Inter perde em Santiago-CHI, mas avança às oitavas da América

O Clube do Povo visitou, nesta quinta-feira (22/10), a Universidad Católica-CHI, em partida da sexta rodada da fase de grupos da Libertadores. Iniciado às 21h30, o confronto, sediado no Estádio San Carlos de Apoquindo, teve o 2 a 1 para os mandantes como placar final, gols de Zampedri, duas vezes, para os chilenos, e D’Alessandro do lado colorado. Com o resultado, o Inter avança para as oitavas da América na segunda colocação da chave E.

O adversário do Clube do Povo nas oitavas de final será revelado no final da manhã desta sexta-feira (23/10), após sorteio na sede da CONMEBOL. Antes disto, o Inter volta a campo, no próximo domingo (25/10), diante do Flamengo, no Beira-Rio. O duelo integra a 18ª rodada do Brasileirão.


Etapa inicial aberta

O jogo transcorreu de maneira extremamente franca em seus 45 minutos iniciais. A cada ataque de um lado, o outro respondia com perigosa oportunidade. Postado, sem a bola, com duas linhas de quatro, o Clube do Povo contava com interessante movimentação de D’Alessandro e Pottker para abrir espaços na linha de defesa rival: o camisa 7 partia da ponta direita para formar a dupla de ataque com Yuri, enquanto D’Ale, que formava a linha de frente na pressão à saída de jogo adversária, descia para o meio de campo, bagunçando a zaga chilena.

Exatamente a partir destas movimentações o Inter chegou ao primeiro gol da partida. Pottker escapou pela direita, progrediu até a área rival e, dentro do grande retângulo, cruzou rasteiro. A zaga afastou em escanteio, cobrado por D’Ale na primeira trave. O alvo era Musto, derrubado por Pinares. Pênalti, convertido pelo camisa 10 e ídolo colorado. No minuto seguinte, porém, os locais igualaram o resultado através de Pinares. O tento suscitou o melhor momento da Católica no jogo, o qual durou uma dezena de minutos e foi sucedido por encerramento de etapa bastante parelho e faltoso.


Segundo tempo truncado

O ritmo visto na etapa inicial foi completamente alterado no segundo tempo, que correu truncado em seus movimentos de abertura. Superada a casa de 20 minutos de partida, Yuri Alberto criou duas ótimas oportunidades, salvas não por Dituro, e sim pela zaga rival, uma em cima da linha. O passar do tempo tornou o Inter uma equipe cada vez mais ofensiva, mas que, ao mesmo tempo em que pressionava, cedia espaços na defesa. Uma lacuna foi aproveitada por Puch, que cruzou para Zampedri marcar, na segunda tentativa, o último gol da noite, anotado de bicicleta.


Melhores momentos – primeiro tempo

3min – Inter pressiona! Peglow cruza da esquerda, aberta, na medida para Pottker, que tenta de voleio. O camisa 7 não acerta em cheio, mas fica com a sobra de corte parcial da zaga, corta para o centro e arrisca. Bloqueada, a bola fica, em definitivo, com os locais.

4min – Parot recebe na intermediária ofensiva colorada e finaliza cruzado. Puch antecipa a marcação e, de carrinho, desvia. Sem direção, a bola sai em tiro de meta para o Inter.

12min – Inter roda a bola por mais de dois minutos no campo de ataque. De frente para a área, Musto percebe infiltração de Yuri e serve em profundidade. Camisa 40 domina e, rente à linha de fundo, cruza rasteiro, para trás. Nenhum colorado consegue completar, e a sobra é da zaga chilena, que afasta de qualquer maneira.

13min – Parot cruza da esquerda. Na segunda trave, Lezcano arremata, mas não pega em cheio. Pela linha de fundo? É tiro de meta!

17min – MILAAAAAGRE DE DITURO! Nonato pressiona a saída de bola adversária e intercepta lançamento. A sobra, pela esquerda da grande área chilena, fica com Yuri, que serve D’Alessandro. Em velocidade, o camisa 10 finaliza de primeira, de canhota, e exige grande defesa do goleiro rival.

19min – Pinares recebe pela direita, corta para o centro e chuta buscando o ângulo cruzado. A bola explode no travessão e, após corte da defesa colorada, o autor do arremate acerta carrinho violento em Peglow e recebe amarelo.

21min – Pottker escapa do campo de defesa, deixa a marcação de Parot para trás, invade a grande área e cruza rasteiro. Zaga corta em escanteio.

22min – PÊNALTI PARA O INTER! D’Alessandro cobra o escanteio da direita na primeira trave. Musto é empurrado por Pinares, que ainda bloqueia o cabeceio do camisa 5 colorado com a mão. Árbitro aponta, mas faltou o amarelo, que seria segundo para o atleta chileno.

24min – GOOOOOOOOOL DO INTERNACIONAL! GOOOOOOOOL DO CLUBE DO POVO! É DE D’ALESSANDRO, É DE D10S, É DO ARGENTINO COM MAIS PARTIDAS EM LIBERTADORES NA HISTÓRIA! Camisa 10 colorado cobra no centro do gol, seguro. Dituro cai no canto e sequer chega próximo à bola. Inter na frente!

25min – Zampedri toma a posse de bola, avança pelo centro do campo e arremata. Ela desvia em Cuesta, encobre Lomba e morre nas redes gaúchas.

26min – Cuesta recebe o amarelo por falta em Zampedri.

29min – Recebe o amarelo D’Alessandro.

31min – Puch emenda de bicicleta na área colorada. A bola buscava o ângulo direito de Lomba, que, seguro, manda por escanteio.

36min – UH! Inter tem falta frontal, que D’Alessandro cobra direto, tentando surpreender Dituro. A bola sai tirando tinta da trave direita de Dituro.

38min – Jogada ensaiada! Peglow cobra falta pela direita da intermediária. A bola ia na segunda trave, na direção de Pottker, mas Huerta consegue desviar pela linha de fundo. Corner.

43min – Amarelo para Peglow. Juiz adota critério bastante caseiro neste primeiro tempo.

45min – Mais dois. Vamos a 47!


Segundo tempo

7min – Rebolledo recebe na entrada da área e tenta o arremate. Cruzada, rasteira, bola sai pela linha de fundo.

10min – Muda o Inter: entram Edenilson e Marcos Guilherme, saem Pottker e Peglow.

13min – SAAAAALVA, DITURO! Marcos Guilherme recebe na entrada da grande área e espicha com Rodinei, que invade o retângulo e manda chute forte. Dituro espalma e encaixa no rebote. Boa chegada!

14min – Finalmente… Huerta caça D’Alessandro e, enfim, é punido com amarelo.

18min – Sem a bola, Zampedri acerta Moledo. Amarelado.

26min – Duas substituições no Inter: Bruno Praxedes e Galhardo entram, Nonato e D’Alessandro saem.

27min – EM CIMA DA LINHA! Yuri Alberto intercepta recuo da zaga para o goleiro Dituro, dribla o arqueiro e, mesmo sem ângulo, finaliza de canhota. Ela tinha o caminho do gol mas, literalmente sobre a linha fatal, Huerta dá um carrinho e tira a bola do destino artilheiro.

28min – LOMBA! Cruzamento da direita, de Rebolledo, chega em Pinares, que desvia para a pequena área. Por ali, Zampedri acerta de canela. Goleiro colorado salva.

31min – SAAAAAALVA A ZAGA! Edenilson puxa contra-ataque maravilhoso e, em frente à área rival, serve Yuri Alberto, que invade o retângulo e, no momento de completar para as redes, é travado por carrinho salvador de Puch. Canto bola!

33min – Coudet faz a quinta e última alteração. Vem Jussa, sai Uendel.

34min – Rodinei recebe o amarelo por falta em Puch.

41min – Amarelo para Parot.

43min – Puch desarma Cuesta, invade a área pela direita e cruza. Moledo, salvador, corta, mas o rebote é de Zampedri, que emenda, de bicicleta, para as redes.

44min – Jussa recebe o amarelo.

45min – Mais cinco. Vamos a 50.

47min – Fuenzalida acerta Musto e recebe o amarelo.

50min – Encerrada a partida.


Ficha técnica:

Universidad Católica (2): Matías Dituro; Raimundo Rebolledo, Germán Lanaro, Valber Huerta e Alfonso Parot; Ignácio Saavedra, José Pedro Fuenzalida e César Pinares; Germán Lezcano, Fernando Zampedri e Edson Puch. Técnico: Ariel Holan.

Internacional (1): Marcelo Lomba; Rodinei, Rodrigo Moledo, Victor Cuesta e Uendel (Matheus Jussa); Damián Musto; Nonato (Bruno Praxedes), Andrés D’Alessandro (Thiago Galhardo) e João Peglow (Marcos Guilherme); William Pottker (Edenilson) e Yuri Alberto. Técnico: Eduardo Coudet.

Gols: Andrés D’Alessandro, aos 24 minutos do primeiro tempo (I). Fernando Zampedri, aos 25 minutos do primeiro tempo, e aos 43 minutos do segundo tempo (U).

Cartões amarelos: César Pinares, Fernando Zampedri, Alfonso Parot, José Pedro Fuenzalida e Valber Huerta (U). Andrés D’Alessandro, João Peglow, Rodinei e Victor Cuesta (I).

Arbitragem: Mauro Vigliano (ARG), auxiliado por Cristian Navarro (ARG) e Julio Fernández (ARG); quarto árbitro: Darío Herrera (ARG).

Estádio: San Carlos de Apoquindo, Santiago (CHI).

Fotos: Universidad x Inter

Colorado decide, no Chile, classificação às oitavas da Libertadores

Quinta-feira decisiva na Libertadores!

Thiago Galhardo, Zé Gabriel e Marcelo Lomba falam sobre e expectativa pelo duelo decisivo com a Universidad Católica!

⚠️Atenção: jogo desta quinta-feira será transmitido com exclusividade aqui no Facebook! ⚠️

Arrasador, Inter domina o jogo e supera Universidad Católica por 3 a 0 no Beira-Rio

Que estreia! O Clube do Povo abriu a fase de grupos da Libertadores na noite desta terça-feira (03/03) em confronto diante da Universidad Católica, no Beira-Rio. Iniciada às 19h15, a partida esteve marcada por atuação exuberante do Internacional, dono das ações do jogo desde o primeiro apito e, até por isso, inquestionável vencedor. No escore, 3 a 0, gols de Guerrero, duas vezes, e Marcos Guilherme. Nas arquibancadas, festa das mais de 35 mil pessoas que lotaram o Gigante e, juntos, conquistaram importante triunfo que alça o Alvirrubro à liderança do Grupo E.

Apoiado por sua torcida e embalado pelos quatro duelos já disputados nesta edição da Libertadores, o Inter não hesitou em iniciar a partida encurralando os visitantes. Contando com grande velocidade na linha de frente, característica acentuada pelas entradas de Thiago Galhardo e Marcos Guilherme, o Clube do Povo encontrou no contra-ataque arma das mais perigosas para pressionar a Católica. Da mesma forma, a pressão na saída de bola ofereceu grandes oportunidades para o Colorado, assim como as já famosas triangulações pelas laterais do campo. À altura da variedade de recursos ofensivos estiveram as oportunidades criadas pelo Alvirrubro, que empilhou chances travadas pelos mais variados motivos, incluindo aqui pé salvador sobre a linha da meta andina. Desta forma, apesar do volume ofensivo vermelho, capaz de superar a excessiva cera adversária – alimentada por aparente complacência da arbitragem -, o primeiro tempo foi encerrado com o marcador em branco.

A ausência de gols na etapa inicial não abalou o time alvirrubro. De grande atuação, o Colorado manteve o mesmo ritmo para o segundo tempo e, desta vez, não houve defesa salvadora capaz de segurar o Clube do Povo, como de costume apoiado por sua torcida que lotou o Gigante e contando com mais uma noite inspirada de Paolo Guerrero. Aos 16, o peruano abriu o placar em cobrança de falta mortal. Cinco minutos depois, de novo ele, recebendo assistência de Galhardo, ampliou. Já quando transcorridos 25 minutos, encerrando o escore, o camisa 9 decidiu servir. Assim, após receber grande passe de Edenilson igualou a dose deixando Marcos Guilherme de frente para o gol aberto. O camisa 23, imparável, não titubeou em, com muita qualidade, empurrar para as redes e partir para o abraço. Inter, de atuação gigante, 3 a 0!

Na próxima rodada o Clube do Povo visita o Grêmio, na Arena, em partida marcada para a quinta-feira da semana que vem (12/03). O confronto, segundo da fase de grupos da Libertadores, será o primeiro válido pelo maior torneio de clubes da América entre o Inter e seu maior rival. Antes deste, contudo, o Colorado volta a campo neste domingo (08/03) para encarar, no Beira-Rio, o Brasil de Pelotas. Duelo de número dois do returno do Gauchão, já conta com serviço de jogo aberto e Check-In liberado – com direito à promoção especial para as mulheres.

Confira os melhores momentos do confronto:

Primeiro tempo:

1min – POR DETALHE! Inter dispara em contra-ataque de muita velocidade. Guerrero lança para Marcos Guilherme, que carrega em direção ao lado direito do ataque e deixa com Edenilson. O camisa 8 devolve lançando dentro da área mas, forte demais, ela não chega na medida para o 23, que consegue cavar bom escanteio.

2min – Cartão amarelo para Victor Cuesta por falta na entrada da área. A cobrança explode na barreira.

3min – COMO NÃO ENTROOOOU? QUE VELOCIDADE! Em muita velocidade o Clube do Povo dispara pela direita com Thiago Galhardo, lançado por Guerrero. O camisa 17 avança cortando para dentro e, ao pisar na intermediária, deixa para Marcos Guilherme, em profundidade nas costas da marcação. O camisa 23 chega de frente para o goleiro e chuta colocado, buscando o canto esquerdo. A bola tira tinta da trave! Por detalhe!

6min – OPA! Falta em Guerrero nas cercanias da área. Leva perigo.

7min – UH! A redonda desvia na barreira e vai pela linha de fundo.

8min – SERIA UMA PINTUURA! Rodinei avança com perigo pela direita e cruza rasteiro. Thiago Galhardo desvia de letra, consciente. A bola cruza a frente da meta chilena e não entra por teimosia.

9min – PRESSÃO COLORADA! Guerrero, perfeito na parede, deixa, de primeira, para Uendel invadir a área. O lateral chega em velocidade, toma a frente do marcador e parte para cima do goleiro. Sem ângulo, chuta com a parte interna, mas o arqueiro defende com o peito. A sobra é de confusão na grande área, com Boschilia tentando cabeceio que a defesa corta. Novo rebote, este de Thiago Galhardo, que exibe muita tranquilidade para finalizar colocada, tirando do goleiro. SOBRE A LINHA, a zaga evita o tento alvirrubro.

11min – QUAAAASE! Marcos Guilherme cruza da direita grande bola, buscando Guerrero. Forte, a redonda trisca na cabeça de Paolo, mas segue em direção à lateral.

13min – SE ELA NÃO QUICASSE… Uendel lança da esquerda buscando Marcos Guilherme nas costas da marcação. O camisa 23 parte em velocidade, chega a centímetros da bola, mas o pique no chão faz ela correr, ficando nas mãos do goleiro.

20min – Cartão amarelo para Thiago Galhardo.

21min – Time chileno vai fazendo muita cera para tentar arrefecer o ritmo colorado.

22min – Uh! Cuesta avança pela esquerda e, próximo a área, arrisca o chute. Ela sai por cima.

24min – PRA FOOOOOOOOORA! Fuenzalida sai jogando errado e deixa bola na medida para Guerrero, que intercepta na entrada da área, parte em velocidade e solta um petardo. Muito, muito perto do gol de Dituro.

25min – Cuesta é derrubado em violento carrinho. Falta que, curiosamente, o árbitro não pune com cartão.

28min – Cartão amarelo para Aued. Finalmente saiu!

31min – Guerrero recebe cobrança de lateral nas costas da marcação. O peruano dispara, segura a marcação, invade a área e cruza rasteiro. Travada pela zaga, a bola sai em escanteio.

32min – À direita! Guerrero pega a sobra de corte parcial da defesa chilena, domina no peito e emenda arremate.

33min – UHHHH! Inter segue pressionando a saída de bola chilena. Agora, quem intercepta passe enforcado é Musto, que deixa para Galhardo. O camisa 17 domina, ajeita para o pé direito e solta a bomba, abafada pela defesa.

35min – SAAAAAAAAALVA! Boschilia supera dois marcadores e deixa na direita com Marcos Guilherme. O camisa 23 vai ao fundo e cruza com perfeição bola precisa, que Guerrero desvia. Dituro deixa o gol e fica com ela.

36min – UUHHHHHHHHH! Thiago Galhardo é lançado por Marcos Guilherme nas costas da defesa, dentro da área. O camisa 17 engatilha a direita e solta a bomba, rasteira. Ao lado da trave direita!

38min – Munder dispara em velocidade para a Católica, puxa da direita para dentro e finaliza com a canhota. Pra fora e por cima!

39min – UHHH! Marcos Guilherme pega a sobra de nova saída equivocada da equipe chilena. Em cima do escanteio, o camisa 23 parte para dentro e cruza rasteiro. Musto não chega, mas atrapalha a visão de Dituro, que solta para dentro da área mas consegue recuperar.

45min – Vamos a 47.

47min – Encerrada a primeira etapa.

Segundo tempo:

2min – Dituro tenta reposição rápida com a mão e deixa no pé de Edenilson. O camisa 8 domina, puxa para a esquerda a tenta de cobertura. A bola sai forte demais, por cima do gol.

4min – OPA! Galhardo é lançado na direita, corta a zaga de marcação e, no momento de invadir a área, toma o puxão. Falta, sem cartão.

5min – UH! Boschilia cobra fechado, na direção do gol. Dituro espalma para fora da área.

6min – UHHHHH! Boschilia bate nova falta, agora da intermediária. Ela chega na medida para Guerrero, que tenta dominar, mas a bola toca na sola e, viva, acaba morrendo nas mãos do goleiro.

7min – ELA NÃO QUER ENTRAR! Marcos Guilherme estica grande bola para Uendel, que vai ao fundo pela esquerda da grande área e cruza rasteiro. Ela passa de Dituro mas, antes de Galhardo, a zaga corta. A sobra é de Edenilson, que finaliza de esquerda chute espirrado pela defesa. Dituro emenda de soco, mas ela segue viva na pequena área, de onde Galhardo emenda grande voleio. Por muito pouco o gol não sai!

10min – Galhardo inverte o jogo magistralmente para Rodinei, que domina pela direita e deixa com Boschilia, dentro da área. O camisa 21 tenta o cruzamento, mas a zaga corta em escanteio.

10min – SALVA DITURO! Boschilia tenta olímpico, mas goleiro exibe grande reflexo para encaixar ela, quase em cima da linha.

13min – UUUUUUUUUHHH! Uendel cruza bola aberta pela esquerda que encontra Rodinei, invadindo a área pelo outro lado. O lateral corta para a canhota e finaliza bem, buscando o ângulo. Por cima do gol, muito perto!

16min – GOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOL DO INTERNACIONAL! DO CLUBE DO POVO, DA ACADEMIA DO POVO, DO COLORADO ALEGRIA DO NOSSO CORAÇÃO! QUEM? ELE, O HOMEM, O BRABO, O PISTOLEIRO PAOLO GUERRERO! Ele sofre, ele bate! Falta na entrada da área, um pouco à direita da meia-lua. Guerrero parte para a cobrança direto, com muita força. A bola, que já tinha o caminho do gol, desvia no homem do comando da barreira e mata completamente Dituro. Intre na frente, a justiça chega ao marcador!

21min – GOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOL DO INTERNACIONAAAAAAAL! DO CLUBE DO POVO DO RIO GRANDE DO SUL, DO BICAMPEÃO COLORADO, ALEGRIA DO NOSSO CORAÇÃO! MARCAÇÃO PRESSÃO QUE DÁ EM RESULTADO! Dituro sai jogando mal e a bola fica na feição para Galhardo, que domina e passa em profundidade para Guerrero. O peruano domina já em cima da marca do pênalti e, caindo, finaliza colocado, no cantinho. É O SEGUNDO DO HOMEM, DO BRABO. VAMO, INTER!

25min – GOOOLAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAÇO! PINTURA, OBRA DE ARTE, LEGITIMAMENTE COLORADA, ASSINADA PELA ACADEMIA DO POVO! Edenilson domina na direita, dentro da área, e chama a marcação para dançar. Entortada, a defesa vê Super Ed servir, de canhota, Guerrero, que da quina da pequena área oferece assistência milimétrica para Marcos Guilherme apenas completar para as redes abertas. SEGUUUUURA O RELÂMPAGO MARQUINHOS QUE EU QUERO VER!

27min – Duas trocas na Católica. Marcelino Núñez e Pinares entram nos respectivos lugares de Asta-Buruaga e Aued.

30min – Boschilia leva o amarelo por sair de campo no momento em que a placa subiu – também não entendemos daqui.

30min – No Inter, a primeira alteração. Entra Lindoso, sai Boschilia.

31min – NA RUA! Galhardo é lançado em profundidade, deixa a zaga para trás, parte em velocidade para ficar de frente ao goleiro mas, próximo à área, é derrubado. Falta que evita chance clara de gol? É vermelho! Huerta expulso.

33min – UH! Cuesta cobra forte e a bola supera, além da barreira, também a meta.

33min – Segunda substituição no Clube do Povo. Cuesta deixa o campo para a entrada de Praxedes.

36min – Coudet faz sua terceira e última alteração: Gustavo no lugar de Galhardo.

40min – UHHHH! Praxedes enfia rasteiro para Gustavo, dentro da área. O atacante tenta o corte, mas é travado. Escanteio!

42min – SAAAAAAAAALVA DITURO! Praxedes apronta mais uma, deixa a marcação no chão e, preciso, lança Gustavo, que dispara entre os zagueiros com liberdade, invade a área cara a cara com o goleiro e finaliza. Arqueiro defende com as pernas.

45min – Mais cinco. Vamos a 50.

48min – NADA? Edenilson é lançado por Rodinei, invade a área, aplica uma meia-lua desconcertante em Kuscevic e, no momento de arrematar, sofre carrinho criminoso. Árbitro não apitou.

50min – ENCERRADA A PARTIDA! VITÓRIA MAIÚSCULA DO CLUBE DO POVO!

Ficha técnica:

Internacional (3): Marcelo Lomba; Rodinei, Bruno Fuchs, Victor Cuesta (Praxedes) e Uendel; Musto; Marcos Guilherme, Edenilson e Boschilia (Rodrigo Lindoso); Thiago Galhardo (Gustavo) e Guerrero. Técnico: Eduardo Coudet.

Universidad Católica (0): Dituro; Asta-Buruaga (Marceino Núñez), Kuscevic e Huerta; Fuenzalida, Saavedra, Aued (Pinares), Parot e Munder; Puch e Zampedri. Técnico: Ariel Holan.

Gols: Paolo Guerrero, aos 16 e 21 minutos do segundo tempo, e Marcos Guilherme, aos 25 minutos do segundo tempo (I).

Cartões amarelos: Victor Cuesta, Boschilia e Thiago Galhardo (I). Aued (U).

Cartões vermelhos: Huerta (U).

Arbitragem: Angel Arteaga, auxiliado por Luis Murillo e Carlos Lopez.

Local: Beira-Rio.

Público: 35.863. Pagantes: 32.845. Menores: 1.269. Não pagantes: 1.749.

Renda: R$ 1.416.600,00

Inter abre a fase de grupos da Libertadores contra a Universidad Católica

Começa nesta terça-feira (03/03) uma nova Libertadores da América para o Inter. Depois de eliminar dois adversários nas fases preliminares, o Colorado começa a disputa da fase de grupos da maior competição do continente. O primeiro rival será a Universidad Católica-CHI, no estádio Beira-Rio, às 19h15. A força do Gigante, assim como aconteceu na temporada passada, será mais uma vez fundamental para a conquista dos resultados positivos. A Rádio Colorada e as redes sociais do Clube acompanham todos os detalhes da partida em tempo real. 

Os treinamentos da equipe visando ao duelo desta terça-feira foram com portões fechados para a imprensa. O último aconteceu na tarde desta segunda-feira (02/03), no CT Parque Gigante. Com privacidade, o técnico Eduardo Coudet ajustou detalhes e definiu o time que iniciará a partida contra os chilenos. Um desfalque é certo: o meio-campista D’Alessandro cumprirá suspensão e fica de fora. O lateral-direito Saravia realizou o seu primeiro treino com o grupo, mas por questões burocráticas ainda não está à disposição da comissão técnica. 

Antes do trabalho, o zagueiro Victor Cuesta concedeu entrevista coletiva na sala de imprensa do CT Parque Gigante. O argentino exaltou a defesa que não sofreu gols na competição sul-americana e projetou um desafio duro contra o clube do Chile. “Conseguimos o primeiro objetivo que era chegar na fase de grupos. Vamos fazer o nosso melhor em campo, é uma equipe que jogo muita bem, intensa. Temos que ter cuidado porque será um jogo difícil”, ressaltou.  Além da Católica, o grupo E da Libertadores da América também conta com o América de Cali-COL e o Grêmio, que duelam na Colômbia na primeira rodada.