“Meu sonho é fazer um gol para a galera!”, projeta Yuri sobre o primeiro encontro com a torcida colorada

O retorno do público ao Beira-Rio terá um significado ainda mais especial para parcela considerável do elenco do Colorado, formada por atletas que jamais atuaram diante do povo vermelho. Um exemplo desses é Yuri Alberto, atacante contratado em agosto de 2020, e que terá seu primeiro contato com a Maior e Melhor Torcida do Rio Grande na manhã deste domingo (10/10), diante da Chapecoense. Entrevistado pelo Canal do Inter, o camisa 11 compartilhou sua expectativa por esse momento.

“Estou muito ansioso com esse jogo. Não peguei nenhum com a torcida aqui ainda, mas tenho certeza que vamos motivados, e que a torcida vai nos apoiar bastante. É uma motivação a mais que a gente vai ter dentro de campo. Aquele empurrãozinho da torcida é sempre muito gratificante. Como eu sempre falei, meu sonho é fazer um gol e ir para a galera.”

Yuri Alberto

Se a próxima rodada, de número 25 do Brasileirão, promete grandes emoções para Yuri, também a partida mais recente disputada pelo Inter – empate em 0 a 0 com o Ceará na quarta-feira passada (06/10) – reservou uma novidade especial para o atacante colorado. No castelão, o camisa 11 empunho, pela primeira vez, a braçadeira de capitão do Clube do Povo, gesto que, embora surpreendente, carrega significado conhecido pelo artilheiro.

“Eu fui pego de surpresa. Estava me arrumando para o aquecimento, e o Adriano (Loss, supervisor) veio com o papel. Falei que ele estava ‘zoando’, mas ele disse que era sério, que o homem tinha pedido. Então tá bom, né? Fui, assinei, e o pessoal ficou brincando, Mauricio e os moleques. Vários ídolos que passaram aqui usaram essa braçadeira, e eu, com 20 anos, poder estar usando, fico muito contente com isso. E que possa usar mais vezes.”

Yuri Alberto
Yuri empunhou a braçadeira diante do Ceará/Foto: Ricardo Duarte

Artilheiro colorado na temporada, Yuri é um dos pilares do time titular de Aguirre. No comando do ataque, o camisa 11 ocupou papel de protagonista na sequência de oito jogos de invencibilidade recentemente construída pelo Inter. Agora, após duas partidas sem vitórias, o avante acredita que os embates consecutivos no Beira-Rio, contra Chapecoense e América-MG, podem reconduzir o Clube do Povo à boa fase.

“A Chapecoense vem de um empate também. Vai ser um jogo muito importante, em casa, com torcida. Motivação está muito grande para nós, e espero que possamos sair com os três pontos. A gente pegou uma sequência boa de invencibilidade e vitórias, e acho que os dois jogos em casa vão ser muito importantes para retomar isso e poder alcançar um G4.

Yuri Alberto

Inter e Chapecoense se enfrentam, no Beira-Rio, a partir das 11h deste domingo. Partida de reencontro entre Colorado e torcida, o confronto conta com Check-In liberado para todas as modalidades de sócio do Clube do Povo. A reserva de ingressos, vale lembrar, ocorre até as 18h de sábado (09/10). Clique aqui e faça a sua!

Goleada das Gurias consagra reencontro dos sonhos entre Inter e torcida

Torcida matou as saudades de apoiar o Inter/Foto: João Callegari

Melhor? Impossível! Passados mais de 18 meses de distância e isolamento, o Internacional reencontrou sua gente na tarde deste domingo (03/10) – e o fez em grande estilo. As centenas de colorados e coloradas que se dirigiram até o Sesc para apoiar as Gurias na segunda rodada do Gauchão Feminino foram recompensadas com uma inesquecível goleada de 10 a 0 do Clube do Povo sobre o Elite. Empolgante dentro das quatro linhas, a vitória teve como principal destaque, é claro, o apoio da Maior e Melhor Torcida do Rio Grande.

União entre time e torcida fez a diferença/Foto: João Callegari

Nem mesmo a chuva, é importante que se diga, arrefeceu o ânimo do povo colorado. Habituada a encarar as águas para fazer história, a torcida vermelha, que demonstrara desde a última quinta-feira (30/09), data da abertura do processo de reserva das 400 entradas disponíveis, enorme mobilização para apoiar as Gurias, transformou o Sesc em um verdadeiro caldeirão para as rivais desta segunda rodada estadual.

Colorados e coloradas fizeram valer o fator local/Foto: João Callegari

Decorado com faixas que coloriram a lateral do campo oposta às arquibancadas, o Estádio localizado na Zona Leste de Porto Alegre vibrou intensamente com cada um dos gols marcados pelas Gurias. Ainda antes deles, a entrada do time em campo foi saudada pelos tradicionais gritos de ‘Vamo, Vamo Inter!”, acompanhados de efusivos aplausos de uma torcida que não era local desde o dia 8 de março de 2020.

Ao longo do jogo, cada uma das seis atletas coloradas que entrou em campo oriunda do banco de reservas teve seu nome saudado pela torcida, que também deu exemplo de respeito às orientações de distanciamento social e uso de máscara nas cadeiras. Após o apito final, o maiúsculo placar foi celebrado com o igualmente marcante, e, por que não, profético, canto de ‘Seremos campeões’.

Desta forma, as Gurias Coloradas, vencedoras dos últimos dois Gauchões e donas de oito taças na história, puderam atestar, neste primeiro domingo de outubro, que o mais importante dos reforços está pronto para fazer a diferença na luta pelo título do Rio Grande. Juntos, nossas guerreiras e seu povo buscarão o Tri. Pra cima delas!

Vamos, Gurias!/Foto: João Callegari