasteiro. Fernando Miguel encaixa.

39min – UUUUUUUUUH! Mauricio arma contra-ataque para o Inter e deixa com Caio, que tenta o passe rasteiro na segunda trave. Guerrero teria o gol aberto para marcar, mas a zaga cortou em escanteio!

42min – UUUUUUH! DE NOVO, MAURICIO SERVE! Agora, do 27 para Palacios, que invade a área pela direita, ajeita para soltar a bomba e manda por cima. Quase, quase!

45min – Com quatro de acréscimos, vamos a 49.

49min – Jogo encerrado em Goiânia.


Ficha técnica:

Atlético-GO (0): Fernando Miguel; Arnaldo, Wanderson, Éder e Igor Cariús; Baralhas, Willian Maranhão, André Luis (Rickson), João Paulo e Arthur Henrique (Janderson); Zé Roberto (Montenegro). Técnico: Eduardo Barroca.

Internacional (0): Daniel; Heitor, Bruno Méndez, Victor Cuesta e Moisés (Paulo Victor); Edenilson, Johnny (Guerrero), Rodrigo Dourado e Patrick (Caio Vidal); Taison (Palacios) e Yuri Alberto (Mauricio). Técnico: Diego Aguirre.

Cartões amarelos: Zé Roberto (A). Rodrigo Dourado e Palacios (I).

Arbitragem: Marielson Alves Silva, auxiliado por Alessandro Álvaro Rocha de Matos e Edevan de Oliveira Pereira. Quarto árbitro: Osimar Moreira da Silva Júnior. VAR: Pathrice Wallace Corrêa Maia.

Estádio: Antônio Accioly-GO.

Com um gol no início e outro no fim, Inter empata com o Santos na Vila

O Clube do Povo foi até o litoral paulista na tarde deste domingo (22/08), para a disputa da 17ª rodada do Brasileirão, e retornou para casa com ponto importante na bagagem. Na Vila Belmiro, Mercado, aos sete do primeiro, e Yuri, aos 44 do segundo tempo, marcaram para o Inter no empate de 2 a 2 com o Santos, resultado que leva o Colorado aos 22 pontos no Nacional.

Os comandados de Diego Aguirre voltam a campo no próximo domingo (29/08), às 18h15, diante do Atlético-GO. Fora de casa, a partida integrará a 18ª rodada, penúltima do primeiro turno. No momento, o Inter é 10º na tabela, a apenas dois pontos do G6, grupo que engloba equipes classificadas para a próxima edição da Libertadores da América.


Inter começa melhor, Santos cresce

Gabriel Mercado precisou de apenas sete minutos para marcar seu primeiro gol com a camisa colorada. Recompensando o bom início de jogo do time de Aguirre, o argentino aproveitou bola alçada por Dourado para, após domínio tranquilo, mandar de canhota, com estilo, fora do alcance de João Paulo. Na sequência, o Santos respondeu com dois escapes, mas ineficazes por impedimento, primeiro, e falta de pontaria, depois.

Às investidas rivais, o Inter respondeu também com suas tramas. Pouco antes dos 20, Patrick, servido por Taison, e Dourado, após escanteio cobrado por Edenilson, quase ampliaram para o Clube do Povo, mas também ficaram por detalhe de balançar as redes. Corrido, o jogo parecia pedir por um gol, e ele saiu do lado mandante. Pirani, aos 23, empatou.

O gol virou a chave do jogo, que viveu um terceiro momento, seguinte ao de domínio colorado e a outro marcado por equilíbrio. A partir do empate, o Santos fez valer o fator local e, com especial destaque para o corredor esquerdo de ataque, passou a pressionar em busca da virada, que chegou, aos 34, com Madson.


Ousadia recompensada

O Inter de Diego Aguirre não concebia a possibilidade de sucumbir na Vila Belmiro, determinação comprovada na postura agressiva do reinício de partida. Soltos, os laterais colorados viraram alas, e uma verdadeira blitz foi armada em cima do time da casa, que passou a ser sufocado por um Clube do Povo incessante na busca pelo placar.

Boschilia por Lindoso, Guerrero na vaga de Mercado, Palacios e Paulo Victor alçados nos lugares de Patrick e Moisés. Corajoso, o Inter não cedeu nem mesmo ao cansaço, natural para quem há tanto pressionava. A recompensa da postura ofensiva chegou com o gol de empate, anotado por Yuri, aos 44, após assistência de Edenilson, maravilhosamente servido por Dourado.


Primeiro tempo

7min – GOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOL! É GOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOL! É DO INTER! É DO CLUBE DO POVO! É DO COLORADO ALEGRIA DOS NOSSOS CORAÇÕES! É GOL DE ESTREANTE, DE DEBUTANTE! MERCADOOOOOOOOOOO! Moisés levanta na área falta sofrida pela intermediária esquerda de ataque. A zaga santista consegue o corte parcial, mas a sobra é de Dourado, que devolve para a confusão. Livre, mas em condição regular, Mercado domina para a perna esquerda e, sem deixar cair, finaliza de canhota, indefensável para João Paulo.

11min – Carlos Sánchez, de sem-pulo, emenda um voleio na área colorada e obriga Daniel a operar grande milagre. No rebote, Marcos Leonardo manda para as redes, mas em condição irregular, indicada pelo bandeira e confirmada pelo VAR.

16min – Marcos Leonardo fica com a sobra de erro na saída de jogo do Inter e, na área vermelha, finaliza. Forte, ela sai por cima.

20min – SAAAAAAALVA A ZAGA! Dourado recupera a bola para o Inter e percebe Taison com espaço. Camisa 10 deixa com Patrick, que invade a área e solta a bomba. Wagner Leonardo voa em carrinho salvador e consegue o desvio. Escanteio!

21min – UUUUUUH! Edenilson cobra escanteio pela direita, Dourado desvia na primeira trave e ela sai ao lado do poste.

23min – Santos empata com Gabriel Pirani.

26min – PRA FOOOOOOORA! Moisés escapa pela esquerda e é percebido por Taison. Lateral cruza rasteiro, e Yuri, com a canhota, desvia. Teimosa, ela sai ao lado.

32min – Jean Mota cobra escanteio da esquerda. Na primeira trave, Luiz Felipe desvia, e ela sai com perigo.

34min – Madson, de cabeça, vira o jogo para o Santos.

38min – Amarelo para Lindoso.

45min – Mais dois. Vamos a 47.

47min – Intervalo na Vila!


Segundo tempo

0min – Inter volta com mudança. Entra Boschilia, sai Lindoso.

2min – Wagner Leonardo recebe o amarelo por falta descarada em Yuri.

3min – MILAAAGRE! Taison serve linda bola para Edenilson, que invade a área santista pela direita e finaliza rasteiro. João Paulo manda em escanteio.

7min – NÃO EXPULSOU? Taison invadiria a área em velocidade, mas sofre empurrão de Wagner. Árbitro marca a falta, mas não apresenta o segundo amarelo.

7min – Na cobrança, Moisés manda por cima. Levou perigo!

10min – Mercado recebe o amarelo por falta em Marcos Leonardo. VAR chama o árbitro e sugere expulsão, mas Wagner mantém a decisão de campo.

12min – DA-NI-EEEEEEEEL! Marcos Leonardo invade a área colorada pela esquerda e solta o canhotaço. Goleiro sai muito bem da meta e abafa o arremate.

17min – UH! Taison, de longe, enche o pé. João Paulo encaixa com dificuldade!

20min – Vem Guerrero, sai Mercado. Muda o Inter!

24min – POR CIIIIIMA! Taison aciona Moisés, que cruza rasteiro para Guerrero. Camisa nove entorta dois marcadores, corta para a canhota e solta a bomba, que sai por cima.

29min – Bruno Marques e Balieiro. Duas novidades do Santos, que substituem, respectivamente, Sánchez e Marcos Leonardo.

34min – Duas trocas no Colorado. Palacios vem, Patrick vai, Paulo Victor entra, Moisés sai.

41min – UUUUUUUUUUH! Palacios escapa pelo centro e serve Guerrero, que finaliza da entrada da área. Levou enorme perigo!

44min – GOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOL! É DO EMPATEEEEEEEEEEEEEEEEE! É GOOOOOOOOL! É DE YURI! É A LEI DO EX! É DO CLUBE DO POVO! É DA ALEGRIA DOS NOSSOS CORAÇÕES! Dourado, pelo centro de ataque, descola lindo lançamento para Edenilson, que infiltra com a tradicional qualidade na área rival. Praticamente no retângulo pequeno, o camisa oito ajeita de primeira para Yuri, que manda para as redes abertas. Tudo igual na Vila!

45min – Mais cinco. Vamos a 50.

47min – UUUUUUUUUUUH! Taison estica grande bola para Paulo Victor, que entorta o marcador e solta o tiro cruzado e rasteiro. Luiz Felipe manda pela linha de fundo.

48min – Johnny por Yuri. Troca Aguirre pela última vez.

50min – Fim de papo na Vila. Inter empata com o Santos!


Ficha técnica:

Santos (2): João Paulo; Madson, Luiz Felipe, Wagner Leonardo e Felipe Jonathan; Camacho, Jean Mota, Carlos Sánchez (Balieiro), Pirani e Lucas Braga; Marcos Leonardo (Bruno Marques). Técnico: Fernando Diniz.

Internacional (2): Daniel; Mercado (Guerrero), Bruno Méndez, Victor Cuesta e Moisés (Paulo Victor); Edenilson, Rodrigo Dourado, Rodrigo Lindoso (Boschilia) e Patrick (Palacios); Taison e Yuri Alberto (Johnny). Técnico: Diego Aguirre.

Gols: Mercado, aos 7’/1ºT , e Yuri, aos 42’/2ºT (I). Pirani, aos 23’/1ºT, e Madson, aos 34’/1ºT (S).

Cartões amarelos: Lindoso e Mercado (I). Wagner Leonardo (S).

Arbitragem: Wagner Nascimento Magalhães apita, auxiliado por Michael Correia e Thiago Henrique Farinha. Quarto árbitro: Lucas Canetto Belotte. VAR: Rodrigo Carvalhães Miranda.

Estádio: Vila Belmiro-SP.

Gurias largam em desvantagem nas quartas do Brasileirão A1

Fotos: Ricardo Duarte

As Gurias Coloradas abriram as quartas de final do Brasileirão A1 nesta segunda-feira (16/08), diante do São Paulo, no Beira-Rio. Após Glaucia e Duda marcarem para o time visitante durante o segundo tempo, Djeni descontou para o Inter já nos acréscimos do confronto, encerrado em 2 a 1 para as paulistas.

No embate de volta, previsto para as 11h do próximo domingo (22/08), o Inter joga por vitória de dois ou mais gols de diferença no Morumbi. Triunfo pelo escore mínimo leva a decisão para os pênaltis, uma vez que tento anotado fora de casa não serve como critério de desempate. Demais resultados classificam o São Paulo.


Inter pressiona, São Paulo responde

As Gurias Coloradas armaram intensa blitz nos movimentos de abertura da partida, apostando na força do corredor esquerdo de ataque, ocupado por Shashá e Rafa Travalão, para desgastar a defesa paulista. Com muita movimentação, o Inter criou boas chances na primeira metade da etapa inicial, a melhor delas dos pés de Mileninha, que quase abriu o placar aos 24.

Atingida as cercanias de meia-hora de partida, o controle mudou de lado. A partir dos pivôs e escapes de Glaucia, o São Paulo cresceu no jogo e passou a ocupar com maior frequência o campo de ataque, também frequentado pelas meias Naná e Duda. Vivi, então, brilhou com intervenções providenciais que garantiram a manutenção do zero no placar.


Gol no fim aquece esperanças

Os 10 minutos de reinício de partida presenciaram dinâmica truncada e de poucas chances para os dois lados, com o Inter apostando nos arremates de longa distância para incomodar Carla. Pouco depois, porém, o São Paulo voltou a crescer no jogo e, desta vez, foi letal. Glaucia, aos 14, abriu a conta.

Em desvantagem, Maurício Salgado adotou postura mais ofensiva, com destaque para a entrada de Wendy, que ofereceu importante escape pelo corredor direito de ataque. A bola aérea passou a ser bastante explorada pelo Inter, mas quem voltou a marcar foi o São Paulo, em preciso chute de perna canhota de Duda.

Quando o duelo caminhava em direção ao seu ocaso, e a desvantagem tornava bastante indigesta a missão para o próximo final de semana, brilhou a estrela de Djeni Becker. Acionada por Ariane aos 47, a camisa oito brigou com a zaga rival e, dentro da área, mandou para as redes. Encerrado o jogo, as Gurias sofriam uma derrota dura, mas completamente reversível.


Primeiro tempo

4min – UH! Pressiona o Inter! Rafa Travalão faz boa jogada pelo corredor direito e cruza com perigo. Defesa paulista corta parcialmente, Djeni pega a sobra e finaliza bloqueada.

9min – SAAAAALVA, CARLA! Shashá faz grande jogada pela esquerda, invade a área e aciona Rafa Travalão. Dela para Mari Pires, que gira bonito e finaliza rasteiro. Goleira defende.

13min – UUUUUUH! Djeni recebe com espaço na intermediária de ataque e, ignorando a distância, arrisca forte. Tirou tinta do poste!

14min – SALVA, GISLAINE! Fabi Simões percebe Mileninha escapando em profundidade e serve a atacante, que finaliza travada pela zagueira.

24min – QUE CHANCE! Rafa Travalão lança Mileninha nas costas de Lauren. A zagueira não consegue o corte e ela chega limpa para a atacante colorada, que invade a área pela esquerda e finaliza colocado. Carla defende!

32min – IMPEDIMENTO! Duda recebe de Glaucia e, pela direita da área colorada, cruza na direção de Naná. Adversária estava em condição irregular, mas, mesmo assim, Vivi operou milagre.

35min – Giovana invade a área colorada pela direita e cruza à meia-altura. Isa, providencial, consegue o corte.

43min – VIVI! Naná e Glaucia tabelam pela esquerda do ataque paulista. Camisa nove recebe na altura da quina da grande área, abre ângulo e finaliza forte. Goleira do Inter defende!

45min – SAAALVA, VIVI! Micaelly, pela esquerda da intermediária de ataque, levanta na área colorada. Gislaine desvia na direção do contrapé da goleira do Inter, que encaixa com enorme segurança.

45min – Mais quatro. Vamos a 49!

49min – Intervalo no Beira-Rio.


Segundo tempo

4min – Rafa Travalão recebe o amarelo por falta em Micaelly.

7min – Djeni fica com a sobra de corte da zaga paulista e, pela direita da grande área, finaliza forte. Por cima, por pouco!

10min – Shashá recebe na intermediária de ataque, abre ângulo para a perna canhota e finaliza por cima do travessão.

10min – Pressiona o Inter! Isa recebe de Djeni, que tomara a bola no campo de ataque, e solta a bomba. Ao lado, ela sai em tiro de meta.

12min – Naná deixa o campo. Vem Jaqueline no São Paulo.

14min – Glaucia, de pênalti, abre o placar para as paulistas.

17min – Leidi por Wendy. Muda o Inter.

19min – Yayá recebe cruzamento da direita e, praticamente na pequena área, finaliza. Rafa Travalão atrapalha, e a meio-campista rival desperdiça.

22min – Ximena é a novidade no Inter. Mari Pires deixa o campo.

26min – COMO NÃO MARCOU? Rafa cobra escanteio da direita, que Bruna desvia na primeira trave. Duda espalma (!), mas árbitro nada marca.

30min – Cris por Micaelly. Muda o São Paulo.

30min – No Inter, Mileninha deixa o campo com dores. Ari entra.

32min – UUUUUUUUUH! Djeni percebe Wendy nas costas da zaga e serve a uruguaia, que invade a área paulista pela esquerda, faz o corte na primeira marcadora mas, antes do arremate, é atrapalhada por Gislaine.

37min – Duda, em lindo chute de perna canhota, amplia para o São Paulo.

38min – QUASE! Fabi faz fila pelo corredor esquerdo, invade a área e finaliza rasteiro. Desviada, ela sai em escanteio.

45min – Mais cinco. Vamos a 50!

47min – GOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOL! É GOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOL! GOL DO INTERNACIONAL! É DO CLUBE DO POVO! É DAS GURIAS COLORADAS! DJENI, DJENI, DJENI BECKER! Ariane levanta bola açucarada pela esquerda do meio de campo. Ela chega em Djeni, que invade a área pela direita. A camisa oito briga com a zaga, fica com a sobra e, cara a cara com Carla, finaliza para as redes. Desconta o Inter!

48min – UUHHHHHHHH! Fabi Simões faz fila, agora pelo corredor direito, invade a área e finaliza rasteiro. Carla defende.

49min – Mais um.

50min – Fim de jogo no Beira-Rio!


Ficha técnica:

Internacional (1): Vivi; Leidi (Wendy), Bruna Benites, Sorriso e Shashá; Mari Pires (Ximena), Isa Haas, Djeni Becker e Rafa Travalão; Fabi Simões e Mileninha (Ari). Técnico: Maurício Salgado.

São Paulo (2): Carla; Giovana, Lauren, Gislaine e Dani; Maressa e Yayá; Naná (Jaqueline), Duda e Micaelly (Cris); Glaucia. Técnico: Lucas Piccinato.

Gols: Glaucia, aos 14’/2ºT, e Duda, aos 37/2ºT (S). Djeni Becker, aos 47’/2ºT (I).

Cartão amarelo: Rafa Travalão (I).

Arbitragem: Rafael Rodrigo Klein, auxiliado por Maíra Mastella Moreira e Tiago Augusto Kappes Diel. Quarto árbitro: Andressa Hartmann.

Estádio: Beira-Rio.

Com três de Yuri e um de Taison, Clube do Povo atropela o Flamengo no Maracanã

Maracanaço colorado! Fora de casa, o Clube do Povo atropelou o Flamengo, na noite deste domingo (08/08), em partida da 15ª rodada do Brasileirão. Yuri Alberto, três vezes, e Taison marcaram os gols do Inter na goleada de 4 a 0, resultado que leva os comandados de Diego Aguirre aos 18 pontos no Nacional.

+ Confira as entrevistas pós-jogo

Embalado pela atuação de luxo oferecida em solo carioca, o Inter também enfrentará time do Rio de Janeiro na próxima rodada, de número 16 no Brasileirão. A partir das 20h30 de domingo (15/08), o Clube do Povo recebe, no Beira-Rio, o Fluminense.


Inter mortal

De um lado, o dito time do momento, de futebol ofensivo e envolvente. O problema para ele? Do outro, estava o Clube do Povo do Rio Grande do Sul. Após construir 10 minutos de intensa pressão, o Flamengo sofreu para achar espaços na bem postada defesa colorada, ao passo que o Inter, inteligente, escapava com facilidade do adversário.

Aos 16, Edenilson e Yuri Alberto tabelaram com agilidade pela direita, e o camisa oito encontrou espaço açucarado para servir o companheiro, que não perdoou. O caminho estava pela direita, explorada por Saravia poucos minutos depois, quando Yuri quase ampliou. O segundo dele, porém, estava guardado para os 40, quando recebeu de Patrick e mandou para as redes.


Rolo compressor

Se a etapa inicial presenciou um Inter eficaz, mas também preocupado defensivamente, o segundo tempo foi de show colorado em todos os setores. Pela primeira vez desde seu retorno ao Beira-Rio, Taison marcou um gol com a camisa colorada, anotado exatamente contra o último adversário que flagelara em sua primeira passagem. Aos 10 do segundo tempo, o ídolo alvirrubro atravessou o campo inteiro para ampliar o placar: 3 a 0!

O passeio nocauteou o rival, que perdeu Gabriel Barbosa, expulso, aos 13. A superioridade numérica ofereceu ainda mais espaços para o Inter, que chegou ao quarto com Yuri Alberto. Para marcar seu segundo hat-trick pelo Clube do Povo, o camisa 11 escapou nas costas da zaga rival, recebeu linda assistência de Edenilson e, de frente com Diego Alves, fuzilou. Colorado 4 a 0, e atropelo confirmado no Maracanã.


Primeiro tempo

8min – Gabriel sai cara a cara com Daniel e finaliza sem direção. Tiro de meta para o Inter.

15min – Everton Ribeiro, da intermediária ofensiva, arrisca. Daniel, no centro do gol, encaixa.

18min – GOOOOOOOOOOOOOL! É GOOOOOOOL! É GOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOL! GOOOOOOOOOOOOOL DO INTERNACIONAL! DO CLUBE DO POVO! DO COLORADO! YURI, YURI, YURI ALBERTO É NOME DA ALEGRIA VERMELHA! Edenilson recebe bom passe de Lindoso e, já no campo de ataque, aciona Yuri. O camisa 11 devolve para Ed, que corta a zaga e serve o companheiro. Cara a cara, o atacante alvirrubro finaliza com muita qualidade

Comemore o gol de Yuri na narração da Rádio Colorada

20min – PRA FOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOORA! Saravia escapa pela direita e cruza rasteiro. Na pequena área, livre, Yuri finaliza ao lado da meta rubro-negra. Quase, quase!

26min – FALTA! Taison inverte linda bola para Saravia, que escapa pela direita e é parado com tapa de Filipe Luís. Bandeira marcou.

40min – GOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOL! É GOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOL! É DELE, É DELE, É DE NOVO DELE! YURI, YURI, YURI ALBEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEERTO FAZ A FESTA NO MARACANÃ! Saravia escapa pela direita em altíssima velocidade e inverte linda bola para Patrick. Na altura da quina esquerda da grande área, o Pantera aciona Yuri, que invade a área e solta o canhotaço. Com leve desvio, ela mata Diego Alves, que nada consegue fazer.

O segundo do Inter na narração da Mais Vermelha

44min – MILAAAAAAAAGRE DE DANIEL! Diego cruza linda bola para Bruno Henrique, que desvia, dentro da pequena área, à queima-roupa. Goleiro colorado salva o Inter e, no rebote, antecipa-se a Everton Ribeiro e garante segurança para a pátria vermelha.

45min – Mais cinco. Vamos a 50!

46min – DANIEL! Diego finaliza de muito longe, e goleiro colorado encaixa em dois tempos.

50min – Árbitro abre o intervalo, Diego reclama de alguma coisa e recebe o amarelo.


Segundo tempo

8min – CUESTA! Isla invade a área colorada pela direita e tenta o cruzamento rasteiro. Patrón desvia e ela morre em escanteio.

10min – ELE VOOOOOOOOLTOOOOOOU! ELE ESTÁ ENTRE NÓS! ELE ESTÁ DE VOLTA! É GOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOL! É GOOOOOOOOOOOOOOOOOOOL! É GOOOOOL! É DO INTERNACIONAL! É DA MINHA CRIA! É COM O DNA DO CELEIRO, DO POVO, DA MINHA GENTE! É DE TAAAAAAAAAAAAISON! Flamengo cobra escanteio por cima, defesa colorada afasta, Patrick ajeita e ela sobra limpa para Taison. O camisa 10 deixa o primeiro para trás, dá uma meia-lua em Filipe Luís, invade a área rubro-negra e solta um petardo, rasteiro, endereçado às redes cariocas.

Assim a Rádio Colorada narrou o golaço de Taison

13min – Muda o Flamengo. Diego vai Michael vem.

14min – SAAAAAAAAAAAALVA, DANIEL! Após escanteio cobrado pela direita, Léo Pereira vai no terceiro andar e cabeceia para o chão. Goleiro colorado opera um milagre cinematográfico.

16min – Gabriel Barbosa é expulso por reclamação.

23min – UUUUUUUUUH! Saravia serve Lindoso, que sai de cara com Diego Alves e finaliza rasteiro. Goleiro salva os visitantes.

24min – VIROU PASSEIO! VIROU MASSACRE! VIROU ATROPELO! É MAIS UM! É HAT-TRICK DO MEU 11! É GOL! É GOL! É GOL! É GOOOOOOOL! É GOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOL! É GOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOL! Edenilson, pela direita, rente à linha lateral, serve assistência maravilhosa para Yuri Alberto. Camisa 11 invade a área com enorme liberdade, se aproxima de Diego Alves e solta um foguete indefensável. O Clube do Povo abre 4 a 0!

Festeje a goleada confirmada pelos microfones da Colorada

26min – Muda o Flamengo. Entram Thiago Maia e Pedro, saem Everton Ribeiro e Arrascaeta.

26min – Taison deixa o campo. Entra Palacios.

30min – Palacios recebe o amarelo por falta no campo de ataque.

34min – Heitor e Guerrero entram no Inter. Sacados Saravia e Edenilson.

40min – QUAAAAAAAAAASE! Yuri escapa em velocidade pelo corredor direito e cruza para Guerrero. Na entrada da área, pela esquerda, o peruano domina e, após bonito giro, finaliza rasteiro. Foi por muito pouco.

42min – SAAAAAAAAAAALVA, DANIEL! Michael invade a área colorada a dribles e, dentro da pequena área, finaliza. Goleiro do Inter arma o muro e salva.

43min – Novas duas trocas no Clube do Povo. Johnny e Caio por Dourado e Yuri.

45min – Sete de acréscimos. Vamos a 52.

51min – Jogo encerrado no Maracanã!


Ficha técnica:

Flamengo (0): Diego Alves; Mauricio Isla, Gustavo Henrique, Léo Pereira e Filipe Luís; Willian Arão, Diego (Michael), Everton Ribeiro (Thiago Maia), Giorgian De Arrascaeta (Pedro) e Bruno Henrique; Gabriel Barbosa. Técnico: Renato Portaluppi.

Internacional (4): Daniel; Renzo Saravia (Heitor), Bruno Méndez, Victor Cuesta e Paulo Victor; Rodrigo Dourado (Caio Vidal), Rodrigo Lindoso e Edenilson (Paolo Guerrero); Taison (Carlos Palacios), Yuri Alberto (Johnny) e Patrick. Técnico: Diego Aguirre.

Gols: Yuri Alberto, aos 18’/1ºT, aos 40’/1ºT e aos 24’/2ºT, e Taison, aos 9’/2ºT (I).

Cartões amarelos: Gabriel Barbosa e Diego (F); Pedro Henrique e Carlos Palacios (I).

Cartão vermelho: Gabriel Barbosa (F).

Arbitragem: Paulo Roberto Alves Junior (PR), auxiliado por Victor Hugo Imazu dos Santos (PR) e Sidmar dos Santos Meurer (PR). Quarto árbitro: Rafael Martins de Sá (RJ). Ábitro de Vídeo (VAR): Adriano Milczvski (PR). Auxiliar do VAR: Luciano Roggenbaum (PR).

Estádio: Maracanã, Rio de Janeiro (RJ).

Inter empata sem gols com o Cuiabá no Beira-Rio

No Beira-Rio, o Internacional empatou sem gols com o Cuiabá-MT, na noite deste sábado (31/07), em partida da 14ª rodada do Brasileirão. No próximo domingo (08/08), o Clube do Povo visita o Flamengo, no Maracanã, na continuidade do campeonato. O duelo ocorre a partir das 18h15.


Jogo truncado

O primeiro tempo presenciou duas equipes com propostas bastante distintas no Beira-Rio. Enquanto o Inter contava com meio-campistas de grande poder de construção, assim buscando o controle da posse de bola, o Cuiabá foi a campo postado com duas linhas de quatro muito retraídas, que apostavam nos escapes de Clayson como principal arma ofensiva.

Dentro de suas ideias, cada equipe criou boas oportunidades na etapa inicial. As melhores do Inter saíram dos pés de Caio, travado pela zaga, e Palacios, milagrosamente negado por Walter. Já o Cuiabá assustou com Clayson e Jenison. Ambos arremataram pela linha de fundo, contribuindo para a manutenção do zero no placar até o intervalo.


Placar zerado

Os espaços ficaram ainda mais escassos na etapa final, que presenciou boas tramas do Cuiabá, nenhuma convertida em gol. De sua parte, o Inter acumulou posse de bola ainda maior do que nos primeiros 45 minutos, mas sofreu para superar o ferrolho adversário, que também seguiu intransponível até o último apito.


Primeiro tempo

0min – INTER COMEÇA EM CIMA! Moisés escapa em velocidade pela esquerda, vai ao fundo e cruza com desvio. Guerrero briga pelo cabeceio, mas a zaga corta.

15min – Taison pega a sobra de corte parcial da zaga visitante e emenda chute forte. De primeira, ela sai por cima.

17min – Moisés recebe pela esquerda e arrisca chute forte, mas travado. No rebote, Taison serve linda bola para Dourado, que sai de frente com o goleiro, mas não consegue o domínio. Na sequência, lance é anulado por impedimento.

19min – Mauricio, com dores, deixa o campo. Caio Vidal entra.

24min – UH! Dourado aciona Guerrero nas costas da marcação. Peruano invade a área e finaliza forte, por cima.

25min – CANTO BOLA! Moisés escapa pela esquerda e cruza na primeira trave. Zaga corta, mas a sobra é de Caio, que finaliza. Com desvio, ela sai por escanteio. Quase o primeiro do Inter.

33min – MILAAAAAAAAAAAAGRE! Guerrero faz excelente pivô para Edenilson, que invade a área e abre o jogo com Palacios. Chileno finaliza cruzado, Walter salva e, no rebote, a zaga impede o gol de Taison.

43min – Pepê faz boa jogada pela esquerda e serve Clayson, que bate forte, de primeira, da entrada da área. Tiro de meta para o Inter.

45min – Mais dois. Vamos a 47.

46min – Clayson escapa em velocidade do campo de defesa e, já na área colorada, deixa com Gava. O meia aciona Jenison, que tem espaço, mas finaliza mal.

48min – Intervalo no Beira-Rio.


Segundo tempo

0min – Inter retorna com mudança. Entra Vinicius Mello, sai Guerrero.

2min – Jenison dribla Dourado e, pela intermediária ofensiva, arrisca chute cruzado. Forte, ela levou perigo.

4min – Clayson recebe o amarelo por reclamação.

16min – Inter constrói boa jogada pela esquerda! Taison, Caio e Moisés tabelam, e a bola chega em boas condições para o lateral, que cruza rasteiro. Vini Mello não consegue o desvio por detalhe!

17min – UUUUH! Dourado recupera no campo de ataque e aciona Vini Mello. Dele com Taison, que abre o jogo até Caio. Camisa 47 finaliza forte, mas Walter defende em dois tempos.

18min – VIIIIIIIICTOR CUESTA! Jenison recupera a posse no campo de ataque e parte para cima da zaga colorada. Acompanhado por Gava, ele tenta a assistência para o companheiro, mas El Patrón consegue corte providencial.

22min – Vini Mello recebe de Taison, faz o giro dentro da área e finaliza rasteiro. A bola explode na rede, mas de fora.

23min – Sai Palacios, entra Boschilia. Muda o Inter.

23min – No Cuiabá, duas trocas: Osman e Yuri e entram, Camilo e Uillian Correia saem.

24min – DA-NI-EL! Osman escapa pelo corredor direito de ataque e, dentro da área, solta o pé.

29min – Cuesta recebe o amarelo por falta em Osman.

30min – Defende, Walter! Edenilson cobra escanteio pela direita, Cuesta sobe bem na segunda trave e desvia para baixo. Goleiro encaixa.

34min – Osman amarelado por antijogo.

43min – Moisés, que há minutos recebera amarelo por reclamação, agora leva o segundo e é expulso.

43min – Rafael Elias entra, Jenison sai.

44min – Paulão amarelado por reclamação.

45min – Mais seis. Vamos a 51.

47min – Caio Vidal sai, Paulo Victor entra. Muda o Inter.

47min – No Cuiabá, Gava dá lugar a Auremir, e Felipe Marques substitui Clayson.

51min – Pepê corta da esquerda para o centro e finaliza colocado. Ao lado do poste de Daniel, ela sai em tiro de meta.

52min – Fim de jogo.


Ficha técnica:

Internacional (0): Daniel; Renzo Saravia, Bruno Méndez, Victor Cuesta e Moisés; Rodrigo Dourado, Edenilson e Taison; Carlos Palacios (Gabriel Boschilia), Paolo Guerrero (Vinicius Mello) e Mauricio (Caio Vidal, depois Paulo Victor). Técnico: Diego Aguirre.

Cuiabá (0): Walter; João Lucas, Marllon, Paulão e Uendel; Camilo (Osman), Uillian Correia (Yuri), Rafael Gava (Auremir) e Pepê; Clayson (Felipe Marques) e Jenison (Rafael Papagaio). Técnico: Jorginho.

Cartões amarelos: Victor Cuesta e Moisés (I). Paulão, Osman e Clayson (C).

Cartão vermelho: Moisés (I).

Arbitragem: Paulo César Zanovelli (MG), auxiliado por Felipe Alan Costa de Oliveira (MG) e Leonardo Henrique Pereira (MG). Quarto árbitro: Lucas Guimarães Rechatiko Horn (RS). Árbitro de Vídeo (VAR): Rodrigo Carvalhaes de Miranda (RJ). Auxiliar do VAR: Diogo Carvalho Silva (RJ).

Estádio: Beira-Rio.

Inter é superado em Curitiba

O Colorado foi superado por 2 a 1 pelo Athletico-PR, no início da noite deste domingo (25/07), em partida da rodada 13 do Brasileirão. Na Arena da Baixada, Terans e Vitinho marcaram para os mandantes no primeiro tempo, enquanto Edenilson descontou para o Inter na etapa final. No Beira-Rio, o Clube do Povo volta a campo no próximo sábado (31/07), às 20h, diante do Cuiabá.


Adversário pressiona

Dono da casa e habituado ao gramado sintético, o Athletico-PR controlou a posse de bola no início do confronto. Bem postado na defesa, o Clube do Povo conseguiu neutralizar os primeiros movimentos da equipe mandante, que respondeu à segurança colorada adiantando suas linhas para pressionar a saída de jogo vermelha.

A atitude mordedora valeu ao rival falta perigosa na casa dos 35, que Terans converteu em precisa cobrança. Logo depois, o Inter empataria em lindo gol Caio, mas o lance foi anulado, após longa consulta ao VAR, por falta na origem da jogada. Nos acréscimos, Vitinho, em jogada de velocidade construída pela esquerda, marcou o segundo e último antes do intervalo.


Inter luta pelo empate

O Inter retornou do intervalo ofensivo em busca do gol de desconto, que Edenilson, em cobrança de pênalti, marcou aos 19 minutos. Nos instantes seguintes, o Colorado criou novas oportunidades, por detalhe não convertidas em empate que ofereceria justiça ao placar, em definitivo encerrado com 2 a 1 para os locais, resultado que mantém o Clube do Povo com 24 pontos na tabela.


Primeiro tempo

6min – Caio Vidal é lançado na direita da área adversária, investe contra Thiago Heleno e finaliza forte. Ao lado, ela sai com perigo.

8min – Matheus Babi recebe o amarelo por falta em Caio.

12min – Lesionado após derrubar Caio, Babi deixa o campo. Entra Renato Kayzer.

13min – Vitinho comete falta em Cuesta e também leva o amarelo.

21min- Terans recebe na intermediária de ataque, corta para a perna canhota e finaliza forte. Ela sai ao lado, com perigo.

30min – Mauricio puxa contra-ataque para o Inter, recebe de Yuri Alberto, invade a meia-lua da área rival e abre jogo em Edenilson. O camisa oito levanta na segunda trave, na medida para Caio, que cabeceia com enorme perigo.

32min – Athletico cobra escanteio curto. Aberta, a bola morre nos pés de Nikão, que finaliza, mesmo sem ângulo, com força. Daniel encaixa!

35min – David Terans, de falta, abre o placar para o Athletico.

39min – Yuri, da entrada da área, arrisca. Bento, no meio do gol, defende em dois tempos.

44min – Inter empata o jogo em lindo gol de Caio Vidal, mas o lance é anulado, após intervençāo do VAR, por falta na origem da jogada. Thiago Galhardo e Aguirre recebem o amarelo por reclamação.

45min – Mais cinco. Vamos a 50.

45min – UUUUUUUUH! Dourado lança linda bola nas costas da zaga paranaense. Edenilson domina na área rival, a defesa corta, mas a sobra é de Moisés, que cruza para Ed. O chute sai sem direção.

47min – Vitinho pega a sobra de corte parcial da zaga colorada e finaliza forte para ampliar.

50min – Intervalo na Baixada.


Segundo tempo

2min – Boschilia recebe na intermediária esquerda de ataque, encontra espaço para a canhota e solta um foguete. A bola explode na forquilha e teima em não entrar.

9min – Yuri Alberto escapa pela intermediária ofensiva, invade a área cortando para a perna direita e chuta forte. Bento defende.

11min – DANIEL! Nikão corta da direita para o centro e solta chute forte. Goleiro colorado espalma o canhotaço pela linha de fundo.

15min – Dupla troca no Inter. Palacios e Galhardo entram, Mauricio e Caio saem.

18min – PÊNALTI! Nicolas abraça a bola na área mandante!

19min – GOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOL! GOL DO INTER, GOL DO INTER, GOL DO INTER, GOL DO INTEEEEEEEEEEEEEEEER! Edenilson, no canto esquerdo de Breno, cobra com precisão para descontar. Goleiro rubro-negro sequer deixa o centro do gol, apenas assistindo ao tento vermelho.

O gol de Edenilson na narração da Rádio Colorada

21min – Yuri amarelado.

23min – UUUUH! Palacios serve Boschilia, que cruza do lado esquerda. Na segunda trave, Galhardo cabeceia com perigo.

26min – Boschilia também recebe o amarelo.

28min – Boschilia vai, Juan Cuesta.

31min – UUUUUUUUH! Yuri escapa em altíssima velocidade pelo corredor direito e cruza para a entrada da área. Edenilson finaliza rasteiro, a bola supera Bento, mas a zaga consegue o bloqueio debaixo das traves.

32min – PRA FORA! Juan Cuesta faz fila da esquerda para o centro e deixa com Edenilson, que finaliza cruzado, rasteiro. Boa trama!

33min – POR DETAAAAAAAAAAALHE! Palacios recebe de Heitor, escapa pela direita e cruza rasteiro. Na primeira trave, Galhardo resvala na bola, mas não consegue colocar direção.

33min – Bento amarelado por cera.

34min – Canesin entra, Terans é sacado. Troca nos locais.

38min – Tripla troca no Athletico. Marcinho, Vitinho e Christian saem, Khellven, Zé Ivaldo e Erick entram.

39min – Muda o Inter. Vinicius Mello por Yuri Alberto.

45min – Mais cinco. Uma vez mais, etapa será encerrada com 50.

50min – Jogo encerrado na Baixada.


Ficha técnica:

Athletico-PR (2): Bento; Marcinho (Khellven), Pedro Henrique, Thiago Heleno e Nicolas; Christian (Erick), Léo Cittadini, Nikão, David Terans (Fernando Canesin) e Vitinho (Zé Ivaldo); Matheus Babi (Renato Kayzer). Técnico: António Oliveira.

Internacional (1): Daniel; Heitor, Bruno Méndez, Victor Cuesta e Moisés; Rodrigo Dourado, Edenilson e Gabriel Boschilia (Juan Cuesta); Caio Vidal (Carlos Palacios), Yuri Alberto (Vinicius Mello) e Mauricio (Thiago Galhardo). Técnico: Diego Aguirre.

Gols: David Terans, aos 35’/1T, e Vitinho, aos 47’/1T (A). Edenilson, aos 19’/2T (I).

Cartões amarelos: Matheus Babi, Bento, Vitinho e Renato Kayzer (A). Yuri Alberto, Gabriel Boschilia, Yuri Alberto, Diego Aguirre.

Arbitragem: Thiago Luis Scarascati, auxiliado por Alex Ang Ribeiro e Miguel Cataneo Ribeiro. Trio paulista. Quarto árbitro: João Paulo Romano Queiroz (PR). Árbitro de Vídeo (VAR): José Cláudio Rocha Filho (SP). Auxiliar do VAR: Herman Brumel Vani (SP).

Estádio: Arena da Baixada, Curitiba (PR).

Inter se despede da Libertadores

O Internacional empatou sem gols com o Olimpia-PAR, na noite desta quinta-feira (22/07), na partida de volta das oitavas de final da Libertadores. Com o resultado, a decisão de vaga na próxima fase seguiu para as penalidades, vencidas, por 5 a 4, pela equipe visitante, que deixou o Beira-Rio classificada.

Agora, o Inter volta suas atenções para o Campeonato Brasileiro. Pela 13ª rodada nacional, O Clube do Povo enfrenta o Athletico-PR, no próximo domingo (25/07), a partir das 18h15. O confronto terá como palco a Arena da Baixada.


Placar teimoso

O Inter criou muitas oportunidades na primeira etapa, a grande maioria defendida pelo goleiro Aguilar, que viveu noite iluminada nesta quinta-feira. O único jogador que chegou a balançar as redes antes do intervalo foi Taison, que teve seu tento anulado por impedimento na origem da jogada. O camisa 10 também esbarrou na trave, igualmente vilã de um tempo inicial encerrado sem gols.


Tensão crescente

A pressão colorada, embora em escala ligeiramente inferior à do primeiro tempo, foi continuada com o reinício do confronto, e encontrou seu momento de maior relevância aos 20 minutos, quando Taison sofreu pênalti. Aguilar, todavia, defendeu a cobrança de Edenilson. Daí em diante, a tensão cresceu e as chances ficaram ainda mais escassas. Jogo encerrado, o duelo seguiu às penalidades, encerradas com triunfo adversário.


Primeiro tempo

1min – Inter avança pela direita com Yuri, que tabela com Heitor, invade a área e cruza rasteiro. Zaga corta em escanteio.

6min – MILAAAAAAAGRE! Taison faz grande jogada da esquerda para o centro e serve Yuri, que escapa de frente com Aguilar e arremata para grande defesa do goleiro. Quase o primeiro!

7min – UH! Edenilson cobra escanteio da direita. Na altura da marca do pênalti, Yuri sobe mais que a zaga e desvia por cima.

9min – Derlis González, de chaleira, aciona Ojeda. Pela direita da área colorada, o 32 paraguaio finaliza cruzado. Rasteira, ela sai ao lado.

15min – PRA FOOOOOOOOOOORA! Inter escapa em altíssima velocidade com Edenilson, que intercepta a saída de jogo alvinegra. Camisa oito serve Yuri, que estica com Taison. Dentro da área, o ídolo colorado finaliza rasteiro, e ela sai ao lado.

17min – UUUH! Taison aciona Heitor, que vai ao fundo e cruza. Desviada, ela quase toma o endereço do gol, mas sai em escanteio.

18min – SAAAAAAAALVA O GOLEIRO! Galhardo recebe de Yuri e sai de frente com Aguilar. Com a canhota, atacante finaliza para novo milagre do arqueiro.

22min – NO POOOOOOOOOOOOOOOOOSTE! Taison escapa em altíssima velocidade desde o campo de defesa, invade a área pela direita, corta para a canhota e finaliza rasteiro. A bola mata Aguilar, mas explode no poste direito do Olimpia.

27min – QUE PECADO! Galhardo é lançado pela esquerda e cruza aberto até Yuri, que serve Taison. Camisa 10 marca de cabeça, mas a jogada é anulada por impedimento de Thiago.

30min – Muda o Inter. Patrick, com dores, deixa o campo. Mauricio entra no lugar.

33min – ELA NÃO QUER ENTRAR! Moisés cobra falta pela esquerda da intermediária de ataque. Especialista como sempre, o lateral levanta na medida para Galhardo, que desvia para nova defesa de Aguilar. No rebote, Dourado, de canhota, manda por cima.

39min – PRA FOOOOOOOOOOOORA! Edenilson dá o chapéu no marcador e inverte até Moisés, que invade a área pela esquerda e cruza rasteiro. Galhardo finaliza, a bola explode na marcação e volta para Thiago, que emenda de primeira. Ao lado, por pouco!

40min – MAS O QUE É ISSO? QUE ATUAÇÃO É ESSA? Mauricio cruza linda bola para Yuri, que se projeta nas costas da marcação e, de primeira, finaliza de direita. Aguilar, DE NOVO, salva o Olimpia.

45min – Mais dois. Vamos a 47!

46min – AGORA É A ZAGA! Moisés recebe de Galhardo e, dentro da área, pela esquerda, solta a bomba rasteira. Alcaraz trava, providencial.

47min – Encerrado o primeiro tempo.


Segundo tempo

0min – Olimpia volta com Alejandro Silva no lugar de Recalde.

4min – UUUUUUUH! Galhardo aproveita falha da marcação do Olimpia e, pela quina direita da grande área, arrisca. Bola explode na rede, de fora.

6min – POR CIIIIIIIIIIIMA! Mauricio serve Moisés, que invade a área paraguaia em altíssima velocidade e solta um foguete. Quase o gol!

7min – Torres recebe o amarelo por falta em Yuri.

9min – Cuesta amarelado.

16min – Silva arrisca de muito longe. Forte, o chute sai por cima.

18min – UUUUUUUUH! Moisés cobra escanteio pela esquerda. Cuesta desvia, mas Pitta, a centímetros da linha fatal, afasta.

20min – PÊÊÊÊÊÊÊÊÊÊÊÊNAAAAAAALTI PARA O INTER! Galhardo cruza aberto da direita e a bola chega em Taison. Camisa 10 domina antes de Salazar, que promove um atropelo violento. Árbitro indica.

23min – Aguilar defende a cobrança de Edenilson.

24min – Sai Alcaraz, vem Cáceres. Olimpia troca.

29min – Orzusa recebe de Derlis e, na meia-lua, emenda de primeira. Tiro de meta para o Inter!

30min – Sai Heitor, vem Boschilia. Troca Aguirre.

36min – Orzusa, de meia-bicicleta, coloca para a área colorada. Silva cabeceia, mas sem direção.

37min – Taison e Yuri sacados. Entram Vini Mello e Palacios.

44min – González vem, Orzusa vai. Visitante troca.

45min – Quatro minutos de acréscimos.

49min – Vamos aos pênaltis. Jogo encerrado.


Pênaltis:

1-0: GOL! Edenilson abre a conta!

1-1: Silva marca para o Olimpia.

2-1: VAMOS! Boschilia recoloca o Inter na frente!

2-2: Pitta converte.

3-2: MOISÉÉÉS! Muito bem batida, no ângulo, sem chance de defesa.

3-3: Ojeda converte para os paraguaios.

4-3: GOOOOOOOL! Mauricio, no canto, com força.

4-4: Ortiz também faz.

4-4: Galhardo desperdiça.

5-4: Derlis marca para o Olimpia.


Ficha técnica:

Internacional (0)(5): Daniel; Heitor (Gabriel Boschilia), Bruno Méndez, Victor Cuesta e Moisés; Rodrigo Dourado, Edenilson e Taison (Vinícius Mello); Yuri Alberto (Carlos Palacios), Thiago Galhardo e Patrick (Mauricio). Técnico: Diego Aguirre.

Olimpia (0)(4): Alfredo Aguilar; Víctor Salazar, Saúl Salcedo, Antolín Alcaraz (Luis Cáceres) e Iván Torres; Richard Ortiz, Edgardo Orzusa (Walter González), Braian Ojeda e Derlis González; Jorge Recalde (Alejandro Silva) e Isidro Pitta. Técnico: Sergio Orteman.

Cartões amarelos: Victor Cuesta (I). Iván Torres (O).

Arbitragem: Christian Ferreyra apita, auxiliado por Pablo Llarena e Alberto Ponte, trio do Uruguai. Quarto árbitro: Jose Argote, da Venezuela. Árbitro de Vídeo (VAR): Julio Bascúñan, do Chile. Auxiliar do VAR: Cristian Garay, do Chile.

Estádio: Beira-Rio.

Inter vence o Juventude no Beira-Rio

Vence o Inter! O Clube do Povo superou o Juventude por 1 a 0 na noite deste domingo (18/07), pela 12ª rodada do Brasileirão, no Beira-Rio. Thiago Galhardo marcou o gol da vitória colorada, resultado que leva o time de Diego Aguirre aos 14 pontos na tabela nacional.

+ Confira as entrevistas pós-jogo

+ Assista aos bastidores da partida

Pelo Brasileirão, o Clube do Povo volta a campo no próximo domingo (25/07), às 18h15, quando visita o Athletico-PR pela 13ª rodada. Antes, o Colorado recebe o Olimpia, nesta quinta-feira (22/07), para a disputa do jogo de volta das oitavas de final da Libertadores.


Inter assusta primeiro, Juventude ataca depois

O Colorado controlou as ações nos primeiros 20 minutos de partida. Atuando com todos os nomes de linha no campo ofensivo, o time de Aguirre rodava a bola de um lado a outro e apostava na inteligência de Taison e Edenilson para acionar a profundidade dos velozes Paulo Victor e Caio Vidal, que causavam problemas na defesa alviverde.

O bom momento valeu ao Clube do Povo oportunidades perigosas, que esbarraram em atuação segura de Marcelo Carné. Atingida a segunda dezena de minutos do confronto, contudo, o Juventude cresceu no jogo, acumulou maior posse de bola e passou a assustar em contra-ataques armados, especialmente, por Paulinho.

A melhor chance alviverde até balançou as redes do Inter, mas de maneira irregular, pois Forster usou a mão para completar cobrança fechada de escanteio em direção às redes. Nas cercanias do intervalo, o Colorado armou novas tramas envolventes, igualmente incapazes de alterar o escore, que seguiu zerado até o fim dos acréscimos.


Gol cedo, jogo controlado

O Clube do Povo retornou dos vestiários com novidades. Palacios e Mauricio substituíram Caio e Patrick, renovando o fôlego do Colorado, que assim apertou a equipe visitante no reinício do confronto. O momento de maior volume ofensivo valeu ao Inter lindo gol de Galhardo, que recebeu cruzamento açucarado de Heitor, aos cinco, para abrir o placar.

O Inter seguiu no ataque após o gol de Galhardo, e quase ampliou com Taison, aos 10, servido por Thiagol. Consistente, o Colorado segurou a posse de bola e manteve o Juventude afastado do campo ofensivo. O controle alvirrubro irritou o Papo, que teve Guilherme Castilho expulso, mas não impediu que a vitória de 1 a 0 fosse confirmada. Pela primeira vez neste Brasileirão, o Clube do Povo venceu como mandante!


Primeiro tempo

3min – Vítor Mendes solta o braço em Caio Vidal e recebe o amarelo.

5min – UUUUUUUUUH! Galhardo faz excelente pivô para Taison, que invade a área pela esquerda e finaliza rasteiro. Inter chega com perigo no início de confronto!

10min – UH! Inter recupera a posse no campo de ataque. Ela chega até Edenilson, que chuta forte, da entrada da área, por cima.

11min – Inter segue em cima. À direita da área alviverde, Edenilson levanta na primeira trave. Galhardo consegue o desvio, mas manda ao lado da meta rival.

14min – CARNÉ! Patrick recebe de Caio e percebe Edenilson com espaço para invadir a área rival. Pantera, de três dedos, faz o passe, mas Carné deixa o gol para ficar com ela.

17min – PRA FOOOOOOOOOORA! Paulo Victor escapa pela esquerda, corta Castilho e deixa para Taison. Capitão colorado invade a área e finaliza de direita. Tiro de meta para Carné, que levou um susto.

19min – MILAAAAAAAAAAAAAAAAGRE! Galhardo briga com a zaga no corpo e, de cabeça, serve Taison. Camisa 10 invade a área e, cara a cara com Carné, arrisca de canhota. Goleiro salva o Juventude.

21min – Paulinho invade a área colorada pela esquerda e finaliza de parte externa do pé. Daniel encaixa.

25min – Paulo Victor amarelado. Cometeu falta em Michel.

30min – Arbitragem inventa toque de mão de Edenilson, inexistente. O camisa oito reclama e é advertido com amarelo. Pedro Henrique, pelo mesmo motivo, também recebe o cartão.

34min – Guilhermo Castilho marcaria gol olímpico, mas Rafael Forster, praticamente debaixo das traves, usa a mão para confirmar o endereço da bola. Inicialmente validado, o tento é anulado pelo VAR.

41min – CARNÉ! Pela esquerda da grande área, Edenilson cobra falta fechada. Goleiro alviverde espalma.

42min – Caio recebe o amarelo por falta em Wescley.

45min – Mais cinco. Vamos a 50.

45min – PRA FOOOOOOOOOOORA! Patrick levanta pela esquerda, na medida para Galhardo. Thiago ajeita para Edenilson, que finaliza de primeira. Desviada, ela sai tirando tinta.

49min – Inter roda de um lado para o outro. Cuesta, da intermediária de ataque, cruza aberto. Caio finaliza, mas não pega em cheio. Tiro de meta para o Juventude.

49min – Sorriso entra, Elton sai. Muda o Juventude.

51min – Encerrado o primeiro tempo.


Segundo tempo

0min – Inter retorna com duas mudanças. Mauricio e Palacios entram, Patrick e Caio saem.

5min – GOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOL! É GOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOL! GOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOLAAAAAAÇO! Heitor recebe de Carlos Palacios, vai ao fundo pela direita e cruza na primeira trave. Em meio aos dois zagueiros alviverdes, Galhardo acerta lindo testaço, indefensável para Carné. Inter na frente, e Thiagol é o pai da criança!

O gol do Inter na narração da Rádio Colorada

10min – MILAAAAAAAAAAAAAAGRE! Edenilson arma linda trama, com direto a lençol no marcador, e lança Galhardo. Thiagol, com a canhota, ajeita para Taison, que chega emendando bonito cabeceio. Carné, de mão trocada, salva o Juventude.

13min – Cuesta recebe o amarelo por reclamação.

16min – Novas duas mudanças no Inter. Yuri e Moisés entram, Taison e Paulo Victor saem.

20min – Fernando Pacheco e Jadson são as novidades no Juventude. Matheus Jesus e Paulinho deixam o campo.

23min – QUE JOGADA! Edenilson toca para Mauricio, recebe do camisa 27, aciona Galhardo e, após pivô do centroavante, solta a bomba de perna direita. Carné salva o Juventude mais uma vez.

24min – Sorriso, de canhota, finaliza de fora da área. A bola desvia em Lindoso, resvala na ponta dos dedos de Daniel, e sai em escanteio.

27min – COOOOOOOOORTA A ZAGA! Palacios, pela intermediária direita de ataque, levanta na segunda trave. Lindoso escora para a confusão, ela passa de Carné, mas Forster, em cima da linha, corta.

30min – Johnny por Edenilson. Troca o Inter.

33min – Castilho agride Palacios sem a bola, VAR alerta o árbitro e o atleta é punido com cartão vermelho. Marquinhos Santos e Carné reclamam e recebem o amarelo.

35min – Muda o Juventude: Chico e Capixaba por Wescley e Peixoto.

37min – UUUUUUH! Moisés, de muito longe, cobra falta venenosa. Folha-seca do lateral colorado tira tinta!

45min – Vamos a 52. Mais sete.

47min – Mauricio escapa em altíssima velocidade desde a altura do meio de campo, abre ângulo para a perna canhota e finaliza rasteiro. Carné encaixa.

52min – FIM DE JOGO! VITÓRIA COLORADA!


Ficha técnica:

Internacional (1): Daniel; Heitor, Bruno Méndez, Victor Cuesta e Paulo Victor (Moisés); Rodrigo Lindoso, Edenilson (Johnny) e Taison (Yuri Alberto); Caio Vidal (Carlos Palacios), Thiago Galhardo e Patrick (Mauricio). Técnico: Diego Aguirre.

Juventude (0): Marcelo Carné; Michel Macedo, Vítor Mendes, Rafael Forster e William Matheus; Elton (Sorriso), Matheus Jesus (Jadson), Guilherme Castilho e Wescley (Capixaba); Paulinho (Fernando Pacheco) e Matheus Peixoto (Chico Kim). Técnico: Marquinhos Santos.

Gol: Thiago Galhardo, aos 5’/1ºT (I).

Cartões amarelos: Paulo Victor, Edenilson, Caio Vidal e Pedro Henrique (I). Marcelo Carné, Paulinho, Wescley, Vítor Mendes e Marquinhos Santos (J).

Cartão vermelho: Guilherme Castilho e Marquinhos Santos (J).

Arbitragem: Rodolpho Toski Marques (PR), auxiliado por Ivan Carlos Bohn (PR) e Sidmar dos Santos Meurer (PR). Quarto árbitro: Rafael Rodrigo Klein (RS). Árbitro de Vídeo (VAR): Pablo Ramon Gonçalves Pinheiro (RN). Auxiliar do VAR: Flávio Gomes Barroca (RN).

Estádio: Beira-Rio.

Inter empata sem gols na partida de ida das oitavas da Libertadores

O Clube do Povo visitou o Olimpia-PAR, na noite desta quinta-feira (15/07), para a disputa da partida de ida das oitavas de final da Libertadores da América. O confronto continental, que teve como palco o Estádio Manuel Ferreira, foi encerrado com empate sem gols, resultado que obriga o Inter a vencer a volta para avançar no tempo normal.

Antes de decidir vaga nas quartas de final da América, o Inter volta suas atenções ao Brasileirão. No próximo domingo (18/07), às 20h30, o Clube do Povo recebe o Juventude em partida da 12ª rodada do torneio nacional. O reencontro com o Olimpia-PAR ocorre na próxima quinta (22/07), às 21h30, no Gigante.


Melhor para as defesas – e os goleiros

De início truncado, o confronto custou para presenciar quantidade considerável de espaços nos ataques de Inter ou Olimpia-PAR. De parte dos paraguaios, as primeiras oportunidades surgiram em arremates, sobretudo de Isidro Pitta, desferidos sem grande perigo, enquanto o Inter abriu o jogo explorando a precisão de Edenilson nas bolas paradas.

Primeira equipe a armar verdadeira pressão sobre o adversário, o Inter assustou com seguidos escapes de Caio Vidal na casa dos 30 minutos. Pela direita, em rebote frontal e também após arranque pelo corredor esquerdo, o camisa 47 do Clube do Povo sobrecarregou a defesa paraguaia, que contou com intervenções providenciais de Aguilar para não ser vazada.

Atingida a casa dos 40 minutos, o jogo trocou de lado. Forte pelo corredor esquerdo, ocupado por Derlis González e Iván Torres, o Olimpia armou incursões bastante verticais nos instantes que antecederam a chegada do intervalo. Foi então que Daniel brilhou com milagres que mantiveram o placar zerado até o apito final.


Jogo franco

Se faltaram em dado momento do primeiro tempo, as chances sobraram na etapa final – para os dois lados. Logo aos quatro, Yuri fez grande jogada pela esquerda, mas teve sua assistência cortada por Alcaraz. Pouco depois, Recalde, em cabeceio preciso, exigiu milagre de Daniel. Quem também assustou por cima foi Caio, que quase completou para as redes bom cruzamento de Patrick.

Apesar da quantidade considerável de chances criadas pelos dois lados, ninguém alterou o placar até o encerramento da partida. Confirmado como placar final, o 0 a 0 impede classificação colorada no tempo normal em caso de novo empate no Beira-Rio. Se não contar com gols, o jogo segue até os pênaltis, enquanto igualdade com tentos garante vaga paraguaia, visto que a Libertadores conta com saldo qualificado.


Primeiro tempo

4min – UH! À direita da área adversária, Edenilson cobra falta direto na segunda trave. Moisés sobe bem e manda por cima.

5min – Olimpia responde com Isidro Pitta, que finaliza. Travada, ela sai em escanteio.

8min – De fora da área, Pitta arrisca. Forte e rasteira, a bola sai pela linha de fundo.

21min – Pela intermediária ofensiva, Edenilson cobra falta frontal. Forte, ela sai por cima.

28min – MILAAAAAAAAAAAAAGRE! Boschilia serve Caio, caindo pela ponta-esquerda de ataque. O camisa 47 domina, corta para a perna direita e finaliza forte. Aguilar voa para defender.

29min – UUUUUH! Edenilson cobra escanteio da direita com a parte externa do pé e quase encobre Aguilar, que consegue o tapa. Cuesta fica com a sobra e cruza da esquerda, a zaga até afasta parcialmente, mas Caio, da entrada da área, emenda de primeira. Goleiro voa a espalma em escanteio.

32min – PASSOU POR TODO MUNDO! Caio é lançado por Edenilson nas costas de Iván Tores, invade a área e cruza rasteiro. Yuri se atira de carrinho, mas não consegue completar para as redes.

40min – Iván Torres recebe de Derlis e cruza. Na primeira trave, Pitta cabeceia. Por cima, forte demais.

44min – DA-NI-EEEEEEEEEL! Iván Torres pega a sobra de corte parcial da zaga colorada e finaliza de direita. Bola tinha endereço do cantinho, mas goleiro do Inter, providencial, espalma.

45min – Mais um. Vamos a 46.

46min – SAAAAAAAAAAAAAAAAALVA, DANIEL! Agora, quem pega o rebote da zaga colorada é Pitta, que solta um petardo. Goleiro voa para espalmar. Milagre!

46min – Intervalo no Beira-Rio.


Segundo tempo

0min – Inter retorna com Johnny na vaga de Boschilia.

2min – SAAAAAALVA, ALCARAZ! Yuri dispara desde a intermediária, invade o retângulo paraguaio e, cara a cara com o goleiro, rola na direção da marca do pênalti. Zagueiro paraguaio afasta o perigo.

3min – Orzusa amarelado. Impediu contra-ataque de Caio Vidal.

4min – Ojeda finaliza da entrada da área colorada. Ela sai ao lado do poste esquerdo de Daniel.

8min – DANIEL! Recalde consegue o cabeceio na área colorada. Goleiro do Inter espalma, e Yuri, na segunda trave, afasta em definitivo.

11min – UUUUUUUUUH! Patrick levanta linda bola na direção de Caio. Livre na segunda trave paraguaia, o camisa 47 desvia de cabeça, mas sem direção.

15min – TIIIIIIRA A ZAGA! Patrick invade a área paraguaia a dribles, mas é travado no último instante.

18min – MILAAAAAAAAAAGRE! Recalde recebe linda assistência de Silva, corta a zaga colorada e, de frente para o gol, chuta rasteiro. Daniel salva o Inter!

19min – Caio sai, Palacios vem. Muda Aguirre.

20min – QUAAAAAAAAAAAAAAAAASE! Patrick recebe ótimo cruzamento de Heitor e ajeita para Yuri. O camisa 11 ajeita, e Edenilson, de canhota, finaliza rasteiro. Tirou tinta!

21min – Muda o Olimpia. Entram Roque Santa Cruz e Sosa, saem Recalde e Silva.

24min – ANOTOU A PLACA? Palacios faz grande jogada pelo corredor direito, deixa três marcadores para trás e cruza rasteiro. Zaga corta no último instante.

26min – Derlis González sai cara a cara com Daniel e serve Salazar. Com o gol aberto, lateral paraguaio desperdiça.

29min – Heitor recebe o amarelo por falta na meia-lua da grande área colorada.

35min – Alcaraz e Edenilson amarelados após desentendimento.

36min – UUUUUUUUUUUUUH! Edenilson cobra falta fechada da alura da quina esquerda da área paraguaia. Aguilar espalma.

37min – Três trocas no time da casa. Jordan Santacruz, Néstor Camacho e Cáceres entram. Ojeda, Pitta e Salazar saem.

39min – QUE PECADO! Patrick deixa dois para trás na ponta-esquerda e cruza rasteiro. Dentro da área, Yuri finaliza, mas sem direção.

45min – Mais quatro. Vamos a 49.

47min – Vinicius Mello vem, Edenilson vai. Muda o Inter.

49min – Jogo encerrado.


Ficha técnica:

Olimpia (0): Alfredo Aguilar; Victor Salazar (Luis Cáceres), Saúl Salcedo, Antolín Alcaraz e Iván Torres; Braian Ojeda (Jordan Santacruz), Edgardo Orzusa, Alejandro Silva (Ramón Sosa) e Derlis González; Isidro Pitta (Néstor Camacho) e Jorge Recalde (Roque Santa Cruz). Técnico: Sergio Orteman.

Internacional (0): Daniel; Heitor, Bruno Méndez, Victor Cuesta e Moisés; Rodrigo Dourado, Edenilson (Vinicius Mello) e Gabriel Boschilia (Johnny); Caio Vidal (Carlos Palacios), Yuri Alberto e Patrick. Técnico: Diego Aguirre.

Cartões amarelos: Edgardo Orzusa e Antolín Alcaraz (O). Edenilson e Heitor (I).

Arbitragem: Patricio Loustau (ARG), auxiliado por Cristian Navarro (ARG) e Martín Soppi (URU). Quarto árbitro: Diego Riveiro (URU). Árbitro de Vídeo (VAR): Esteban Ostojich (URU). Auxiliar do VAR: Pablo Llarena (URU).

Estádio: Manuel Ferreira, Asunción (PAR).